Publicidade

Posts com a Tag Kaboul

sexta-feira, 2 de setembro de 2011 Eliminatórias da Eurocopa, Seleção francesa | 21:47

Vitória magra e ponta garantida nas Eliminatórias da Euro

Compartilhe: Twitter
FBL - EURO - 2012 - ALB - FRA

Karim soca o ar, acompanhado pelo capitão Diarra, Nasri e Malouda (AFP)

Não foi pra se comemorar muito, pois o desempenho e o resultado poderiam ter sido melhores. Mas o mais importante veio, que foi a vitória na Albânia por 2 a 1. Obrigação cumprida, liderança mantida nas Eliminatórias da Euro e, o que não é pouco, série invicta ampliada para 12 partidas.

Sem poder contar com Sagna, indisposto graças a uma virose, Laurent Blanc levou a campo, em Tirana, uma formação com Lloris; Réveillère, Kaboul, Abidal e Evra; M’Vila, Alou Diarra, Nasri, Malouda e Ribéry; Benzema. Na aproximação ao centroavante do Real Madrid, Malouda foi deslocado para a direita, ao contrário do que normalmente exerce no Chelsea, em benefício de Ribéry, mais à vontade pelo lado esquerdo do apoio ao ataque.

O primeiro tempo francês foi muito bom, com Benzema, aos 11, e M’vila, aos 18, dando a impressão que uma vitória tranquila se concretizaria. Porém, o time bem organizado na marcação e audacioso ofensivamente mudou de feição depois do intervalo. Kaboul foi o destaque negativo, com erro no gol albanês. Por sorte, Lloris segurou as pontas e Benzema já havia feito o suficiente para assegurar o triunfo bleu. Detalhe para as poucas infrações: seis faltas assinaladas para cada lado apenas, com três cartões amarelos ao todo, todos para os anfitriões.

A rodada ainda foi muito positiva para a França, com o então vice-líder do grupo Belarus sendo derrotado pela Bósnia (2 a 0), que por conseguinte lhe ultrapassou na tabela. Na outra partida do dia, Romênia bateu Luxemburgo por 2 a 0. Agora, os franceses lideram com três pontos de vantagem para os bósnios (16 a 13) e, se vencerem os romenos na terça-feira, podem chegar à última série de duas rodadas numa situação bastante favorável para assegurar a classificação com uma partida de antecipação – vamos torcer também por um empate entre Bósnia e Belarus, d’accord?

(Como na Europa as ligas nacionais não se chocam com as datas Fifa, a quinta rodada do Campeonato Francês acontece apenas no próximo final de semana, em 10 e 11 de setembro. Aprende, CBF!)

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quinta-feira, 11 de agosto de 2011 Seleção francesa | 10:56

França 1 x 1 Chile: Não ganhou, mas merecia

Compartilhe: Twitter

Embora o empate em Montpellier não tenha sido o resultado esperado, a França foi melhor e poderia perfeitamente ter vencido o Chile. Em se tratanto de amistoso, o que mais vale são testes e observações. Como o time foi bom, valeu. E não podemos desprezar que é a 11ª partida consecutiva sem derrota.

No Stade la Mosson, Laurent Blanc colocou para jogar Lloris; Sagna (Reveillere), Kaboul, Abidal (capitão) e Clichy; M’vila, Nasri (Cabaye) e Martin (Matuidi); Rémy, Malouda (Ménez) e Benzema (Gameiro).
 
Os Bleus começaram na frente, quando, aos 19 minutos, servido em profundidade pela esquerda, Benzema invadiu a área chilena, esperou e cruzou certeiro para a cabeçada também infalível de Rémy.

remy-vidal-frança-chile-afp

Loïc Rémy em lance com Arturo Vidal: o atacante do Olympique de Marselha vai se firmando perante o comandante Blanc (AFP)

Com bom desempenho dos homens do meio para frente, os donos da casa seguiram perto de ampliar o marcador. Um segundo gol até veio, quando Gameiro venceu Bravo aos 28 do segundo tempo, mas acabou anulado de forma duvidosa (pelo que li. Ainda não vi o lance…).

Poucos minutos depois, veio o castigo francês quando Cordova conseguiu acertar um chute indefensável para Lloris. Gameiro ainda teria outra chance, mas por questão de centímetros a bola não entrou.

Tudo bem, bola pra frente. Agora é se preparar para os dois compromissos que valem pontos pelas Eliminatórias da Euro 2012, no início de setembro: Albânia, dia 2, e Romênia, dia 6, ambos fora de casa.


>> Sub 20: Nas quartas
Não foi fácil mas, com um gol de Griezmann aos 30 minutos do segundo tempo, a França despachou o Equador ontem de noite e se garantiu nas quartas de finais do Mundial sub 20. Agora, encara a Nigéria no domingo, dia 14. Se for às semifinais, pega Portugal ou Argentina. Allez, Bleuets!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 6 de junho de 2011 Seleção francesa | 22:14

França goleia, mas não nos iludamos

Compartilhe: Twitter

Achei que os 4 a 1 sobre a Ucrânia, no amistoso de hoje em Donetsk, fosse a maior goleada francesa desde que este Le Blog (todos os direitos relaxados) se entende por um blog vivo (abril de 2009). Mas houve um 5 a 0 sobre as Ilhas Faroe, em outubro de 2009, em Guingamp, pelas Eliminatórias da Copa 2010, a fatídica. Então podemos dizer que foi a primeira goleada visitante sobre uma seleção com alguma história no futebol mundial não só de Laurent Blanc treinador, mas da história deste espaço.

Entretanto, não podemos fazer a leitura de que os Bleus atropelaram e venceram depois de um longo passeio em campo, pois a vitória só se concretizou nos minutos finais e, na maior parte da partida, não houve domínio francês. Para começar, Blanc fez muitos testes. Mexeu sobremaneira no time titular que vinha jogando por eliminatórias da Euro e amistosos anteriores e, no segundo tempo, fez nada menos que seis alterações, ou seja, mudou mais da metade da equipe.

Jogaram: Mandanda (capitão); Evra, Sakho (Abidal, 30 do 2º), Kaboul e Réveillère; Cabaye (Martin, 30 do 2º), Mvila e Matuidi (Diaby, 30 do 2º); Rémy (Ribéry, 19 do 2º), Gameiro (Benzema, 19 do 2º) e Menez (Malouda, 19 do 2º). Sem gols, o primeiro tempo teve a melhor chance de gol para a França, depois que Rémy dividiu com o marcador, a bola sobrou pra Gameiro finalizar de frente para o gol e o goleiro ucraniano fez difícil defesa. Menez se movimentou bastante, desestabilizando a defesa adversária.

frança-martin-afp

Entre tantas emoções, o nome do jogo dá uma de "chicleteiro" na comemoração (AFP)

A segunda etapa ganhou emoção com um gol para cada lado logo nos primeiros minutos. Primeiro Tymoshchuk bateu de longe e a curva do arremate enganou Mandanda, precipitado na queda. Porém, o golpe não foi sentido pelos visitantes porque o empate saiu rapidamente, quando Gameiro “tabelou com o marcador” num lance de sorte (o passe, que ia para Rémy, foi interceptado apenas parcialmente), recebeu na pinta para encher o pé, encheu e meteu no canto.

Depois da “revolução” promovida por Blanc com as mexidas no time, brilhou a estrela do debutante Marvin Martin, com dois gols e uma assistência a partir dos 42 minutos. Primeiro ele arrancou da ponta para o meio, chutou com veneno e o goleiro caiu tarde, não alcançando a bola no cantinho. Pouco depois, bateu escanteio que o zagueirão Kaboul cabeceou sozinho para as redes, marcando também seu primeiro gol bleu.

Fatura liquidada, mas placar não. Aos 47, Ribéry dividiu na altura da intermediária, Benzema aproveitou, esperou Martin chegar na corrida à sua esquerda, rolou e o sochaulien definiu com classe, por cima do arqueiro que tentava fechar o ângulo. Que noite do estreante! Mas o realista Blanc não se exaltou pelo resultado, e está certo. Pode ter ficado feliz, talvez, por concluir que Menez, Gameiro e Martin têm potencial para lhe ajudarem no decorrer dos jogos, e felizmente está certo também.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 1 de junho de 2011 Eliminatórias da Eurocopa, Seleção francesa | 20:02

Sexta-feira tem seleção, e com TV

Compartilhe: Twitter

Reunida para um jogo nas Eliminatórias da Eurocopa de 2012 e dois amistosos, a França já está em Minsk, onde disputa o primeiro desafio, fora de casa, contra os bielorrussos. Para nós, a ESPN Internacional transmitirá a partida às 15h30 desta sexta, com abre de jogo às 15h15.

Les Bleus lideram o grupo D do qualificatório continental com 12 pontos e uma vantagem tranquila, por ora, sobre os vices, justamente Belarus e Albânia (?), com 8. Portanto, os donos da casa estão mais do que motivados para ganhar dos franceses e reduzir essa diferença de quatro para somente um ponto.

Na segunda-feira, outro compromisso em solo ex-soviético: amical contra a Ucrânia em Donetsk, terra do Shakhtar. Três dias depois, na quinta, outro amistoso, contra a Polônia, em Gdansk. Ambas as cidades deverão receber jogos da Eurocopa próxima, sediada conjuntamente por ucranianos e poloneses.

evra-reveillere-fff

Laterais no voo França-Belarus: Evra tentando esquecer o Barcelona com esse foninho? Réveillère avisando mamá que liga de novo quando chegar?

Entre os jogadores selecionados por Laurent Blanc, destaque para o retorno de Eric Abidal e o début de Marvin Martin, um prêmio à boa campanha do Sochaux na Ligue 1 e ao melhor assistente do torneio. Os retenus foram:

Goleiros: Hugo Lloris (Lyon), Steve Mandanda (Olympique de Marselha), Cédric Carrasso (Bordeaux).

Defensores: Eric Abidal (Barcelona/ESP), Bacary Sagna (Arsenal/ING), Adil Rami (Lille – Valencia/ESP), Mamadou Sakho (Paris Saint-Germain), Patrice Evra (Manchester United/ING), Anthony Réveillère (Lyon), Younes Kaboul (Tottenham/ING) – O titular da zaga e algumas vezes capitão Mexès está lesionado

Meio-campistas: Alou Diarra (Bordeaux), Blaise Matuidi (Saint-Etienne), Yohan Cabaye (Lille), Yann Mvila (Rennes), Florent Malouda (Chelsea/ING), Abou Diaby (Arsenal/ING), Jérémy Menez (Roma/ITA), Samir Nasri (Arsenal/ING), Franck Ribéry (Bayern de Munique/ALE), Marvin Martin (Sochaux), Charles N’Zogbia (Wigan/ING), Mathieu Valbuena (Olympique de Marselha).

Atacantes: Kevin Gameiro (Lorient), Guillaume Hoarau (Paris Saint-Germain), Karim Benzema (Real Madrid/ESP), Loïc Rémy (Olympique de Marselha).

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 13 de abril de 2011 Extracampo, Seleção francesa | 19:11

Internautas escolhem Sakho para o lugar de Mexès

Compartilhe: Twitter

Com Philippe Mexès fora de combate pelos próximos meses, Laurent Blanc deverá arrumar outro titular ao lado de Adil Rami na zaga da seleção francesa para os jogos que se avizinham.

Enquete promovida pelo site da revista France Football revelou a preferência dos internautas por Mamadou Sakho, beque do PSG (acho que a popularidade do time da capital pesou na escolha dos votantes tanto quanto os critérios técnicos…), como se vê:

> Mamadou Sakho (PSG):  52%
> Laurent Koscielny (Arsenal, ING):  25%
> Sebastien Squillaci (Arsenal, ING):  8%
> Younes Kaboul (Tottenham, ING):  5%
Julien Escudé (Sevilla, ESP):  2%
> Um outro:  7%
(número de votos: 10.577)

Sakho disputa bola com Yohan Mollo no último jogo do PSG, contra o Caen (AFP)

Eu daria mais chances a Kaboul, gostei do que vi dele em campo. Mas o jogador do Tottenham* também está fora de combate… Então fico com Koscielny, acho mais preparado do que Sakho. 

E você, quem escolheria?

*Tottenham que, nesta quarta, tombou diante do Real Madrid na Liga dos Campeões da Europa com o veterano William Gallas na defesa, incapaz de parar os gols merengues…

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 4 de abril de 2011 Brasileiros na França, Franceses no mundo | 23:58

Lesões francesas, estagiário no Lyon…

Compartilhe: Twitter

Philippe Mexès, zagueiro que vem sendo titular da França de Laurent Blanc, está fora de ação por pelo menos quatro meses. Em jogo da Roma pelo Campeonato Italiano no domingo, contra a Juventus, o beque loiro teve ruptura dos ligamentos cruzados anteriores do joelho esquerdo, algo que parece grave só de se pronunciar…

mexes_reu

Quando vinha muito bem, Mexes se despede da temporada 2010/2011 (Reuters)

Com contrato acabando na equipe de Gian Oddi, Mexès pintava forte como reforço do Milan para a próxima temporada. Será que a grave contusão o afasta de Milanello? O que se sabe é o técnico dos Bleus vai ter que arrumar outro companheiro para Adil Rami na zaga da seleção para os três compromissos de junho (Belarus, dia 3, Eliminatórias da Euro / Ucrânia, dia 6, amistoso / Polônia, dia 9, amistoso) e provavelmente para o de agosto, o amistoso do dia 10 contra o Chile. 

Franceses fora… da Champions
A contratura na coxa esquerda tirou mesmo Karim Benzema do ataque do Real Madrid contra o Tottenham, nesta quarta-feira, no jogo de ida pelas quartas de finais da Liga dos Campeões da Europa. Do lado inglês, também é certo que a defesa não terá Younes Kaboul, de molho faz tempo. Já a presença de William Gallas é incerta, devido a problema no joelho.

Ederson voltou
O meia brasileiro participou dos últimos 45 minutos do empate entre Lyon e Nice, no domingo. Embora seu time tenha permitido o empate dos donos da casa, depois de estar ganhando por 2 a 0, o retorno foi bastante especial para o jogador, como podemos constatar no Brasil Lyonnais.

Falando em OL…
… o leitor Eduardo Júnior informa que uma promessa do futebol brasileiro está partindo para estágio no clube lionês neste mês de abril. É o goleiro Fernando Milioli Magagnin, de 16 anos, da equipe juvenil do Criciúma-SC.

De 4 a 16 de abril, o garoto treinará com o preparador de goleiros Bats, camisa 1 da França em 1986 que defendeu o pênalti de Zico na Copa do Mundo do México. O brasileiro viaja com Toninho da Silva, ex-treinador das categorias de base do Criciúma e irmão de Sonny Anderson, ex-atleta e hoje dirigente do Lyon, que os recepcionará por lá. Que Fernando deixe uma boa impressão e abra portas na Europa!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011 Seleção francesa | 11:41

France vs Brésil: Les sélectionnés

Compartilhe: Twitter

A maior novidade é o novato zagueiro Koscielny, que vem atuando bem no Arsenal, tradicional celeiro de selecionáveis Bleus – forneceu mais jogadores que qualquer clube francês, acredita? Evra não voltou como se especulava, ao contrário de Menez, outro que faz por merecer na Roma. Diaby e Matuidi também retornam, mas nada de Gignac, Gomis, Payet, testados anteriormente, e Martin, do Sochaux, cotado depois de recentes bons jogos – não sinto falta de nenhum deles no momento…

Laurent Blanc não pôde chamar Nasri, Valbuena, Kaboul e Ribéry, lesionados (se não estivessem, os dois primeiros certamente estariam na relação). Samir sim deve fazer falta, assim como Franck, por sua experiência.

Voilá la liste:

Goleiros – Hugo Lloris (Lyon), Stève Mandanda (Olympique de Marselha) e Cédric Carrasso (Bordeaux)

Laterais direitos – Bacary Sagna (Arsenal-ING) e Anthony Reveillère (Lyon)

Zagueiros – Philippe Mexès (Roma-ITA), Adil Rami (Valencia-ESP), Mamadou Sakho (PSG) e Laurent Koscielny (Arsenal-ING)

Laterais esquerdos – Eric Abidal (Barcelona-ESP) e Gaël Clichy (Arsenal-ING)

Meio-campistas – Alou Diarra (Bordeaux), Abou Diaby (Arsenal-ING), Yann M’Vila (Rennes), Yohan Cabaye (Lille), Yoann Gourcuff (Lyon), Florent Malouda (Chelsea-ING) e Blaise Matuidi (Saint Etienne)

Atacantes – Karim Benzema (Real Madrid-ESP), Jérémy Menez (Roma-ITA), Guillaume Hoarau (PSG), Loïc Rémy (Olympique de Marselha) e Kevin Gameiro (Lorient)

Não haverá ingressos à venda nas bilheterias do Stade de France no dia 9. Tudo bem, eu nem queria mesmo…

Para rever a convocação brasileira, faça clique aqui.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 28 de dezembro de 2010 Franceses no mundo | 22:22

Vieira ajuda Manchester City a liderar Inglês

Compartilhe: Twitter
city_villa_vieira_reocoker_afp

Patrick Vieira chega chegando pra cima de Nigel Reo-Coker no City of Manchester (AFP)

Prosseguiu a rodada da Premier League. Em Manchester City 4 x 0 Aston Villa, dois veteranos franceses do meio de campo duelaram e tiveram sortes bem diferentes: Patrick Vieira jogou a partida inteira e saiu vitorioso, enquanto Robert Pirés entrou aos 35 do segundo tempo e viu a boiada passar para o lado do seu time… Agora o City divide a ponta do torneio com o Manchester United, que teve Patrice Evra como titular e Gabriel Obertan como reserva no empate com o Birmingham por 1 a 1.

Em White Hart Lane, o becão Younes Kaboul arrumou encrenca, bateu boca com o marfinense Cheik Tioté e acabou expulso aos 21 minutos do 2º tempo, mas não atrapalhou a vitória do Tottenham contra o Newcastle em casa, por 2 a 0.

Frederic Piquionne foi titular do ataque anfitrião em West Ham x Everton, mas quem chamou a atenção no primeiro tempo foi o zagueiro rival Sylvain Distin, que teve boas chances em escanteios no primeiro tempo. Louis Saha não participou do empate por 1 a 1.

tottenham_newcastle_kaboul_tiote_ap

Kaboul e Tioté "tretam" na partida disputada no White Hart Lane (AP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 24 de novembro de 2010 Franceses no mundo, Torneios europeus | 20:05

Lyon perde mas se classifica na Liga

Compartilhe: Twitter
schalke_lyon_pose_afp

Em que pesem as derrotas fora de casa para Benfica e Schalke, o OL merece a vaga (AFP)

Schalke 04 3 x 0 Lyon, Hapoel Tel Aviv 3 x 0 Benfica. Não esperava por placares como esse nessa rodada de hoje do grupo B da Liga dos Campeões da Europa. Mas eles aconteceram e felizmente beneficiaram a equipe francesa, apesar de ela ter perdido seu segundo jogo consecutivo e acumulado 7 gols sofridos nos últimos 180 minutos. 

schalke_lyon_raul_lovren_afp

Lovren observa o veterano Raúl: ver demais e marcar de menos foi um dos erros lioneses em Gelsenkirchen (AFP)

Na Veltins-Arena, os donos da casa começaram com tudo, indicando que a parada para Lloris seria dura. Logo aos 13 minutos, Lisandro López perdeu a bola, Diakhaté afastou mal o cruzamento na área e a bola sobrou para Raúl. O zagueiro tentou se recuperar travando o espanhol, mas a redonda sobrou limpa para Farfan colocar no canto do gol, fazendo 1 a 0.

Lisandro teve boa chance de empatar aos 16, mas chutou em cima de Neuer, a poucos metros do goleirão. Perdeu, pagou: já aos 20 o Schalke ampliaria, em ataque rápido, quando Kluge avançou e passou para Huntelaar, que se antecipou a Cissokho depois que Raúl saiu da bola e levou a marcação junto. A ausência de Cris era sentida na organização da zaga lionesa.

O OL não se abateu, tentou subtrair o prejuízo, mas cedia o contra-ataque, o que tornava as coisas muito perigosas para a defesa. Claude Puel veio com o atacante Gomis no lugar do lateral-esquerdo Cissokho, trazendo Michel Bastos para compor o setor pela defesa – o que não gosto, pois afasta o brasileiro da área, e também acabou não dando resultado… Mas enfim, perdido por um, perdido por mil né?

Minutos depois, Gourcuff foi atingido duramente por Metzelder e teve de sair de maca, dando lugar a Pjanic. Até Licha sairia, para a entrada de Pied. Mas nada lá na frente. E o Lyon conseguiu a proeza de tomar mais um gol de “Ruim-telaar” (como os colegas dizem aqui na redação), que recebeu passe na área francesa com todo o tempo do mundo, sassaricou na frente de Reveillère e chutou. A bola prensada encobriu Lloris, pra sorte do holandês: 3 a 0, fecha a conta e passa a régua na Alemanha.


L’autres françaises

Younes Kaboul: titular ao lado de Gallas no Tottenham, time de Gomes (o goleiro grande!). Mostrou presença de área e habilidade ao abrir o placar contra o Werder, em voleio após cruzamento à meia-altura de Lennon. Foi o 2º gol em 2 jogos! E acabou como top player do site oficial da Champions, com nota 8,5 dos “experts”.

Jonathan Biabiany: titular na Inter de Milão contra o Twente. Muito bem no primeiro tempo, “causando” pelo lado direito do ataque. Jogou até os 35 do 2º tempo.

Djibril Cissé: artilheiro do Campeonato Grego e capitão do Panathinaikos, perdeu ótima chance de gol contra o Barcelona aos 19, quando invadiu a área e finalizou para bela defesa de Valdés. Ficou até o fim liderando o ataque do time ateniense, porém se mostrou improdutivo.

Jean-Alain Boumsong: titular também nos 90 minutos, mas a defesa levou três do Barça né…

Sidney Govou nem banco foi hoje na Grécia, não sei se machucou-se, mas soube que já anda deixando o clube insatisfeito pela vida noturna agitada…

Eric Abidal: foi banco na equipe espanhola, entrou aos 26 do 2º tempo. Com as boas partidas dos brasileiros Adriano e Maxwell pela lateral-esquerda, pode acabar sobrando no time catalão, que terá o superclássico contra o Real Madrid pelo Campeonato Espanhol na próxima segunda-feira.

kaboul_tottenham_werder_afp

Que Kaboul está com a bola cheia, ninguém duvida! (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 22 de novembro de 2010 Franceses no mundo | 22:21

Em alta: Menez (à la Zidane?), Kaboul e Evra

Compartilhe: Twitter

O tradicional espaço para os franceses que se destacaram fora dos times do país nesse fim de semana. Se eu esqueci alguém, favô avisá!

Semana inesquecível para o jovem zagueiro Younés Kaboul. Primeiro é chamado para defender a seleção francesa no amistoso contra a Inglaterra – mesmo não tendo entrado, pode dizer que estava lá. Depois, o companheiro de William Gallas marca o gol da vitória do Tottenham no clássico londrino contra o Arsenal, pelo Campeonato Inglês (3 a 2). Usou muito bem a cabeça! Samir Nasri, esse sim um titular selecionável em Wembley, também fez o seu, mas como a vitória foi de Kaboul, foto pra ele.

kaboul_afp

Kaboul é festejado pelos companheiros de Tottenham no Emirates Stadium (AFP)

Outro defensor francês a usar a cabeça para o motivo mais eficiente que existe no futebol foi o lateral-esquerdo Patrice Evra. Seu Manchester United superou o Wigan por 2 a 0, pela mesma Premier League. E que testada na redonda, heim!

evra_ap

Todos pararam para ver a belíssima cabeçada de Patrice (AP)

Por fim mas não com menos brilho, muito pelo contrário, Jérémy Menez. O atacante da Roma fez um belo gol e deu o passe para o outro da equipe da capital italiana nos 2 a 0 sobre a Udinese, na Série A. No tento inaugural no estádio Olímpico, ele arrancou, se desvinculou de dois adversários e chutou com categoria, no canto. Sobre sua atuação, a Gazzetta dello Sport escreveu: Menez illumina l’Olimpico. Empolgado, o jogador disse que o gol foi “à la Zidane” e espera que Laurent Blanc tenha visto, para retornar à seleção. Abaixo da foto dele está o vídeo do gol, assista e veja se a comparação com Zizou é cabida ou não.

menez_ap

"Esse é pro professor Blanc", imaginou o romanista (AP)

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última