Publicidade

Posts com a Tag FFF

domingo, 18 de maio de 2014 Copa do Mundo, Extracampo | 12:48

Exigências e curiosidades francesas na base da Copa

Compartilhe: Twitter

Na última sexta, dia 16, o estádio Santa Cruz, do Botafogo-SP, o glorioso BOTINHA, passou para a administração provisória da Federação Francesa de Futebol. Reformas no principal campo de Ribeirão Preto, onde a França ficará nesta Copa 2014, estão em fase de conclusão, vistoriadas pela FFF.

Muito preocupada com a segurança e a privacidade de sua delegação, a federação pediu até a construção de um muro ao redor do Santa Cruz. Deve ficar de marcação, inclusive, em pontos elevados de visão do estádio no entorno, como um hotel e uma árvore. Será que nossos compatriotas vão conseguir dar aquele jeitinho brasileiro para espiar um treino fechado dos Bleus?

A seleção chega em 9 de junho ao Brasil (alguns membros devem vir antes), e segundo a assessoria de imprensa do Botafogo disse ao jornal DCI, a única atividade aberta à presença de torcedores será dia 10 – provavelmente uma movimentação bem de leve, de climatização e adaptação pós jet lag do voo. Depois, começam os treinos pra valer, e aí deve ser tudo bem escondidinho :(

A estreia é dia 15, contra Honduras, em Porto Alegre.

No calorão que faz em 334 dos 365 dias do ano em RP, piscina não é artigo de luxo

No calorão que faz em 334 dos 365 dias do ano em RP, piscina não é artigo de luxo

Exigências e passeio
O Hotel JP (foto acima), na entrada de Ribeirão para quem vem de SP, distante cerca de 300 km, será de uso exclusivo da seleção, o que deve facilitar o esquema de segurança. “Como não tem check in nem check out, vamos trabalhar com o mínimo de pessoas possível. Dos 110 funcionários, até 40 devem tirar férias”, explicou a gerente comercial Luciana Guimarães ao portal iG:

Como o local será controlado pelos franceses no período de estadia, os funcionários serão identificados e a circulação de pessoas, controlada. “Não se pede nada para os jogadores, o uso de celular é proibido. Não querem camareira circulando pelos corredores, vai ter horário para limpar os quartos…”, completou Luciana. Outro item que será exclusivo é a higiene pessoal. Um patrocinador da seleção europeia vai ceder xampus, sabonetes e outros produtos para uso nos quartos. Antes desse acordo, porém, havia sido feito um pedido para que os sabonetes em barras fossem substituídos pela versão líquida.

A rede de supermercados Carrefour, patrocinadora da seleção, fornecerá alimentos para o grupo, a serem preparados por uma equipe da própria federação, e não do hotel. Cerca de 50 familiares de membros da delegação ficarão hospedados em outro hotel, o Mont Blanc Premium Flat, inaugurado em 2013. Ao todo, a comitiva conta com em torno de 100 pessoas.

Um dos passeios da delegação, em momentos de folga, pode ser por fazendas e usinas de cana-de-açúcar, principal produto da próspera região em torno da “capital do agronegócio”, como revelou o site da ESPN brasileira. Se rolar a queima de cana intensa de meados do ano, como é típico da cidade onde tenho pais, avós, parentes e amigos, a fuligem preta solta no ar rarefeito não será nada agradável aos visitantes europeus…

Autor: Tags: , , , ,

sábado, 9 de novembro de 2013 Eliminatórias da Copa, Seleção francesa | 16:06

Tá chegando a repescagem pra Copa! Veja quem DD convocou

Compartilhe: Twitter

Já é no dia 15 a partida de ida contra a Ucrânia, em Kiev. A volta acontece dia 19, no Stade de France. Defenderão a seleção francesa, chamados por Didier Deschamps:

GOLEIROS : Mickaël Landreau (Bastia), Hugo Lloris (Tottenham), Steve Mandanda (Marseille).

DEFENSORES : Eric Abidal (Monaco), Gaël Clichy (Manchester City), Mathieu Debuchy (Newcastle), Patrice Evra (Manchester United), Laurent Koscielny (Arsenal), Bacary Sagna (Arsenal), Mamadou Sakho (Liverpool), Raphaël Varane (Real)

MEIO-CAMPO : Blaise Matuidi (PSG), Paul Pogba (Juventus), Moussa Sissoko (Newcastle), Clément Grenier (Lyon), Samir Nasri (Manchester City), Yohan Cabaye (Newcastle), Rio Mavuba (Lille)

ATACANTES : Karim Benzema (Real Madrid), Olivier Giroud (Arsenal), Dimitri Payet (Marseille), Franck Ribéry (Bayern München), Mathieu Valbuena (Marseille), Loïc Rémy (Newcastle)

Home page do site da Federação Francesa estapa imagem de gol bleu contra a Ucrânia na Euro 2012,<br /><p class=para entrar no clima” width=”614″ height=”150″ class=”size-large wp-image-11973″ /> Home page do site da Federação Francesa estapa imagem de gol bleu contra a Ucrânia na Euro 2012, para entrar no clima

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

domingo, 27 de outubro de 2013 Extracampo, Francês da 1ª divisão | 19:56

Resultados da 11ª rodada e o risco de greve na Ligue 1

Compartilhe: Twitter

Atualizado em 28/10

A imagem mais forte do estádio Geoffroy Guichard ontem: Fabien Lemoine expulso e ensanguentado (Photo: Reuters)

A imagem mais forte do estádio Geoffroy Guichard ontem: Fabien Lemoine expulso e ensanguentado (Photo: Reuters)

O final de semana teve o Monaco recuperando a desvantagem que tinha pro PSG. Novamente os líderes estão iguais em pontos e permanecem invictos.

Eis os resultados:

Monaco 2 x 1 Lyon – Palpite 3 x 1 – o único vencedor que acertei na rodada :(
Falcao marcou e ampliou a vantagem na artilharia geral, com 8 gols

St Etienne 2 x 2 PSG – Pus 3 x 2, quase!
Jogão na casa dos Verts, que abriram 2 a 0 mas, com um a menos, sucumbiram à pressão parisiense. A expulsão de Lemoine foi injusta pois, embora a falta que ele tenha feito em Lavezzi merecesse cartão amarelo, a cotovelada que levou do argentino e fez jorrar-lhe o sangue anularia sua infração…

Nantes 0 x 1 Lille – fui no empate, errei
Roux abriu o placar no primeiro tempo e foi o único gol do jogo, confirmando a ótima fase do LOSC (que interrompeu a do adversário) do técnico René Girard, ainda mais da defesa, guardada pelo goleiro nigeriano Vincent Enyeama, que segue inviolável nos últimos jogos

O. Marseille 2 X 3 S. Reims – Palpite 2 x 0
Bastia 1 x 0 Nice – Palpite 0 x 1
Guingamp 2 X 1 Ajaccio – Palpite 2 x 2
Lorient 2 x 1 Sochaux – Palpite 1 x 1
Toulouse 0 x 5 Rennes – Palpite 1 x 0
Valenciennes 0 x 1 Evian – Palpite 1 x 1
Bordeaux 2 X 0 Montpellier – Palpite 1 x 2

Nos últimos dias, chama a atenção e é notícia também o que acontece fora de campo no futebol francês, principalmente a greve programada pelos clubes das Ligues 1 e 2 (primeira e segunda divisão) na 15ª rodada, originalmente prevista para o fim de semana de 29/11 a 1º/12.

O motivo é a taxação de 75% imposta pelo governo aos empregadores que pagam salários superiores a 1 milhão de euros anuais. Os clubes queriam uma indexação diferente para o futebol, mas o presidente François Hollande disse, na última sexta-feira, que não haverá exceções no país.

A FFF (Federação Francesa de Futebol) e a LFP (Liga de Futebol Profissional, que organiza a Ligue 1 e a Ligue 2) apoiam a causa dos clubes, representados pela UCPF (União dos Clubes Profissionais de Futebol), mas com a irredutibilidade governamental o mais provável é vermos a primeira greve na elite francesa desde 1972. 14 dos 20 clubes da L1 seriam afetados pelo “imposto dos milionários”, sobretudo o PSG, quem mais investiu em jogadores de altos salários. E o Monaco, por estar sujeito a outro regime tributário no Principado onde fica, teria uma vantagem financeira maior ainda em comparação com todos os seus adversários em campo…

Vamos torcer por uma conciliação para que o futebol não pare e, ao mesmo tempo, sobreviva financeiramente sem privilegiar um ou outro clube, em favor da competitividade e qualidade dentro de campo!

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

sábado, 11 de maio de 2013 Francês de divisões menores | 14:53

Monaco garante volta à elite na antepenúltima rodada!

Compartilhe: Twitter

Elenco monegasco para a temporada 2012/2013

Não foi tão rápido como se desenhava, devido a desempenhos ruins nas últimas rodadas, mas o Monaco finalmente assegurou o retorno à primeira divisão do Campeonato Francês, com a vitória sobre o Nîmes Olympique por 1 a 0, concretizada apenas nos minutos adicionais da partida deste sábado.

Depois que caiu com o 18o lugar na temporada 2010-11, ficou apenas em 8o no campeonato subsequente (quando, inclusive, flertou com a zona de rebaixamento no 1o turno), mas agora reuniu força$$ para voltar ao lugar que lhe cabe, pelo porte e histórico de conquistas no cenário futebolístico francês.

O heptacampeão da Ligue 1, vice-campeão da Liga dos Campeões em 2003/04 (foi o terceiro e último francês a atingir uma final de Champions, depois do Stade de Reims, vice duas vezes na década de 1950, e do Olympique de Marselha, campeão em 1993), retorna à elite com uma portentosa injeção de investimentos depois que foi adquirido pelo magnata russo Dmitri Rybolovlev.

Sob comando do experiente técnico italiano Claudio Ranieri, tem como um de seus destaques o atacante senegalês Ibrahima Touré, um dos artilheiros da atual Ligue 2 e autor do gol salvador hoje. Figuram ainda no elenco o lateral-esquerdo brasileiro Adriano, no clube desde a temporada 2007-08, o meia argentino Lucas Ocampos, talento de 18 anos, e o atacante Rivière, ex-Toulouse e Saint-Etienne.

Porém, o clima não é totalmente de festa porque a Federação Francesa, descontente com as vantagens fiscais que o Monaco goza por se situar no Principado, ameaça agir nesse sentido. O clube foi informado recentemente de que, caso não se mude para território francês, terá que arcar com uma indenização polpuda para minimizar as benesses dessa situação de “concorrência desleal”, algo na casa de 200 milhões de euros.

Me parece improvável que o ASM se transfira para a França e que a FFF leve essa exigência até as últimas consequências, mas o clima não anda harmonioso de fato entre as partes…

– Quer receber notícias e opiniões sobre futebol francês no seu Twitter, interagindo comigo? Me segue lá!
– Quer ficar por dentro do futebol francês e debater com outros antenados e interessados no Facebook? Peça para entrar na comunidade Ligue 1 Brasil (São mais de 100 membros!)

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 10 de julho de 2012 Seleção francesa | 14:29

A vez de Di-di-di-di-di-di-er Deschamps no comando bleu. Que tal?

Compartilhe: Twitter

Falou-se em Arsene Wenger, que talvez poderia aproveitar um desejo de o Arsenal se renovar. Zinedine Zidane também foi lembrado, dada a vontade de o ex-craque ser treinador e já ter colaborado com a comissão técnica de Laurent Blanc. Mas pesou o favoritismo de Didier Deschamps, nome que pareceu a escolha óbvia depois que o colega de conquistas francesas em 1998 e 2000 deixou o cargo de selecionador bleu (ambos tiveram longa vivência como jogadores da seleção, justamente no período de suas maiores conquistas).

A esperança é que o perfil de liderança mais disciplinadora de Deschamps acabe com os constantes problemas de vestiário entre os temperamentais talentos franceses, ou pelo menos abafe seus prejudiciais efeitos ao desempenho dos jogadores nos momentos decisivos, como vimos acontecer na última Copa e especialmente na última Euro, quando esperávamos bem mais do que a França conseguiu no torneio. Ontem, ao ser apresentado oficialmente à imprensa, Didier endossou essa tendência “dunguista”, ao dizer que priorizará a união e o espírito de grupo, sem tolerar a indisciplina. Conseguirá?

Deschamps ao lado do novo patrão, Noel Le Graet (fff.fr)

Deschamps ao lado do novo patrão, Noel Le Graet (fff.fr)

Lembremos que não basta ter um bom retrospecto estatístico, pois isso Blanc até conseguiu, acumulando 16 vitórias em 27 jogos (foram 7 empates e 4 derrotas) e mantendo a equipe invicta por 23 partidas. Mas as experiências de Deschamps como atleta e treinador vitorioso (recentemente teve passagem positiva pelo Olympique de Marselha, com títulos como o Campeonato Francês 2009/2010) podem nos deixar otimistas, não acham?

Concordem ou não, bonne chance a Di-di-di-di-di-di-er, eternizado nessa marcante homenagem do grupo Raça Negra, ícone do pagode brasileiro (assista ao vídeo e repare no minuto 1’05”).

Autor: Tags: , , , , , , ,

segunda-feira, 2 de julho de 2012 Eurocopa, Seleção francesa | 15:35

Melhor e pior da França na Euro 2012, e a vida pós-Blanc

Compartilhe: Twitter
Uma das mais belas imagens da competição!

Uma das mais belas imagens da competição!

O que nos deixou saudade e o que preferimos esquecer quanto à participação francesa na Eurocopa?

O futebol evidentemente decepcionou, levando a equipe até às quartas de finais, apenas, quando a escrita contra os espanhóis não se repetiu (nos dois títulos europeus da França, a Espanha foi derrotada. Desta vez é a campanha do título espanhol que teve um revés francês no caminho…). E o peso do fracasso foi mais do que Laurent Blanc pôde (ou será que quis?) suportar, com a demissão do treinador após cerca de dois anos de trabalho, praticamente no meio do ciclo até a próxima Copa.

Imagino que o “fator vestiário” também tenha contribuído para a saída de Blanc, visto que não é de hoje que os selecionáveis gauleses se indispõem de forma notória, ou batendo de frente um com o outro, ou com o técnico, ou com a imprensa. A “Geração 87”, se por um lado detém indiscutível talento, por outro não teve peito pra comandar o time em campo e deu trabalho fora dele, sobretudo Samir Nasri, pivô de desentendimentos com jornalistas materializados em ofensas que lamentavelmente baixaram o nível do comportamento que se espera para um atleta que representa seu país em um torneio do porte da Euro.

Deixo pros leitores avaliarem... (Trivela)A torcida costuma ser sempre um fator positivo, ainda mais quando há beleza natural envolvida (vide torcedoras ao lado, destoando sensivelmente de desafortunados como Franck Ribéry, abaixo…). Os uniformes azuis e brancos dos Bleus também foram elogiados – eu particularmente achei muito bonitos. A Federação Francesa de Futebol mandou bem ao divulgar algumas curiosidades além das notícias tradicionais, como os playlists favoritos dos jogadores e até um guia de orientação ao torcedor que fosse acompanhar o torneio na Ucrânia e na Polônia.

Longe dos estádios, mas constantemente presente nas redes sociais, a atriz pornô Virginie Caprice ganhou notoriedade na Internet por postar fotos em que palpitava os resultados da competição escrevendo nas próprias curvas corporais. Disseram até que ela foi “a única francesa que ganhou a Euro”. Falem bem ou mal da moça, indiscutível é que deve ter ganho dezenas de seguidores fora do seu país depois dessas “aparições”…

É ruim, heim! (fff.fr)

Vida que segue, enquanto procura por um novo treinador (Didier Deschamps, agora fora do Olympique de Marselha, por ora pinta como favorito para a vaga) a França volta a campo no mês que vem, e não tem como já não pensar em 2014 porque as Eliminátorias estão na mira, a partir de setembro. Vejamos o calendário que a espera:

> Mercredi, 15 août 2012 – Match international em Le Havre – France x Uruguay
>Vendredi, 7 septembre 2012 – Eliminatoires Coupe du Monde 2014 – Finlande x France
> Mardi, 11 septembre 2012 – Eliminatoires Coupe du Monde 2014 – France x Biélorussie
> Vendredi, 12 octobre 2012 – Match amical – France x Japon
> Mardi, 16 octobre 2012 – Eliminatoires Coupe du Monde 2014 – Espagne x France (ai ai ai…)
> Mercredi, 14 novembre 2012 – Match amical – Italie x France

> Mercredi, 6 février 2013 – Match amical – France x Allemagne
> Vendredi, 22 mars 2013 – Eliminatoires Coupe du Monde 2014 – France x Géorgie
> Mardi, 26 mars 2013 – Eliminatoires Coupe du Monde 2014 – France x Espagne
> Vendredi, 6 septembre 2013 – Eliminatoires Coupe du Monde 2014 – Géorgie x France
> Mardi, 10 septembre 2013 – Eliminatoires Coupe du Monde 2014 – Biélorussie x France
> Mardi, 15 octobre 2013 – Eliminatoires Coupe du Monde 2014 – France x Finlande

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

quinta-feira, 5 de maio de 2011 Extracampo | 21:54

Crise na FFF pode respingar em Blanc. É o correto?

Compartilhe: Twitter

Depois um 2010 pra lá de desgastante por conta do clima e campanhas péssimos na Copa do Mundo, 2011 parecia tranquilo pros lados da Federação Francesa de Futebol, com reformulação e bons resultados começando a surgir na seleção principal com Laurent Blanc.

Até a semana passada, quando uma bomba explodiu na entidade que gere o futebol francês e os estilhaços atingiram Blanc: vieram a público, pelo site Mediapart, declarações em reuniões da FFF que sugeriam a implementação, nos clubes e escolinhas do país, de cotas para limitar a formação de jogadores “não-brancos”, de ascendência africana e árabe. O objetivo seria ter, futuramente, uma seleção adulta mais “europeia”.

O técnico dos Bleus falava numa reunião sobre o peso crescente dos atletas com dupla nacionalidade e a necessidade de aumentar o número de jogadores mais técnicos frente aos físicos, geralmente de origem negra. “Atualmente, os grandes e potentes são os negros. É assim. É um fato. Deus sabe que nos centros de formação, nas escolas de futebol, há muitos (negros). Creio que temos que buscar outros critérios, modificar nossa própria cultura”, teria dito Blanc nesta reunião.

thuram_afp

Convidado a falar sobre o que Blanc disse no programa "Le Grand Journal" do Canal Plus, Lilian Thuram não poupou o colega de 1998: "É indesculpável" (AFP)

Claro que pegou mal, né? Uma investigação foi posta em curso e os fatos são que o diretor técnico François Blaquart já “rodou”, sendo suspenso pela federação, e cresceu a pressão para que Laurent Blanc perca o emprego. Ex-jogadores da seleção e torcedores de modo geral, porém, não são unânimes sobre a saída do treinador.

Não me parece que Blanc seja racista ou preconceituoso, acho que ele está é preocupado que a França forme basicamente jogadores fortes, muito bem preparados fisicamente mas fracos em termos de técnica e habilidade. Até porque esse cenário a gente vê no futebol atual, no qual o lado físico evoluiu, nivelando times fracos, medianos e bons, e os talentosos estão rareando, contados nos dedos.

O problema é que o técnico gaulês precisa dissociar esse perfil de jogador da questão racial, de origem étnica, assim como a diretriz da FFF para a formação de jogadores. Que as escolinhas valorizem e promovam os mais técnicos, independentemente da cor ou sobrenome, tudo bem, nada de errado. O que não pode é já taxar o cara de incapaz e reprová-lo por não ser “branco” e “europeu”…

Karim Benzema festeja gol contra Inglaterra recentemente. A maior aposta ofensiva da França hoje tem pais argelinos... (Getty Images)

Portanto, penso que o mais acertado, para contornar o caso, seria federação e treinador chamarem a imprensa, esclarecerem tudo que for preciso e Blanc não cair. Demiti-lo só para mostrar à opinião pública que a FFF tá agindo, pra preservar sua imagem, não me parece o melhor caminho, até porque o trabalho que já vem rendendo frutos na preparação dos Bleus pra Euro 2012 seria sensivelmente prejudicado sem seu comandante atual.

Agora, se de fato o lance das cotas procede, seja com anuência, conveniência ou determinação de Laurent e outros membros da federação, não terei como defendê-lo. E o país pode evitar, “burramente”, que surjam novos Zidanes, Henrys, Benzemas, Nasris, Maloudas, Evras… (relembre o que já escrevi sobre a multietnicidade histórica da seleção francesa). Além do fato de jogadores africanos ou árabes não quererem mais servir à seleção, se recusando, com razão, a fazer parte e lutar por uma entidade que os repele – vale lembrar que, sobre o fiasco na África do Sul no ano passado, foi especulado que os atletas negros se rebelaram contra o comando francês por não se sentirem à vontade em representar a França, uma das ex-potências coloniais na África…

Qual sua opinião sobre o caso? O que faria para sanar mais essa crise no futebol francês?

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 15 de abril de 2011 Francês da 1ª divisão, Seleção francesa | 10:06

Lille, cuidado com o… Lille

Compartilhe: Twitter

Quando um time lidera um campeonato de pontos corridos na reta final, com boa vantagem na classificação, a ponto de os concorrentes mais próximos terem de torcer por tropeços contra outros adversários, podemos dizer que ele só perde, principalmente, para ele mesmo. Certo?

Eis o caso do Lille, líder do Francês, que depois da derrota para o Monaco, na última rodada, viu o clima se desestabilizar entre seus jogadores: Rami falou em falta de comprometimento dos colegas, a turma não gostou e Landreau tentou esfriar a quentura, como informa a boa coluna de França do Trivela.com. É bom que Rudi Garcia faça seus comandados manterem o foco e se unirem em campo para que o trabalho de toda a temporada não desmorone a poucos metros da linha de chegada…

rudi_garcia_lille_afp

O técnico do LOSC também se irritou após a derrota em Mônaco. Mas agora precisa de muita calma (AFP)

Prejuízo pro Lyon
Miralem Pjanic pegou dois jogos de suspensão pela Comissão de Disciplina da Liga de Futebol Profissional (LFP) por uma suposta agressão (alguém viu se foi mesmo?) não vista pela arbitragem de então sobre Victor Hugo Montaño, do Rennes, no empate entre os times quase um mês atrás. A reclamação acintosa do técnico Fréderic Antonetti depois da referida partida, quanto à impunidade do meia do Lyon, acabou surtindo resultado, prejudicando um rival direto na luta pelas vagas na próxima Liga dos Campeões da Europa…

Se lhe devem…
Raymond Domenech foi demitido pela Federação Francesa de Futebol depois do fiasco da Copa 2010 sem nada receber. Por mais que isso faça sentido pelos desserviços que ele vinha prestando, é seu direito não aceitar o acordo com a entidade e cobrar uma indenização, como de fato ocorreu nesta quinta. Assim como a FFF pode buscar argumentos como a dispensa por falta grave para não ter que desembolsar milhões. O tribunal de Prud’hommes deve examinar o caso só em 13 de janeiro de 2012

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 4 de março de 2011 Francês da 1ª divisão | 17:11

Ligue 1, 26ª rodada, com pega entre líderes, treta…

Compartilhe: Twitter

Destaque maior para Olympique x Lille, que pode alterar a ordem dos líderes na corrida pelo título. O Marselha não sabe se poderá contar com André-Pierre Gignac, machucado no último fim de semana (problema nos adutores). O LOSC renovou contrato até 2015 com sua maior revelação, Eden Hazard, para diminuir as chances de perder o novato belga, já comparado com Cristiano Ronaldo e tra lá lá, na metade do ano (o irmão do meia-atacante, Kylian, de 15 anos, vai começar a treinar na base do Lille. Olho no DNA!).

Rennes e PSG (sem Hoarau e Erding) jogam fora, contra times tradicionais mas em posições distintas: o tranquilo Montpellier e o preocupado Auxerre, que caiu muito desde que o ano virou. Recebendo o lanterna, o OL torce pros concorrentes se darem mal para reduzir sua desvantagem nessa disputa. 

O time lionês tem a volta do argentino Lisandro López,  recuperado de uma contusão na perna, no ataque. Mas a defesa não poderá contar com o brasileiro Cris, lesionado na coxa, que pode até perder a volta da Liga dos Campeões da Europa, contra o Real Madrid – assim como o CR7, diga-se de passagem…

“Treta” na arbitragem
Reivindicando sua parte no contrato da Federação Francesa de Futebol com a Nike, avaliado em 42 milhões de euros (R$ 96,5 milhões), o sindicato dos árbitros determinou que seus filiados, os juízes das primeira e segunda divisões, atrasassem em 15 minutos o início das partidas neste fim de semana, como protesto.

Precavida contra a “chantagem inaceitável”, a FFF escalou árbitros da terceira divisão, que “respeitem o regulamento”, nesta rodada da Ligue 1. Vamos ver se não temos lambanças nos jogos e se essa querela respingará dentro de campo…  

Sábado, 5/3
15h – Montpellier (6º) x Rennes (2º)
15h – Caen (14º) x Saint-Etienne (7º)
15h – Lorient (8º) x Nancy (16º)
15h – Toulouse (11º) x Sochaux (12º)
15h – Valenciennes (13º) x Monaco (18º) 
15h – Nice (15º) x Lens (19º)
17h – Auxerre (17º) x Paris-SG (4º) 

Domingo, 6/3
13h – Lyon (5º) x Arles-Avignon (20º) 
13h – Brest (9º) x Bordeaux (10º) – SporTV anuncia transmissão ao vivo
17h – O. Marseille (3º) x Lille (1º) SporTV2 anuncia transmissão ao vivo

>> Classificação: Lille e Rennes lideram com 46 pontos, seguidos por Olympique de Marselha, com 45, PSG, com 44, e Lyon, com 42. Veja tabela completa

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011 Extracampo | 22:28

Montadora explora France vs Brésil. Quer um carro?

Compartilhe: Twitter

A Citroen, fabricante de automóveis francesa já popularizada por aqui e parceira da Federação Francesa de Futebol, lançou uma promoção interessante, explorando o amistoso do dia 9: dois modelos DS3 estilizados com as cores das bandeiras dos dois países, que serão apresentados por ocasião do jogo.

citroen_frança_brasil

Você é mais França ou Brasil?

No Facebook da montadora, é possível votar no DS3 mais bonito. Logo após o amistoso, um internauta sortudo ganhará um carro entre o modelo que ganhar a votação, e como se trata de uma premiação que se utiliza da Internet, brasileiros também podem votar livremente, obedecendo as regras estabelecidas. Eu já votei, clicando aqui (para poder habilitar o botão de voto, o “Jouer”, é preciso clicar no curtir – “Like” – na página)

Nessa disputa, quem leva?

(Nem garagem tenho, mas teria o maior prazer de arranjar uma pra guardar até um Citroen rosa…)

Autor: Tags: , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última