Publicidade

Posts com a Tag Valbuena

domingo, 20 de setembro de 2015 Francês da 1ª divisão | 22:13

Clássico quente não ajuda nem Marseille nem Lyon

Compartilhe: Twitter

burn valb

O Choc des Olympiques de agora pouco teve como foco Mathieu Valbuena. O meia fez sucesso pelo Marselha e teve sua camisa 28 aposentada ano passado, como homenagem do clube de maior torcida do país.

Porém, depois de passar pelo futebol russo, voltou para a França vestindo as cores do Lyon, um dos maiores rivais do OM. Presença constante na seleção francesa dos últimos anos, Petit Valb foi recebido hoje com várias hostilidades, antes mesmo da bola rolar no Velodrome, como mostra a foto acima, de fanáticos pelo Marseille queimando justamente a camisa que foi reverenciada não faz muito tempo…

O clássico teve gols, expulsão, vandalismo, interrupção e um empate que não agradou plenamente ninguém (saiba mais sobre a partida nesta matéria, com vídeo, do site da ESPN). O OM está apenas em 12° na classificação e o OL em sétimo, a dois pontos do grupo dos seis primeiros, separados por somente três pontos, com o PSG na ponta. A sétima rodada já acontece nestas terça e quarta-feira.

Publico e compartilho notícias do futebol francês com mais frequência no meu Twitter do que aqui. Se interessar, siga @obrunopessa 😉

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 4 de setembro de 2015 Seleção francesa | 19:08

Valbuena marca na vitória francesa em Portugal

Compartilhe: Twitter
A festa francesa após o gol do camisa 8

A festa francesa após o gol do camisa 8 (Foto: lequipe.fr)

Um gol de cobrança de falta, batida muito bem por Mathieu Valbuena, decretou o placar do amistoso de hoje entre França e Portugal (com Cristiano Ronaldo e demais titulares em campo), em Lisboa.

O próximo compromisso francês é já nesta segunda-feira, dia 7. Novamente um amistoso, agora contra a Sérvia, em Bordeaux, na preparação para a Eurocopa do ano que vem.

Autor: Tags: , ,

segunda-feira, 31 de agosto de 2015 Francês da 1ª divisão | 13:49

Lionês assume artilharia do Francês

Compartilhe: Twitter
Mathieu Valbuena, grande reforço do Lyon para essa temporada, com Fekir

Mathieu Valbuena, grande reforço do Lyon para essa temporada, com Fekir (lfp.fr)

Nabil Fekir, em alta desde a temporada passada, marcou três vezes na goleada do Lyon sobre o Caen (0-4) e, com esse triplé, soma 4 gols após 4 rodadas da Ligue 1 atual.

O OL está em quinto na classificação geral, cinco pontos atrás do Paris Saint-Germain, que ainda não perdeu pontos neste Campeonato Francês.

Autor: Tags: , , , ,

sábado, 28 de março de 2015 Brasileiros contra a França, Seleção francesa | 00:14

No palco de 98, Brasil quebra série invicta francesa

Compartilhe: Twitter
Decepção. é claro, dando o tom da saída de campo em Saint-Denis (menos para Galvão Bueno e cia. pacheca...)

Decepção. é claro, dando o tom da saída de campo em Saint-Denis (menos para Galvão Bueno e cia. pacheca…)

Ontem (publiquei ainda na sexta, mas o fuso horário do blog é 1h na frente…rs), Dunga e Deschamps voltaram a se enfrentar no Stade de France, mas agora como treinadores das seleções que lideraram dentro de campo em 1998.

E diferentemente do que vimos na primeira Copa vencida pela França, desta vez o Brasil prevaleceu, quase repetindo o placar do Mundial. Saiu perdendo (o zagueiro Varane abriu o placar, de cabeça), reagiu, virou e consolidou seu sétimo triunfo nos sete jogos da “nova” era Dunga com o placar de 3 a 1.

Como grafou o jornal L’Equipe em sua manchete da edição de hoje, foi um cartão amarelo para o time de Deschamps, que depois da Copa no Brasil vinha invicto. Começou bem no primeiro tempo, porém não conseguia atacar com a bola rolando, graças à marcação brasileira. E no segundo tempo a superioridade visitante foi marcante, diante da apatia bleu, em que pese estar desfalcado de nomes importantes, como Pogba e Cabaye.

Ok, foi só um amistoso, não há preocupação grande com resultados na preparação para a Euro 2016, para a qual a França, por ser a anfitriã, já está garantida. Domingo já tem novo compromisso, dessa vez contra a Dinamarca, vamos ver se a equipe supera a timidez. E não dá pra dizer que o Brasil deu troco por 1998 e/ou 2006 (como não tinha dado quando voltou a bater os algozes, em 2013, naquele amistoso em Porto Alegre). Copa é outra história e outro peso!

PS: A quem tb não conseguiu ver a partida ao vivo (eu tava voltando de viagem…) e gostaria de revê-la, NESTE LINK é possível baixá-la!

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 17 de setembro de 2014 Franceses no mundo | 16:15

Assista: Franceses em outras ligas fizeram golaços

Compartilhe: Twitter

Final de semana que passou foi pródigo em belos gols franceses pelos campeonatos nacionais na Europa.

Tanto que três deles foram selecionados entre os seis mais belos do futebol internacional, segundo o programa televisivo Linha de Passe, que a ESPN Brasil exibe semanalmente.

Foram eles Morgan Schneiderlin (meia do Southampton, da Inglaterra), Mathieu Valbuena (meia do Dínamo de Moscou, da Rússia), ambos parte da seleção francesa na última Copa do Mundo, e Jérémy Ménez (atacante do Milan, da Itália). Assista diretamente do site da ESPN clicando aqui.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 4 de setembro de 2014 Seleção francesa | 19:07

França encerra jejum contra Espanha com belo gol

Compartilhe: Twitter

*LEMBRANDO AOS ACOMPANHANTES DO CAMPEONATO FRANCÊS QUE NESTE FINAL DE SEMANA DE 5 A 7 DE SETEMBRO NÃO HÁ RODADA

Ilustrado em 05/09

Autor do gol decisivo, Loic Remy recebe cumprimento de Moussa Sisoko

Autor do gol decisivo, Loic Remy recebe cumprimento de Moussa Sisoko

Para o amistoso no Stade de France, Deschamps alinhou Lloris; Debuchy, Varane, Sakho e Evra; Pogba, Matuidi, Sissoko e Valbuena; Griezmann e Benzema.

O primeiro tempo foi decepcionante, sob um ritmo muito lento, com as duas equipes se neutralizando e os goleiros sendo bem pouco exigidos. O segundo melhorou, sobretudo para os donos da casa.

-> Confira os melhores lances da partida em Saint-Denis

Benzema teve um gol mal anulado aos 4 minutos da etapa complementar, por impedimento. Mas aos 28, o centroavante do Real Madrid participaria da linda jogada do gol de Loic Rémy, vindo do banco de reservas.

Benzema, Valbuena e Sissoko arquitetaram pelo lado esquerdo do ataque, o segundo assistiu Rémy e a finalização do atacante recém-contratado pelo Chelsea foi precisa, indefensável para o goleiro De Gea (assista pelo Vine aqui).

Bom reinício da caminhada gaulesa após a Copa 2014, acabando com a sequência negativa diante da Fúria, que segue mal desde o Mundial brasileiro. O grupo segue reunido porque já neste domingo, dia 7, faz mais um amistoso, agora contra a Sérvia, aproveitando o período de datas Fifa.

Sub 21 também ganhou

O lateral Kurzawa, do Monaco, e o atacante Sanogo, do Arsenal, comandaram a goleada da seleção de Espoirs franceses sobre o Cazaquistão por 5 a 1 hoje também, em Astana, resultado que conduz os jovens de Pierre Mankowski para a próxima etapa das Eliminatórias para a Eurocopa 2015 da categoria.

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 18 de agosto de 2014 Brasileiros na França, Ex-jogadores, Extracampo, Franceses no mundo | 14:50

Quem trocou de camisa antes da temporada começar

Compartilhe: Twitter

tsilva-dluiz

Muita movimentação de jogadores nessa janela de transferências, afinal foi a transição de temporadas na Europa, e tivemos a Copa do Mundo que valorizou seus destaques.

Uma vez adversários quando Paris Saint-Germain e Chelsea se enfrentaram na Liga dos Campeões 2013/2014, como revela a foto acima, Thiago Silva e David Luiz agora repetem, no PSG, a companhia de zaga que já trazem da seleção brasileira. Titulares na Copa do Mundo, devem repetir o feito no clube francês, já que Thiago é o capitão e David chega como zagueiro mais caro da história do futebol francês (50 milhões de euros. É o 3º jogador mais caro, atrás de Edinson Cavani e Radamel Falcao – 66 e 64 milhões!)

Beque brasileiro que entra, beque brasileiro sai: Alex foi pro Milan, assim como o atacante francês Menez, também sem espaço no time estrelado de Laurent Blanc. O brasileiro Marquinhos sim, continua sendo zagueiro reserva no clube.

Se o atual bicampeão da Ligue 1 ganhou um grande reforço, seu maior rival no último campeonato perdeu seu jogador que mais se destacou na Copa brasileira. O Monaco não conseguiu segurar o meia colombiano James Rodríguez, artilheiro do Mundial e atraído pelo estrelado Real Madrid, que parece que tentou levar o também colombiano e monegasco Radamel Falcao Garcia, mas pela graça do bon Dieu (ainda) não conseguiu!

Teve mudança também no banco de reservas do bicolor do Principado: saiu o experiente italiano Cláudio Ranieri, chegou o jovem português Leonardo Jardim. Outros novos técnicos no foot são o veterano argentino Marcelo “El Loco” Bielsa, no Olympique de Marselha, e dois debutantes que quando jogadores atuaram pela seleção francesa: Claude Makelele, no Bastia, e Willy Sagnol, no Bordeaux.

Bielsa terá um bom reforço no ataque, Romain Alessandrini, que foi muito bem pelo Rennes recentemente. Quem saiu do OM foi o também ofensivo Jordan Ayew, agora no Lorient, e o lateral/zagueiro brasileiro Lucas Mendes, que foi para o Catar (El-Jaish). Porém, o maior destaque do time nos últimos anos se foi: o pequenino meia Mathieu Valbuena, que esteve nas Copas de 2010 e 2014, acertou com o Dynamo Moscou, da Rússia.

Já Makelele recebe o experiente centroavante brasileiro Brandão, que deixou o Saint-Etienne. O Rennes ganhou um reforço belga, o meia Christian Bruls, que estava emprestado pelo Nice ao La Gantoise, da própria Bélgica.

Franceses fora da França
Na Inglaterra, o Manchester City pegou dois defensores da seleção que disputou a Copa: o lateral-direito Bacary Sagna, ex-Arsenal, e o jovem zagueiro Eliaquim Mangala, ex-Porto e nada barato, viu? O Arsenal não saiu no prejuízo, pois a saída do lateral reserva dos Bleus foi compensada pela vinda do titular, Mathieu Debuchy, ex-Newcastle.

Outro a disputar a Premier League é o atacante Bafetimbi Gomis, que deixa o Lyon e parte para o Swansea. A Ligue 1 perdeu seu maior artilheiro em atividade nela e uma de suas maiores figuras também!

Mais notícias do mercado bola encontramos no espanhol Futbol desde Francia e no francês L’Equipe.

Quem souber de algum nome importante que eu não tenha colocado aqui, favor me avisar! :)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 4 de julho de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 21:06

Alemanha erra menos e elimina França da Copa 2014

Compartilhe: Twitter

fra-ale-fff

Fim da aventura francesa no Brasil, nas quartas de finais. Hummels ganhou de Varane numa bola alta, venceu Lloris no início do primeiro tempo e, como Benzema e seus colegas não conseguiram superar o seguro Neuer, é a Alemanha quem avança pra semifinal.

Assim podemos resumir o que vimos no Maracanã hoje no início da tarde, não? Claro que o sol e o calor são os mesmos para os dois lados, mas provavelmente se a partida fosse às 17h, e não às 13h, veríamos os franceses correndo mais. Não acho que fizeram corpo mole, entendo que ficaram um pouco nervosos a maior parte do tempo, já atrás no placar e precisando de um gol a qualquer custo para tentar evitar a eliminação. Aí erraram muitos passes, desperdiçando demais a bola.

Deschamps até que tentou mudar o time no segundo tempo, e não poupou em termos de opções ofensivas: os Bleus terminaram o jogo com seus quatro atacantes disponíveis. Entretanto, as oportunidades de gols permitidas pelos alemães eram escassas, e nas que os franceses conseguiram criar, a defesa adversária foi melhor. Faltou inspiração, aquele quê a mais que faz a diferença, inclusive para Benzema, principal finalizador dos azuis.

No geral, foi uma boa campanha, com a equipe chegando entre os 8 melhores e se despedindo de forma digna. Nada para chorar. Muitos jogadores terão idade para a Copa de 2018, então que amadureçam bem não somente no desempenho técnico, mas também na experiência emocional para lidar bem com pressões e situações adversas. Valeu!

-> Leia as últimas notícias francesas na Copa na página do iG Esporte

Ficha técnica – FRANÇA 0 x 1 ALEMANHA

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro

Árbitro: Nestor Pitana (Argentina)

Gol: Hummels aos 12 minutos do 1o tempo.

FRA – Lloris (c); Debuchy, Varane, Sakho (Koscielny) e Evra; Cabaye (Rémy), Matuidi, Pogba e Valbuena (Giroud); Benzema e Griezmann. Técnico: Didier Deschamps.

ALE – Neuer; Boateng, Howedes, Hummels e Lahm (c); Khedira, Kroos ( Kramer), Schweinsteiger e Ozil (Gotze); Muller e Klose (Schurrle). Técnico: Joachim Low.

No twitter @obrunopessa, com a hashtag #leblogdufoot, tem mais informações e comentários meus sobre a França e a Copa ;)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 30 de junho de 2014 Copa do Mundo | 16:35

França despacha Nigéria no segundo tempo e vai às quartas!

Compartilhe: Twitter

Quinta classificada para as quartas de finais da Copa 2014, a seleção francesa bateu a nigeriana por 2 a 0 hoje  em Brasília, gols de Pogba e Yobo contra. Encara agora a Alemanha, que suou mais pra bater a Argélia. Não foi brilhante, mas obviamente está valendo pelo resultado!

Uma das saídas do goleiro francês no primeiro tempo, preferindo encaixar a bola do que socar (Reuters)

Uma das saídas do goleiro francês no primeiro tempo, preferindo encaixar a bola do que socar (Reuters)

O segundo jogo na história entre as duas seleções (o primeiro foi um amistoso em 2009, em Saint-Etienne, vencido pelos nigerianos por 1 a 0) começou com 27 graus e 33 por cento de umidade relativa do ar em Brasília, tempo seco e quente, um fator prejudicial ao desempenho dos jogadores, no primeiro compromisso francês nesta Copa iniciando no exigente horário das 13h.

-> Gosta de música? Veja esse post com playlists francesas de sucesso

A partida começou movimentada, lá e cá, mas com predomínio da Nigéria, que parecia mais leve, já que a responsabilidade maior estava do outro lado. Aos 18 minutos, os africanos até foram às redes com Emenike, porém o bandeira assinalou corretamente o (ufa!) impedimento.

A resposta francesa veio rapidamente, aos 21, com Pogba puxando contra-ataque, acionando Valbuena e recebendo dentro da área. A conclusão de primeira requereu grande defesa de Enyeama, nosso conhecido grande goleiro do Lille.

-> Instagram, Facebook e Twitter: siga os Bleus nas principais redes sociais!

O equilíbrio persistia, com os verdes criando perigo nas bolas paradas e aéreas (inclusive Evra abusou da sorte, segurando o adversário acintosamente numa cobrança), dando trabalho a Lloris, e os brancos explorando bem a chegada perto da área com passes rápidos. Aos 39, Debuchy se apresentou para chutar dentro da área, mas o arremate saiu à direita do gol de um vencido Enyeama.

Nada de modificações no intervalo, apesar de Giroud ter merecido sair para a entrada de Griezmann. Tanto que Deschamps ouviu nosso clamor e fez essa substituição aos 16 minutos da etapa complementar. Com 24, a grande chance bleu: Benzema tabelou com seu novo colega de ataque, passou pelo arqueiro mas o chute saiu fraco e Moses salvou em cima da linha!

-> Curioso pra saber como é um treino francês nesta Copa? Veja este relato e muitas fotos do treino da última sexta!

Aos 31, novo grito de quaaase: após cobrança de escanteio, Benzema chutou cruzado, bateu Enyeama só que Ambrose afastou. Na sobra, Cabaye carimbou a trave! (é a segunda vez que fez isso, depois daquele rebote de pênalti contra a Suíça…). O terceiro “uuuh” veio com 33 minutos, em defesaça do goleiro do Lille na cabeçada de Benzema, só que um minuto depois tivemos a redenção!

Valbuena cobrou escanteio, Enyeama (finalmente) saiu mal e direcionou a bola na cabeça de Pogba, que não falhou e balançou a rede!! Recompensa para quem criou mais oportunidades de gol, e seguiu criando mesmo depois de abrir o placar. Tanto que, aos 46, Valbuena cruzou rasteira para Griezmann, Yobo tentou atrapalhar a conclusão e acabou desviando contra o patrimônio, fim de papo e vamos para as quartas nessa próxima sexta-feira, dia 4, às 13h, no Rio de Janeiro!

Vem, Brazuca, vem que eu te espero no primeiro gol francês no Mané Garrincha! (Reuters)

Vem, Brazuca, vem que eu te espero no primeiro gol francês no Mané Garrincha! (Reuters)

Ficha técnica francesa: Lloris (capitão); Debuchy, Varane, Koscielny e Evra; Cabaye, Matuidi, Pogba e Valbuena (Sissoko); Giroud (Griezmann) e Benzema. Técnico: Didier Deschamps

No twitter @obrunopessa , com a hashtag #leblogdufoot, tem mais informações e comentários meus sobre a França e a Copa ;)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 25 de junho de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 20:02

França e Equador ficam no zero: classificação em primeiro!

Compartilhe: Twitter
Terceira combinação de uniforme diferente da França: hoje toda de branco, contra Suíça de branco-azul-branco, e contra Honduras de azul-azul e vermelho, de cima para baixo (Le Monde)

Terceira combinação de uniforme diferente da França: hoje toda de branco, contra Suíça de branco-azul-branco, e contra Honduras de azul-azul-vermelho, de cima para baixo (Le Monde)

Não deu para repetir a façanha da Copa de 1998, com 100% de aproveitamento na fase de grupos, mas a invencibilidade foi mantida hoje no Rio de Janeiro e, o que é mais importante, o posto de líder do Grupo E para o próximo desafio nesta Copa 2014. Pelas oitavas de finais, o adversário a ser batido é a Nigéria, segunda colocada do Grupo F, na segunda-feira, dia 30, às 13h, em Brasília. À Suíça, que se classificou atrás dos Bleus, cabe a tarefa inglória de encarar a Argentina, na terça-feira, 13h, em São Paulo.

-> Principal jogador francês na Copa, Karim Benzema não canta o hino nacional em protesto contra a xenofobia

Benzema, que havia marcado 9 vezes nas últimas 8 partidas pela França, passou em branco pela primeira vez no torneio, mantendo-se com 24 gols com a camisa francesa – é o 9º maior artilheiro bleu, dois gols atrás de Wiltord, que atuou de 1999 a 2006 e foi vice-campeão mundial na última Copa disputada na Alemanha. O duelo do 10 gaulês contra Enner Valencia, goleador equatoriano, prometia ser bom, porém não estavam calibrados nesta quarta-feira – tanto que o melhor em campo, segundo o Man of The Match, foi o arqueiro Domínguez…

O jogo
Com Cabaye suspenso e a classificação 99% assegurada antes do apito inicial, Deschamps optou por poupar alguns titulares, como Debuchy, Varane, Evra e Valbuena. O primeiro tempo foi mais pegado do que bem jogado, com poucas chances claras de gols, algumas trombadas e até uma cotovelada de Sakho, que ainda bem que o árbitro não viu…

Os jogadores deixaram o gramado para o intervalo sob vaias dos brasileiros no Maracanã, que teve mais de 73 mil pessoas de público! Os franceses estavam tranquilos, e os equatorianos apreensivos, pois com o empate e a vitória da Suíça por 2 a 0 sobre Honduras, era preciso vencer para seguir no Mundial.

-> Em família: belas esposas e namoradas dos atletas franceses posam para foto no Maraca

O segundo tempo começou muito bom para os Bleus. Logo no primeiro minuto, Sagna apareceu bem, perto da linha de fundo, cruzou rasteira e Griezmann desviou rumo ao gol. Domínguez defendeu no reflexo e a bola tocou a trave! Dois minutos depois, Digne tentou desarmar Antonio Valencia no carrinho, e o meia-atacante sul-americano deixou as travas da chuteira na perna do lateral do PSG: vermelho pra ele!

A partida ganhava em emoção, pois o Equador não esmorecia, mesmo com um a menos, pela necessidade premente do gol, consequentemente dando mais espaço para a França contra-atacar com perigo. Com 15 minutos, Deschamps colocou Varane, para poupar Sakho, com dor na coxa esquerda, e dar ritmo de jogo ao zagueiro do Real Madrid.

-> A ESPN do Brasil deslocou o competente comentarista Leonardo Bertozzi para acompanhar a França na Copa. Para acompanhá-lo, seu Twitter é @lbertozzi

Outro que teve mais uma chance foi Giroud, aos 21, substituindo o motor do time, Matuidi – fez muito bem Didier em dar uma descansada nele! O Equador foi cansando, se arriscando e dando mais posse de bola aos franceses, enquanto a Suíça ampliava pra 3 a 0 sua vitória… Aos 28, Sissoko levantou na medida para Pogba, mas o cabeceio do volante da Juventus saiu torto, que chance desperdiçada!

Cinco minutos depois, a última troca de DD, permitindo a Rémy estrear na Copa com a saída de Griezmann. Valente, o adversário não desistia de atacar e preocupar, ao passo que Les Bleus também não abdicavam do jogo, apesar de errar e se lamentar muito na frente – Pogba era um dos que mereciam o gol. E assim foi até o final, na segunda vez em que as seleções se enfrentaram – na primeira, houve vitória francesa por 2 a 0 em amistoso disputado em 2008.

Que venham os nigerianos! Lembrando que, todas as vezes em que foi além da primeira fase, nossa seleção chegou pelo menos às semifinais (58, 82, 86, 98 e 06)!!

Ficha técnica francesa: Lloris; Sagna, Koscielny, Sakho (Varane), Digne; Pogba, Matuidi (Giroud), Sissoko e Schneiderlin; Griezmann (Rémy) e Benzema. Técnico: Deschamps

No twitter @obrunopessa, com a hashtag #leblogdufoot, tem mais informações e comentários meus sobre a França e a Copa ;)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. Última