Publicidade

Posts com a Tag Nabab

quarta-feira, 26 de outubro de 2011 Copas francesas, Franceses no mundo | 21:53

PSG, Montpellier e Auxerre eliminados nas 8as da Copa da Liga Francesa

Compartilhe: Twitter

michel-bastos-lacazette

Ederson observa a dancinha de Bastos e Lacazette, para fúria da torcida verde no Geoffroy-Guichard (Olweb)

Zebras e confirmações nos oito jogos eliminatórios. Ontem, o Olympique de Marselha não deu chances pro Lens, 4 a 0. Gignac fez seu primeiro na temporada. Jordan Ayew e Remy, duas vezes, complementaram (Acertei esse palpite!).

Hoje, fortes emoções no primeiro jogo do dia, Dijon x PSG, que no domingo duelaram pela Ligue 1 com 2 a 0 pró-Parri. E não é que o modesto Dijon conseguiu a revanche, deixando o poderoso e milionário da história pelo caminho? (Claro que errei esse)

Foi muito bom o primeiro tempo no Stade Gaston Gerard, com quatro gols, embora o líder do Francês não encarasse a partida com a mesma gana do adversário (o técnico Patrice Carteron se esgoelando volta e meia demonstrava bem esse espírito…). Com Nenê, Pastore e Gameiro poupados, Bahebeck e Erding ganharam uma chance no mistão parisiense que começou dando as cartas: eles construíram a vantagem dos visitantes, o primeiro marcando de falta (que categoria do garoto!) e o segundo complementando bela jogada de Menez.

Mas os anfitriões reagiram rápido, com Sankharé batendo pênalti (duvidoso, de Lugano em Jovial – eu não daria, os dois se puxaram) e Berenguer concluindo rápida trama ofensiva. Aos 15 do 2o, novo pênalti pro Dijon (bola na mão de Camara, imprudente), Jovial venceu Douchez por centímetros e virou! Aos 25, vendo a água bater no traseiro, Kombouaré teve de lançar mão dos titulares; vieram Nenê e Gameiro, Pastore não. Pressão forte, jogo mais brigado, 3 bolas ao todo na trave do PSG, Menez sendo fominha em alguns lances, e o abafa não deu resultado. Leonardo e cia tiveram de deixar o estádio de cabeça baixa…

Outro jogão do dia foi Saint Etienne x Lyon, que levaram o tradicional clássico pela primeira vez a uma Copa da Liga. Um pouco melhor, o OL abriu o placar após falta sofrida por Michel Bastos nas imediações da área. Ele, Ederson e Kallstrom se prepararam, o sueco bateu na barreira, mas ela sobrou de frente pra Briand, de frente pra Ruffier. Ele chutou, houve um desvio no caminho mas a bola encontrou as redes aos 40 minutos.

jovial-lugano

Ceará observa o lance que virou pênalti de Lugano em Jovial, esbanjando jovialidade! (Site DFCO)

Segundo tempo e novamente os lioneses mais perto do gol. Depois do pênalti claro sofrido por Lacazette, Bastos foi impedido de cobrar não pelas milhares de vaias, mas pelos rojões atirados perto do gol de Ruffier. A tal ponto que a arbitragem saiu de campo e chamos os capitães pra conversar no vestiário! Na volta, o brasileiro bateu, marcou, comemorou muito perto da torcida e reservas adversários e deixou o jogo mais nervoso ainda, com novo tumulto. Aubameyang descontaria, mas não havia tempo pros stéphanois evitarem a vitória rival no 106o dérbi da história (apostei no ASSE…). Aos verdes, resta esperar quatro dias pelo reencontro de domingo pela Ligue 1.

Em casa, o Lille não bobeou diante do Sedan: 3 a 1, com gols de Pedretti, Joe Cole e Jelen (boa, acertei!). Túlio de Melo foi titular. Já o Auxerre, ex-time de Pedretti e Jelen, não conseguiu se garantir diante de sua torcida: levou 2 a 1 do Caen (um nabo com dois de Nabab!) e me dei mal nessa. Outro a decepcionar foi o Montpellier, caindo em casa diante do Lorient, outro 2 a 1, com um a menos desde os 10 minutos do 2o tempo (errei). Pentecôte conduziu a tia Nice à classificação, com mais um 2 a 1, no Sochaux (acertei). E depois de empate sem gols, coube ao Le Mans avançar ao bater o Rennes por 4 a 1 nos penais (falhei de nouveau).

Minutos depois já conhecemos os confrontos das quartas, marcados inicialmente para 10 de janeiro de 2012, uma terça-feira:
Lyon x Lille (olha o Ly-Li de vorta!)
Caen x O. Marseille
Le Mans x Lorient
Nice x Dijon

Enquanto isso, na Espanha…
…Karim Benzema abriu o placar na vitória do Real Madrid sobre o Villarreal, 3 a 0, muito bom para sua disputa com o argentino Gonzalo Higuain por uma vaga no galáctico ataque merengue.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,