Publicidade

Posts com a Tag Ruffier

quinta-feira, 2 de outubro de 2014 Brasileiros na França, Torneios europeus | 18:58

Que vitória a do PSG sobre o Barcelona!

Compartilhe: Twitter

Enriquecido em 03/10

Além dos lances em campo, o pega no Parque chamou a atenção pelos vários VIPs conhecidos nas tribunas do estádio. Não são bobos, né!

Além dos lances em campo, o pega no Parque chamou a atenção pelos vários VIPs conhecidos nas tribunas do estádio. Não são bobos, né!

Mesmo sem sua maior referência ofensiva, Ibrahimovic, que teve de assistir contrariado das tribunas do Parc des Princes (confira outras personalidades na foto acima), o Paris Saint-Germain conseguiu um baita resultado diante do Barça, num jogaço com a intensidade e a emoção típicas dos grandes empates da Uefa Champions League.

O triunfo por 3 a 2, que representou a primeira derrota do time de Luís Enrique em jogos oficiais na temporada, alçou os de Laurent Blanc pra liderança da equilibrada chave, com 4 pontos. Atras do Barça, com 3, estão Ajax, 2, e Apoel, 1.

Veja os gols neste vídeo da ESPN. David Luiz marcou seu primeiro no recente clube, Messi empatou logo depois, Verrati e Matuidi também balançaram as redes e Neymar descontou para o time catalão, num duelo recheado de brasileiros, argentinos e selecionáveis. Marquinhos, compondo a zaga ao lado de David na ausência de Thiago Silva, deu muita conta do recado!

Em compensação, o outro francês na UCL protagonizou um jogo sofrível contra o Zenit São Petersburgo: 0 a 0 na Rússia. Pelo menos ambos seguem na liderança do grupo, com 4 pontos. O Bayer Leverkusen, que fez 3 a 1 no Benfica, soma 3 e o time português, zero.

-> Veja como foi o desempenho dos franceses nas primeiras rodadas das ligas dos Campeões e Europa

Pela Liga Europa, finalmente uma vitória entre os representantes da França! Foi do Guingamp, que fez 2 a 0 no PAOK, um doublé de Sylvain Marveaux.

O Lille abriu o placar contra o Wolfsburg, com o belga Origi, de pênalti. Mas sofreu o empate logo depois, um golaço de De Bruyne no ângulo. Até que o 1 a 1 não foi um mau resultado, já que foi na Alemanha.

O Saint-Etienne recebeu o ucraniano Dnipro Dnipropetrovsk e, apesar do apoio cantante da torcida verde, passou sustos. Num dos maiores deles, no primeiro tempo, teve uma penalidade contra, que o goleiro da seleção Ruffier espalmou para escanteio, provocando uma reação nas arquibancadas como se fosse de gol! Infelizmente o ataque não colaborou, então nada de gols na partida…

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 25 de setembro de 2014 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 18:58

Marseille abre 2 pontos sobre Bordeaux e Saint-Etienne na 7ª rodada

Compartilhe: Twitter
Tava 0-0 entre Montpellier e Monaco quando Valère Germain entrou aos 42 minutos do 2º tempo. Aos 48, decidiu a vitória monegasca. Un personnage, lui!

Tava 0-0 entre Montpellier e Monaco quando Valère Germain entrou aos 42 minutos do 2º tempo. Aos 48, decidiu a vitória monegasca. Un personnage, lui!

Lembrando que no domingo, pela 8ª rodada, teremos Marseille x Saint-Etienne! Os destaque da 7ª, abaixo:

O Stade de Reims recebeu o Olympique de Marselha, de cinza, que se sentiu à vontade logo de cara. André-Pierre Gignac assumiu o protagonismo, fazendo 2 a 0 em 20 minutos. Seu colega de ataque e xará André Ayew também parecia batendo bola na casa do papai Abedi Pelé, também fazendo um doublé, sendo um deles de letra! Imbula fechou o placar para o esfuziante OM, que novamente não economizou nas bolas na rede (leia mais sobre o jogo aqui).

Saint-Etienne x Bordeaux colocaria o vencedor ao lado do Olympique na liderança, mas como deu empate, melhor pros marselheses. Os anfitriões não conseguiram reverter a superioridade em vitória, e os visitantes poderiam ter ganho se, na última jogada da partida, o árbitro tivesse marcado um pênalti aparentemente claro do goleiro Ruffier sobre o atacante Maurice-Belay.

Lucas abriu o placar para o Paris Saint-Germain contra o Caen, “um golaço de classe” de acordo com o blogueiro parisiense Vinicius Ramos, seu segundo nesta Ligue 1. No segundo tempo, outro brasileiro marcou, agora o jovem zagueiro Marquinhos, definindo o marcador e finalmente uma vitória parisina fora da capital.

No seu estádio Gerland, o Lyon fez um ótimo primeiro tempo, abrindo 2 a 0 sobre o Lorient e “jogando incrivelmente bem. Postura de time maduro e experiente”, na avaliação do blogueiro lionês Filipe Papini. O predomínio de jogadores jovens, formados na base, deu certo e o placar acabou 4 a 0, gols de Lacazette, Fekir (2) e N’Jie, e bela atuação de Ferri.

O duelo Mon-Mon (Montpellier vs Monaco) tinha tudo para terminar sem gols quando o iluminado da foto acima decidiu a parada, aproveitando ótima descida do lateral-esquerdo Kurzawa à linha de fundo. Aliás, considerando que o brasileiro Fabinho vem se dando bem pela direita, o técnico Leonardo Jardim está bem servido de alas nesta temporada!

Resultados
Reims 0 x 5 Olympique de Marseille
Lyon 4 x 0 Lorient
Rennes 0 x 3 Toulouse
Évian TG 2 x 1 Lens
Nice 1 x 0 Lille – CRAVADO!
Guingamp 0 x 1 Metz
Montpellier 0 x 1 Monaco
Bastia 0 x 0 Nantes
Caen 0 x 2 PSG
St. Étienne 1 x 1 Bordeaux

Salto mortal depois do gol contra o Caen para Lucas Moura. Será que Dunga também viu e gostou?

Salto mortal depois do gol contra o Caen para Lucas Moura. Será que Dunga também viu e gostou?

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

domingo, 15 de junho de 2014 Extracampo, Seleção francesa | 17:35

Les Bleus nas redes sociais

Compartilhe: Twitter

O técnico Didier Deschamps liberou o uso das redes sociais dos jogadores da França durante a Copa 2014, pedindo, naturalmente, bom senso nas postagens.

Os atletas já têm aproveitado a liberdade para compartilhar fotos e comentários, sobretudo no Instagram, desde o embarque para o Brasil. Então vamos às contas dos mais ativos, para podermos seguir de perto 😉

(Me ajudem a melhorar essa lista se perceberem que me esqueci de alguma conta oficial que esteja ativa!)

Instagram

Bacary Sagna

Eliaquim Mangala

Karim Benzema

Laurent Koscielny

Lucas Digne

Mamadou Sakho

Mathieu Valbuena

Morgan Schneiderlin

Patrice Evra

Paul Pogba

Rémy Cabella


Facebook

Antoine Griezmann

Bacary Sagna

Eliaquim Mangala

Karim Benzema

Laurent Koscielny

 

Jogadores no avião da França para o Brasil, foto replicada em instagrams do elenco

Jogadores no avião da França para o Brasil, foto replicada em instagrams do elenco

Mathieu Debuchy

Mathieu Valbuena

Mickael Landreau

Morgan Schneiderlin

Olivier Giroud

Patrice Evra

Paul Pogba

Raphael Varane

Rémy Cabella

Stéphane Ruffier

Yohan Cabaye


Twitter

Antoine Griezmann

Bacary Sagna

Eliaquim Mangala

Karim Benzema

Lucas Digne

Mathieu Debuchy

Mathieu Valbuena

Mamadou Sakho

Mickael Landreau

Morgan Schneiderlin

Moussa Sissoko

Olivier Giroud

Paul Pogba

Raphael Varane

Rio Mavuba

Yohan Cabaye

Eu mesmo compartilho mais notícias e comentários da França (e da Copa, e do mundo, e da vida…) no Twitter do que aqui, por questões de disponibilidade, agilidade e adequação. Meu perfil lá é @obrunopessa e a hashtag do blog é #leblogdufoot 😉

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 27 de maio de 2014 Seleção francesa | 19:28

Giroud, Valbuena e Griezmann aproveitam bem amistoso contra Noruega

Compartilhe: Twitter

Incorpado em 28/05

Em seu segundo jogo pela seleção, Ruffier mostrou a segurança que estamos acostumados a ver no Saint-Etienne (Reuters)

Em seu segundo jogo pela seleção, Ruffier mostrou a segurança que estamos acostumados a ver no Saint-Etienne (Reuters)

Fazia tempo que a França não metia quatro no Stade de France (outubro de 2005, contra o pobre Chipre), por isso a alegria do placar de hoje contra os nórdicos, no primeiro teste dos convocados pra Copa 2014.

Com o goleiro Lloris poupado, Ruffier foi o titular sob as balizas e o zagueiro Sakho o terceiro capitão da era Deschamps (Lloris e Matuidi o antecederam). Didier escalou Ruffier; Debuchy, Sakho, Koscielny, Evra; Cabaye, Pogba, Matuidi, Valbuena; Griezmann e Giroud.

-> Impulsionadora de talentos: conheça a Casa do Futebol que a Federação Francesa mantém em Clairefontaine, concentração número 1 da seleção

Logo aos 15 minutos, Pogba abriu o placar, o primeiro gol de cabeça da seleção desde março de 2013 (Giroud contra a Geórgia), após cruzamento de um impedido Valbuena. No segundo tempo, Sissoko e Digne vieram pros lugares de Pogba e Evra, e a goleada surgiu.

Mathieu Valbuena foi decisivo de novo, assistindo o arremate de Giroud aos 6 minutos. Rémy substituiu o participativo Griezmann aos 20, e dois minutos depois deixou o seu, após receber muito bom passe de Debuchy. Os 4 a 0 já vieram com 24 minutos, novamente num centro de Valb para a testada de Olivier Giroud, uma sombra real para o descansado Benzema.

O meia baixinho do Olympique de Marseille repetiu as três assistências que o poupado Ribéry conseguiu na última goleada francesa, os 6 a 0 na Austrália. Grenier, Mavuba e o estreante Cabella também participaram, nos lugares de Valbuena, Matuidi e Cabaye.

-> Confira os melhores lances do amistoso segundo o site do L’Equipe

A última vitória francesa sobre os noruegueses fora lááá em 1988, gol de Jean-Pierre Papin. O derradeiro embate, antes do de hoje em Saint-Denis, acontecera na estreia da Era Blanc: derrota por 2 a 1 em agosto de 2010.

A Noruega, que derrotou o Brasil na nossa Copa do Mundo de 1998, não consegue ir a um Mundial desde então.

Nostalgia
Apareceu na minha timeline tuítica hoje um vídeo com gol de Zidane sobre a Noruega, naquele mágico ano de 1998. Assista clicando aqui e, mais do que a conclusão pras redes, repare no domínio do mestre ao receber o lançamento de Djorkaeff. SEN-SA-CIO-NAL!

-> FALTAM 19 DIAS PARA A ESTREIA FRANCESA NA COPA 2014! <-

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 14 de maio de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 00:39

Copa 2014: Os selecionados de Deschamps

Compartilhe: Twitter

Enriquecido em 28/05

No início da preparação pro Mundial, o preparador físico Eric Bedouet (foto) será mais decisivo do que Didier Deschamps

No início da preparação pro Mundial, o preparador físico Eric Bedouet (foto) será mais decisivo do que Didier Deschamps

**Atualizado com a substituição forçada de Mandanda por Ruffier**

Técnico da França, Didier revelou hoje com quem pretende contar no Mundial brasileiro, tanto os “titulares da convocação” (23) quanto os suplentes (7), em caso de baixa no primeiro grupo.

Ele teria até 2 de junho para enviar à Fifa seus 23, mas, assim como fez Felipão, já deixou isso público. Voilà:

Gardiens : Hugo Lloris, Mickaël Landreau e Stéphane Ruffier (Steve Mandanda foi chamado e depois cortado por lesão)

Défenseurs : Mathieu Debuchy, Lucas Digne, Patrice Evra, Laurent Koscielny, Bacary Sagna, Eliaquim Mangala, Mamadou Sakho, Raphaël Varane.

Milieux de terrain : Yohan Cabaye, Clément Grenier, Blaise Matuidi, Paul Pogba, Moussa Sissoko, Rio Mavuba, Mathieu Valbuena.

Attaquants : Karim Benzema, Olivier Giroud, Loïc Rémy, Franck Ribéry, Antoine Griezmann.

Les 7 réservistes : Rémy Cabella, Maxime Gonalons, Alexandre Lacazette, Loïc Perrin, Stéphane Ruffier (promovido para a lista principal), Morgan Schneiderlin, Benoît Trémoulinas.

Calendário bleu pré-Copa:

19/5 – Início da concentração em Clairefontaine

27/5 – França x Noruega (Stade de France, Saint-Denis)

1/6 – França x Paraguai (Allianz Riviera, Nice)

8/6 – França x Jamaica (Pierre-Mauroy, Lille)

Partidas da seleção francesa na fase inicial do Mundial:

15 de junho, domingo, 16h: França x Honduras, no Beira-Rio (Porto Alegre)

20 de junho, sexta-feira, 16h: França x Suíça, na Fonte Nova (Salvador)

25 de junho, quarta-feira, 17h: França x Equador, no Maracanã (Rio de Janeiro)

Em 2010, para aquele FIASCO que veríamos na África do Sul, o então técnico Raymond Domenech (toc toc toc) anunciou primeiro uma lista de 30 nomes, para depois fechar os 23. Lembrando que seleção haverá, mas árbitros franceses não, o que denota a crise na arbitragem do país.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014 Seleção francesa | 11:17

Convocados pra França x Holanda e vitórias do passado

Compartilhe: Twitter

Atualizado às 13h38

Didier Deschamps anunciou hoje os nomes para o amistoso do dia 5 de março (quarta que vem), contra os Países Baixos no Stade de France, em Saint-Dennis.

As novidades são as estreias do lateral-esquerdo Lucas Digne, atualmente reserva no PSG, e do atacante Antoine Griezmann, destaque do espanhol Real Sociedad (tem 15 gols na liga nacional), que já cumpriu suspensão depois de ter sido punido por indisciplina na seleção de base, à época com outros colegas. Ambos os debutantes, porém, já fizeram bonito nas categorias juvenis dos Bleus, Les Espoirs, que foram campeões mundiais sub-20 ano passado.

Abidal, Nasri, Lacazette e Thauvin não foram chamados. O primeiro está gripado, não tendo treinado com o Monaco nesta quinta, e é dúvida para o compromisso do time de depois de amanhã, contra o Saint-Etienne, pelo Campeonato Francês. O terceiro vem bem com o Lyon na Ligue 1, sendo artilheiro do time, e concordo com quem o considera mais merecedor do que o Payet de estar na lista.

Layvin Kurzawa vem fazendo ótima temporada na lateral-esquerda do Monaco, como eu disse recentemente aqui, mas acabou sendo chamado para a seleção sub 21, justamente os Espoirs, que enfrentam Belarus pelas Eliminatórias da Eurocopa 2015 da categoria no dia 4.

É a última convocação programada antes do técnico chamar seus selecionados e pré-selecionados para vir à Copa, que no caso francês terá amistosos preparatórios antes do início do Mundial. Hora dos caras abaixo mostrarem o melhor trabalho possível!

La liste des Bleus

GARDIENS : Lloris (Tottenham/ANG), Mandanda (Marseille), Ruffier (St-Etienne)

DEFENSEURS : Debuchy (Newcastle/ANG), Evra (Manchester United/ANG), Koscielny (Arsenal/ANG), Sagna (Arsenal/ANG), Sakho (Liverpool/ANG), Varane (Real/ESP), Mangala (FC Porto/POR), Digne (PSG)

MILIEUX : Matuidi (PSG), Pogba (Juventus/ITA), Sissoko (Newcastle/ANG), Grenier (Lyon), Cabaye (PSG), Mavuba (Lille), Valbuena (Marseille)

ATTAQUANTS : Benzema (Real Madrid/ESP), Giroud (Arsenal/ANG), Payet (Marseille), Ribéry (Bayern Munich/ALL), Rémy (Newcastle/ANG), Griezmann (Real Sociedad/ESP)

**

Plus
O site da FFF disponibilizou vídeos com duas vitórias bleus sobre os laranjas, que trazem curiosidades, confira:

18/11/1981 – 2 x 0 pelas Eliminatórias pra Copa de 1982, gols de Michel Platini e Didier Six no estádio Parc des Princes (a base daquele time chegaria à 4ª colocação no Mundial espanhol). A vitória foi 50% do que a seleção de Michel Hidalgo precisava para conquistar a vaga. Como os outros 50% eram vencer o Chipre em casa semanas depois, assim que acabou a partida contra os neerlandeses teve invasão de campo e festa generalizada…

26/02/19972 x 1 em amistoso, um ano antes da Copa de 1998, gols do meia Robert Pires e do atacante Patrick Loko pros Bleus, também no campo do PSG. Detalhe que nenhum dos dois goleadores da partida, assim como o então goleiro titular, Bernard Lama, compuseram o elenco campeão mundial em casa no ano seguinte…

-> Recomendo um texto de Andres Onrubia, colaborador do site Futbol desde Francia, sobre as opções (muitas, segundo ele) de Deschamps para a Copa.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011 Francês da 1ª divisão | 21:30

PSG aproveita rodada perfeita e é o campeão de inverno da Ligue 1 2011/12

Compartilhe: Twitter

Eis os placares e, mais abaixo, como ficou a tabela depois da primeira metade do Campeonato Francês. Nos próximos dias, tentarei trazer um balanço do que rolou até aqui pra vocês.

Saint-Etienne 0 x 1 PSG – Bodmer marcou de cabeça após passe de Nenê e azar do arqueiro Ruffier. Os Verdes bem que endureceram, mas o goleiro italiano Sirigu fez jus ao nome de Salvatore e o time da capital coroou o dia depois de ver os adversários diretos decepcionarem
Evian TG 4 x 2 Montpellier – E não é que o então líder MHSC saiu na frente e permitiu a virada? Time que quer disputar o título não pode dar esses vacilos… Só Giroud lucrou em algo, porque com seu gol acabou ampliando a margem à frente de Gameiro na artilharia geral.
Lille 4 x 4 Nice – Caraca, oito gols! Mas o atual campeão bobeou demais contra uma equipe mais fraca e bem abaixo na tabela, ficando mais longe do topo
Valenciennes 1 x 0 Lyon – Vacilo lionês, encerrando fase invicta
Rennes 1 x 0 Bordeaux
Toulouse 0 x 0 Brest
Nancy 1 x 3 O. Marseille (acertei, só que errei todos os demais, pfff!)
Auxerre 2 x 2 Dijon
Lorient 0 x 0 Caen
Sochaux 0 x 2 Ajaccio

A classificação pelo número de pontos ao final do primeiro turno (France Football)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 26 de outubro de 2011 Copas francesas, Franceses no mundo | 21:53

PSG, Montpellier e Auxerre eliminados nas 8as da Copa da Liga Francesa

Compartilhe: Twitter

michel-bastos-lacazette

Ederson observa a dancinha de Bastos e Lacazette, para fúria da torcida verde no Geoffroy-Guichard (Olweb)

Zebras e confirmações nos oito jogos eliminatórios. Ontem, o Olympique de Marselha não deu chances pro Lens, 4 a 0. Gignac fez seu primeiro na temporada. Jordan Ayew e Remy, duas vezes, complementaram (Acertei esse palpite!).

Hoje, fortes emoções no primeiro jogo do dia, Dijon x PSG, que no domingo duelaram pela Ligue 1 com 2 a 0 pró-Parri. E não é que o modesto Dijon conseguiu a revanche, deixando o poderoso e milionário da história pelo caminho? (Claro que errei esse)

Foi muito bom o primeiro tempo no Stade Gaston Gerard, com quatro gols, embora o líder do Francês não encarasse a partida com a mesma gana do adversário (o técnico Patrice Carteron se esgoelando volta e meia demonstrava bem esse espírito…). Com Nenê, Pastore e Gameiro poupados, Bahebeck e Erding ganharam uma chance no mistão parisiense que começou dando as cartas: eles construíram a vantagem dos visitantes, o primeiro marcando de falta (que categoria do garoto!) e o segundo complementando bela jogada de Menez.

Mas os anfitriões reagiram rápido, com Sankharé batendo pênalti (duvidoso, de Lugano em Jovial – eu não daria, os dois se puxaram) e Berenguer concluindo rápida trama ofensiva. Aos 15 do 2o, novo pênalti pro Dijon (bola na mão de Camara, imprudente), Jovial venceu Douchez por centímetros e virou! Aos 25, vendo a água bater no traseiro, Kombouaré teve de lançar mão dos titulares; vieram Nenê e Gameiro, Pastore não. Pressão forte, jogo mais brigado, 3 bolas ao todo na trave do PSG, Menez sendo fominha em alguns lances, e o abafa não deu resultado. Leonardo e cia tiveram de deixar o estádio de cabeça baixa…

Outro jogão do dia foi Saint Etienne x Lyon, que levaram o tradicional clássico pela primeira vez a uma Copa da Liga. Um pouco melhor, o OL abriu o placar após falta sofrida por Michel Bastos nas imediações da área. Ele, Ederson e Kallstrom se prepararam, o sueco bateu na barreira, mas ela sobrou de frente pra Briand, de frente pra Ruffier. Ele chutou, houve um desvio no caminho mas a bola encontrou as redes aos 40 minutos.

jovial-lugano

Ceará observa o lance que virou pênalti de Lugano em Jovial, esbanjando jovialidade! (Site DFCO)

Segundo tempo e novamente os lioneses mais perto do gol. Depois do pênalti claro sofrido por Lacazette, Bastos foi impedido de cobrar não pelas milhares de vaias, mas pelos rojões atirados perto do gol de Ruffier. A tal ponto que a arbitragem saiu de campo e chamos os capitães pra conversar no vestiário! Na volta, o brasileiro bateu, marcou, comemorou muito perto da torcida e reservas adversários e deixou o jogo mais nervoso ainda, com novo tumulto. Aubameyang descontaria, mas não havia tempo pros stéphanois evitarem a vitória rival no 106o dérbi da história (apostei no ASSE…). Aos verdes, resta esperar quatro dias pelo reencontro de domingo pela Ligue 1.

Em casa, o Lille não bobeou diante do Sedan: 3 a 1, com gols de Pedretti, Joe Cole e Jelen (boa, acertei!). Túlio de Melo foi titular. Já o Auxerre, ex-time de Pedretti e Jelen, não conseguiu se garantir diante de sua torcida: levou 2 a 1 do Caen (um nabo com dois de Nabab!) e me dei mal nessa. Outro a decepcionar foi o Montpellier, caindo em casa diante do Lorient, outro 2 a 1, com um a menos desde os 10 minutos do 2o tempo (errei). Pentecôte conduziu a tia Nice à classificação, com mais um 2 a 1, no Sochaux (acertei). E depois de empate sem gols, coube ao Le Mans avançar ao bater o Rennes por 4 a 1 nos penais (falhei de nouveau).

Minutos depois já conhecemos os confrontos das quartas, marcados inicialmente para 10 de janeiro de 2012, uma terça-feira:
Lyon x Lille (olha o Ly-Li de vorta!)
Caen x O. Marseille
Le Mans x Lorient
Nice x Dijon

Enquanto isso, na Espanha…
…Karim Benzema abriu o placar na vitória do Real Madrid sobre o Villarreal, 3 a 0, muito bom para sua disputa com o argentino Gonzalo Higuain por uma vaga no galáctico ataque merengue.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 8 de agosto de 2011 Francês da 1ª divisão | 10:21

Visitantes dão o tom da rodada inicial

Compartilhe: Twitter
jussie-ruffier-bordeaux-saint-etienne-afp

Jussiê vence Ruffier em pênalti e marca o primeiro gol brasileiro do campeonato. Mas o Bordeaux perderia em casa... (AFP)

> Leia no iG Esporte: Rennes goleia e lidera. Lyon vence na estreia

Dijon 1 x 5 Rennes (Jovial; Montano, Féret, Boukari, Mangane e Tettey)

Nice 1 x 3 Lyon (Mounier; Lisandro Lopez, Gomis e Gonalons)

Ajaccio 0 x 2 Toulouse (Devaux e Machado)

Montpellier 3 x 1 Auxerre (Belhanda, Dernis e Giroud; Alain Traoré)

Bordeaux 1 x 2 Saint-Etienne (Jussiê; Ciani contra e Aubameyang) – Mais de 31 mil no Chaban-Delmas

Paris Saint-Germain 0 x 1 Lorient (Quercia) – Mais de 40 mil no Parc des Princes, que viu a apresentação do argentino Pastore

Caen 1 x 0 Valenciennes (Proment)

Olympique de Marselha 2 x 2 Sochaux (Lucho Gonzalez e Rémy; Martin e Nogueira) – Mais de 41 mil no Vélodrome

Nancy 1 x 1 Lille (Béria contra; Debuchy)

Brest 2 x 2 Evian (Grougi e Lesoimier; Sorlin e M’Madi)

31 gols em 10 jogos, bom princípio, hein!

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quinta-feira, 12 de maio de 2011 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão, Francês de divisões menores | 23:32

Nenê, Hazard, Gameiro ou Sow?

Compartilhe: Twitter

Temporada acabando e as tradicionais premiações apontam os nomes que se destacaram e concorrem às honrarias. A UNFP (União Nacional dos Futebolistas Profissionais), que chega à 20ª edição dos seus prêmios, revelou os indicados em suas sete categorias. As distinções serão entregues no dia 22, domingo, por volta das 16h de Brasília, à Paris, como dizem os franceses.

Para suceder Lisandro López no rol de ganhadores do prêmio principal, de melhor jogador do ano, concorrem o brasileiro Nenê, o belga Hazard, o senegalês Sow e o francês Hazard. Abaixo coloco alguns números para a gente poder opinar sobre quem leva a melhor, além dos meus pitacos.

Entre os melhores goleiros, concorrem Landreau, Lloris, Mandanda e Ruffier. Quanto aos técnicos, o nome que sucederá Jean Fernandez (Auxerre) será ou Deschamps, ou Garcia, ou Gillot ou Gourcuff pai. As mesmas categorias se repetem na segunda divisão, a Ligue 2. E o futebol feminino também é comtemplado, com apenas jogadoras de Lyon e PSG participando. Não, Shirley Cruz não é brasileira, mas costarriquenha.

Hazard à frente de Sow em treino do LOSC. Quem se dará melhor no troféu da UNFP? (Losc.fr)

E os nominados são:

>> Meilleur joueur de Ligue 1 : Kévin Gameiro (Lorient), Eden Hazard (Lille), Nenê (Paris-SG) e Moussa Sow (Lille). Acho que dá Hazard, a maior revelação e o mais habilidoso do provável campeão

– Nenê: 33 jogos, 14 gols (26% do PSG – 6º artilheiro-geral), 6 assistências (12º no geral), 3 cartões amarelos, 0 vermelho
Hazard: 35 jogos, 7 gols (11% do Lille), 9 assistências (6º no geral), 2 cartões amarelos, 0 vermelho
– Gameiro: 33 jogos, 14 gols (46% do Lorient – 2º artilheiro-geral), 3 assistências, 0 cartão amarelo, 0 vermelho
Sow: 33 jogos, 21 gols (34% do Lille – 1º artilheiro-geral), 2 assistências, 0 cartão amarelo, 0 vermelho

> Meilleur gardien de Ligue 1 : Mickaël Landreau (Lille), Hugo Lloris (Lyon), Steve Mandanda (Marseille), Stéphane Ruffier (Monaco). Fico com Landreau, para homenagear o veterano

Meilleur entraîneur de Ligue 1 : Didier Deschamps (Marseille), Rudi Garcia (Lille), Francis Gillot (Sochaux) e Christian Gourcuff (Lorient). Escolho Garcia, porque com um elenco mais fraco do que o de Deschamps ficou quase sempre na frente na tabela

> Meilleur joueur de Ligue 2 : Benjamin Corgnet (Dijon), Rudy Haddad (Châteauroux), Sloan Privat (Clermont-Ferrand) e Sébastian Ribas (Dijon). Ribas lidera a artilharia do torneio, dois gols à frente de Privat (19 a 17). Fico com o “primo” do Diego ex-meia do Santos então…

> Meilleur gardien de Ligue 2 : Benoît Costil (Sedan), Bertrand Laquait (Evian-Thonon), Grégory Malicki (Angers) e Johny Placide (Le Havre). O líder Evian foi um dos que menos perdeu. Então vou de Laquait

Meilleur entraîneur de Ligue 2 : Patrice Carteron (Dijon), Bernard Casoni (Evian), Landry Chauvin (Sedan) e Olivier Pantaloni (AC Ajaccio). Casoni, porque está fazendo história no time criado em 2007

> Meilleure joueuse: Camille Abily (Lyon), Elise Bussaglia (Paris-SG), Shirley Cruz (Lyon) e Lara Dickelmann (Lyon). Abily tem jeitão de “Zinedina”, portanto…

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última