Publicidade

Posts com a Tag Nancy

sexta-feira, 17 de setembro de 2010 Francês da 1ª divisão | 22:54

Ligue 1, 6ª rodada: jogos e escalações

Compartilhe: Twitter

Sempre que possível, listarei, além das partidas previstas na rodada, os times prováveis que irão a campo, com o auxílio da France Football, d’accord? Abaixo, as equipes para os jogos do sábado. Mas o destaque da journée está no domingo, quando Yoann Gourcuff pode reencontrar (está lesionado e ainda é dúvida) seu ex- time no clássico Bordeaux x Lyon.


Sábado, 18 de setembro

14h – Monaco (9º) x Toulouse (1º)

MON
: Ruffier; Adriano, Puygrenier, Hansson e Muratori; Mendy, Mangani, Aubameyang, Park e Malonga; Mbokani.

TOU: Valverde; Gunino, Cetto, Congré e Tabanou; Capoue, Sissoko, Didot, Devaux e Machado; Santander.

14h – Saint-Etienne (3º) x Montpellier (5º)

ASSE: Janot; Ebondo, Monsoreau, Marchal e Bocanegra; Sako, Perrin, Battles, Matuidi, Payet; Rivière.
MON: Jourdren; Collin, Spahic (Stambouli), Yanga-Mbiwa e Jeunechamp; J. Marveaux, Pitau e Estrada; Belhanda, Giroud e Kabze.

14h – Sochaux (10º) x Nice (4º)

SOC: Dreyer; Faty, Perquis, Bréchet e Sauget; Boudebouz,M. Martin, Anin, Maurice-Belay; Brown e Maïga.
NIC: Ospina; K. Coulibaly, Civelli, Pejcinovic e Gace; D. Diakité, Mouloungui, Sablé, Faé e Mounier; Ljuboja.

14h – Lorient (14º) x Caen (6º)

LOR: Audard; Sosa, Bourillon, Ecuele-Manga e Le Lan; Amalfitano, Romao, Mvuemba e Monnet-Paquet; Kitambala e Gameiro.
CAE: Thébaux; Barzola, Sorbon, Heurtaux e Tafforeau; Seube, Marcq, Hamouma, Moulin e El-Arabi; K. Traoré.

14h – Nancy (11º) x Brest (15º)

NAN: Bracigliano; Chrétien (Loties), A. Ndiaye, André Luiz e Lemaitre; Nguemo, Gavanon e B. Traoré; Féret, Bakar e Cuvillier (Vahirua).
BRE: Elana; Daf, Brou Apanga, Kantari e Ferradj; Licka, Ewolo, L.Touré, Grougi, Lesoimier; Roux.

14h – Valenciennes (12º) x Lens (19º)

VAL: Penneteau; Mater, Bisevac, Baldé e Pallois; Cohade, R. Gomis e Saez; Dossevi, Samassa e Danic.
LEN: Runje; Demont, Yahia (Hermach), Chelle e Ramos; Hermach (Kovacevic), Sertic e Bédimo; Boukari, Eduardo e Maoulida.

16h – Arles-Avignon (20º) x Olympique de Marselha (13º)

ARL: Planté; Laurenti, Mejia, Pavon, Erbaté e Fanchone; Ben Idir, Piocelle e Meriem; Kermorgant e Dja Djédjé.
OM: Mandanda; Azpilicueta, Mbia (Hilton), Heinze e Taiwo; E. Cissé, Cheyrou e Kaboré; Valbuena, Gignac e A. Ayew (Brandão).

Domingo, 19 de setembro

12h – Paris-SG (7º) x Rennes (2º)

12h – Lille (8º) x Auxerre (17º)

16h – Bordeaux (18º) x Lyon (16º)


>> Classificação
: Toulouse lidera, com 12 pontos, seguido por Rennes, 11, e Saint-Etienne, com 10. Confira tabela completa


Neste fim de semana estou de plantão e vou tentar aparecer por aqui

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 30 de agosto de 2010 Francês da 1ª divisão | 17:57

Quem apostaria nesses líderes?

Compartilhe: Twitter

Refiro-me a Toulouse,  Rennes e Montpellier, o trio que comanda a tabela de classificação do Campeonato Francês 2010/2011 depois de quatro rodadas. Quem apostasse em nomes como Olympique de Marselha (10º), Lyon (17º), Paris Saint-Germain (13º) e Bordeaux (14º) hoje estaria perdendo dinheiro… 

Curiosidade: nos últimos 20 anos, é a sexta vez em que um clube ganha as quatro primeiras partidas na Ligue 1. O atual Toulouse se junta a Monaco (1991), PSG (1992), Lens (1996 e 2001), Metz (1997) e Bordeaux (1998), este último o único a se sagrar campeão no fim do torneio. Portanto é bom que o TFC não se empolgue demais antes da hora…

Jogadores do Toulouse comemoram gol na vitória sobre o Nancy, fora de casa

Toulouse festeja contra o Nancy: até aqui, todos os adversários o veem assim, por trás... (AFP)

Duelo brasileiro no clássico do fim de semana: o Olympique de Brandão saiu na frente, mas o Bordeaux de Henrique foi buscar o empate no fim, em casa (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 25 de agosto de 2010 Torneios europeus | 18:53

Auxerre entre os grandões

Compartilhe: Twitter
Ireneusz Jelen e Roy Contout em Auxerre x Zenit

Ireneusz Jelen recebe o cumprimento de Roy Contout pelo segundo gol do Auxerre (AP)

2 a 0 sobre o Zenit São Petersburgo, em casa (Hengbart e Jelen), e o Auxerre vai disputar a fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa, ao lado de Olympique de Marselha e Lyon!

A propósito, o sorteio que vai encaixar os 32 times nos 8 grupos será amanhã, quinta, e não na sexta, como eu disse aqui. A ESPN vai transmitir ao vivo, a partir das 13h de Brasília.

Mais a propósito ainda, já se sabe em quais potes os integrantes do torneio se enquadram, o que revela os cabeças de chave e as possibilidades de confronto:

Cabeças de chave: Inter, Barcelona, Manchester United, Chelsea, Arsenal, Bayern, Milan, Lyon.
Pote 2: Werder Bremen, Real Madrid, Roma, Shakhtar Donetsk, Benfica, Valencia, O. Marselha, Panathinaikos.
Pote 3: Tottenham, Rangers, Ajax, Schalke, Basel, Braga, Copenhague, Spartak Moscou.
Pote 4: Hapoel Tel-Aviv, Twente, Rubin Kazan, Auxerre, Cluj, Partizan, Zilina, Bursaspor.

Esse enquadramento toma como base o ranking dos clubes da Uefa, que você pode conferir neste link. Por ele dá para ver que, se Liverpool e Sevilla estivessem nesta Champions, o Lyon não seria cabeça de chave.

Os melhores franceses no ranqueamento europeu, que considera os resultados de 2005/06 para cá, são:

10. Lyon                   96.748
19. Bordeaux          67.748
25. Marselha           62.748 
41. Lille                     46.748
47. PSG                      39.748
66. Lens                     32.748
80. Nancy                 25.748
       Saint-Étienne   25.748
86. R.Strasbourg   24.748
95. Monaco             21.748

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 3 de maio de 2010 Francês da 1ª divisão | 21:16

Briga quente pela Champions

Compartilhe: Twitter

No complemento da 35ª rodada do Campeonato Francês, sete partidas aconteceram no domingo, depois que os líderes Olympique de Marselha e Auxerre duelaram na sexta-feira (veja post “Tudo igual é melhor pro Olympique”). As vitórias de Lille, Lyon e Bordeaux esquentaram a briga pelo terceiro lugar da Ligue 1, posição que vale vaga na qualificação para a Liga dos Campeões da Europa que vem. Outro aspecto interessante nesta reta final é a luta pela artilharia: 10 goleadores estão separados por apenas dois gols (veja o item “Artilharia”, ao fim deste texto). Faltando três rodadas para o fim da competição, em quem você aposta?

Vamos aos resultados e significados par Bruno Pessa, com os louváveis préstimos da France Football:

Lille 3 x 1 Nancy (Cabaye, Gervinho e Frau; Malonga)
O marfinense Gervinho e o francês Frau voltam a se posicionar bem na briga entre os melhores buteurs (artilheiros). Mas o que mais importa para o LOSC é a terceira colocação na tabela, que atualmente o colocaria na Champions – são três pontos atrás do Auxerre e dois à frente do Lyon. Ainda há uma chancezinha matemática do Lille ser campeão, porém é improvável que o Marselha perca os três últimos jogos de uma campanha que caminha para o título. O zagueiro brasileiro Andre Luiz foi mal pelos lados do Nancy, que é o 12º.

Montpellier 0 x 1 Lyon (Michel Bastos)
Em partida fraca dos atacantes de ambos os lados, o lateral-esquerdo/meia brasileiro e o goleirão Hugo Lloris resolveram a parada. O Olympique Lyonnais é o quarto, dois pontos atrás do Lille e dois à frente de Bordeaux e Montpellier. Voltar à Liga perdida é o objetivo do OL para o que resta da temporada – e o fato de ter uma partida a mais por disputar, contra o Monaco, ajuda bastante. Ao MHSC, isto também é matematicamente possível, mas a Liga Europa (prêmio para 4º e 5º colocados) parece mais viável.

Bordeaux 1 x 0 Toulouse (Ciani)
Com o tcheco Plasil bem e o brasileiro Jussiê mal, o atual campeão conseguiu vencer com gol de zagueiro. Não importa, pois o importante é se garantir em algum torneio europeu no segundo semestre, de preferência na Champions. O TFC é só o 13º.

Valenciennes 0 x 0 Lorient
Os experientes goleiros Nicolas Penneteau (29 anos) e Fabien Audard (32) pegaram muito, o que ajuda a explicar a carência de gols. Se for competente e der sorte no restante da Ligue 1, o Lorient, sétimo, pode beliscar uma Liga Europa. O VAFC é o décimo.

Rennes 1 x 2 Sochaux (Marveaux, de pênalti; Briand contra e Gavanon)
Zebra, pois o Stade Rennais é o oitavo colocado e o Sochaux apenas o décimo sexto na pontuação.

Saint-Etienne 1 x 4 Lens (Diakhaté; Akalé, Jemaa e Maoulida 2) – mais de 32 mil pessoas no Geoffroy-Guichard
Destaques: o atacante Toifilou (!) Maoulida e o meia Sébastien Roudet, do décimo quarto na classificação. Decepção para a torcida do ASSE, cujo décimo sétimo lugar, a sete pontos do Boulogne, ainda representa um riscozinho de rebaixamento.

Boulogne-sur-Mer 3 x 3 Nice (Blayac, Kapo e Cuvillier; Rémy 2 e Hellebuyck)
Incrível: o anfitrião levou 3 a 0 do visitante (dois deles do ótimo Loic Rémy) e, entre os 36 e os 47 minutos do segundo tempo, conseguiu o empate! Apesar do heroísmo e da capacidade de recuperação, a igualdade não foi o suficiente para dar maiores alentos ao Boulogne, que dificilmente escapará da Ligue 2 na próxima temporada. Tia Nice é a 15ª.

Michel Bastos não sai da mídia, pelos gols que vem marcando, e assim segue perto da Copa (AFP)

*Faltam apenas 3 rodadas para o fim do Campeonato Francês 2009/2010*

>> Tabela de classificação: Olympique de Marselha lidera (72 pontos em 35 jogos), seguido pelo Auxerre (67 pontos em 35 jogos), à frente do Lille (64 pontos em 35 jogos). Clique AQUI

>> Artilharia: Niang (Olympique) e Gameiro (Lorient) têm 15 gols; Nenê (Monaco) soma 14; Gyan (Rennes), Jelen (Auxerre), Erding (PSG), Rémy (Nice), Lisandro (Lyon), Gervinho (Lille) e Frau (Lille), 13. Clique AQUI

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 5 de abril de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 21:23

Aceso o alerta bordô

Compartilhe: Twitter

Três derrotas seguidas no começo da temporada podem significar apenas uma fase passageira, pois há basante tempo para o time em questão se recuperar. Mas três derrotas na transição de março para abril, levando-se em conta que a temporada acaba em maio, é para deixar qualquer equipe preocupada. Esta é a situação atual do Bordeaux, cujos derradeiros revezes não foram nem um pouco desprezíveis: 3 a 1 para o Olympique de Marselha na final da Copa da Liga Francesa, 3 a 1 para o Lyon na ida das quartas-de-finais da Liga dos Campeões da Europa e 2 a 1, em casa, para o Nancy pelo Campeonato Francês.

A conclusão é que um título já se foi, a permanência na Champions está em perigo e o bicampeonato francês vai requerer uma eficiência maior. Após a 31ª journée da Ligue 1, neste fim de semana, os girondinos caíram para a quarta posição na tabela, situação jamais enfrentada pela equipe em todo o campeonato – o pior que ela enfrentou foi uma terceira colocação após a nona rodada. O problema é que restam poucas rodadas para o fim da competição, com cinco concorrentes lutando pelo troféu. Porém, o consolo, que não pode ser desprezado, é que o Bordeaux é um dos dois times do top six com duas partidas a menos, ainda por disputar, além do Olympique, parelho hoje em número de pontos. De qualquer forma, o alerta bordô se faz necessário.

Voando ultimamente, Michel salta sobre Douchez, do Stade Rennais (AFP)

A última rodada registrou:

Bordeaux 1 x 2 Nancy (Cavenaghi; Hadji e Dia)  – quase 30 mil pessoas no Chaban-Delmas
Para azar do bom público presente na casa girondina, o adversário do sábado foi um Nancy que aos poucos vem afastando qualquer possibilidade de rebaixamento. Mas foi decepcionante, claro, sobretudo para o zagueiro brasileiro Henrique, eleito o pior do jogo pela France Football. Por outro lado, Issiar Dia voltou a marcar e a roubar a cena pela segunda rodada consecutiva.

Montpellier 0 x 0 Monaco
Nada de gols e três amarelos para cada lado no “clássico Mon-Mon”. Bobeada enorme dos donos da casa, que se vencessem estariam atualmente na liderança isolada. Do Monaco já não espero muita coisa, então normal a falta de gols e o fato do goleiro Ruffier ter sido um dos maiores destaques do duelo.

Rennes 1 x 2 Lyon (Gyan; Michel Bastos e Lisandro López)
Lioneses crescendo no momento certo, decisivo. Depois da bela vantagem na Liga dos Campeões, vitória fora de casa para se juntar aos ponteiros da Ligue 1. Bastos e López vivem belas fases, com gols importantíssimos nos últimos jogos. Lisandro e o rival Gyan se aproximaram ainda mais do líder Niang na tábua de artilheiros, que também promete emoções nessa reta final. 

Auxerre 1 x 1 Paris Saint-Germain (Niculae; Sankharé)
Vingar-se da eliminação na semifinal da Copa da França era uma baita motivação para o AJA vencer e virar líder isolado. Mas o PSG vai dando provas de que voltou a jogar à altura do elenco e da tradição que tem.

Olympique de Marselha 1 x 0 Lens (Brandão) – Mbia-OLY foi expulso; quase 55 mil pessoas no Vélodrome
Cabeceio eficiente do atacante brasileiro, droit au but*, definiu a parada no estádio lotado em Marselha. Ben Arfa não foi bem, mas no geral o Olympique mereceu a vitória. E o OM, com um ponto e duas partidas a menos que os três co-líderes, é mais um a poder sonhar com a taça.

Valenciennes 1 x 0 Lille (Samassa) 
Placar péssimo para as pretensões lilleanas de conquista, pois deixa o time como último do top six que comanda a tabela, a três pontos do triunvirato líder. Gervinho decepcionou e já não é o atacante decisivo que foi em 2009. Destaque, no VAFC, para o atacante francês naturalizado malinês Mamadou Samassa, agora com sete gols na Ligue.

Grenoble 1 x 2 Lorient (Akrour; Gameiro e Fanchone) 
Se Fabien Audard, goleiro do Lorient, foi eleito o melhor do confronto, imagina-se a dificuldade dos visitantes, em oitavo na classificação, para bater os donos da casa, lanternas desde a quarta rodada. Kevin Gameiro é candidato forte à artilharia-geral, heim!

Nice 0 x 0 Sochaux 
Xoxo o encontro entre décimo quarto e décimo quinto (são vinte times ao todo). Tia Nice que me perdoe, mas passo… 

Saint-Etienne 2 x 0 Le Mans (Varrault e Benalouane) – Mirallas-SAI foi expulso
Apesar da vitória, os Verdes tiveram como desfalque negativo o atacante belga Kevin Mirallas, que entrou do banco de reservas e foi expulso depois de 23 minutos em campo. Mas houve bom público no Geoffroy-Guichard e a vitória mantém o ASSE a seguros oito pontos do Boulogne, primeiro a cair para a segunda divisão se tudo acabasse hoje. Já o Le Mans continua muito perto da próxima Ligue 2.

Boulogne-sur-Mer 1 x 1 Toulouse (Kapo; Braaten)
Péssimo para a pretensão dos anfitriões em permanecer na elite francesa no segundo semestre. O TFC, infelizmente, é outro que parece destinado a cumprir tabela nesses jogos que restam até maio. 

Brandão agradece a corrente marselhesa que ajuda o time a se manter no alto (AFP)

Lembrando: faltam somente 7 rodadas para o final do Campeonato Francês 2009/2010!

>> Tabela de classificação: Lyon (57 pontos em 31 jogos), Montpellier (57 pontos em 31 jogos) e Auxerre (57 pontos em 31 jogos) lideram. Clique AQUI

>> Artilharia: Niang (Olympique) tem 15 gols; Gyan (Rennes), Lisandro (Lyon), Nenê (Monaco) e Gameiro (Lorient) somam 13. Clique AQUI

*”Droit au but” significa direto para o gol e é a expressão que faz parte do escudo do Olympique de Marselha

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 22 de março de 2010 Francês da 1ª divisão, Francês de divisões menores | 21:28

Não há folga no Francês

Compartilhe: Twitter

Faltam apenas 9 rodadas para o fim do Campeonato Francês 2009/2010!

Por mais que o Bordeaux resista ao acossamento (existe isso?) dos rivais e não largue a liderança da Ligue 1, não há nenhuma facilidade na luta girondina pelo bicampeonato. Mais uma vez, Montpellier e Auxerre também venceram na rodada e não desgrudaram do topo da tabela e do sonho de alcançar a taça.

A vantagem do Bordeaux para o Montpellier, que tem o mesmo número de pontos (56), é possuir um jogo a mais por disputar. Na cola de ambos, um ponto atrás, está o Auxerre (55). Com 53 e também uma partida ainda por jogar, o Olympique de Marselha segue vivíssimo no páreo. Já Lille e Lyon, com 51, estão um pouco mais distantes e teriam que torcer contra muitos times para levantar o troféu – mesmo a luta por vagas nas copas europeias não será fácil, pois eles estão em quinto e sexto na classificação, e só os cinco primeiros jogarão algum torneio continental a partir do segundo semestre.

Destaque brasileiro na rodada, Jussiê celebra perto do craque Gourcuff (à direita) e do chefe Blanc (à esquerda)

Lá em baixo, onde a situação parecia definida no primeiro turno, os últimos colocados começaram a colecionar pontos e animar a briga contra o rebaixamento para a segunda divisão. Inclusive tivemos uma troca de posição após a 29ª journée: o Boulogne-sur-Mer passou o Le Mans (23 pontos a 21), relegando-o à vice lanterna, seis pontos à frente do derradeiro Grenoble (15 pontos). Se o campeonato acabasse hoje, esses três cairiam. Mas pelo menos Boulogne e Mans ainda podem alcançar Nice (32) e Saint-Etienne (29), que devem ficar bem espertos para não serem degolados quando maio chegar.

Repetindo o post de ontem, coloco os resultados e goleadores da rodada abaixo. O meia Jussiê foi o único brasileiro a balançar as redes, e o ganense Asamoah Gyan o único a marcar mais de uma vez, para o Stade Rennais, se juntando na luta pela artilharia geral, que (também) anda bastante agitada nesta reta final de competição – nesta rodada, nomes como Loïc Rémy, Ireneusz Jelen e Victor Hugo Montano entraram no páreo.

Bordeaux 3 x 1 Lille (Ciani, Jussiê de pênalti e Gourcuff; Hazard) – Ricardo Costa-LIL foi expulso; mais de 32 mil pessoas no Chaban-Delmas 
Montpellier 2 x 1 Valenciennes (Joris Marveaux e Montano; Ben Khalfallah) 
Auxerre 2 x 1 Le Mans (Jelen e Pedretti; Helstad) 
O. Marselha 2 x 1 Lyon (Kaboré e Taiwo; Gomis) – mais de 52 mil pessoas no Vélodrome
Boulogne 2 x 0 Lorient (Marcq e Koscielny contra) 
Rennes 4 x 1 Toulouse (Hansson, Gyan 2 e Kembo-Ekoko; Braaten) 
Grenoble 0 x 0 Monaco – Viviani-GRE foi expulso
Nice 1 x 0 Paris-SG (Rémy) – portões fechados no Stade du Ray
Saint-Etienne 0 x 0 Nancy
Lens 0 x 0 Sochaux – mais de 33 mil pessoas no Félix-Bollaert

Asamoah Gyan não será esquecido tão cedo pelos adversários do Toulouse

Ligue 2
Curiosamente, nenhum dos sete primeiros colocados venceu na 29ª rodada da segundona francesa. A tabela de classificação mostra Caen (56 pontos) e Brest (52) como fortíssimos candidatos a ascender para a Ligue 1 2010/2011. Com alguma chance de acabar com a alegria do Metz (46), terceiro e último a pegar o elevador se tudo acabasse hoje, Angers, Arles-Avignon e Nîmes somam 42 pontos e ainda têm o direito de sonhar. Acompanhemos também!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 17:26

Resultados e um plus da 25ª journée

Compartilhe: Twitter

Saint-Etienne 1 x 0 Montpellier (Rivière) 
Os visitantes perderam uma rara oportunidade de se igualar ao líder Bordeaux na tabela, até porque os Girondinos não jogariam mesmo. Mas com a derrota, viram o Lille encostar e podem perder o Bordeaux de vista quando este realizar o jogo que lhe falta, contra o Auxerre. Pros donos da casa, foi excelente na luta contra o rebaixamento.

Rennes 1 x 2 Lille (Leroy; Frau e Aubameyang)
Pulo do gato do LOSC, vivíssimo na luta pelo título. Os Lilleanos têm o melhor ataque disparado do Campeonato Francês, com 48 gols em 25 partidas. Pierre Alain-Frau chegou ao décimo gol na Ligue 1, aproximando-se de Gervinho, estacionado nos 11. Com campanha mediana, o Stade Rennais é o nono na classificação.

Sochaux 0 x 4 Lyon (Michel Bastos 3 e Lisandro López) 
Um show à parte do meia-atacante lionês e lateral-esquerdo da seleção brasileira, ainda nos planos de Dunga para a Copa do Mundo próxima. Se a versatilidade for um critério na escolha do treinador brasileiro, Bastos Fernandes, como é conhecido pelos franceses, está pertinho da África do Sul. E não esqueçamos do tento de Lisandro, pois o argentino já soma dez em vinte jogos na Ligue 1, incomodando os principais goleadores.

Embalado pela vitória sobre o Real Madrid na terça-feira, o OL segue na quarta colocação, mas pertinho de Lille (um ponto) e Montpellier (dois). O Sochaux, do ex-corintiano Carlão, é apenas o décimo quinto.

Olympique 3 x 1 Nancy (Mamadou Niang 3; André Luiz) – quase 48 mil pessoas no Vélodrome
É justamente por causa de Mamadou que não podemos afirmar que Michel Bastos foi “o dono” da rodada do fim de semana, afinal o atacante senegalês também deixou o seu triplete em Marselha. No caso de Niang, o feito teve o sabor de subir à artilharia isolada do torneio, superando, com uma só tacada, os estacionários Gervinho e Nenê – sua média de gols é de excelentes 0,7 por partida.

Pena que o zagueiro brasileiro André Luiz tenha balançado as redes numa jornada infeliz para o Nancy, 14º na tabela. O OM mantém sua bela fase permanecendo apenas um pontinho atrás do OL, em quinto.

Lens 3 x 0 Monaco (Jemaa, Roudet e Bedimo, de pênalti) – mais de 33 mil espectadores no Félix Bollaert
Com Nenê e Eduardo Costa em dia decepcionante, o ASM perdeu os ponteiros de vista e só conseguiu acumular cartões amarelos no norte francês. Melhor para o Lens de Eduardo Santos, que subiu para 13ª diante de ótimo público em casa.

Grenoble 0 x 1 Valenciennes (Sanchez)
O VAFC já provou que não é bobo, se aproveitando do lanterna para vencer mesmo longe de seus domínios.

Nice 1 x 0 Lorient (Rémy, de pênalti)
O que seria da tia Nice sem o aplicado sobrinho Loic Rémy, que está entre os oito maiores artilheiros do campeonato? Estaria com certeza muito mais perto da degola – atualmente, são seis pontos para o 18º, o Le Mans. 

Paris-SG 1 x 0 Toulouse (Hoarau, de pênalti) – Ebondo-TOU foi expulso aos 21 minutos do 1º tempo
O lance capital do duelo no Parc des Princes foi esse: Luyindula partiu pra cima da defesa do TFC e foi derrubado por Ebondo dentro da área. O zagueiro foi expulso, Hoarau converteu a penalidade máxima e o PSG ganhou a primeira no ano, enfin! Sem o lesionado Gignac, o Toulouse nada pôde fazer. As duas equipes estão separadas por um ponto, nas 11ª e 12ª colocações.

Boulogne 1 x 3 Le Mans (Yatabaré; Dossevi, Cerdan e Maïga) 
O time da casa tinha a chance de mostrar que não é o segundo pior do Francês. Mas como de fato é, os visitantes venceram e se mantiveram como os terceiros piores… Quanta honra!

*Bordeaux x Auxerre foi adiado por causa de Olympiacos x Bordeaux, no dia 23 (Liga dos Campeões)

>> Tabela de classificação: Bordeaux lidera (51 pontos), seguido por Montpellier (48) e Lille (47). Clique AQUI

>> Artilharia: Niang (Olympique) tem 14 gols, Nenê (Monaco) soma 13 e Gervinho (Lille), 11. Clique AQUI

O time de Carlão (de amarelo) foi a maior vítima da história de Michel em um só jogo (AFP)

O time de Carlão (de amarelo) foi a maior vítima da história de Michel em um só jogo (AFP)

Bracigliano, de verde, sentiu na pele o poder de fogo do maior demolidor de goleiros até aqui, Mamadou Niang (AFP)

Bracigliano, de verde, sentiu na pele o poder de fogo do maior demolidor de goleiros até aqui, Mamadou Niang (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 22:52

Pinceladas da journée

Compartilhe: Twitter

Caríssimos, é mais do que chato eu, volta e meia, me desculpar por demorar a escrever aqui ou não me alongar como deveria. Mas na redação a regra é clara: primeiro o noticiário do dia, depois, no tempo que sobra (quando sobra), blog.  Hoje, segunda, foi dureza o trampo, então vamos apenas de pinceladas sobre a 22ª rodada do Campeonato Francês (quem quiser trazer mais informações, é muito bem vindo):

Bordeaux 0 x 0 Boulogne-sur-Mer
O líder disparado não consegue vencer o vice-lanterna: péssimo pros Girondinos, excelente para o caçulinha da Ligue 1 e ótimo pro campeonato. Agora, caiu pra seis pontos a vantagem do Bordeaux para o vice Montpellier. A diferença ainda é confortável, mas cada vez menos imbatível.

Lille 1 x 0 Lens (Hazard) 
O promissor meia belga resolveu e manteve o LOSC, terceiro na tabela, dos primeiros na tabela. Desponta no Lille a mesma qualidade do Bordeaux: a não-dependência de apenas um goleador, com vários jogadores capazes de decidirem placares com assistências e gols. Qualidade que, em longo torneio de pontos corridos, faz total diferença.

Monaco 3 x 2 Nice (Park 2 e Nenê; Ben Saada e Digard) – Civelli-NIC foi expulso 
Boa presença da dupla de ataque monegasca, formada pelo brasileiro e pelo sul-coreano responsáveis pelos gols dos anfitriões. Nenê, que no fim da janela europeia ficou mesmo no Principado, ampliou a distância na artilharia para Gervinho (13 gols). Park, com oito, entrou no Top Ten.

Nancy 1 x 0 Lorient (Hadji) 
Melhor jogador do ASNL, o marroquino Youssouf Hadji chegou ao seu oitavo gol, entrando no rol dos dez maiores goleadores da competição. Como uma seleção que tem bons valores ofensivos como Hadji (29 anos) e Marouane Chamakh (26 anos), artilheiro do Bordeaux, não consegue se classificar nem para a Copa Africana de Nações? Me espanta…

Rennes 4 x 0 Grenoble (Danzé, Marveaux 2 e Bangoura) 
Contra o lanterninha, tinha que dar Stade Rennais mesmo.

Camara e Montano comemoram gol do Montpellier, 2º melhor time do Francês (AFP)

Camara e Montano comemoram gol do Montpellier, 2º melhor time do Francês (AFP)

Le Mans 1 x 3 Toulouse (Ouali; Machado, Gignac e Kazim-Richards) 
Boa demonstração de força do TFC. Melhor ainda é ver André-Pierre Gignac, artilheiro da Ligue 1 2008/2009, em paz com as redes – foi seu sexto gol no atual certame.

Montpellier 2 x 0 Olympique (Aït-Fana e Cheyrou contra) 
O MHSC também mostra que não é figurante no Francês. Diminuiu a distância para o Bordeaux, como eu já disse, em cima do tradicionalíssimo Marselha.

Auxerre 1 x 0 Saint-Etienne (Mignot) 
Vitória com a cara do AJA: magrinha, magrinha. O ASSE está a quatro pontos da zona de rebaixamento, mantendo a perigosa sina.

Valenciennes 1 x 1 Sochaux (Audel e Perquis)
Os dois estão no miolo da classificação, separados por dois pontos. Então podemos dizer que o resultado foi justo até contestação em contrário. 

Lyon 2 x 1 Paris Saint-Germain (Gomis e Cris; Erding) – Sakho-PSG foi expulso
Como oportunamente frisaram os leitores Eduardo e Filipe no post de domingo, a expulsão do zagueiro parisiense foi determinante para a derrota do PSG, que vencia e jogava melhor quando a parada estava no 11 contra 11. Mas não crucifiquemos um defensor de 19 anos, que enfrentava nada menos que o OL em Gerland, né mesmo?

A se frisar, que o turco Mevlut (nome estiloso!) Erding foi a nove gols, colou nos artilheiros e provou que vem ofuscando Guillaume Hoarau na linha de frente do Paris. Que Bafétimbi (inigualável!) Gomis foi recompensado com um gol, pois chutou duas na trave de Edel. E Cris, foi recompensado em dia fraco do companheiro Boumsong…

(nesta terça, se tudo sair como previsto, falo do fim da janela europeia de transferências)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010 Copas francesas | 22:19

Quarta… de Copas!

Compartilhe: Twitter

**COPA DA LIGA FRANCESA** (Quartas-de-finais)

Quarta, 27/01

Lorient (L1)
1 x 0 Lyon (L1) 
– O oportunista Kevin Gameiro decidiu a parada para os donos da casa logo aos 4 minutos de jogo, pois a falta de inspiração do OL (titulares, reservas e técnico Puel) impediu o time, que virou uma bagunça total nos últimos quinze minutos, de buscar o empate. Agora, o Lorient enfrentará Bordeaux ou Sedan numa das duas semifinais.

Sinal de alerta para os lioneses: o time está fora das duas Copas francesas, encontra-se 11 pontos atrás do líder Bordeaux no Campeonato Francês e tem “só” o Real Madrid pela Liga dos Campeões da Europa. Tá feio, heim…
 
Olympique (L1) 2 x 1 Lille (L1)
Túlio de Melo inaugurou o marcador para os visitantes (sem Gervinho) logo no comecinho, mas Lucho González já deixou tudo igual para o Marselha (sem Brandão) antes dos 10 minutos iniciais. Na segunda etapa, Cabaye deixou o LOSC com um a menos, e o OM não perdoaria: Valbuena fez o gol da vitória e da classificação no Vélodrome.

Guingamp (L2) 0 x 1 Toulouse (L1) 
– O defensor Ebondo foi o nome do gol do TFC, adversário do Olympique na outra semifinal.

Terça, 02/02
17h45 – Bordeaux (L1) x Sedan (L2)

 

Não deu, parte 1: Michel Bastos, brasileiro do Lyon, passou em branco (AFP) Não deu, parte 1: Michel Bastos, brasileiro do Lyon, passou em branco (AFP)

 

Não deu, parte 2: Túlio de Melo, brasileiro do Lille, marcou, mas foi pouco (AFP)

Não deu, parte 2: Túlio de Melo, brasileiro do Lille, marcou, mas foi pouco (AFP)

 

**COPA DA FRANÇA** (1/16-de-finais)

Quarta, 27/01
Colmar (4º) 1 x 2 US Boulogne-sur-Mer – o esperado!
AS Nancy-Lorraine 0 x 2 Stade Plabennec (3ª) – zebraça!!

Terça, 02/02
17h – Toulouse x Brest (2ª)  

Quarta, 03/02
17h – Villefranche-sur-Saône (4ª) x Saint-Etienne

Sem data ainda:
Lens x Marseille
Sochaux x Le Mans

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 20:43

Bom para o campeonato

Compartilhe: Twitter

A primeira rodada do Campeonato Francês de 2010 teve resultados interessantes para a competitividade do torneio. Com o empate do Bordeaux e mais uma vitória do Lille, a diferença entre líder e vice caiu de 9 para 7 pontos. Ainda é uma baita duma vantagem, mas certamente menos confortável. Pelo bem da disputa, Le Blog não deseja que a competição se encerre matematicamente com muitas rodadas de antecedência…

Bordeaux x Olympique foi o clássico que encerrou a journée, e com polêmica. Chamakh abriu o placar para os donos da casa em lance controvertido, dividindo no alto com o goleiro Mandanda. Foi falta? Vi o lance mais de uma vez e acho que não, que a dividida foi lance normal de jogo. Não acho correta aquela máxima segundo a qual o goleiro, dentro da pequena área, é “intocável”. Nem na pequena, na grande área ou fora delas.

No segundo tempo, com um a mais (Planus foi expulso), o Marselha empataria com Cheyrou, aproveitando desvio de Brandão. Foi mantido o tabu: desde 1977 o OM não vence na terra girondina! No mesmo dia em que foi a campo, o Olympique desistiu de contar com Mancini. Para o clube, que cansou de esperar, o brasileiro foi desrespeitoso ao não dar uma resposta nem positiva nem negativa. Para o empresário do meia, a culpada pelo fracasso da negociação foi a Inter de Milão, que tem contrato com Mancini. O caso se encerra de forma triste, com a alfinetada do presidente Jean-Claude Dassier: “Se ele não quer vir, não vem. Ele prefere ver os jogos da Inter pela TV do que jogar pelo Marselha”.

Já o Lille manteve a média de ganhar marcando pelo menos três por partida: 3 a 1 no Paris Saint-Germain. Isso porque o LOSC estava desfalcado do seu maior artilheiro, Gervinho, que defende Costa do Marfim na Copa Africana de Nações. Pobre PSG!

O terceiro na tabela ainda é o Montpellier (36), um pontinho atrás do Lille (37). Eu disse “ainda” porque não creio que o MHSC, que fez a lição de casa batendo a tia Nice (1 a 0), consiga sustentar por muito tempo essa posição no “pódio” da Ligue 1 – que rende as vagas francesas na Liga dos Campeões da Europa. A turma dos 33 pontos me parece capaz de ascender na classificação: Olympique, Lyon, Monaco e Auxerre. Principalmente OM, OL e ASM, com ataques muito mais efetivos do que o defensivo AJA, incapaz de furar a frágil defesa do penúltimo Boulogne em casa.

Mesmo sem brilho, os Lioneses saíram vitoriosos nos domínios do Nancy, aplicando 2 a 0 graças a falhas da defesa rival em escanteios. O “velho” zagueiro brasileiro Cris, aquele mesmo, fez o primeiro, depois que o goleiro rival Bracigliano “caçou borboletas” na saída. Gonalons fechou o marcador, salvando um dia nada inspirado dos atacantes. E o Monaco viu o também brazuca Nenê ressurgir na artilharia, marcando os dois da vitória sobre o Sochaux e, com isso, reassumindo a dianteira entre os goleadores da competição.

A 21ª rodada já acontece amanhã, terça (Saint-Etienne x Rennes) e quarta-feira (os outros nove jogos). Vinde, emoção!

Depois de amargar uma seca, Nenê tirou não um, mas dois pesos das costas (AFP)

Depois de amargar uma seca, Nenê tirou não um, mas dois pesos das costas (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 3
  3. 4
  4. 5
  5. 6
  6. 7
  7. Última