Publicidade

Posts com a Tag Levski Sofia

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010 Franceses no mundo, Torneios europeus | 23:18

Liga Europa: Lille perde para Sporting e precisa da vitória

Compartilhe: Twitter

Desculpe a demora para colocar esse texto aqui, tivemos uma pane no sistema de blogs do iG por algumas horas 

Como eu imaginava e temia, o LOSC não segurou o líder do grupo C em Portugal: perdeu por 1 a 0, com gol do zagueiro brasileiro Ânderson Polga (aquele revelado pelo Grêmio, campeão do mundo em 2002. Ele está desde 2003 no time lisboeta!).

Agora, o Sporting foi a 12 pontos e garantiu a classificação para a próxima fase da Europa League. Como venceu o Levski Sofia por 1 a 0, o Gent somou 7 e passou o Lille, que permaneceu com 5. A equipe búlgara estacionou nos 4. Na última rodada da chave teremos Lille x Gent duelando pela segunda vaga na França. Em favor do time belga está o empate. Em prol do LOSC, o fator casa para vencer e avançar. Levski x Sporting será apenas para cumprir tabela.

sporting_lille_liedson_emerson_reuters1

Um duelo de brasucas de nascimento em Lisboa (Reuters)

Jogando com a camisa “limpa”, sem patrocínio, o Lille teve Túlio de Melo no ataque e Emerson pela lateral-esquerda como titulares. Sow, Cabaye e Frau, tantas vezes titulares, começaram no banco. Depois de poucos lances agudos, veio o gol dos portugueses, aos 28 minutos: escanteio, bate-rebate confuso na área e Polga finalizou cruzado. O goleiro Landreau reclamou de toque de mão, mas não sei se houve. O que percebi que existiu foi um empurrão de Liedson em Emerson. Suave, mas houve, e nem o árbitro principal nem o da linha de fundo viram.

Tentando reagir, o Lille esbarrava na forte marcação do Sporting, com algumas faltas e até cartões amarelos. Numa cobrança pelo alto na área, Chedjou cabeceou livre, mas a bola passou por cima do gol. Justamente Sow, Cabaye e Frau vieram a campo na etapa complementar, mas o LOSC não conseguiu marcar, nem quando acertou a trave lisboeta aos 35 minutos! Realmente não era o dia da equipe francesa no José Alvalade…

Amanhã, quinta, teremos PSG x Sevilla, que vai passar ao vivo na ESPN Brasil, às 16h, e em VT às 21h na ESPN.

Patrick Vieira
Foi o francês de maior destaque na rodada de hoje da Liga Europa. Titular do Manchester City, foi à área do Red Bull Salzburg e deu a assistência para Balotelli fazer seu segundo gol no 2º tempo na Inglaterra.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 4 de novembro de 2010 Brasileiros na França, Torneios europeus | 21:25

Liga Europa: Empates mantêm status quo de PSG e Lille

Compartilhe: Twitter

Os times franceses não venceram hoje, mas no saldo final os empates foram mais bons do que ruins, pois os mantiveram nas respectivas zonas de classificação em seus grupos, impedindo que os rivais diretos desta quinta (Borussia e Levski) os ultrapassassem.

Em Paris
No Parc des Princes, nada de gols para PSG x BVB, embora o jogo merecesse ter bolas na rede. Motivado em casa e com Ceará e Nenê titulares (e bastante acionados), o time francês começou atacando mais o Borussia, mas rapidamente o atual líder do Campeonato Alemão equilibrou as ações. A primeira jogada clara de gol veio aos 18 minutos, quando o lateral brasileiro cruzou para o cabeceio de Mevlut Erding, que mesmo livre jogou por cima. Aos 30 o atacante perdeu outra ótima chance, quando Luyindula enfiou dentro da área e ele, de cara para o goleiro, mandou longe.

O segundo tempo começou da mesma forma, com o PSG insistindo pelos cruzamentos vindos da direita, sobretudo com Ceará. Mas Erding continuou concluindo mal. Aos 5, recebeu sozinho na área um passe por cima de Clement, quando a zaga rival parou, mas chutou em cima de Weidenfeller, que espalmou para escanteio. Lucas Barrios respondeu para o Dortmund chutando com perigo para Apoula Edel aos 8. Mais necessitado dos três pontos por estar atrás na tabela, o time visitante intensificou as ações ofensivas.

Mevlut_Erdinc_Mats_Hummels_PSG_Borussia_Dortmund_reuters

Erding, Erdinc ou Erdinç, que seja: tu precisa treinar a pontaria, meu! (Reuters)

Até que aos 20 minutos viria a melhor de todas as chances parisienses, quando Nenê deu lindo toque para Mevlut, que ganhou do zagueiro e apareceu de novo na cara do goleiro. Mas aí adivinha? Chutou em cima do alemão, para variar… Um minuto depois, Antoine Kombouaré tirou Nenê e pôs Jallet, jogador de defesa, o que sinceramente não gostei, porque segurar o empate (e não uma vitória) àquela altura pareceu cauteloso demais – e chamou o adversário para cima do Parrí. Esperava eu ver Hoarau ou Giuly em ação. Mas Erding sairia só aos 29, e para dar lugar a Chantôme, meia, o que novamente me desagradou.

Nos 20 minutos finais, o Borussia assustou com oportunidades reais para abrir o placar. Edel trabalhou muito bem ao espalmar pancada do japonês Kagawa e daria sorte quando Grosskreutz finalizou, a bola desviou em Tiéné, saiu do seu alcance e não entrou por poucos centímetros. Por fim, o goleiro camaronês naturalizado armênio (!!) salvaria a pele francesa aos 45, quando pegou arremate de Lewandowski cara a cara.

Com o apito final, o Saint-Germain segue invicto contra times alemães em casa (4 vitórias e 1 empate) e foi a 8 pontos na chave J. Fica atrás do Sevilla, que soma 9 depois de golear o Karpaty (sem pontos) por 4 a 0, mas segue três pontos à frente do Borussia a duas rodadas do fim, quando encarará Sevilla em casa (empate é ótimo) e Karpaty fora (vitória ratifica a vaga).

levski_sofia_lille_tulio_de_melo_ap

Mesmo acossado pelos caras de azul, Túlio de Melo foi eficiente pelo alto (AP)


Em Sofia
Altas emoções sobretudo nos minutos finais de Levski 2 x 2 Lille. No primeiro tempo, Garra (!) Dembele abriu o placar para o visitante búlgaro aos 11 minutos – depois de lambança total de Chedjou -, mas o atacante brasileiro Túlio de Melo deixaria tudo igual aos 35, complementando escanteio de Obraniak de cabeça, no primeiro pau – antes, ele já tinha acertado um chute na área. Na segunda etapa, o placar que contentava o LOSC se manteve até os 38 minutos, quando Gadhzev, camisa 45, marcou para o Levski.

Quando eu já pensava em fazer um trocadilho besta com a eleição presidencial brasileira (dizendo que hoje o 45 se deu melhor do que domingo…), veio o balde de água fria no Sofia: aos 43, Yanislav Ivanov cabeceou contra o próprio patrimônio depois de cobrança de falta na área, para desolação total dos seus companheiros.

O ponto conquistado na Bulgária foi fundamental para o Lille seguir na vice-liderança, pois o Sporting Lisboa não resistiu ao Gent (3 a 1 ) jogando na Bélgica, sofrendo dois gols nos últimos dez minutos, quando ficou com um a menos em campo. E manteve a equipe francesa em vantagem em relação ao Sofia no confronto direto, caso haja a necessidade de desempate. No fim das contas, o time português seguiu com 9 pontos, seguido pelo LOSC, com 5, e logo atrás, Levski e Gent, com 4.

Ou seja, tudo segue embolado no grupo C a duas rodadas do fim da fase de classificação. Lembrando que o Lille ainda terá Sporting (fora, muito difícil) e Gent (casa, provavelmente com a necessidade da vitória) pela frente.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Torneios europeus | 00:08

PSG x BVB terá TV

Compartilhe: Twitter

Um dos principais duelos desta quinta-feira pela quarta rodada da Liga Europa, Paris Saint-Germain x Borussia Dortmund será transmitido ao vivo pela ESPN, às 18h05 pelo horário de Brasília. Se vencer no Parc des Princes, o time francês, líder do grupo J, garante a classificação antecipada para a próxima fase.

Às 16h de Brasília, o Lille defende a vice-liderança da chave C contra o Levski Sofia, que vem em terceiro com um ponto a menos. Um empate na Bulgária, diante de um rival direto pela classificação, até que não seria um mau resultado para o LOSC.

Autor: Tags: , , , ,

quinta-feira, 21 de outubro de 2010 Torneios europeus | 17:58

PSG se mantém sólido. Lille vence e vira vice

Compartilhe: Twitter

Ótimo o empate do Paris Saint-Germain contra o Borussia Dortmund (1 a 1), na Alemanha, pela terceira rodada da fase de grupos da Liga Europa. Se o time francês perdesse, teria de dividir a liderança da chave J com o Dortmund e o Sevilla, que fez 1 a 0 no fraco Karpaty, da Ucrânia. Porém, manteve a invencibilidade e a ponta isolada, um ponto à frente da equipe espanhola.

O Lille finalmente soube o que é vencer na Europa League, depois do 1 a 0 no Levski Sofia, da Polônia, no Lille-Métropole. Com a goleada do Sporting Lisboa para cima do belga Gent, em Portugal, por 4 a 1, o time francês subiu para a vice-liderança isolada (4 pontos), atrás apenas dos lusitanos, que dispararam (9). Levski segue com 3 e Gent tem 1.
 

BVB 1 x 1 PSG

borussia_dortmund_psg_sakho_blaszczykowski_reuters

Sakho chama Blaszczykowski (repita!) para dançar no friozinho da Alemanha... (Reuters)

Sem contar ainda com o lateral-direito brasileiro Ceará, que treina para retomar o ritmo de jogo depois de se recuperar de estiramento na coxa direita, o técnico Antoine Kombouaré escalou Edel; Jallet, Camara, Sakho e Tiéné; Makelele, Bodmer (Clément, aos 23 do 2º) e Sességnon; Nenê (Chantôme, aos 37 do 2º), Luiyndula e Erding (Hoarau, aos 27 do 2º).  Do lado rival, um brasileiro titular: o lateral-esquerdo Dedê, ex-Atlético Mineiro. Mas seriam os reservas que teriam participação mais decisivas nos gols do jogo.

Dominado na maior parte da primeira etapa, o PSG conseguiu resistir coletivamente em um jogo que mantinha o bom nível, apesar das poucas chances claras de gols – como um desvio de Lucas Barrios que resvalou a trave de Apoula Edel, que fez “golpe de vista”. Entretanto, logo aos 3 minutos do segundo tempo, tudo mudaria quando Sakho bobeou, ficou em desvantagem no lance e cometeu pênalti em Götze (vindo do banco), convertido pelo meia turco Sahin – sob os olhares de seu chefe na seleção turca, Guus Hiddink.

Com a desvantagem no frio Westfalenstadion, o Paris marcou mais presença no campo de ataque, criando perigo na medida em que o tempo passava – em uma boa chance desperdiçada, o narrador alemão da transmissão que eu ouvia soltou um “ai ai ai ai ai ai ai” como se fosse brasileiro, diante das bobeadas seguidas da defesa da casa… Até que Hoarau recebeu na área de Jallet, de costas pro gol, descolou espaço, girou e cruzou para trás. Chantôme, que havia entrado 5 minutos antes, dominou e chutou forte, alto. O goleiro Weidenfeller, com a visão encoberta, tentou adivinhar o caminho da bola mas não teve sorte.

O narrador germânico questionou a participação de Luyindula, impedido, no lance do gol – o camisa 8, ao ver Chantôme pronto pra chutar, tenta se esconder atrás de um zagueiro para sair do caminho da bola. Como não houve desvio e o lance foi rápido, acho complicado o bandeira perceber ou não a participação do meia-atacante no lance em questão de segundos e, portanto, considerar a hipótese de invalidar o gol.

borussia_dortmund_psg_chantome_reuters

Olhe atentamente para a fotografia acima e tente achar Peguy Luiyndula atrás do camisa 15 amarelo, Mats Hummels (Reuters)

 

LOSC 1 x 0 LEVSKI

lille_levski_sofia_rudi_garcia_reuters

Rudy Garcia, l'entraîneur du LOSC

Deixando uma galera de respeito no banco (Gervinho, Rami, Sow, Mavuba e Cabaye), Rudi Garcia escalou Landreau; Vandam, Rozehnal, Chedjou e Béria; Dumont, Gueye e Balmont; Obraniak, Hazard e Frau. Túlio de Melo, machucado, continua fora de combate. O rival búlgaro alinhou com o atacante brasileiro Joãozinho, ex-Cruzeiro e Santa Cruz.

Tomando a iniciativa da partida, levado pela necessidade da vitória para superar o adversário na pontuação, o Lille criou mais oportunidades de perigo no primeiro tempo, duas: Obraniak acertando o travessão de Mitrev depois de girar com estilo e bater de longe e Hazard concluindo de bate pronto um chutão vindo da defesa, para ótima espalmada do búlgaro, à queima-roupa. Do lado do Levski, apenas um chute cruzado que Landreau espalmou para escanteio.

No início da metade final de jogo, veio o gol que abriu o placar. Bola na área do Sofia, a defesa rebateu parcialmente, Dumont devolveu a bola pro rebolo e Chedjou ganhou lá no alto, cabeceando no canto de Mitrev. Festa com os companheiros reservas que se aqueciam à beira do campo. Sow, GervinhÔ e MavubÁ foram para a partida em momentos diferentes, nos lugares de Frau, Hazard (com bela atuação) e Balmont. O Levski até que partiu para o ataque, tentou bolas aéreas, mas os importantíssimos três pontos sorriram pro Lille.

lille_levski_sofia_aurelien_chedjou_seghino_greene_reuters

De vermelho, Aurelien Chedjou ganha de Seghino Greene para marcar o único gol da contenda em Villeneuve d'Ascq (Reuters)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 18 de outubro de 2010 Francês da 1ª divisão, Torneios europeus | 16:01

Marselha e PSG vencem: os grandes vêm aí

Compartilhe: Twitter

A festa dos pequenos e médios parece estar com os dias contados no Campeonato Francês. Assim como aconteceu no Campeonato Brasileiro, os líderes da Ligue 1 tropeçaram (Rennes e Brest empataram, Saint-Etienne, Lille e Toulouse perderam) na rodada do final de semana e viram a aproximação de Olympique de Marselha e Paris Saint-Germain, terceiros colocados em número de pontos (15) na classificação – o Olympique tem melhor saldo de gols, 7, enquanto o PSG tem 5 e o Stade Brestois, 3.

O Rennes (19 pontos) se manteve invicto na frente, após nove rodadas, ao segurar o Lens fora de casa (zerrô-zerrô). E ainda abriu mais um ponto de vantagem para o vice Saint-Etienne (17), derrotado na casa da tia Nice (2 a 1). Porém, sabe que, se patinar nas próximas rodadas, os grandes em ascensão vêm babando no encalço. Lille e Toulouse deixaram o top 3 com derrotas para Lyon, também subindo, e PSG, respectivamente.

A vitória do OM foi sobre o Nancy, em casa. Magra, é verdade, mas são três pontos, que melhoram a colocação na classificação e ajudam o time a justificar um dos elencos mais caros do país – o meia argentino Lucho González, por exemplo, é a contratação mais cara da história do clube.

O trunfo do PSG, que aplicou 2 a0 no TFC longe de seus domínios, reforça o bom momento da defesa: o zagueiro Mamadou Sakho, capitão na ausência de Makelele, fez um dos gols; e a partida foi a sétima consecutiva do time sem tomar gols (5 pelo Francês e 2 pela Liga Europa). Ou seja, Apoula Edel está invicto há 630 minutos aproximadamente, um feito e tanto! 

Destaque ainda para os dois gols de Lisandro López sobre o Lille, sua vítima favorita desde que chegou ao Lyon: dos 18 gols que marcou na Ligue 1 desde que chegou ao heptacampeão, 5 foram sobre o LOSC (quase 30%). Yoann Gourcuff, outra transferência de peso para esta temporada, balançou as redes no seu terceiro jogo seguido (os dois anteriores foram pela seleção), ratificando sua boa fase.

>> Classificação: Rennes lidera com 19 pontos, seguido pelo Saint-Etienne, que tem 17. Paris Saint-Germain, Olympique de Marselha e Brest estão em terceiro, com 14. Confira tabela completa

Olympique de Marselha 1 x 0 Nancy: Damien Gregorini paga geral pros colegas depois do gol de Loic Rémy no Vélodrome (AFP)

Olympique de Marselha 1 x 0 Nancy: Damien Gregorini paga geral pros colegas depois do gol de Loic Rémy no Vélodrome (AFP)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

*CHAMPIONS LEAGUE e LIGA EUROPA*
Amanhã, também conhecida como terça-feira, o Olympique de Marselha entra em campo pela terceira rodada da Liga dos Campeões recebendo o MSK Zilina, da Eslováquia, às 16h45 (horário de Brasília). Sem pontos depois de duas partidas, é vencer ou vencer para almejar seguir no torneio depois da fase de grupos. No mesmo horário, o Auxerre vai à Holanda encarar o Ajax, rival contra o qual deve disputar a terceira colocação do grupo, concorrendo a uma vaga na próxima fase da Europa League.

Na quarta, o Lyon recebe o Benfica, de Portugal, no mesmo horário. Se não perder, o OL assegura a liderança do grupo B por mais uma rodada. Por fim, na quinta, Liga Europa: o PSG tem a dura missão de defender a ponta da chave J contra o Borussia Dortmund, na Alemanha (15h de Brasília). E no mesmo dia mas em horário diferente (17h05), o Lille recebe o Levski Sofia, precisando vencer para deixar a incômoda lanterna do grupo C.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 30 de setembro de 2010 Brasileiros na França, Ex-jogadores, Torneios europeus | 18:16

Os pontos esperados na Liga Europa

Compartilhe: Twitter
Nenê repetiu Michel Bastos na façanha de acertar um belo chute fora da área e estufar as redes nessa semana por uma competição europeia (AFP)

Nenê repetiu Michel Bastos na façanha de acertar um belo chute fora da área e estufar as redes nessa semana por uma competição europeia (AFP)

 

PSG tinha que vencer, Lille no mínimo precisava empatar: foi o que aconteceu na segunda rodada do “torneio B” de clubes europeus, com gol brasileiro na França. O curioso foi ver o ex-atacante brasileiro Sonny Anderson comentando o jogo do LOSC para o Canal+ Sport. Com passagens por Olympique de Marselha, Monaco e Lyon, ele é hoje treinador dos atacantes lioneses e embaixador do clube.


Paris Saint-Germain 2 x 0 Karpaty

Não veio a goleada que eu queria porque os donos da casa, com 2 a 0 já aos 20 minutos do primeiro tempo, diminuíram o ritmo. Jallet e Nenê acertaram tirambaços de fora da área, definindo o placar no Parc des Princes – veja os gols no vídeo abaixo

Com a derrota do Borussia Dortmund em casa para o Sevilla (1 a 0), o PSG lidera o grupo J, com seis pontos, seguido por Sevilla e Borussia, com três. Na próxima rodada, dia 19 de outubro, um pega difícil para o time francês: vai a Dortmund para encarar o mordido rival alemão, encerrando o turno da fase de grupos.

A finalização certeira de Frau que não perdoou nem o gramado na Bélgica (AFP)

A finalização certeira de Frau que não perdoou nem o gramado na Bélgica (AFP)


Gent 1 x 1 Lille

Pierre-Alain Frau fez o gol de empate, depois que o time belga saiu na frente – um belo tento após jogada individual pelo lado direto do ataque lilleano. Um ponto não é tão bom como três, mas é melhor que nada, até porque impede que seu adversário pontue mais que você…

Com os 5 a 0 do Sporting Lisboa sobre o Levski Sofia, o LOSC divide a lanterna do grupo C justamente com o adversário belga desta quinta (Sporting tem 6, Levski 3), com um ponto ganho. No dia 21, recebe o time búlgaro, precisando da vitória para superá-lo na tabela e fechar o turno provavelmente como segundo colocado da chave.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 16 de setembro de 2010 Brasileiros na França, Torneios europeus | 17:59

PSG e Lille, meio a meio

Compartilhe: Twitter

Uma vitória fora de casa e uma derrota no próprio quintal: 50% de saldo para os franceses na estreia da Liga Europa. Vejamos: 

Sevilla 0 x 1 Paris Saint-Germain
Mesmo pressionado pela equipe de Luís Fabiano, o time francês conseguiu criar algumas boas chances no primeiro tempo, com Maurice, Nenê, Luiyndula e Erding chegando ao ataque – até poderia ter aberto o placar se Chantôme aproveitasse melhor ótima chance de frente para Palop.

Enquanto a esquadra espanhola seguia perdendo oportunidades após a troca de campo, um contra-ataque mortal do PSG colocou os comandados de Antoine Kombouaré à frente do placar, aos 31 minutos, quando Luyindula arrancou pelo meio e serviu Nenê, que chutou prensado mas conseguiu mandar a bola para a rede. Logo depois, Hoarau substituiu o brasileiro e o “Parrí”, que ficara mais defensivo com Makélélé no lugar de Erding, conseguiu segurar a pressão sevilhense, voltando com ótimos três pontos para a França.

Na outra partida do grupo J, o alemão Borussia Dortmund foi buscar no finalzinho a vitória sobre o Karpaty, na Ucrânia, por 4 a 3. Pela segunda rodada, o PSG receberá o Karpaty, no dia 30 de setembro, tendo tudo para manter os 100% de aproveitamento de pontos.

Nenê é festejado pelos colegas e invejado pelos carinhas de colete (AFP)

Nenê é festejado pelos colegas e invejado pelos carinhas de colete (AFP)

Lille 1 x 2 Sporting
O primeiro tempo do LOSC foi catastrófico, segundo a France Football: Vukcevic abriu o placar aos 11 minutos e Helder Postiga ampliou aos 34 para o time português. Antes do intervalo, Rudi Garcia colocou o brasileiro Emerson e o belga Hazard em campo. Na segunda etapa a história foi diferente: Hazard, Gervinho, Obraniak e companhia melhoraram e Frau diminuiu aos 12 minutos. Mas a reação parou aí e a derrota foi inevitável.

Na outra partida do grupo C, o Levski Sofia recebeu o Gent na Bulgária e venceu o adversário belga por 3 a 2. Na próxima rodada, o Lille vai à Bélgica no dia 30 de setembro, com mais pressão ainda para evitar uma nova derrota.

Vandam escorregou mais do que Vukcevic (77) no tropeço dos Dogues (AFP)

Vandam escorregou mais do que Vukcevic (77) no tropeço dos Dogues (AFP)

David N’Gog, duas vezes
O atacante francês do Liverpool marcou dois dos quatro gols da vitória sobre o Steaua Bucaresti, da Romênia (4 a 1). O primeiro foi de pênalti, com tranquilidade e precisão. E o segundo saiu após troca de passes e um pouco de briga contra a defesa para arrumar espaço e finalizar cruzado, rasteiro. Boa, garoto!

O good job de N'Gog no Anfield Road (AFP)

O good job de N'Gog no Anfield Road (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 27 de agosto de 2010 Torneios europeus | 11:11

Lille mais aliviado que PSG

Compartilhe: Twitter

Esta é a impressão que o sorteio da Liga Europa, realizado nesta sexta-feira, me passou.

No Grupo C, o Lille terá a companhia de Sporting Lisboa (Portugal), Levski Sofia (Bulgária) e Gent (Bélgica).

Na chave J, Sevilla (Espanha), Borussia Dortmund (Alemanha) e Karpaty (??? – Ucrânia) acompanham o Paris Saint-Germain.

Concordam comigo? A primeira rodada será no dia 16 de setembro.

Autor: Tags: , , , , , , , ,