Publicidade

Posts com a Tag Sarkozy

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014 Francês da 1ª divisão | 13:53

Dupla Marseille – PSG se distancia mais no Campeonato Francês

Compartilhe: Twitter
Presença ilustre no Parc no sábado, R9 publicou no seu instagram foto com Sarkozy e brasileiros do PSG

Presença ilustre no Parc no sábado, R9 publicou no seu instagram foto com Sarkozy e brasileiros do PSG

Olympique de Marselha e Paris Saint-Germain são mais líderes do que nunca, depois da 15ª rodada da Ligue 1.

Venceram seus compromissos, e como o terceiro Lyon perdeu o clássico para o Saint-Etienne (3 a 0, com a ASSE pondo fim a um tabu de 20 anos!), abriram vantagem sobre os outros 17 times. Agora, o OM soma 34 pontos, o PSG 33 e o OL 27, mesma pontuação do Bordeaux, quarto colocado.

O Marseille abriu a rodada ganhando do Nantes, que caiu de quarto para sétimo na tabela, por 2 a 0. Thauvin (que vem fazendo bela temporada, ao lado dos companheiros de ataque Payet e Gignac) e Fanni fizeram os gols da equipe de Marcelo “El Loco” Bielsa.

No dia seguinte, sábado, o Paris Saint-Germain também fez sua parte, 1 a 0 sobre o Nice, na presença de Ronaldo Fenômeno e Nicolas Sarkozy (o ex-presidente francês nem um pouco novidade, pois é figurinha carimbada na tribuna de honra do Parc des Princes). Após pênalti sofrido por Lucas, Ibrahimovic converteu o único gol da partida. O poderoso time da casa passou uns apuros, poderia ter levado o empate, mas prevaleceu.

Autor: Tags: , , , ,

sábado, 19 de abril de 2014 Copas francesas | 19:17

PSG supera Lyon e vira maior ganhador da Copa da Liga

Compartilhe: Twitter
Uma das imagens mais agradáveis da decisão no Stade de France (LFP)

Uma das imagens mais agradáveis da decisão no Stade de France (LFP)

O Lyon vendeu caro, mas o PSG levou a Copa da Liga Francesa 2013/14 hoje em Saint-Denis.

A vitória foi construída nos minutos iniciais, com dois gols de Cavani  (o terceiro a marcar um doublé na final do campeonato, depois de Pauleta em 2002 e Giuly em 2003) . O primeiro complementando boa jogada de Maxwell e Lavezzi, aos 4. E o segundo, depois que Thiago Silva lançou Lucas, e o goleiro Anthony Lopes estabalhou-se acertando o meia-atacante brasileiro na divisória da grande área. O replay nos mostrou que a falta foi fora da área, mas Stephane Lannoy marcou pênalti, e o uruguaio, cobrador oficial na ausência de Ibrahimovic, ampliou a vantagem parisiense.

O segundo tempo certamente traria lioneses mais contundentes, e a emoção aumentou quando Lacazette deu bela arrancada e bateu cruzado, no canto de Douchez, diminuindo o revés do OL para apenas um gol, aos 11 minutos. Porém, o Paris Saint-Germain teve maturidade para segurar o adversário, até criou chances de ampliar, e acabou prevalecendo no fim das contas.

-> Veja como foi a final segundo o lance a lance do L’Equipe

O quarto título da recente competição faz do PSG agora, seu maior campeão – o Olympique de Marselha e o Bordeaux ficam em segundo com três conquistas cada. O Paris ganhou a primeira edição, em 1994/95, depois 97/98, 2007/08 e agora a última. Das cinco finais que o Olympique Lyonnais disputou, só ganhou uma, em 2000/01.

Não foi a divisão mais justa de troféus na temporada, porque o Lyon não disputa mais nada e os parisienses estão a dias de confirmar o título da Ligue 1. Mas futebol não é matemática neutra, ainda bem. E pode pintar um prêmio de consolação indireto pro Lyon, porque a vaga pra Liga Europa que iria pro campeão hoje, já que o PSG alcançará a Liga dos Campeões pela L1, sobra para o quinto colocado do Campeonato Francês, que atualmente é o… Lyon.

Thiago Silva levantou a CdL ao som de We Are The Champions, Nicolas Sarkozy aplaudiu e sorriu a metros de distância, e nada mais justo, pois o time mais forte do país mora na capital nacional e ninguém duvida disso.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 17 de março de 2014 Francês da 1ª divisão, Torneios europeus | 13:50

Monaco arranca vitória sobre Lyon, mas PSG não perde pontos

Compartilhe: Twitter
Momento "Crash-Pow-Tum" da rodada: Valere Germain, do Monaco, tenta evitar o choque com o goleiro Anthony Lopes, do Lyon (Photo: AP)

Momento “Crash-Pow-Tum” da rodada: Valere Germain, do Monaco, tenta evitar o choque com o goleiro Anthony Lopes, do Lyon (Photo: AP)

Incorpado às 17h58

A rodada 29 do Campeonato Francês prometia bons pegas pro domingão. De fato Lyon 2 x 3 Monaco foi, mas PSG 2 x 0 Saint-Etienne acabou sendo meio previsível – ainda mais com Ibrahimovic sendo o artilheiro do jogo… Na Ligue 1 passada, Ibra marcou 30 gols. Nessa, já tem 25, e ainda restam 9 partidas pela frente!

Se o sueco dominou as atenções no gramado do Parc des Princes, nas tribunas alguns flashes foram para o ex-presidente Nicolas Sarkozy e seus filhos Pierre e Jean, figuras frequentes nos compromissos caseiros do Parri.

Montpellier 1 x 1 Bordeaux foi o outro duelo do domingo. Mesmo placar de Reims 1 x 1 Olympique de Marseille, sexto e sétimos colocados na tabela.

Pena que a arbitragem acabou influenciando no resultado da partida no Gerland, que deixou o Olympique Lyonnais um ponto mais distante do Lille, que ficou no zero contra o Nantes e atualmente ocupa a desejada terceira colocação, que vale Champions.

Briand fez os dois gols lioneses, mas os monegascos sempre comandaram o placar, indo às redes com Germain, James Rodríguez e Berbatov (o centroavante búlgaro participou dos três tentos).

Não consegui postar aqui sobre a ótima vitória do OL na partida de ida das oitavas de finais da Liga Europa. Na quinta, recebeu o Viktoria Plzen, da República Tcheca, e enfiou-lhe 4 a 1 – gols de Fofana (2), Mvuemba e Lacazette. A volta acontece quinta próxima, dia 20, às 15h de Brasília

Então a diferença do Paris pro Monacô segue nos 8 pontos, só que a margem de pontos em disputa continua caindo: restam 27 a disputar nas 9 journées que faltam. Bicampeonato cada vez mais cristalizado pro esquadrão da capital.

Lá embaixo, na briga contra o rebaixamento, os hoje relegáveis Valenciennes e Sochaux ganharam, preservando a esperança de permanecerem na elite, que no caso do Ajaccio já quase foi pro ralo.

Eis a classificação:

 

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

domingo, 30 de setembro de 2012 Francês da 1ª divisão, Franceses no mundo, Torneios europeus | 21:00

Marselha cai em Valenciennes e PSG se aproxima; Lyon perde do Bordeaux e vem em 3o após 7a rodada

Compartilhe: Twitter

Reforçado às 21h55 de 01/10

Valenciennes FC 4 x 1 Olympique de Marseille (Le Tallec 2, Danic e Kadir; Jordan Ayew – Assista aos gols)
Paris Saint-Germain 2 x 0 FC Sochaux-Montbéliard (doublé de Kevin Gameiro)
Olympique Lyonnais 0 x 2 Girondins de Bordeaux (Trèmoulinas e Diabaté)
Evian TG FC 1 x 1 FC Lorient (Khlifa; Sunu)
Stade Rennais FC 2 x 0 LOSC Lille (Assista aos gols. O capitão Mavuba deixou o jogo lesionado, desfalque pro Lille na Champions?)
AC Ajaccio 1 x 0 Stade Brestois 29 (Mostefa)
AS Nancy Lorraine 0 x 2 Montpellier Hérault SC (Belhanda e Camara)
OGC Nice 2 x 2 SC Bastia (Cvitanich e Civelli; Rothen e Modeste)
ESTAC Troyes 0 x 2 Toulouse FC (Ben Yedder e Rivière)
AS Saint-Etienne 0 x 0 Stade de Reims

Gols do fim de semana: Assista ao vídeo no site da ESPN

Estatísticas oficiais: leia o arquivo da LFP

Classificação: 1) OM, 18 pts; 2) PSG, 15; 3) OL, 14; 4) LOR e BOR, 13.
Zona do Rebaixamento: 17) EVI, 5; 18) NAN, 4; 20) TRO, 2.

Se mantivesse os inabaláveis 100% de aproveitamento, o Marselha igualaria um recorde do Lille da década de 30! Mas a equipe de Elie Baup dormiu na partida que abriu o domingo, caindo para o bom time do Valenciennes com notáveis falhas individuais de seus jogadores. Mandanda esteve num dia bastante negativo, bem como seus companheiros de defesa (Nkoulou, Morel, Fanni). Com a surpreendente goleada (que o OM não sofria desde 2006!), comandado pela dupla Danic-Le Tallec, o VAFC do beque brasuca Gil foi a 11 pontos e à 7a colocação, não distante dos líderes.

Desta vez Ibrahimovic passou em branco, mas o Paris Saint-Germain mostrou que tem outro goleador, Kevin Gameiro, em mais um triunfo, agora contra o Sochaux. Gameiro foi titular pela 1a vez e já correspondeu, o que mostra a Ancelotti que é possível escalá-lo como “9”, tirando Ibrahimovic da área e variando ofensivamente a equipe. A squadra do técnico italiano segue com a melhor defesa (3 gols sofridos em 7 rodadas), e vai animada tanto para o duelo com o Porto (co-líder do Português ao lado do Benfica) pela liderança do grupo A da Liga dos Campeões, na quarta, quanto especialmente para Le Classico que agora pode tirar a liderança isolada do Olympique no domingo.

O Lyon também poderia ter se aproximado do líder, mas saiu derrotado diante do Bordeaux e foi outro a perder a invencibilidade na L1. Ambos têm compromissos na Liga Europa na quinta, os Girondinos contra o Newcastle, por onde vem brilhando o meia francês Hatem Ben Arfa, e os Lioneses contra o desconhecido Hapoel Ironi Kiryat Shmona…

Nada espetacular o empate do Lorient com o Evian, de fraca campanha até aqui, mas o FCL segue no top 4, como um dos três invictos que restaram (ao lado de PSG e Bordeaux) e com o melhor ataque do Francês até agora, 13 gols marcados, pasmem!

Abertura da rodada com duelo de nortistas, Rennes e Lille, que vinham na metade de baixo da tabela, e deixaram Tulio de Melo e o selecionável Mvila no banco. Com Erding (ex-PSG) no ataque titular, o rubro-negro abriu o placar quando era mais atacado e tinha menos posse de bola, curiosamente. Pitroipa fez bela jogada pela esquerda, chutou, Landreau se atrapalhou com uma bola que dava pra agarrar, Feret apareceu em sua frente e o encobriu com um totózinho, aos 19 do 2o.

Logo depois do gol, Tulio veio pro jogo em mudança ofensiva de Rudi Garcia, que tirou o volante Gueye. E os visitantes acertaram a trave de Costil pela segunda vez (após bela intervenção do goleiro). Mas a sorte estava com os anfitriões. Alessandrini, que veio pro lugar do turco Mevlut, pegou um rebote de rebatida da área, pouco à frente da intermediária, dominou e acertou um lindo tirambaço curvilíneo, encobrindo Landreau, 2 a 0 até o apito final, que Garcia teve de ver longe do banco, expulso que foi. Antonetti só colocou Mvila aos 35, ele vinha de lesão?

Além de ver o jogo na tribuna do Parc des Princes, o ex-presidente Nicolas Sarkozy foi ao vestiário local, tietou Ibrahimovic e pegou Maxwell e outros de calças curtas...

No fim, o Rennes (14o) atingiu a pontuação do Lille (15o), 7 pontos. O LOSC levou gols em todas as partidas do campeonato até aqui, o que é bem preocupante não só no certame, mas também porque há uma UCL em curso! (o SRFC começou a rodada com o mesmo retrospecto ruim, mas conseguiu superá-lo depois dos 90 minutos). Nesta terça, o time busca seus primeiros pontos no torneio continental fora de casa, contra o Valencia, que faz campanha regular no Espanhol (10o colocado com 6 rodadas).

Providencial vitória do campeão Montpellier em Nancy, que o levou para o 13o lugar na tabela. Que seja uma injeção de ânimo para o grupo de René Girard, a despeito da fragilidade do adversário, agora penúltimo colocado, pois o MHSC tem parada dura nesta quarta-feira, enfrentando o Schalke 04 (4o na Bundesliga após 6 rodadas) na Alemanha pela Liga dos Campeões, na qual ainda não pontuou.

Pro Saint-Etienne não foi legal empatar em casa, por mais que o Stade de Reims esteja melhor colocado na competição. Brandão foi reserva e entrou no 2o tempo novamente, desta vez no lugar de Hamouma, dias depois ter recebido uma boa notícia com o arquivamento da acusação de estupro de que era alvo na França.

Franceses fora da França
Pelo que pude acompanhar, o meia Franck Ribéry foi muito bem na vitória do Bayern de Munique sobre o Werder Bremen no Campeonato Alemão, mantendo o time bávaro com 100% de aproveitamento na Bundelisga. E o zagueiro Laurent Koscielny foi mal na derrota do Arsenal para o Chelsea no clássico pelo Campeonato Inglês. No lance do gol de Fernando Torres, o beque tentou segurar o atacante, esqueceu da bola, e o espanhol esticou a perna para encostar para as redes…
Outro desempenho internacional de francês que valha o registro?

Meio de semana, 2a rodada de UCL e UEL:
Terça, 2/10 – Champions: Valencia (ESP) x Lille
Quarta, 3/10 – Champions: Porto (POR) x PSG / Schalke (ALE) x Montpellier
Quinta, 4/10 – Liga Europa: Hapoel Shmona (ISR) x Lyon / Marseille x AEL Limassol / Newcastle (ING) x Bordeaux

Programação da 8a rodada, que tem tudo pra pegar fogo no domingo, com os 4 primeiros se enfrentando e o Paris com a perspectiva de se igualar ao Marselha no topo da classificação:

Vendredi 5 octobre 2012
AS Saint-Etienne x AS Nancy Lorraine

Samedi 6 octobre 2012
Montpellier Hérault SC x Evian TG FC
SC Bastia x ESTAC Troyes
LOSC Lille x AC Ajaccio
Stade de Reims x Nice
FC Sochaux-Montbéliard x Stade Rennais FC
Toulouse FC x Valenciennes FC

Dimanche 7 octobre 2012
Stade Brestois 29 x Girondins de Bordeaux
*FC Lorient x Olympique Lyonnais
**Olympique de Marseille x Paris Saint-Germain

– Quer receber notícias e opiniões sobre futebol francês no seu Twitter, interagindo comigo? Me segue lá!
– Quer ficar por dentro do futebol francês e debater com outros antenados e interessados no Facebook? Peça para entrar na comunidade Ligue 1 Brasil (Já são mais de 70 membros!)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 23 de abril de 2012 Francês de divisões menores | 22:24

Ligue 2 2011/2012: Bastia contando os dias para voltar à elite

Compartilhe: Twitter

Se nas urnas os franceses ainda não têm um eleito depois do primeiro turno do pleito presidencial, na segunda divisão do futebol o panorama é bem diferente, com o Sporting Club de Bastia nadando de braçadas rumo ao título e, por conseguinte, a volta para a Ligue 1.

Restando 5 rodadas para o final da Ligue 2 (15 pontos a disputar), a margem do Bastia para o vice Stade de Reims é de 11 confortáveis pontos na classificação geral. Considerando que, para cálculo da matemática necessária para o acesso, a referência para a vaga antecipada é não poder ser alcançado pelo 4o colocado, hoje o líder tem 15 pontos de vantagem para o Clermont Foot. Ou seja, se ganhar ou empatar do/com o Tours, na próxima sexta-feira (27/4), já pode fazer a festa. Mesmo perdendo, dependendo do que os adversários próximos (não) fizerem, comemora também.

A imagem de capa do site oficial do Bastia, prestes a se bastar na L1!

A volta para o Campeonato Francês da elite representará um triunfo considerável para quem, um ano atrás, subia da terceira (National) para a segunda divisão. E não teremos um debutante na primeira, pois o Bastia já conquistou a L2 uma vez (1968) e esteve na L1 até recentemente, tendo caído após ser penúltimo em 2004/5. Seu título mais expressivo foi uma Copa da França, em 1981.

Além do SCB, estão no páreo e bem na fita para subir o vice Reims (54 pontos), o terceiro Troyes / ESTAC (51), o quarto Clermont (50) e o quinto Sedan (49), mas Istres (47), Tours (46), o glorioso Monaco (46, depois de flertar com o rebaixamento no 1o turno!) e mais uns abaixo ainda têm alguma chance nessa reta final. Quem se dará bem, hein?

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

terça-feira, 19 de outubro de 2010 Extracampo | 07:16

Relaxa, aqui não tem greve

Compartilhe: Twitter
greve_protesto_reforma_trabalhista_frança_marselha_afp

Estudantes do ensino médio protestam contra a reforma de Sarkozy em Marselha (AFP)

Ontem, segunda-feira, a França foi notícia nas homes dos principais portais brasileiros (iG e o resto…) em função das greves e protestos contra a reforma da previdência. A situação ficou tão feia, com o país parando e experimentando o caos em algumas regiões, que o presidente Nicolas Sarkozy, gozando de extrema impopularidade, formou um gabinete de crise para tentar evitar o pior.

Mas se Dieu quiser o futebol francês seguirá inabalável. E mesmo que seja afetado por essa balbúrdia toda, Le Blog du Foot estará vivo para noticiar (o que acontecer de relevante) e palpitar (quando se achar no direito de meter o nariz). D’accord?

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 5 de março de 2010 Francês da 1ª divisão, Francês de divisões menores | 22:04

Vamos com calma

Compartilhe: Twitter

Independentemente se Raymond Domenech continuará como treinador da França na Copa do Mundo ou se a Federação Francesa será aplaudida pelos quatro cantos do mundo caso contrário, os clubes franceses seguem seu rumo e neste fim de semana tem nova rodada da Ligue 1, agora a 27ª. O grande destaque é o tira-teima entre os líderes Bordeaux, com dois jogos a menos, e Montpellier, que pode nos responder até que ponto o recém-promovido para a elite é mesmo uma real ameaça à soberania nacional dos girondinos. Como o FCGB ainda tem que se virar, nas próximas semanas, com Liga dos Campeões e final da Copa da Liga Francesa, lhe é mais do que propício manter o MHSC atrás na tabela de classificação.

Atrás dos ponteiros, o Lyon viaja para encarar o vice-lanterna Boulogne-sur-Mer. Vencer seria ótimo, mas os lioneses esperam mesmo é que ninguém se machuque ou se desgaste muito, porque na quarta-feira há “apenas” o “jogo do ano, parte 2” contra o Real Madrid, pela Champions, na Espanha.

E o destaque negativo envolve Lens x Paris Saint-Germain, mais especificamente a torcida do segundo. Na última rodada, a baderna violenta de torcedores do PSG contra o Olympique de Marselha, em Paris, provocou reações que chegaram até a Presidência da República. Após o confronto que envolveu membros das facções Tribune d’Auteuil e Kop of Boulogne, 16 vândalos foram banidos dos estádios, tendo que se apresentar a distritos policiais nos dias de jogos, e o presidente Robin Leproux decidiu que o clube não liberará mais ingressos aos torcedores para partidas fora de casa. Nicolas Sarkozy pediu para a polícia intensificar a segurança nos estádios, e para o jogo deste sábado no Felix-Bollaert cerca de 500 agentes atuarão dentro e fora do estádio do Lens.

O saldo do tumulto no Parc des Princes, no último domingo, é triste: um homem de 38 anos sofreu traumatismo craniano e segue em estado grave. Vamos com calma, galera! Vou dizer em francês, e duas vezes, para ver se entendem de uma vez: Doucement! Gardez votre calme!

Eis a programação da 27ª journée, no horário de Brasília:

Sábado, 06/03
15h – Boulogne (19º) x Lyon (3º) 
 Auxerre (6º) x Valenciennes (8º) 
 Rennes (10º) x Monaco (7º) 
 Sochaux (15º) x Toulouse (11º) 
 Lens (13º) x Paris-SG (12º) 
 Nice (17º) x Nancy (14º) 
17h – Saint-Etienne (16º) x Lille (5º) 

Domingo, 07/03

13h – O. Marseille (4º) x Lorient (9º) 
           Grenoble (20º) x Le Mans (18º) 
17h – Bordeaux (1º) x Montpellier (2º)

Nesta sexta-feira, nove dos dez jogos pela Ligue 2 foram realizados. Na mesma toada de rodadas em que a primeira divisão, a segundona tem os líderes Caen e Brest nadando de braçadas rumo ao acesso, e o Metz perto de beliscar a terceira e última vaga rumo à Ligue 1 2010-2011.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 23:19

Te cuida, Bordeaux!

Compartilhe: Twitter

Rodada animada esta 23ª do Francesão (ui!). Bordeaux tropeçou de novo (e feio), Montpellier ganhou novamente, e a diferença entre líder e vice caiu na margem de uma simples rodada: três pontos. Se você considerar placares como 3 a 0 e 4 a 2 como goleadas, vimos cinco nos dez jogos deste fim de semana! (apêndice: pessoalmente, considero goleada uma vitória por no mínimo 3 gols de diferença; e você?). A média de gols ficou em 3,2, muito boa.

Rennes 4 x 2 Bordeaux (Marveaux, Briand pênalti, Bangoura e Gyan; Gouffran e Wendell)
Após empatar com o fraco Boulogne em casa, o campeão francês sofre uma sonora derrota para um time do meio da tabela. Quando uma defesa até então sólida leva quatro gols, é motivo para o ex-zagueiro e técnico Laurent Blanc intervir… Convém lembrar que as oitavas-de-finais da Liga dos Campeões vêm aí, e uma perda de liderança numa altura dessas seria um baque duro de contornar. No Stade Rennais, o ganês Gyan foi a nove gols e segue os artilheiros de perto.

Seria o cansaço a causa da queda de produção girondina, com o elenco se desdobrando em quatro competições simultâneas? Com dor de cabeça por causa do calendário apertado, Blanc ameaçou escalar um time B na Copa da Liga Francesa, contra o Lorient, no dia 17. Não seria errado se o fizesse…

Boulogne 0 x 2 Montpellier (Camara e Montano)
Devo dar o braço a torcer (ai!) sobre o MHSC: depois de encostar no líder Bordeaux, esse time sem estrelas provou que não é fogo de palha não. O colombiano Montano foi a oito gols no torneio.

Nice 1 x 1 Lille (Ben Saada; Túlio de Melo)
O atacante brasileiro marcou presença na casa da tia Nice. O LOSC tá bem vivo na parada pelo título, em terceiro, a quatro pontos do Montpellier e a sete do Bordeaux.

Toulouse 0 x 0 LyonMakoun-LYO foi expulso
O OL é outro time que deve abrir o olho, pois não vem sendo consistente faz tempo. Só não saiu com a derrota porque o TFC falhou várias vezes na hora H, de finalizar a gol, sobretudo o artilheiro Gignac e o brasileiro Luan. Makoun deixou os laranjas lioneses (com o terceiro uniforme de cor berrante) em desvantagem numérica por 25 minutos; então, o empate pode ser visto com sabor de vitória para o quarto colocado na Ligue 1. 

Luan deu muito trabalho para lioneses como Cris e Reveillere (AFP)

Luan deu muito trabalho para lioneses como Cris e Reveillere (AFP)

Marseille 5 x 1 Valenciennes (Lucho González, Brandão, Cheyrou, Valbuena e Niang; Sanchez) – mais de 46 mil pessoas no Vélodrome
O OM sim é um time em lua-de-mel com sua torcida. No embalo da heróica classificação para a final da Copa da Liga Francesa, na última quarta-feira, meteu um chocolate pra cima do VAFC para um excelente público em casa, a maioria feliz da vida. Brandão, o maior herói contra o TFC, marcou de novo; Niang chegou ao terceiro posto isolado na artilharia do campeonato. Hoje em 5º, o Olympique tem um jogo a menos a disputar, contra o Sochaux, e por isso pode encostar ainda mais nos ponteiros.

Saint-Etienne 3 x 0 Monaco (Matuidi, Bergessio e Rivière)
Os monegascos perderam uma bela chance de chegar ao top five da classificação. O ASSE deu uma pequena respirada na parte debaixo da tabela.

Grenoble 5 x 0 Auxerre (Ljuboja, Akrour 2 e Matsui 2) 
Incrível a goleada do lanterninha, broxando ainda mais o AJA…

Paris-SG 0 x 3 Lorient (Vahirua, Gameiro e Amalfitano) 
Falando em broxar, o time do presidente Nicolas Sarkozy. Pobre Sarkô, um dos mais de 30 mil torcedores do PSG no Parc des Princes. Que desgosto. Vaias para os jogadores e o técnico Kombouaré. Os visitantes, que não têm nada com isso, deram um baile de futebol, com belos gols. Os eficientes Gameiro (9 gols) e Vahirua (8) estão no topo da artilharia geral.

Sochaux 1 x 1 Nancy (Dalmat; Dia)
Nada de empolgante aqui né? 

Lens 2 x 1 Le Mans (Monnet-Paquet e Eduardo Santos; Maïga) 
32 mil pessoas para assistir a um time que luta para se afastar da zona de rebaixamento de uma equipe que abre a zona de degola é mesmo louvável! O Lens abriu 14 pontos para o Le Mans, ameaçadíssimo ao lado de Boulogne e Grenoble.

>> Tabela de classificação: Clique AQUI

>> Artilharia: Nenê (Monaco) tem 13 gols, Gervinho (Lille) soma 11 e Niang (Olympique), 10. Clique AQUI

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 18 de novembro de 2009 Eliminatórias da Copa, Seleção francesa | 21:01

O dia da glória chegou!

Compartilhe: Twitter

“Allons, enfants de la patrie, le jour de gloire est arrivée!”. Assim começa o hino francês, a Marselhesa: “vamos, filhos da pátria, o dia da glória chegou!”. Depois de 210 minutos de nervossísima repescagem contra a Irlanda (90 em Dublin + 120 em Saint-Denis), o placar agregado de 2 a 1 favoreceu quem tinha mais peso, com presença nas últimas três Copas, duas finais e um título mundial no currículo. A França está na Copa do Mundo de 2010. Graças muito mais à mão esquerda de Henry do que aos seus dois pés. Vamos ao desenrolar do drama:

Houve uma mudança no time titular em relação à escalação que se previa ontem: Escudé e não Squillaci foi quem formou a dupla com Gallas. Mas alguma coisa dizia que era para Squillaci jogar: logo aos 8 minutos, Escudé sobe junto com Evra e leva um choque no rosto, que sangra. Ele tem de sair, e o reserva imediato era o colega de Sevilla supracitado.

Como quem precisava da vitória de qualquer jeito eram os irlandeses, o jogo começou muito mais no campo da França, que tentava não se deixar acuar. Várias bolas foram alçadas diante de Lloris, que fez uma bela intervenção aos 23 minutos. Dois minutos depois, Doyle foi atrapalhado no cabeceio por Sagna mas causou perigo, pois a bola passou perto.

Entretanto, a solidez defensiva que se anunciava nos Bleus foi por água abaixo aos 33: Duff faz boa jogada pela esquerda, vai à linha de fundo e acha Keane sozinho na marca do pênalti, que só tem o trabalho de tirar do alcance de Lloris: 1 a 0. Apreensão total no Stade de France, já que o placar, igual ao da partida da ida, leva a decisão para a prorrogação.

A execução da Marselhesa (AFP)

A execução da Marselhesa (AFP)

No restante do primeiro tempo, nada de chances reais de gols para nenhum lado e pulga atrás da orelha da torcida francesa. Porém, pela TV deu para perceber que os espectadores em Saint-Denis mantinham a confiança, balançando as flâmulas e lenços azuis. Mas logo no comecinho da segunda etapa, por muito pouco a Irlanda não ampliou, quando O’Shea aproveitou rebatida de escanteio e, sozinho, finalizou por cima, do meio da grande área.

Com muitas dificuldades para se aproximar da área rival, a França via seu adversário jogar melhor e estar mais perto do segundo gol quando Raymond Domenech colocou Govou no lugar de Gignac, aos 11 minutos. Pensei o mesmo que o comentarista Sílvio Lancelotti, da ESPN: por que não Benzema?

Aos 16, dois lances de arrepiar, um para cada lado: Duff recebe sozinho na intermediária, avança e chuta para excelente defesa de Lloris. Os franceses contra-atacaram e Henry teve boa chance na área irlandesa, sendo travado por dois zagueiros na hora H.

Com 24, Gourcuff emendou de fora da área, mas ela desviou na zaga e saiu; dois minutos depois, Anelka perdeu boa oportunidade de cabeça. Por sua vez, a Irlanda quase matou a parada novamente em bola enfiada para Keane, que chegou a driblar Lloris mas deixou a bola escapar pela linha de fundo, para desespero dos colegas.

No tempo regulamentar, o cenário foi esse (AFP)

No tempo regulamentar, o cenário foi esse (AFP)

Sem organização, a França começava a se exasperar e, com isso, ceder perigosos espaços aos visitantes. Sagna estava num dia ruim, deixando brechas na marcação e cruzando errado sempre que chegava ao ataque. Domenech queimou sua última substituição colocando Malouda no lugar de Gourcuff, deixando Benzema na mesma condição de torcedor dos ex-selecionáveis Zidane e Barthez e do presidente Sarkozy. A última chance dos donos da casa seria com Henry, que cruzou na pequena área, Given soltou, mas não havia quem empurrasse para o gol. Não teve jeito: prorrogação!

Quem pensava que o medo de tomar gol paralisaria as duas seleções no “extra-tempo”, enganou-se. Boas oportunidades foram criadas, aumentando a tensão de todos, e sinceramente acho que o lance de Anelka driblando Given e caindo foi pênalti, embora o árbitro sueco discordasse. Govou chegou a balançar as redes, mas estava impedido.

Aos 14 do 1º tempo da prorrogação, viria o lance capital do jogo: Alou Diarra levanta na área da Irlanda, a bola passa por quase todo mundo, Henry “domina” com a mão esquerda (se não o fizesse, ela sairia), toca para o meio da pequena área, e Gallas só escora de cabeça com Given vendido: 1 a 1. Festa imensa francesa, reclamação acintosíssima irlandesa, afinal Martin Hansson validou o gol.

Nos últimos 15 minutos, os anfitriões se retraíram, não tiveram vergonha de dar chutões e ainda perderam um gol praticamente feito com Govou. Não precisou, porque o empate seria o bastante. Fim de partida e glória assegurada até junho de 2010!

Mas na prorrogação, acabou assim (AFP)

Mas na prorrogação, acabou assim (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 22 de setembro de 2009 Copas francesas, Extracampo, Franceses no mundo | 21:28

Pílulas com o presidente

Compartilhe: Twitter
Sarkozy não dispensou a corridinha mesmo fora de casa (Reuters)

Sarkozy não dispensou a corridinha mesmo fora de casa (Reuters)

Nada de muuito relevante nesta terça-feira. Então vamos de pílulas do que rolou aqui e ali pelo mundo envolvendo franceses:

>> Lorient, França: Rolaram dois jogos pela Copa da Liga Francesa. Lorient e Clermont (lanterna da 2ª divisão), eliminaram respectivamente Grenoble (que perde tudo que disputa) e Vannes, outro da Segundona, e se classificaram para as oitavas-de-finais. O gol do Lorient veio por intermédio de Kevin Gameiro, cujo pé anda bastante calibrado ultimamente. Amanhã acontecem mais oito partidas, envolvendo vários times da Ligue 1, como PSG e Monaco.

>> Liverpool, Inglaterra: Com muitos titulares poupados e alguns no banco, o time inglês eliminou o Leeds United da Copa da Liga Inglesa graças ao gol do atacante francês David N’Gog, revelado pelo Paris Saint-Germain. Curiosidade 1: o cara é primo de Jean-Alain Boumsong, zagueiro do Lyon. Curiosidade 2: ele deixou o gramado de Anfield aplaudido pela torcida dos Reds e foi substituído por ninguém menos do que Steven Gerrard. Que dia para o cara com nome de função matemática! 

>> Santander, Espanha: Thierry Henry foi apenas coadjuvante de Lionel Messi e Zlatan Ibrahimovic na goleada do Barcelona sobre o Racing, 5 a 1 fora de casa. O time vai tão bem que prescinde do poder de decisão do maior atacante da história da seleção francesa. O Barça é anormal ou realmente o futebol francês é de segundo escalão na Europa?

>> Nova York, Estados Unidos: Ah, na foto do post, o presidente francês Nicolas Sarkozy se exercita em belo cenário norte-americano, onde participa de uma cúpula da ONU. Enquanto ele relaxa e mantém a forma, os franceses afetados pela greve dos correios de lá, em protesto ao governo, devem estar p… da vida.

Será que Sarkô tem alguma habilidade com a bola nos pés? Com as mulheres não se discute: a primeira-dama é só a Carla Bruni…

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , ,