Publicidade

Posts com a Tag Cavani

segunda-feira, 28 de setembro de 2015 Francês da 1ª divisão | 23:08

Ben Arfa ressurge no ofensivo Nice

Compartilhe: Twitter

 

Ben Arfa na capa do último jornal L'Equipe

Ben Arfa na capa do último jornal L’Equipe

Um dos destaques deste início de Campeonato Francês é o conhecido meia-atacante Hatem Ben Arfa, de 28 anos, revelado pelo Lyon, com passagem brilhante por seleção francesa de base também, além de Marselha e Newcastle, da Inglaterra, quando deu uma sumida dos holofotes. Divide a artilharia máxima da Ligue 1, até aqui, com Edinson Cavani, uruguaio atacante do Paris Saint-Germain.

É a estrela do Nice, melhor ataque da competição no momento, que fez 10 gols nas últimas duas rodadas – 6 a 1 no Bordeaux e 1 a 4 no Saint-Etienne -, ocupando agora a 7a colocação na tabela de classificação, liderada pelo PSG, que com os 4 a 1 (de virada, fora de casa) sobre o Nantes e a derrota do Sainté abriu quatro pontos de vantagem sobre o vice-líder.

Domingo, pela 9a rodada, temos nada mais nada menos do que Paris Saint-Germain x Olympique de Marseille fechando o domingão. Antes, durante a semana, os times voltam a campo pela Liga dos Campeões e Liga Europa, respectivamente.

Publico e compartilho notícias do futebol francês com mais frequência no meu Twitter do que aqui. Se interessar, siga @obrunopessa ;)

Autor: Tags: , , , , , , ,

quarta-feira, 16 de setembro de 2015 Franceses no mundo, Torneios europeus | 13:52

Franceses “de fora” já brilham na Champions

Compartilhe: Twitter
Bonito o uniforme do PSG estreado ontem!

Bonito o uniforme do PSG estreado ontem!

Começou ontem a fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa e o Paris Saint-Germain foi o primeiro clube francês a jogar.

Como se esperava, derrotou o Malmo em casa, sem muito trabalho. Di María fez seu primeiro gol pelo clube e Cavani, artilheiro da equipe neste princípio de temporada, fechou o placar, após cruzamento de Maxwell e lindo desvio de Ibrahimovic.

Fora da França, os jogadores do país mandaram bem em seus times. Benzema abriu o marcador pro Real Madrid contra o Shakhtar Donetsk. Outro espanhol, o Atlético de Madrid bateu o Galatasaray na Turquia com dois gols de um parceiro de Benzema na seleção, Griezmann – que vem com ótima média de gols por lá desde a temporada anterior.

A dobradinha clube espanhol-jogador francês funcionou também no jogo do Sevilla. Um dos três gols sobre o Borussia Monchengladbach foi de Gameiro, convertendo pênalti. E por fim, Pogba não marcou pela Juventus, mas deu precisa assistência pro gol de Mandzukic contra o Manchester City.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

sábado, 1 de agosto de 2015 Copas francesas | 23:38

PSG atropela Lyon e segue mandando no país

Compartilhe: Twitter
Thiago Silva em sua doce rotina "a nível de" torneio francês (lfp.fr)

Thiago Silva em sua doce rotina “a nível de” torneio francês (lfp.fr)

Nada mudou na França depois da primeira decisão doméstica da temporada 2015/16, hoje, no Canadá (sim, exportada pra América do Norte).

Com a vitória indiscutível sobre o Olympique Lyonnais pela Supercopa francesa (Troféu dos Campeões), o Paris Saint-Germain manteve a rotina de vencer tudo em disputa no país desde a Supercopa do ano passado (Copa da Liga Francesa – dois em sequência, Campeonato Francês – o terceiro seguido – e Copa da França). É tricampeão consecutivo do Trophée des Champions.

Saiba mais sobre como foram os 2 a 0, gols de Aurier e Cavani, nesta matéria do site da ESPN, com vídeo mostrando os gols da partida ensolarada de Montreal.

Além do capitão Thiago Silva e seus colegas titulares de defesa, David Luiz e Maxwell, outro brasileiro titular no Paris foi o meia-atacante Lucas. O beque Marquinhos e o volante Thiago Motta, naturalizado italiano, ficaram no banco de reservas.

Melhores da última Ligue 1, os oponentes chegam pra próxima, que começa já nessa sexta-feira, em climas opostos. O PSG, com título da Supercopa e da International Champions Cup norte-americana (três vitórias e um empate). O Lyon, com cinco derrotas (incluindo um 6 a 0 sobre o Arsenal, na Emirates Cup) em seis jogos.

É assim que a banda vai tocar no Francesão? O OL supera a fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa?

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

domingo, 31 de maio de 2015 Copas francesas, Francês da 1ª divisão | 13:48

Defina domínio

Compartilhe: Twitter
A foto feita neste sábado, reunindo os campeões e as taças que vão pra sede do PSG

A foto feita neste sábado, reunindo os campeões e as taças que vão pra sede do PSG

O futebol francês profissional, na elite, é composto de três campeonatos: Ligue 1, o Campeonato Francês, o principal; e duas copas, Copa da França, a mais tradicional e democrática, e Copa da Liga Francesa, a que reúne as equipes das Ligue 1 e 2. Na verdade são quatro, se contarmos a Supercopa francesa (Trophée des Champions), que abre a temporada, confrontando, em jogo único, os campeões da L1 e CdF da temporada anterior.

Dos quatro títulos em disputa, nesta 2014/15 encerrada ontem, com a decisão da Coupe de France, quem foram os grandes campeões? Não foRAM, fOI. Tudo para o Paris Saint-Germain.

A mais recente, ganha com a vitória por 1 a 0 sobre o Auxerre no Stade de France, gol de Cavani, dá ao PSG o privilégio de ser o PRIMEIRO E ÚNICO da história do foot a trazer pra casa os três principais troféus do país (e foram quatro, né?). Essa matéria do L’Equipe cita outros franceses que ganharam duas taças na mesma temporada.

Dominação incontestável! Mas, que insisto em ressaltar, não deixa o clube totalmente satisfeito, pois no objetivo de conquistar a Europa, via Liga dos Campeões, falhou nas últimas três temporadas. Fácil concluir então o que o Paris deseja pra 2015/16, não é?

Autor: Tags: , , , , ,

domingo, 10 de maio de 2015 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 18:48

Só uma catástrofe tira o tricampeonato do Paris Saint-Germain

Compartilhe: Twitter
É assim que todos os adversários têm visto o PSG na tabela de classificação, e parece que vai ser assim que acabará...

É assim que todos os adversários têm visto o PSG na tabela de classificação, e parece que vai ser assim que acabará…

Já tava fácil antes de começar a antepenúltima rodada do Campeonato Francês. Ainda mais depois que o PSG ganhou e, principalmente, o Lyon perdeu, agora tá praticamente acabado.

Na sexta, a abertura da 36a rodada da Ligue 1 viu o baile parisiense pra cima do pobre do Guingamp: 6 a 0. Três gols de Cavani e dois de Ibrahimovic, que nos últimos jogos pela liga têm passeado diante das defesas adversárias.

E ontem, o OL colaborou não somando nenhum ponto contra o Caen, fora de casa. Levou de 3 a 0, não conseguindo marcar no gol de Vercoutre, seu ex-goleiro por algumas temporadas.

Faltando apenas duas rodadas pro final do Francesão, restam 6 pontos a disputar por todos. Que é justamente a diferença entre o primeiro e o segundo colocados. O Olympique Lyonnais precisa ganhar do Bordeaux e do Rennes e contar que o Paris perca do Montpellier e do Reims, que o saldo de gols lhe seria favorável no primeiro critério de desempate em pontos. Não vai acontecer, né?

Já a luta pela terceira colocação, que leva pras fases preliminares da próxima Liga dos Campeões da Europa, segue aberta. O Olympique de Marseille derrotou o Monaco, oponente direto, e está a dois pontos do clube do Principado, em quarto, igualado em pontos com o Saint-Etienne, que atropelou o Nice por 5 a 0 hoje.

Em mais uma goleada do fds, o Metz tomou de quatro do Lorient e teve seu rebaixamento confirmado, ao lado do já caído Lens. O último relegado à Ligue 2 não está definido, mas o Evian é o mais ameaçado, podendo cair no próximo finde.

Uma curiosidade: o Bastia bateu o Rennes por 1 a 0 e só não levou o gol no lance deste vídeo porque Peybernes teve muita garra, veja! (dica dada pelo amigo blogueiro Eduardo Madeira)

Por enquanto, todas as partidas da journée 37 tão marcadas pras 16h de Brasília.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 29 de abril de 2015 Francês da 1ª divisão, Francês de divisões menores | 14:03

PSG ganha jogo atrasado e se descola do Lyon; Troyes sobe

Compartilhe: Twitter

Três dias depois de ensacolar o Lille por 6 a 1, com 3 de Lavezzi, 2 de Cavani e um de Maxwell, pela 34ª rodada do Campeonato Francês, o Paris Saint-Germain voltou ao Parc des Princes ontem para o compromisso pendente da 32ª.

E executou seu favoritismo, dando de 3 a 1 no Metz, penúltimo colocado, com três assistências de Javier Pastore, que cresceu muito de produção nesta temporada. Nas últimas três partidas pela Ligue 1, o PSG marcou 9 gols.

Então, igualado em jogos com o Lyon, vice-colocado geral, soma três pontos a mais, faltando 12 para o fim do torneio. Nas quatro rodadas seguintes, o clima promete ser de total decisão.

Pela 35ª journée, o Lyon joga neste sábado contra o Evian, que hoje está na zona de rebaixamento, em casa. E o PSG tem a vantagem de já saber esse resultado antes de entrar em campo diante do Nantes, décimo colocado, fora de casa, um dia depois.

Troyes_Joie_Montee

Ligue 2
Não foi na sexta mas acabou vindo ontem o acesso do Troyes para a Ligue 1, com 4 rodadas de antecedência. Parabéns ao ESTAC, foto neste post pra eles! Quando saírem os demais promovidos e relegados à terceira divisão, a National, virei vos informar.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , ,

domingo, 19 de abril de 2015 Francês da 1ª divisão | 19:55

Lyon para no Saint-Etienne e divide liderança com Paris Saint-Germain

Compartilhe: Twitter
Clement persegue Fekir, do rápido ataque lionês, que começou com tudo mas não conseguiu sair vencedor no Gerland

Clement persegue Fekir, do rápido ataque lionês, que começou com tudo mas não conseguiu sair vencedor no Gerland

O Olympique Lyonnais poderia ter saído da rodada 33 do Campeonato Francês do mesmo modo como entrou, dois pontos à frente do PSG na liderança da classificação.

Porque faria o jogo de fundo, contra a ASSE, e o Paris já havia vencido o Nice sábado, por 3 a 1. Mas apenas empatou e agora ficou empatado com o adversário da capital no topo da Ligue 1, a 5 rodadas do final. Só que pro PSG serão 6, pois ele ainda não jogou pela 32a rodada, o que acontecerá dia 28, contra o Metz.

Então, o final de semana foi melhor pro Parri. Que conseguiu aplicar no Nice o mesmo placar sofrido diante do Barcelona, na quarta-feira, mesmo com o climão de desânimo e vários reservas, entre eles Lucas, que foi bem. Pastore, com um doublé, foi o maior destaque, e Cavani fechou o marcador. O vai-ou-racha contra o Barça já é depois de amanhã, desta vez com Ibrahimovic em campo, vamos ter que torcer muuuuito.

O dérbi do Ródano, maior rivalidade interclubes do país, teve todos os ingredientes esperados em um clássico de peso. O Lyon começou melhor, sentiu o baque da expulsão no primeiro tempo, levou a virada do Sainté antes do intervalo, conseguiu igualar nos primeiros minutos do segundo tempo, e aí sobrou nervosismo, faltou eficiência e a parada acabou 2 a 2. Tenho minhas dúvidas se o lance que originou o pênalti pro Etienne foi legal, pela posição de impedimento de Erding, que embora não tenha ido pra bola, se movimentou perto dela. Curioso que o artilheiro do campeonato, Lacazette, não vem conseguindo marcar nos adversários do Lyon melhor posicionados na classificação.

Em queda livre, o Marseille perdeu a terceira seguida, agora para o Nantes, e divide a quarta colocação com o Saint-Etienne. O terceiro, Monaco, ficou no 1 a 1 com o Rennes, nono, e está distantes seis pontos dos líderes. Na quarta, o clube do Principado recebe a Juventus, precisando reverter o placar de 1 a 0 que a equipe italiana construiu em casa, nas quartas da Champions.

Ainda brigando por vagas na Liga Europa, o Lille (8o) bateu o Bordeaux (6o) e o Montpellier (7o), o Caen. Como o PSG faturou a Copa da Liga Francesa, o quinto colocado no Francês, além do quarto, deve conseguir disputar a qualificação para a Europa League da próxima temporada.

 

 

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sábado, 11 de abril de 2015 Brasileiros na França, Copas francesas | 20:53

Paris Saint-Germain goleia Bastia e atinge meta 1 de 4

Compartilhe: Twitter

psgcdl15

O PSG chegou ao Stade de France hoje com uma possibilidade única para um clube francês na temporada, e saiu da final da Copa da Liga Francesa (que novamente foi ignorada pela detentora da transmissão na TV brasileira…) mantendo a expectativa de sucesso total: ganhar os 4 torneios que disputa.

Cumpriu com excelência 25% de seu objetivo, ao aplicar 4 a 0 no Bastia, fragilizado demais pela expulsão que sofreu ainda no primeiro tempo, com poucos minutos de jogo em Saint-Denis. Squillaci de fato obstruiu o caminho de Lavezzi rumo ao gol, fazendo o pênalti, mas o cartão amarelo parecia mais justo, afinal o experiente zagueiro não era o último homem entre o atacante argentino e a baliza. O favoritismo então se converteu em certeza para o lado mais poderoso.

Prejuízo enorme para o azul e branco da Córsega, com um a menos tanto no placar, depois de Ibrahimovic superar Areola, como dentro de campo, com apenas 22 minutos de partida. Com o uniforme vermelho roseado que costuma usar fora de casa, o Paris dominou a maior parte das ações, como se estivesse no Parc des Princes, tanto que no segundo tempo sua torcida cantava “On est chez nous, On est chez nous” (Estamos em casa, Estamos em casa) – e até que estavam mesmo, pois Saint-Denis é vizinha de Paris e fica a mais de 1200 km de Furiani, na ilha córsega…

Ibra fez o segundo arrematando forte e rasteiro, ainda na primeira etapa, e na segunda os ânimos que restavam no Sporting Club Bastia arrefeceram mais, com os dois gols de Cavani, primeiro de cabeça e depois aproveitando enfiada de Zlatan Ibrahimovic. O sueco está a cinco gols de se igualar ao português Pedro Pauleta, maior artilheiro da história do clube da capital, e mesmo com os quatro jogos de suspensão que pegou nesta semana deve superar a marca já nesta reta final de temporada. Glória para os brasileiros Thiago Silva, que levantou a taça, Marquinhos, Maxwell e Lucas (de volta após lesão. David Luiz está machucado), impotência para Brandão, que entrou no segundo tempo depois de meses sem jogar (foi suspenso depois de agredir Thiago Motta, que não reencontrou hoje porque o ítalo-brasileiro está machucado) e não teve chance de fazer nada de concreto para ajudar o 14º colocado da Ligue 1.

Campeão de sua quinta Copa da Liga (a segunda consecutiva), o PSG também devolveu a derrota imposta ao Bastia há 20 anos, na primeira edição da competição. Agora, tem que cuidar de suas três outras responsabilidades em disputa: Liga dos Campeões da Europa (quarta que vem, diante do Barcelona, a mais difícil), Campeonato Francês (próximo sábado e nas 5 rodadas restantes), e Copa da França (decisão contra o Auxerre em 30 de maio). É complicado, porém não falta qualidade ao elenco de Laurent Blanc, em que pesem as ausências forçadas, como será a do suspenso Ibra.

A CdL propicia ao campeão uma vaga na próxima Liga Europa, mas como o PSG deve se classificar para a Liga dos Campeões que vem por estar entre os três primeiros do Francês, essa vaga na UEL provavelmente irá para o 5º colocado na L1. No caso da CdF, mesmo que o PSG vença, o Auxerre, por ser vice, herdará a vaga na Uefa Europa League, se o clube da capital confirmar a posição na Champions League via Campeonato Francês.

-> Saiba mais sobre a partida na matéria do L’Equipe

PSG: Douchez; Aurier, Marquinhos, T. Silva e Maxwell; Verratti, Matuidi e Rabiot (Cabaye, aos 32 do 2º); Lavezzi (Cavani, aos 19 do 2º), Pastore (Lucas, aos 27 do 2º) e Ibrahimovic. Técnico: Laurent Blanc.

Bastia: Areola; Cioni, Squillaci, Modesto e Marange; Cahuzac (cap.), Gillet, Danic (Peybernes, 22 do 1º), Palmieri (Ayité, 23 do 2º) e Boudebouz; Sio (Brandão, aos 36º). T: Ghislain Printant.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 12 de março de 2015 Brasileiros na França, Torneios europeus | 08:28

Heróico PSG sobrevive na Champions!

Compartilhe: Twitter
Thiago Silva fez a bobagem de encostar a mão na bola em disputa com Zouma dentro da área, na prorrogação: pênalti convertido por Hazard. Mas não se intimidou, foi pra área adversária nos escanteios, e depois de esbarrar em Courtois uma vez, conseguiu vencê-lo por cima num cabeceio preciso, marcando o gol da qualificação e de sua redenção!

Thiago Silva fez a bobagem de encostar a mão na bola em disputa com Zouma dentro da área, na prorrogação: pênalti convertido por Hazard. Mas não se intimidou, foi pra área adversária nos escanteios, e depois de esbarrar em Courtois uma vez, conseguiu vencê-lo por cima num cabeceio preciso, marcando o gol da qualificação e de sua redenção!

Santa regra do gol fora de casa qualificado. Permitiu que o Paris Saint-Germain mantivesse o sonho de enfim conquistar a Europa nesta temporada. Depois de empatar com o Chelsea por 1 a 1 em casa, saindo em desvantagem da primeira metade do duelo, conseguiu 2 a 2 ontem em Londres nos minutos finais da prorrogação, superando o desequilíbrio numérico e a dificuldade emocional que a dramática partida lhe impôs.

Ibrahimovic foi expulso ainda no primeiro tempo, em lance de punição controvertida pela violência do choque contra Oscar, Cavani perdeu um gol quando o goleiro já estava vencido, Cahill abriu o placar. Mas David Luiz empatou nos minutos finais num cabeçazo, festejando como se o time da casa nunca tivesse sido o seu por um bom tempo. E na prorrogação, o drama que relatei na legenda da foto acima.

Agora é esperar o adversário das quartas de finais, quando o PSG não terá Ibra e Verratti, mas irá com muita confiança, renovadíssimo! Indico o belo texto sobre essa classificação do amigo de Internet Vinicius Ramos, blogueiro do ESPN FC no Ici c’est Paris!

David Luiz e a moral da história deste 11/3 no Stamford Bridge

David Luiz e a moral da história deste 11/3 no Stamford Bridge

Autor: Tags: , , , , , , ,

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015 Torneios europeus | 23:14

Na Inglaterra, PSG precisará de uma eficiência que não teve em casa

Compartilhe: Twitter

Encorpado em 19/2

Resultado pra se lamentar, né Lavezzi?

Resultado pra se lamentar, né Lavezzi?

Ontem o Paris Saint-Germain bem que tentou vencer, mas saiu do Parc des Princes com um empate contra o Chelsea, pelo jogo de ida das oitavas da Liga dos Campeões.

E pra complicar um pouco, o time inglês fez um gol na França, obrigando o PSG a marcar em Londres.

Os visitantes saíram na frente, em trama de zagueiros bem concluída pelo amuleto Ivanovic, castigando os anfitriões pelo primeiro tempo pouco agudo. Felizmente, na segunda etapa a equipe de Blanc cresceu e conseguiu a igualdade, com Cavani oportunista, concluindo preciso cruzamento de Matuidi.

O atacante uruguaio e o joga-de-tudo francês foram os maiores destaques do Paris, enquanto que o goleiro Courtois foi o principal nome entre os comandados de Mourinho, muito bem aplicados na marcação e disposição em campo. Foram mais eficientes, e até sortudos em alguns lances, como o arremate de Lavezzi que produziu a imagem acima.

A volta acontece dia 11, em Stamford Bridge. O Chelsea é um pouco mais favorito do que antes da bola rolar ontem. Porém o lado francês tem grandes talentos internacionais, como Ibrahimovic, que podem fazer a diferença e manter nossa esperança.

Outro francês nas oitavas da Champions, o Monaco só entra em campo quarta que vem, dia 25, contra o Arsenal, também na Inglaterra. Parada igualmente dura.

Análises do empate
O site Trivela, que cobre bastante o futebol internacional, colocou na conta das ligas nacionais o ligeiro desequilíbrio a favor do Chelsea no confronto. É fato que entra no contexto, afinal o cenário inglês é bem mais competitivo que o francês. Mas não somente, então discordo do tom (e não sou o único) desse artigo.

Não digo porque é meu amigo de foot, mas o blogueiro Vinicius Ramos parece acompanhar muito mais o PSG do que o redator do Trivela, o experiente e gabaritado Ubiratan Leal. A análise dele para o ESPN FC, que lemos aqui, me parece mais adequada então.

Outro bom texto é o de Ricardo Machado, que nesse post do Jovens Cronistas aborda os demais jogos que abriram as oitavas da UCL nessa semana.

Autor: Tags: , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. Última