Publicidade

Posts com a Tag Sochaux

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão, Torneios europeus | 17:13

Lille acerta o pé e fecha rodada na frente

Compartilhe: Twitter
sow_lille_lorient_afp

Vários defensores do Lorient não bastaram para conter o artilheiro do LOSC, Moussa Sow (AFP)

Agradeço aos que me desejaram boas férias e vou procurar não deixar a turminha aqui na mão, seguindo a postar as informações de praxe, mesmo que demorem um pouco mais do que o costume, d’accord? Antes de entrar na rodada propriamente dita, vale registrar o empenho dos franceses neste final de semana na final da Copa Davis de tênis. Apesar da Sérvia ter vencido o confronto por 3 a 2, a França levou muitos torcedores para a quadra em Belgrado e dificultou bastante a conquista de Novak Djokovic e companhia, sobretudo na partida de duplas, no sábado. Congratulations! 

O mais novo líder isolado do Campeonato Francês demonstrou autoridade na arte de fazer gols: foram 6 do Lille pra cima do Lorient, que ainda fez 3. O triplé levou Moussa Sow a abrir vantagem no topo da artilharia da Ligue 1, chegando a 13 gols em 16 jogos, ótima média de 0,8 gol por partida. Atrás dele estão El-Arabi (Caen), com 10, o brasileiro Nenê (PSG), com 9, Gameiro (Lorient) e Payet (Saint-Etienne), com 8 gols. Pelo que me lembro, uma quantidade tamanha de gols marcados como esses nove no domingo (o jogo seria no sábado, mas o clima, como eu previa, não permitiu que assim fosse…) não acontecia na competição desde o épico Lyon 5 x 5 Olympique de Marselha, no dia 9 de novembro de 2009 (dá pra rever os gols deste clássico “sobrenatural” neste link).

O LOSC, time de melhor ataque do torneio, foi o maior beneficiado pela derrota do então líder Olympique de Marselha para o Nice, sacramentada aos 47 do 2º tempo na casa da tia Nice! Ineficaz na hora de concluir as chances de gols que cria, o OM paga o preço e deixa o campo novamente com um resultado amargo, depois do 0 a 0 contra o Rennes, na quarta. Segundo a France Football, “um curso de Bundesliga faria bem aos atacantes marselheses”, se referindo ao Campeonato Alemão, que goza de excelentes médias de gols rodada após rodada.

Paris Saint-Germain e Rennes venceram e também ultrapassaram o Olympique na Marselha. O primeiro superou o rival direto, Brest, por 3 a 1 – mais um gol para a conta de Nenê, em estupenda fase (que nenhum grande das potências europeias queira tirá-lo do PSG na janela de inverno europeu, heim…). O Stade Rennais foi bem mais modesto pra cima do Monaco (1 a 0), mas não pode ser descartado só porque é mais humilde, pois o time tem competência.

Ao lado do Marselha em pontos está agora o Lyon, que arrancou ótima vitória contra o Montpellier, fora de casa, com seus dois gols vindos de Lisandro López, que tomara que retorne aos bons tempos de vacas gordas. Logo atrás estão Bordeaux e Sochaux, este último surpreendendo não só por ter o segundo melhor ataque do Francês, mas pelo primeiro gol do volante/lateral-esquerdo Carlão, ex-Corinthians, na Ligue 1, nos 2 a 1 sobre o Valenciennes, certamente um feito histórico! No empate contra o Saint-Etienne, por 2 a 2, Fernando Menegazzo marcou para os Girondinos.

carlao_sochaux_valenciennes_afp

Carlão regozija-se com os companheiros de Sochaux no Auguste Bonal, em Montbeliard


*Liga dos Campeões*
A semana para os franceses reserva a última rodada da fase de grupos da Uefa Champions League. Já se sabe que o Olympique de Marselha está classificado para as oitavas em segundo lugar no grupo F, que o Lyon garantiu sua presença entre os melhores do B e que o Auxerre no máximo pode tentar um lugar na sequência da Liga Europa pela chave G.

Os jogos deles, pelo horário de Brasília, estão relacionados abaixo (nenhum deles deve passar nos canais ESPN, pelo que acabei de ver):

Terça, 7 de dezembro
17h45 – Lyon x Hapoel Tel Aviv – Com um ponto a menos que o líder Schalke 04, o OL pode acabar em primeiro se vencer em casa, o que não é difícil pela (falta de) qualidade do seu rival, e o time alemão empatar ou perder para o Benfica, em Portugal.

Quarta, 8 de dezembro
17h45 – Real Madrid x Auxerre – Vencer o líder assegurado do grupo na Espanha parece quase impossível, mas com os madridistas bem pouco interessados no jogo, o AJA deve tentar os três pontos, pois, nesse caso, se o Ajax (um ponto à frente dos franceses) não bater o também garantido Milan na Itália, o Auxerre acaba no terceiro posto da fase e atinge a Europa League. Se houver empate no Santiago Bernabéu e vitória rossonera no San Siro, a equipe francesa também pula para a terceira colocação nos critérios de desempate (terá saldo de gols melhor que a holandesa).

17h45 – Olympique de Marselha x Chelsea – Na mesma situação em que o Real, o time inglês pode vir ao Vélodrome com vários reservas, sem dar trela para o resultado. Chance, portanto, para o OM tentar recuperar a autoestima diante de um adversário da elite mundial e treinar o ataque, que precisa melhorar a pontaria, para a sequência da Ligue 1 e as oitavas da Champions, no ano que vem. Se Didier Drogba entrar em campo contra a equipe que o revelou, a partida ganha um atrativo maior. No outro jogo do grupo, Zilina e Spartak Moscou (este já garantido em terceiro) cumprem tabela na Eslováquia.

A Liga Europa viverá sua derradeira rodada da fase de grupos na semana que vem, nos dias 15 e 16 de dezembro.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 29 de novembro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão, Torneios europeus | 17:33

Marselha goleia e divide ponta com Lille

Compartilhe: Twitter

Que empolgação e que semana a do Olympique. Primeiro se garantiu nas oitavas de finais da Liga dos Campeões da Europa com um sonoro 3 a 0 sobre o Spartak Moscou, rival direto no grupo, lá na Rússia. Quatro dias depois, enfiou 4 a 0 no Montpellier, diante de sua maciça torcida, e alcançou a liderança do Campeonato Francês no encerrar da 15ª rodada, ao lado do Lille.

om_lucho_afp

O OM de Lucho não vê mais ninguém à frente na classificação da Ligue 1 (AFP)

Provando a força do seu conjunto, o Marselha vem mostrando principalmente eficiência ofensiva: tem um dos três melhores ataques da Ligue 1, com 25 gols marcados, ao lado de Lille e Sochaux (considerando que fez um jogo a menos que esses dois times, sua média de gols é superior), e figura entre os principais ataques da Champions League.

Destaque para o argentino Lucho González, não só pela criação de jogadas e assistências, mas também por balançar as redes: lidera, ao lado de Loic Rémy, a lista de goleadores marselheses no Francês, com 5 gols. Contra o MHSC, foi eleito o melhor em campo pela France Football. A nota triste para o técnico Didier Deschamps foi a séria contusão do lateral-direito espanhol Cesar Azpilicueta, que teve ruptura dos ligamentos cruzados anteriores do joelho esquerdo e não deve ser mais aproveitado nessa temporada. Como o reserva Charles Kaboré não é original da posição, o clube estuda contratar alguém para a posição e já se fala no selecionável Rod Fanni, do Rennes, que esteve na pré-convocação para a Copa 2010 e já foi chamado uma vez por Blanc.

Dos 10 jogos previstos para o fim de semana, um não pôde acontecer: Brest x Lens, devido ao mau tempo (todo mês tem essa palhaçada na França, brincadeira!). Sendo assim, teremos jogo amanhã, terça, marcado para às 17h de Brasília, se São Pedro deixar…

Aliás, haverá duas partidas na quarta-feira, também, para “pagar” os atrasos de jogos adiados em rodadas passadas: Olympique de Marselha x Rennes (anunciado ao vivo na SporTV2) e Valenciennes x Saint-Etienne, ambos às 16h daqui. Portanto, todos os 20 times devem ficar novamente igualados em número de jogos (15) ainda nessa semana.

Assim como seu parceiro de liderança, o Lille também não terá muito tempo de descanso: depois do ótimo 1 a 1 com o Bordeaux, fora de casa, também retorna aos gramados na quarta-feira, mas agora pela Liga Europa: encara o Sporting Lisboa em Portugal (18h05), parada duríssima porque o rival lidera o grupo C, quatro pontos à frente.

No empate no Chaban-Delmas, o zagueiro Adil Rami foi personagem em ambos os gols: primeiro com assistência de calcanhar para a conclusão de Moussa Sow (artilheiro da Ligue 1 ao lado de El-Arabi, com 10 gols), mais esperto que Alou Diarra no lance, e depois com gol contra de cabeça, em disputa com Ciani na jogada mais forte girondina, a bola alçada na área em cobrança de falta. O LOSC que se prepare, pois parece que Zinedine Zidane, em nome do Real Madrid, está de olho grande para cima da revelação belga Eden Hazard para a janela de transferências da virada do ano.

lyon_psg_nene_hoarau_afp

Nenê festeja Hoarau: dupla de ataque quase saiu com vitória no Gerland (AFP)

Falando em Europa League, na quinta-feira, dia 2, o Paris Saint-Germain encara o Sevilla (a ESPN Brasil anuncia transmissão ao vivo, às 16h, e a ESPN deve passar o VT, às 21h), que lidera a chave J um ponto à sua frente. O PSG vem de empate no clássico contra o Lyon, e como foi fora de casa e evitou que o rival o ultrapassasse na classificação, foi uma conquista. Nenê guardou o seu de novo (de cabeça, após cruzamento de Hoarau), indo a 8 gols na competição, mesmo escore de Payet, do Saint-Etienne, os primeiros abaixo da dupla Sow-El Arabi.

O brasileiro ainda sofreu pênalti (de Cissokho, expulso por isso, autor do primeiro gol lionês), meio que retribuindo o presente para Hoarau, que o converteu. Mas para a sorte do OL, o goleiro Edel errou uma reposição de bola no finalzinho, entregando no pé de Gomis, que avançou e fuzilou para as redes, decretando o 2 a 2 para o alívio do questionado técnico Claude Puel.

Destaque ainda para os 3 a 0 do Sochaux sobre o Caen fora de casa. Além de comprovar a boa mira no campeonato, o Sochaux conseguiu sua primeira vitória longe de seus domínios no torneio, enfin!

>> Classificação: Marselha e Lille lideram com 25 pontos, seguidos por PSG e Montpellier, com 24. Confira tabela completa

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 22 de setembro de 2010 Copas francesas | 18:45

Toulouse e Rennes eliminados

Compartilhe: Twitter

Sete partidas pela Copa da Liga Francesa hoje. Poucas zebras, mas elas apareceram sim na definição dos classificados para as oitavas de finais:

A alegria do Boulougne-sur-Mer contra o Toulouse (AFP)

A alegria do Boulougne-sur-Mer contra o Toulouse (AFP)

Saint-Etienne 2 x 0 Nice
Landrin e Bergessio asseguraram a classificação ainda no primeiro tempo. O ASSE, líder do Campeonato Francês, segue embalado.

Nancy 1 x 2 Bordeaux 
Bellion abriu o placar para o time visitante, mas Diakite chegou a empatar no início do segundo tempo. Logo na sequência, porém, o Nancy perdeu um jogador expulso e Modeste acabou marcando o gol da vitória, ainda aos 25 da etapa complementar.

Monaco 1 x 0 Lens
Parada só resolvida aos 38 minutos do segundo tempo, quando o romeno Niculae converteu pênalti para alívio do Principado

Boulogne (2ª) 2 x 1 Toulouse
Decisão somente na prorrogação, após empate em 1 a 1 (Lorca e Sissoko). No tempo extra, o TFC perdeu Tabanou, expulso, e a pressão dos donos da casa funcionou: dois pênaltis a favor do time, um deles convertido (Atik) e zebrinha passeando… 

Guingamp (3ª) 3 x 1 Rennes 
O Stade Rennais até saiu na frente, com Kembo-Ekoko balançando as redes logo aos 4 minutos de jogo. Mas o time da terceira divisão virou com sobra: Knockaert, Soly e Diallo marcaram. Vale lembrar que o Guingamp não é de todo desconhecido, pois faturou a Copa da França 2008/2009 quando estava na Ligue 2.

Arles-Avignon 0 x 1 Caen
Gol do atacante marfinense Kandia Traoré, aos 31 minutos do segundo tempo. O Arles não foi capaz de ganhar nada nessa temporada até agora… 

Sochaux 0 x 2 Bastia (3ª)
Suarez e Sens trouxeram a zebrinha de volta aos holofotes.

 
 

O Guingamp já sabe o que é aprontar para cima dos grandes numa copa francesa (AFP)

O Guingamp já sabe o que é aprontar para cima dos grandes numa copa francesa (AFP)


As equipes classificadas para as competições europeias no final da temporada passada (Olympique de Marselha, Lyon, Auxerre, Paris Saint Germain, Lille e Montpellier) entram no torneio agora nas oitavas de finais.


De vilão a herói

O atacante francês David N’Gog viveu uma situação inusitada pela Copa da Liga Inglesa. Primeiro ajudou muito seu Liverpool na prorrogação do jogo contra o Northampton, marcando o gol que evitou a eliminação, empatou a partida e a encaminhou para a decisão por pênaltis. Entretanto, nas penalidades ele acabou errando sua cobrança, ao lado do companheiro Eccleston, e o Northampton se classificou…

Em outra jornada infeliz de um atacante da França no futebol inglês, Nicolas Anelka marcou dois dos três gols do Chelsea sobre o Newcastle. Mas a defesa não funcionou, levou quatro e o time azul deu bye bye em casa!

Em tempo: Franck Ribéry, lesionado ontem, foi visto andando de muletas hoje. Deve levar quatro semanas para voltar à ativa.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 20 de setembro de 2010 Copas francesas, Francês da 1ª divisão | 17:22

Refazendo a história?

Compartilhe: Twitter

O Saint-Etienne, atual líder do Campeonato Francês, é um velho conhecido das premiações de fim de temporada para os campeões, porque esteve lá muitas vezes e porque não aparece há um bom tempo também. É o maior campeão nacional da história, com 10 títulos, mas o último foi lááá em 1980/1981.

A ascensão ao topo da tabela veio com a boa vitória por 3 a 0 sobre o Montpellier, no sábado, com o selecionador da França Laurent Blanc nas tribunas e dois gols de Dimitri Payet, artilheiro-geral do torneio com ótima média de um gol por jogo. O ASSE não comandava uma Ligue 1 desde 1982, quando foi vice-campeão, atrás do Monaco. Será que é um presságio de que a história está sendo refeita? 

No clássico da rodada, envolvendo recentes campeões nacionais, o Bordeaux se deu melhor que o Lyon em casa: 2 a 0. O primeiro gol veio num lance explorado pelos Girondinos desde os tempos de Blanc, antecessor de Jean Tigana: falta levantada na área. Plasil mandou na direção do gol, Alou Diarra e Lovren subiram praticamente juntos, a bola foi desviada e fugiu do alcance de Lloris, aos 15 minutos do segundo tempo. E o derradeiro tento saiu em contra-ataque já nos acréscimos, na jogada protagonizada por Jussiê no post abaixo e que merece ser revista. Sim, Gourcuff reencontrou o Stade Chaban-Delmas, sua antiga casa, atuando por toda a partida.

O Auxerre, que tem tudo para ter vida curta na Liga dos Campeões da Europa, também vai mal das pernas em circunscrição nacional: a defesa deu mole em um lance contra o Lille e a derrota pelo placar magro veio. E assim o AJA ficou na penúltima colocação na classificação, menos pior somente do que o Arles-Avignon, que perdeu a sexta em seis rodadas para o Olympique de Marselha (3 a 0) e, até aqui, nada de pontos!

>> Classificação da Ligue 1: Saint-Etienne e Toulouse lideram, com 13 pontos, seguidos pelo Rennes, que tem 12. Confira tabela completa


*Amanhã e depois tem futebol!*

10 partidas pela fase 1/16-de-final da Copa da Liga Francesa. São elas:

Terça, 21/09
15h – Nîmes (2ª) x Valenciennes  
            Ajaccio x Le Havre (2ª)  
15h45 – Lorient x Brest  

Quarta, 22/09
13h – Monaco x Lens  
15h45 – Nancy x Bordeaux  
                 Arles-Avignon x Caen   
                 Saint-Etienne x Nice   
                 Boulogne (2ª) x Toulouse  
                 Guingamp (3ª) x Rennes   
                 Sochaux x Bastia (3ª)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 17 de setembro de 2010 Francês da 1ª divisão | 22:54

Ligue 1, 6ª rodada: jogos e escalações

Compartilhe: Twitter

Sempre que possível, listarei, além das partidas previstas na rodada, os times prováveis que irão a campo, com o auxílio da France Football, d’accord? Abaixo, as equipes para os jogos do sábado. Mas o destaque da journée está no domingo, quando Yoann Gourcuff pode reencontrar (está lesionado e ainda é dúvida) seu ex- time no clássico Bordeaux x Lyon.


Sábado, 18 de setembro

14h – Monaco (9º) x Toulouse (1º)

MON
: Ruffier; Adriano, Puygrenier, Hansson e Muratori; Mendy, Mangani, Aubameyang, Park e Malonga; Mbokani.

TOU: Valverde; Gunino, Cetto, Congré e Tabanou; Capoue, Sissoko, Didot, Devaux e Machado; Santander.

14h – Saint-Etienne (3º) x Montpellier (5º)

ASSE: Janot; Ebondo, Monsoreau, Marchal e Bocanegra; Sako, Perrin, Battles, Matuidi, Payet; Rivière.
MON: Jourdren; Collin, Spahic (Stambouli), Yanga-Mbiwa e Jeunechamp; J. Marveaux, Pitau e Estrada; Belhanda, Giroud e Kabze.

14h – Sochaux (10º) x Nice (4º)

SOC: Dreyer; Faty, Perquis, Bréchet e Sauget; Boudebouz,M. Martin, Anin, Maurice-Belay; Brown e Maïga.
NIC: Ospina; K. Coulibaly, Civelli, Pejcinovic e Gace; D. Diakité, Mouloungui, Sablé, Faé e Mounier; Ljuboja.

14h – Lorient (14º) x Caen (6º)

LOR: Audard; Sosa, Bourillon, Ecuele-Manga e Le Lan; Amalfitano, Romao, Mvuemba e Monnet-Paquet; Kitambala e Gameiro.
CAE: Thébaux; Barzola, Sorbon, Heurtaux e Tafforeau; Seube, Marcq, Hamouma, Moulin e El-Arabi; K. Traoré.

14h – Nancy (11º) x Brest (15º)

NAN: Bracigliano; Chrétien (Loties), A. Ndiaye, André Luiz e Lemaitre; Nguemo, Gavanon e B. Traoré; Féret, Bakar e Cuvillier (Vahirua).
BRE: Elana; Daf, Brou Apanga, Kantari e Ferradj; Licka, Ewolo, L.Touré, Grougi, Lesoimier; Roux.

14h – Valenciennes (12º) x Lens (19º)

VAL: Penneteau; Mater, Bisevac, Baldé e Pallois; Cohade, R. Gomis e Saez; Dossevi, Samassa e Danic.
LEN: Runje; Demont, Yahia (Hermach), Chelle e Ramos; Hermach (Kovacevic), Sertic e Bédimo; Boukari, Eduardo e Maoulida.

16h – Arles-Avignon (20º) x Olympique de Marselha (13º)

ARL: Planté; Laurenti, Mejia, Pavon, Erbaté e Fanchone; Ben Idir, Piocelle e Meriem; Kermorgant e Dja Djédjé.
OM: Mandanda; Azpilicueta, Mbia (Hilton), Heinze e Taiwo; E. Cissé, Cheyrou e Kaboré; Valbuena, Gignac e A. Ayew (Brandão).

Domingo, 19 de setembro

12h – Paris-SG (7º) x Rennes (2º)

12h – Lille (8º) x Auxerre (17º)

16h – Bordeaux (18º) x Lyon (16º)


>> Classificação
: Toulouse lidera, com 12 pontos, seguido por Rennes, 11, e Saint-Etienne, com 10. Confira tabela completa


Neste fim de semana estou de plantão e vou tentar aparecer por aqui

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

domingo, 22 de agosto de 2010 Francês da 1ª divisão | 18:00

Resultados (e fotitas) da 3ª rodada

Compartilhe: Twitter

1,7 gol por jogo

Toulouse  2 x 1 Arles-Avignon (Braaten e Didot; Dja Djedje) 
Rennes 0 x 0 Saint-Etienne
Nice 1 x 1 Nancy (Faé; Alo’o Efoulou) – N’Guemo-NAN foi expulso
Lens 2 x 2 Monaco (Adriano contra e Roudet; Aubameyang e Niculae) – mais de 32 mil pessoas no Felix-Bollaert
O. Marselha 2 x 0 Lorient (Heinze e Taiwo) – mais de 53 mil pessoas no Vélodrome
Lyon 1 x 0 Brest (Makoun) – mais de 33 mil pessoas no Gerland 
Auxerre 1 x 1 Valenciennes (Jelen e Danic) 
Montpellier 0 x 0 Caen
Sochaux 0 x 0 Lille
Paris Saint-Germain 1 x 2 Bordeaux (Hoarau; Alou Diarra e Ciani)

>> Classificação: Toulouse lidera, com 9 pontos, seguido pelo Caen, com 7. Confira tabela completa

Para finalizar, quelques photos du dimanche (algumas fotos do domingo):

montpellier caen marco estrada afp

Meio-campista chileno Marco Estrada testa a elasticidade do calção do Montpellier (AFP)

Túlio de Melo e Jacques Faty, que pede falta. Sochaux x Lille teve enrosco, mas não gols (AFP)

yoann gourcuff bordeaux psg

Gourcuff foi para o banco antes de Bordeaux x PSG: rumo ao Lyon?? (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 6 de agosto de 2010 Seleção francesa | 18:09

Olho nos carinhas

Compartilhe: Twitter

*Logo mais, um post sobre a abertura do Campeonato Francês, nesse sábado

Campeões europeus sub-19, sob comando do técnico Francis Smerecki (ex-Valenciennes e Nancy, entre outros menores), esses franceses já tão dando o que falar e ainda têm muito a crescer. Conhecemo-los (??) melhor abaixo.

Veja quem foram os 18 jogadores que fizeram parte do elenco:

Goleiros
1. Marc Vidal, do Toulouse
16. Abdoulaye Diallo, do Rennes – titular

Defensores
2. Loïc Nego, do Nantes – titular
3. Chris Mavinga, do Liverpool (Inglaterra) – titular
4. Johan Martial, do Bastia
5. Sébastien Faure, do Lyon – titular
14. Timothée Kolodziejczak, do Lyon – titular
18. Gaëtan Bussman, do Metz
 
Meio-campistas
6. Clément Grenier, do  Lyon
7. Gaël Kakuta, do Chelsea (Inglaterra) – titular
8. Gueïda Fofana, do Le Havre – capitão
13. Francis Coquelin, do Lorient – titular
15. Enzo Reale, do Lyon

Atacantes
 9. Yannis Tafer, do Lyon
10. Gilles Sunu, do Arsenal (Inglaterra) – titular
11. Antoine Griezmann, do Real Sociedad (Espanha) – titular
12. Alexandre Lacazette, do Lyon
17. Cédric Bakambu, do Sochaux – titular

Agora, algumas linhas sobre os maiores destaques, com fotos abaixo (Clique nas fotos para ampliá-las. Quem tiver algo mais a acrescentar, comentários abertos! :)

Gaël Kakuta (20 anos em junho de 2011)
Fez dois gols na Euro e foi um dos quatro franceses que iniciou todas as partidas do campeonato. Presente na lista de dez jogadores do torneio se observar, elaborada pelo site da Uefa. Muita habilidade e dribles desconcertantes, já atuou pelo time principal do Chelsea – na estreia contra o Wolverhampton, deixou ótima impressão. Revelado pelo Lens, justamente sua transferência para o time inglês foi polêmica, porque a equipe francesa a acusou de ilegal. O caso, inclusive, ainda aguarda julgamento final.

Alexandre Lacazette (20 anos em maio de 2011)
Co-artilheiro francês na Euro, ao lado de Bakambu, com três gols marcados – um deles na decisão, que decretou a vitória e o título contra a Espanha. Presente nas seleções de base desde os 16 anos, foi vice-campeão europeu sub-17 em 2008. Revelado no Lyon, pelo qual atua, participou de uma partida no último Campeonato Francês, tendo atuado apenas 12 minutos. Disputou a final sub-19 numa sexta e, já no sábado e no domingo, foi requisitado e participou da Emirates Cup com o Lyon profissional, sem descanso. Isso já diz algo?

Antoine Griezmann (20 anos em março de 2011)
Fez dois gols na Euro. Também presente na relação de dez jogadores do torneio a se observar, elaborada pelo site da Uefa. Forte nas arrancadas pelo lado esquerdo do campo. Começou no UF Macon, da sexta divisão, e em 2005 “sua vida mudou” quando, disputando o Torneio de Toulon pelo Montpellier, chamou a atenção do espanhol Real Sociedad, que o chamou para um teste. Está lá desde então, tendo agora finalmente a chance de jogar na elite do futebol do país.

Cédric Bakambu (20 anos em abril de 2011)
Co-artilheiro francês na Euro, ao lado de Lacazette, com três gols marcados. Começou no time B do Sochaux, onde fez três temporadas, e agora deve ser aproveitado no time principal. Tem 1,80 metro, sendo boa opção para as bolas aéreas.

Yannis Tafer (20 anos em fevereiro de 2011)
Marcou um gol na Euro. Também vem da geração vice-campeã europeia sub-17, dois anos atrás – na ocasião, foi artilheiro do torneio, com quatro gols em cinco jogos. Cria do Lyon, onde está desde os 11 anos de idade. Já soma 15 partidas pela equipe profissional, tendo marcado um gol. Franzino, rápido e habilidoso com o pé esquerdo.

Gueida Fofana (20 anos em maio de 2011)
Capitão da conquista em casa, outro remanescente da geração sub-17 de 2008. Neste ano, apareceu no Le Havre, mas com a queda do clube para a segunda divisão, só conseguiu pegar experiência, até aqui, na Ligue 2. Apesar de ser volante, se destaca por levar poucos cartões amarelos e vermelhos já na juventude.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 26 de abril de 2010 Copas francesas, Francês da 1ª divisão | 17:28

Marselha ou Auxerre

Compartilhe: Twitter

Olympique de Marselha (71 pontos ganhos em 34 jogos) e Auxerre (66 p e 34 j) não decepcionaram em mais uma rodada da reta final e, a quatro do fim do Campeonato Francês, polarizaram de vez a disputa pelo título. Restando 12 pontos a disputar, Lille (61 p e 34 j), Montpellier (60 p e 34 j), Lyon (59 p e 33j) e Bordeaux (57 p e 33 j) ainda estão vivos matematicamente, mas é pouquíssimo provável que qualquer um desses clubes ganhe todas as partidas que restam e também conte com fracasso quase total de OM e AJA. 

O mais empolgante é que, na próxima rodada, justamente Marselha e Auxerre se encontrarão!  O duelo acontece na casa do vice-líder e é crucial para sua pretensão de buscar a taça, pois uma vitória faria a diferença cair para dois pontos, com ainda três rodadas pela frente. Já em caso de triunfo do Olympique, a margem entre os líderes subiria para cinco pontos, com nove por disputar até o fim do torneio, ou seja, cenário encaminhado para a festa marselhesa.

Lembrando que Auxerre x Marselha acontecerá nesta próxima sexta-feira, às 16h de Brasília. Será a única partida do dia, com mais sete no domingo e duas já nesta terça-feira, popularmente conhecida como amanhã: Monaco x Le Mans e Grenoble x Paris Saint-Germain (14h de Brasília, ambos). Tudo isso porque o sábado será exclusivo da decisão da Copa da França, entre Monaco e Paris Saint-Germain, a partir das 15h45 no horário brasileiro. O fim de semana promete grandes emoções!

Jelen aplaude a juventude auxerrense, esperançosa ainda de ser campeã (AFP)

A 34ª journée:

Olympique de Marselha 1 x 0 Saint-Etienne (Valbuena) – mais de 55 mil pessoas no Vélodrome
O meia Mathieu Valbuena vem se mostrando o talismã do time de Didier Deschamps – balançou as redes nas últimas três rodadas. Além dele, o goleiro Mandanda, o zagueiro-volante camaronês Mbia e o atacante brasileiro Brandão foram muito bem contra o ASSE, primeiro fora da zona do rebaixamento na tabela.

Toulouse 0 x 3 Auxerre (Pedretti e Jelen 2
Goleador da rodada, o polonês Ireneusz Jelen galgou posições na briga pela artilharia e já aparece entre os cinco primeiros. Destaques também para o goleiro Sorin, o zagueiro malinense Coulibaly e o meia Pedretti contra o TFC, total decepção.

Nancy 0 x 0 Montpellier 
Bobeada que custou caro ao fôlego do MHSC de ameaçar Auxerre e Olympique.

Le Mans 1 x 2 Lille (Maïga; Túlio de Melo e Cabaye) 
Mais um gol na conta do brasileiro Túlio. O Lille tem elenco e futebol para estar, pelo menos, aonde hoje se encontra o Auxerre na pontuação, mas sofreu com desfalques e perdeu pontos importantes no decorrer deste segundo turno. O arqueiro Landreau, o polonês Obraniak e o marfinense Gervinho (olha ele aí!) tiveram bons desempenhos nesta vitória fora de casa. Já o Le Mans deve cair oficialmente para a segunda divisão em uma ou duas rodadas.

Lorient 1 x 0 Bordeaux (Gameiro)
Tudo bem que o goleiro Cappone foi parte importante na vitória dos anfitriões. Mas a “proeza” é toda dos girondinos: quatro derrotas e um empate nas últimas cinco rodadas da Ligue 1! Um ponto conquistado de 15 possíveis!! O atual campeão nacional vai ter que suar para voltar à Liga dos Campeões da Europa no semestre que vem…

Paris Saint-Germain 1 x 1 Rennes (Hoarau; Leroy) – mais de 32 mil pessoas no Parc des Princes
Equilíbrio esperado, pelas posições de ambos na tabela.

Lens 1 x 1 Valenciennes (Roudet; Pujol) – mais de 34 mil pessoas no Fellix-Bolaert
O mesmo do jogo anterior – mais uma torcida fanática que não merece o time que tem…

Sochaux 0 x 3 Boulogne-sur-Mer (Thil, Yatabaré e Blayac) – Faty-SOC foi expulso
Fraquinho demais esse Sochaux. Por pouco, deve se sustentar na primeira divisão na próxima temporada. O que parece quase impossível ao Boulogne, que precisa de mais uns quatro resultados desses, além de tropeços sucessivos de Sochaux ou Saint-Etienne, para não ser degolado.

Nice 2 x 1 Grenoble (Mouloungui e Faé; Akrour) 
E a tia Nice, pelo menos, manterá seus sobrinhos na elite francesa no próximo campeonato.

*Quarta, 12/05
14h – Lyon (3º) x Monaco (9º) – jogo postergado em função do compromisso da próxima terça do Lyon na Liga dos Campeões da Europa

Valbuena foi rápido (para os sagazes) na comemoração, diante da vibração da torcida (AFP)

>> Tabela de classificação: Olympique de Marselha lidera (71 pontos em 34 jogos), seguido pelo Auxerre (66 pontos em 34 jogos), à frente do Lille (61 pontos em 34 jogos). Clique AQUI

>> Artilharia: Niang (Olympique) e Gameiro (Lorient) têm 15 gols; Nenê (Monaco) soma 14; Gyan (Rennes), Jelen (Auxerre), Erding (PSG) e Lisandro (Lyon), 13. Clique AQUI

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 14 de abril de 2010 Francês da 1ª divisão | 18:42

Tudo encaminhado pro Olympique

Compartilhe: Twitter

Mbia leva a melhor sobre Dreyer (esse não desce macio nem reanima!) e deixa o OM bonito na fita (AFP)

Hoje, Olympique de Marselha e Bordeaux realizaram partidas atrasadas no Campeonato Francês. O OM “pagou” seu último jogo atrasado, contra o Sochaux, fora de casa. O FCGB também viajou para encarar o Le Mans, e agora só tem mais uma partida a mais que os demais para disputar, contra o Valenciennes, também nos domínios no rival. Baseando-se nas recentes fases dos dois postulantes ao título nacional, quem se deu bem? Marseille, bien sûr!

O Bordeaux até que saiu na frente logo de cara contra o Le Mans, com cabeceio livre do zagueiro brasileiro Henrique, aproveitando falta batida por Plasil. Mas ainda no primeiro tempo, o vice-lanterna virou para cima do atual campeão francês, que falhou com o goleiro Ramé e o lateral esquerdo Trèmoulinas, nos gols de Le Tallec e Dossevi. Na segunda etapa, mesmo com um a mais nos dez minutos finais, os desgastados girondinos sucumbiram ao MUC 72, ainda esperançoso de, matematicamente, se livrar do rebaixamento para a Ligue 1.

Enquanto isso, em Sochaux, duas bolas na trave – Lucho González e Boudebouz – foram o máximo de emoção que se viu até os 43 minutos do segundo tempo. Mas o que foi que eu disse quando os atacantes do Marselha falham? Aparece um zagueiro ou volante para resolver! E assim foi numa cobrança de falta, quando o volante improvisado de zagueiro Stéphane Mbia aproveitou a saída errada do goleiro Dreyer e desviou de pé direito, garantindo a vitória do líder. Segunda vez seguida que o camaronês vai às redes…

Henrique cai e Jussiê se cala após o péssimo resultado para os Girondinos de Bordeaux (AFP)

Conclusão: quinta vitória seguida do Marselha na Ligue 1 (são seis, contando a final da Copa da Liga sobre o… Bordeaux!) e o time de Didier Deschamps soma 65 pontos, cinco a mais que o Auxerre, vice com 60. O Bordeaux segue em quinto com 56, e mesmo que vença o Valenciennes no jogo atrasado só pode alcançar 59. A seis rodadas do fim do Francês, tá tudo encaminhado pra festa do OM!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 7 de abril de 2010 Francês da 1ª divisão, Torneios europeus | 19:47

Lyon perde o que poderia e faz história

Compartilhe: Twitter

Nenhum título foi ganho ainda, mas estes jogadores não serão esquecidos tão cedo em Lyon (Reuters)

Caiu a casa girondina em pleno Chaban-Delmas: Bordeaux 1 x 0 Lyon (gol de Chamakh), com placar agregado de 3 a 2 a favor dos lioneses, classificados para as semifinais da Liga dos Campeões da Europa! Os visitantes seguraram a pressão dos anfitriões nesta quarta, com Lloris imbatível e um pouco de sorte (o próprio técnico Claude Puel admitiu que o Bordeaux foi melhor e o Lyon avançou graças ao goleiro e à luta dentro de campo), e comemoraram o feito como se fosse título.

Não era para menos, pois é a primeira vez que o Olympique Lyonnais se coloca entre os quatro melhores da Europa em sua história. Agora, terá pela frente o Bayern de Munique, que destronou o Manchester United em plena Inglaterra – duelo difícil, pela fase que vivem Robben (holandês que o Real Madrid burramente dispensou), Ribéry (o inimigo íntimo), Olic e companhia. O outro confronto pela vaga na decisão, na casa madrilenha, envolverá Barcelona e Internazionale.

A ficha técnica do histórico clássico francês:

BORDEAUX 1 x 0 LYON

Local
: Stade Chaban-Delmas, em Bordeaux (França)
Data: 7 de abril de 2010, quarta-feira
Horário: 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Alberto Undiano Mallenco (Espanha)
Assistentes: Fermin Martinez Ibañez e Juan Carlos Yuste Jiménez (ambos da Espanha)
Cartões amarelos: Cissokho, Toulalan, Delgado, Kallstrom e Gonalons (Lyon)

Gol: BORDEAUX: Chamakh, aos 45 minutos do primeiro tempo

BORDEAUX: Carrasso; Sané, Planus (Cavenaghi), Ciani e Tremoulinas; Plasil, Diarra (Chalmé), Jussiê (Gouffran), Gourcuff e Wendell; Chamakh
Técnico: Laurent Blanc

LYON: Lloris; Reveillere, Cris, Boumsong (Bodmer) e Cissokho; Toulalan, Kallstrom, César Delgado e Gonalons; Michel Bastos (Ederson) e Gomis (Pjanic)
Técnico: Claude Puel


*Novo líder no Francês*

É bom que o Bordeaux se recupere logo do baque se quiser salvar o último título disponível na temporada, o bicampeonato francês. Principalmente depois de hoje, pois o Olympique de Marselha disputou um dos dois jogos atrasados a que tinha direito e venceu o Sochaux em casa, por 3 a 0 (Heinze, Ben Arfa e Koné – leia mais a respeito CLICANDO AQUI).

Assim, o OM sobe momentaneamente para a liderança isolada da Ligue 1, dois pontos acima de Lyon, Montpellier e Auxerre e três acima do Bordeaux. Curiosamente, o outro jogo atrasado do Olympique é também contra o Sochaux, agora fora de casa, na quarta-feira que vem. É bom que os girondinos vençam suas duas partidas atrasadas, senão a chance de acabar uma temporada muito promissora chupando o dedão será grande.

Melhor salário da Ligue 1, argentino Heinze teve o que comemorar hoje (Reuters)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 4
  3. 5
  4. 6
  5. 7
  6. 8
  7. Última