Publicidade

Posts com a Tag salários

terça-feira, 26 de abril de 2011 Extracampo, Francês da 1ª divisão | 20:55

$$ Gourcuff dando o troco em Heinze $$

Compartilhe: Twitter

Segundo levantamento do site Football Finance, que listou os 100 maiores salários do futebol mundial, o meia do Lyon supera o zagueiro do Olympique de Marselha como detentor do maior vencimento entre os jogadores que atuam no futebol francês: 4,8 contra 4,5 milhões de euros.

Achei curioso porque o levantamento da France Football, que costumo divulgar por aqui, colocou o argentino à frente do francês no mês passado: 4,5 contra 4,4. Bom, talvez a divergência se refira a rendimentos extras, como direitos de imagem, luvas… (cachecóis, gorros…). Embora a pesquisa da Finance diga que não leva em conta os ganhos externos, seus valores estão superando os apurados pela France

Independentemente de quem ganhe na conta bancária, OM (sem Mbia, machucado, e Rémy, suspenso) e OL (sem Pjanic, suspenso, e com Michel Bastos recém-operado provavelmente no Gerland) precisam da vitória nesta quarta-feira, no complemento da rodada, para seguirem com chances reais de título, se aproveitando do tropeço do Lille no domingo. Marselha x Nice e Lyon x Montpellier começam às 14h de Brasília. A SporTV2 anuncia transmissão ao vivo da primeira partida, promessa que cobraremos caso não seja cumprida!

Yoyo em loja da Adidas na semana passada. Rico e boa pinta, seria o Príncipe William da França?? (Olweb.fr)

Outros franceses top d’argent
Na relação dos 100 endinheirados da Football Finance, encontramos os seguintes atletas e agremiações familiares aos nossos olhos:

11º) Ribéry – Bayern-ALE – 8 milhões/ano
27º) Benzema – Real Madrid-ESP – 6 milhões
36º) Vieira – Man. City-ING – 5,5 milhões
50º) Lass Diarra – Real Madrid-ESP – 5 milhões
54º) Evra – Man. United-ING – 5 milhões
58º) Anelka – Chelsea-ING – 4,8 milhões
59º) Gourcuff – Lyon-FRA – 4,8 milhões
66º) Flamini – Milan-ITA – 4,5 milhões
68º) Heinze – O. Marselha-FRA – 4,5 milhões
75º) Lucho González – O. Marselha-FRA – 4,3 milhões
76º) Malouda – Chelsea-ING – 4,3 milhões
80º) Cris – Lyon-FRA – 4,2 milhões (brasileiro melhor pago na Ligue 1)
81º) Lisandro López – Lyon-FRA – 4,1 milhões
96º) Gignac – O. Marselha-FRA – 3,8 milhões
97º) Henry – NY Red Bulls-EUA – 3,8 milhões

O que acha dos números? Eu achava que o Henry ganhasse mais. Merecia, não?

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 1 de abril de 2011 Francês da 1ª divisão | 01:10

Nada de novo entre os endinheirados

Compartilhe: Twitter

Essa é da semana passada, mas não consegui subir aqui antes. Como faz todo semestre, a France Football divulga a lista dos maiores salários do futebol europeu e também dentro da França. No país do biquinho, não houve surpresa: os cinco primeiros são os mesmos cinco da relação divulgada em abril.

heinze

Gabriel Heinze, por cima da bola e no topo da liga (Getty Images)

O zagueiro argentino Gabriel Heinze continua se sobressaindo a meias e atacantes goleadores com o que o Olympique de Marselha muito bem lhe paga. Em seguida, aparecem Yoann “Yo-yo” Gourcuff, do Lyon, outro argentino, Lucho González, também do Olympique, o brasileiro Cris e outro hermanito, Lisandro López, ambos lioneses. Dos dez primeiros, seis são estrangeiros. Entre os brasucas, além de Cris, despontam Michel Bastos, Nenê e Ederson, todos meia-atacantes, ao contrário do zagueiro.

Salta aos olhos, logo de cara, o poderio financeiro de Olympique de Marselha e Lyon, com nada menos que 15 dos 20 jogadores mais bem assalariados da Ligue 1. O Paris Saint-Germain, time da capital francesa, possui quatro atletas. O Bordeaux encerra a relação com um nome. Já o atual líder da Ligue 1, o Lille, e o terceiro colocado, Rennes, ficaram de fora, o que é assaz curioso por mostrar que dinheiro não é o fator preponderante para se destacar na tabela de classificação… Caso um desses dois postulantes ao título consiga a façanha de levantar a taça, talvez figure no top 20 da temporada 2011/2012.

>> Veja o atual ranking de salários, com a comparação com o de 2009/2010 e o número de partidas, assistências e gols após 28 rodadas do Francês, para termos uma noção da efetividade dos caras:

1. Gabriel Heinze (zagueiro argentino, OM): 4,5 milhões de euros/ano, manteve posição, 22 jogos e 2 gols
2. Yoann Gourcuff (meia francês, Lyon): 4,4 / manteve /  22 jogos, 4 assistências e 2 gols
3. Lucho Gonzalez (meia argentino, OM): 4,3 / manteve / 27 jogos, 3 assistências e 7 gols
4. Cris (zagueiro brasileiro, OL): 4,3 / manteve / 14 jogos
5. Lisandro Lopez (atacante argentino, OL): 4,1 / manteve / 19 jogos, 2 assistências e 12 gols
6. André-Pierre Gignac (atacante francês, OM): 3,8 / subiu 10 posições (estava no Toulouse) / 22 jogos, 3 assistências e 5 gols
7. Kim Källström (volante sueco, OL): 3,7 / manteve / 24 jogos, 2 assistências e 2 gols
8. Bafetimbi Gomis (atacante francês, OL): 3,5 / subiu 1 posição / 28 jogos, 2 assistências e 10 gols
9. Michel Bastos (meia brasileiro, OL): 3,4 / subiu 1 posição / 23 jogos, 3 assistências e 5 gols 
10. Ludovic Giuly (atacante francês, PSG): 3,2 / subiu 2 posições / 26 jogos, 6 assistências e 4 gols
11. Claude Makelele (volante francês, PSG): 3,1 / caiu 3 posições / 25 jogos e 1 assistência
12. Nenê (meia brasileiro, PSG): 3 / não constava / 26 jogos, 5 assistências e 13 gols
13. Loic Rémy (atacante francês, OM): 3 / não constava / 25 jogos, 2 assistências e 9 gols
14. Jérémy Toulalan (volante francês, OL): 3 / não constava / 22 jogos e 1 assistência
15. Stéphane M’Bia (volante camaronês, OM): 2,9 / não constava / 21 jogos e 1 gol
16. Mathieu Valbuena (meia francês, OM): 2,9 / não constava / 22 jogos e 3 gols
17. Guillaume Hoarau (atacante francês, PSG): 2,8 / manteve /  26 jogos, 5 assistências e 8 gols
18. Alou Diarra (volante francês, Bordeaux): 2,8 / manteve / 23 jogos e 4 gols
19. Ederson (meia brasileiro, OL): 2,8 / manteve / 1 jogo (se contundiu e teve que operar)
20. Steve Mandanda (goleiro francês, OM): 2,8 / manteve / 28 jogos

O que você acha desses valores e números? Opine!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011 Extracampo | 18:05

Olympique campeão também no quesito rendimento presidencial

Compartilhe: Twitter

Faz um tempinho que eu tava pra soltar esse, esperando uma janela apropriada. A notícia partiu do jornal Le Parisien e pipocou em vários sites em novembro passado

Dos 20 presidentes de clubes da Ligue 1, a primeira divisão francesa, apenas 7 recebem salários. Os 14 restantes ou são beneméritos ou acionistas, sem rendimentos fixos.

dassier

J. C. "très riche" Dassier (Getty Images)

Os presidentes de Bordeaux (Jean-Louis Triaud), Monaco (Etienne Franzi) e Rennes (Patrick Le Lay) trabalham de forma voluntária e não ganham nenhum benefício econômico diretamente das agremiações. Outros, como os de Auxerre (Alain Dujon), Saint-Etienne (Bernard Caïazzo e Roland Romey) e Lens (Gervais Martel), não são pagos pelo seu papel de presidentes, mas, como investem nos clubes, aproveitam-se de ganhos decorrentes do sucesso dos mesmos.

Veja como está o ranking da remuneração dos chefões com salário:

1. Jean-Claude Dassier (Olympique de Marselha) – 60 mil euros mensais
2. Jean-Michel Aulas (Lyon) – cerca de 50 mil euros mensais (ele ganha por ano)
3. Michel Seydoux (Lille) – cerca de 20 mil euros mensais (ganha por ano)
4. Olivier Sadran (Toulouse) e Robin Leproux (PSG) –  entre 7 e 10 mil euros mensais
5. Alexandre Lacombe (Sochaux) – 8 mil euros mensais
6. Loïc Féry (Lorient) – mil euros mensais

Belas boladas as dos três primeiros, heim?

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 2 de abril de 2010 Francês da 1ª divisão, Franceses no mundo | 07:02

O reserva mais caro do mundo

Compartilhe: Twitter

A "jóia" Henry em ação (AFP)

Na semana passada, a revista France Football – de cujo site sou “freguês” assíduo para alimentar este blog – divulgou as relações dos 20 maiores salários anuais do futebol mundial em três categorias: jogadores, técnicos e jogadores em atividade na Ligue 1 (Campeonato Francês da 1ª divisão). Além dos vencedores em cada quesito, o que chama a atenção, no caso do futebol francês, é a posição de Thierry Henry, capitão da seleção.

O atacante do Barcelona é dono do quinto maior salário global; como ele é bem mais reserva do que titular nas formações de Josep Guardiola, e os quatro primeiros Messi, Beckham, Cristiano Ronaldo e Kaká são titulares indiscutíveis (no caso do inglês, a referência é o Los Angeles Galaxy, não o Milan), podemos dizer que o Barça tem, no seu camisa 14, o reserva mais caro do mundo!

Não há outros franceses no top 20 dos jogadores endinheirados. O Barcelona, demonstrando ótima saúde financeira, mantém cinco jogadores neste rol! (Messi, Henry, Ibrahimovic, Puyol e Xavi). Os valores dos seis primeiros são:

1º. Messi (Barcelona) – 33 milhões de euros/ano
2º. Beckham (Los Angeles Galaxy) – 30,4 milhões
3º. Cristiano Ronaldo (Real Madrid) – 30 milhões
4º. Kaká (Real Madrid) – 18,8 milhões
5º. Henry (Barcelona) – 18 milhões
6º. Ronaldinho (Milan) – 17,2 milhões

No ranking dos técnicos mui bien remunerados, lista liderada novamente pelo português José Mourinho, que tomou o topo do brasileiro Felipão, o melhor francês é um que trabalha fora do país, Arsene Wenger. Ei-los: 

1º. José Mourinho (português da Internazionale-ITA): 13 milhões de euros/ano
2º. Roberto Mancini (italiano do Manchester City-ING): 12 milhões
3º. Luiz Felipe Scolari (brasileiro do Bunyodkor-UZB): 9,5 milhões
4º. Jurgen Klinsmann (alemão, ex-Bayern de Munique-ALE ): 9 milhões
5º. Fábio Capello (italiano da seleção da Inglaterra): 8,4 milhões
6º. Guus Hiddink (holandês da seleção da Turquia):  8 milhões
7º. Alex Ferguson (escocês do Manchester United-ING): 7,2 milhões
8º. Josep Guardiola (espanhol do Barcelona-ESP) : 6,5 milhões
9º. Arsene Wenger (francês do Arsenal-ING) : 6,3 milhões
10º. Louis Van Gaal (holandês do Bayern de Munique-ALE): 6 milhões

Entre os jogadores da Ligue 1, nada de meia ou atacante encabeçando a relação. É o zagueiro argentino Gabriel Heinze, do Olympique, que sucede a Karim Benzema, transferido do Lyon para o Real Madrid, no topo. Lyon e Marselha dominam os dez mais assalariados, com cinco e três posições cada, deixando o atual campeão francês Bordeaux para trás. E dois brasileiros, Cris e Michel Bastos, aparecem entre os primeiros. Veja:

1º. Gabriel Heinze, zagueiro (argentino do Olympique de Marselha) : 4,5 milhões de euros/ano
2º. Yoann Gourcuff, meia (francês do Bordeaux) : 4,4 milhões
3º. Lucho González, meia (argentino do Olympique de Marselha) : 4,3 milhões
4º. Cris, zagueiro (brasileiro do Lyon) : 4,2 milhões
5º. Lisandro López, atacante (argentino do Lyon) : 4,1 milhões
6º. Mamadou Niang, atacante (senegalês do Olympique de Marselha) : 3,8 milhões
7º. Kim Källström, lateral e volante (sueco do Lyon) : 3,7 milhões
8º. Claude Makélélé, volante (francês do Paris Saint-Germain) : 3,6 milhões
9º. Bafétimbi Gomis, atacante (francês do Lyon) : 3,5 milhões
10º. Michel Bastos, lateral e meia (brasileiro do Lyon) : 3,4 milhões

Agora, com base nisso tudo, eu te pergunto:

* Te parece justo o Barça pagar mais pelo reserva Henry do que pelo titular Ibra?
* Te parece justo que um zagueiro questionável como Heinze tenha o melhor salário do Francês? Se não, quem deveria assumir seu lugar?
* Algo mais nas listas acima te parece injusto?

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,