Publicidade

Posts com a Tag Bordeaux

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010 Francês da 1ª divisão | 23:31

Resultados e algo mais da 21ª rodada

Compartilhe: Twitter

(Amigos, este texto era pra ter sido publicado ontem, quarta. Mas fiquei atolado com afazeres na redação, principalmente de noite, com uma enxurrada de jogos de futebol pela Europa e Estaduais brasileiros, antes da enxurrada propriamente dita me pegar no início da madrugada paulistana… Minhas desculpas!)

Grenoble 1 x 3 Bordeaux (Batlles; Gouffran, Chamakh e Cavenaghi) – Jimmy Juan-GRE foi expulso 
No pega do lanterna contra o líder, o óbvio.

Sochaux 2 x 1 Lille (Perquis e Dalmat; Vittek)  
Esperava mais do vice-líder-outrora-em-arrancada.

Lens 0 x 1 Montpellier (Montano) 
Não esperava tanto do MHSC, de novo vice-líder!

Marseille 2 x 1 Le Mans (Niang 2; Le Tallec) – quase 45 mil pessoas no Vélodrome
Mamadou resolveu e alegrou o ótimo público.

Lorient 1 x 3 Lyon (Ducasse; Lisandro López e Kallstrom 2
OL como nos velhos tempos!

Paris-SG 0 x 1 Monaco (Edel, goleiro, fez contra) – mais de 32 mil pessoas no Parc des Princes
Não tem outro adjetivo para o PSG (e seus torcedores): pobre PSG!

Nice 0 x 1 Auxerre (Jelen, aos 48 do 2 º tempo)
O artilheiro polonês teve estrela. Mas é bom lembrar que a tia Nice foi a mais prejudicada dos franceses pela Copa das Nações Africanas, tendo de ceder 11 atletas para o torneio, que acaba no dia 31.

Toulouse 0 x 0 Nancy
O TFC é outro que me desaponta, e não é de hoje.

Boulogne 0 x 2 Valenciennes (Bong e Ben Khalfallah)
Normal também, o penúltimo dificilmente escapará da degola.

>> Tabela de classificação: clique AQUI

 

Girondinos tentam depenar o "franguinho" artilheiro Chamakh (AFP)

Girondinos tentam depenar o "franguinho" artilheiro Chamakh (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 20:43

Bom para o campeonato

Compartilhe: Twitter

A primeira rodada do Campeonato Francês de 2010 teve resultados interessantes para a competitividade do torneio. Com o empate do Bordeaux e mais uma vitória do Lille, a diferença entre líder e vice caiu de 9 para 7 pontos. Ainda é uma baita duma vantagem, mas certamente menos confortável. Pelo bem da disputa, Le Blog não deseja que a competição se encerre matematicamente com muitas rodadas de antecedência…

Bordeaux x Olympique foi o clássico que encerrou a journée, e com polêmica. Chamakh abriu o placar para os donos da casa em lance controvertido, dividindo no alto com o goleiro Mandanda. Foi falta? Vi o lance mais de uma vez e acho que não, que a dividida foi lance normal de jogo. Não acho correta aquela máxima segundo a qual o goleiro, dentro da pequena área, é “intocável”. Nem na pequena, na grande área ou fora delas.

No segundo tempo, com um a mais (Planus foi expulso), o Marselha empataria com Cheyrou, aproveitando desvio de Brandão. Foi mantido o tabu: desde 1977 o OM não vence na terra girondina! No mesmo dia em que foi a campo, o Olympique desistiu de contar com Mancini. Para o clube, que cansou de esperar, o brasileiro foi desrespeitoso ao não dar uma resposta nem positiva nem negativa. Para o empresário do meia, a culpada pelo fracasso da negociação foi a Inter de Milão, que tem contrato com Mancini. O caso se encerra de forma triste, com a alfinetada do presidente Jean-Claude Dassier: “Se ele não quer vir, não vem. Ele prefere ver os jogos da Inter pela TV do que jogar pelo Marselha”.

Já o Lille manteve a média de ganhar marcando pelo menos três por partida: 3 a 1 no Paris Saint-Germain. Isso porque o LOSC estava desfalcado do seu maior artilheiro, Gervinho, que defende Costa do Marfim na Copa Africana de Nações. Pobre PSG!

O terceiro na tabela ainda é o Montpellier (36), um pontinho atrás do Lille (37). Eu disse “ainda” porque não creio que o MHSC, que fez a lição de casa batendo a tia Nice (1 a 0), consiga sustentar por muito tempo essa posição no “pódio” da Ligue 1 – que rende as vagas francesas na Liga dos Campeões da Europa. A turma dos 33 pontos me parece capaz de ascender na classificação: Olympique, Lyon, Monaco e Auxerre. Principalmente OM, OL e ASM, com ataques muito mais efetivos do que o defensivo AJA, incapaz de furar a frágil defesa do penúltimo Boulogne em casa.

Mesmo sem brilho, os Lioneses saíram vitoriosos nos domínios do Nancy, aplicando 2 a 0 graças a falhas da defesa rival em escanteios. O “velho” zagueiro brasileiro Cris, aquele mesmo, fez o primeiro, depois que o goleiro rival Bracigliano “caçou borboletas” na saída. Gonalons fechou o marcador, salvando um dia nada inspirado dos atacantes. E o Monaco viu o também brazuca Nenê ressurgir na artilharia, marcando os dois da vitória sobre o Sochaux e, com isso, reassumindo a dianteira entre os goleadores da competição.

A 21ª rodada já acontece amanhã, terça (Saint-Etienne x Rennes) e quarta-feira (os outros nove jogos). Vinde, emoção!

Depois de amargar uma seca, Nenê tirou não um, mas dois pesos das costas (AFP)

Depois de amargar uma seca, Nenê tirou não um, mas dois pesos das costas (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 12 de janeiro de 2010 Copas francesas | 20:01

Maldita instabilidade climática!

Compartilhe: Twitter

Enquanto o Brasil torra de calor, a Europa estremece de frio. O que Le Blog tem a ver com isso? Simples: neve demais traz futebol de menos. Hoje, abrindo as oitavas de finais da Copa da Liga Francesa, teríamos Le Mans x Bordeaux e Sedan x Clermont. Qual dos dois jogos a neve impediu? Sim, o do atual campeão francês – e também campeão da Copa da Liga. O duelo entre os clubes da segunda divisão, que sinceramente faria pouca diferença a todos nós, ocorreu normalmente e o Sedan triunfou por 1 a 0.

Totalmente coberto de branco, o gramado do Le Mans virou palco de um passeio de inverno para quem estava lá para a partida dos Girondinos. Deu pra ver até jogadores filmando e tirando fotos da paisagem atípica para um estádio. O que não dá pra saber é se os seis jogos programados para amanhã, quarta-feira, terão condições de ocorrer. São eles, pelo horário de Brasília:

14h – Guingamp (L2) x Paris-SG (L1)  
15h45 – Lyon (L1) x Metz (L2)  
16h – Toulouse (L1) x Nancy (L1)  
           Lens (L1) x Lorient (L1)  
           Lille (L1) x Rennes (L1)  
17h45 – Saint-Etienne (L1) x Marseille (L1)

Como se trata de 10 times da Ligue 1 e dois conhecidos da Ligue 2, fiquemos na expectativa de que a neve não seja vilã novamente, apertando o calendário e sobrecarregando aqueles que trabalham com futebol (como eu) no decorrer do ano – um ano de Copa, que sempre dá mais trabalho!

Loriot, goleiro do Le Mans: é mais fácil escrever com o pé do que jogar bola (AFP)

Loriot, goleiro do Le Mans: é mais fácil escrever com o pé do que jogar bola (AFP)

Autor: Tags: , , , , , ,

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010 Copas francesas | 22:16

Vai ter clássico na Copa da França

Compartilhe: Twitter

20 dos 32 jogos da fase 1/32-de-finais da Copa da França foram realizados. Os outros 12 acontecem nos dois próximos sábados, 16 e 23/01, principalmente por causa do mau tempo do inverno europeu. O único time da primeira divisão que caiu diante de uma zebra foi o da tia Nice, vítima do Plebennec, da terceirona.

Quatro clubes da Ligue 1 já conhecem seus adversários na próxima fase: Lyon, Monaco, Bordeaux e Paris Saint-Germain. Enquanto os Girondinos pegam o Ajaccio (Ligue 2, a 2ª divisão) e o PSG encara o Evian (National, a 3ª), Lyon e Monaco já vão ter pedreira nas 1/16-de-finais: eles vão se trombar! Ah, o Bordeaux volta a campo já nesta terça, amanhã contra o Le Mans, pelas oitavas-de-finais da Copa da Liga Francesa, antes de duelar com o Olympique de Marselha no fim de semana pelo Campeonato Francês. Haaja fôlego!

Veja os resultados dos jogos realizados e as partidas ainda por ocorrer – em negrito estão os classificados (os placares empatados tiveram decisão nos pênaltis). Quando a rodada estiver fechada, coloco os confrontos das 1/16.

Le Mans 1 x 0 Valenciennes
Strasbourg (2ª) 1 x 3 Lyon
Rennes 2 x 0 Caen (2ª)
Monaco 0 (4) x 0 (3) Tours FC (2ª)
Bordeaux
1 x 0 Rodez (3ª)
Amiens (3ª) 0 x 1 Auxerre
Plabennec (3ª)
 2 x 1 Nice
Trélissac (5ª) 0 x 2 Olympique de Marselha
Paris-Saint Germain 5 x 0 Aubervilliers (5ª) 
Les Herbiers (5ª) 0 x 1 Toulouse
Seclin (6ª) 1 x 4 Boulogne
Vannes OC (2ª) 1 (8) x 1 (7) Troyes (3ª)
AC Ajaccio (2ª) 3 x 0 Cannes (3ª)
Laval  (2ª) 1 x 2 Vesoul (4ª)
Bonchamp (6ª) 0 x 2 Guingamp (2ª)
Lattes (6ª) 0 x 1 Angers (2ª)
Pau (4ª) 0 x 2 Evian TG (3ª)
Versailles (6ª) 0 x 3 Beauvais (3ª)
Saint-Dizier (5ª) 0 x 4 Raon-L’Etape (4ª)
Chauray (6ª) 0 x 1 Agen (5ª)

Sábado, 16/01
Avranches (4ª) x Saumur (5ª)
Quevilly (4ª) x Saint-Quentin (6ª)

*Adiados*
16/01 (sábado): Marquette (6ª) x Mulhouse (4ª)
16/01 (sábado): La Grande-Motte (6ª) x Villefranche-Sur-Saône (4ª)
23/01 (sábado): Saint-Etienne x Lorient
23/01 (sábado): Grenoble x Montpellier
23/01 (sábado): Compiègne (4ª) x Lens
23/01 (sábado): Colmar (4ª) x Lille
23/01 (sábado): Thiers (5ª) x Nancy
23/01 (sábado): Saint-Louis-Neuweg (5ª) x Sochaux
23/01 (sábado): Pontivy (4ª) x Brest (2ª)
23/01 (sábado): Saint-Ouen-L’aumône (6ª) x Sedan (2ª)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 5 de janeiro de 2010 Francês da 1ª divisão, Francês de divisões menores, Franceses no mundo | 22:52

2010 vem com o mercado

Compartilhe: Twitter

Olá amigo(a) leitor(a), como passou a virada de ano? Aqui estamos para 2010, ano de Copa!

Enquanto a bola não rola na França, vamos acompanhando as notícias e especulações sobre transferências de jogadores e técnicos. Mesmo depois que os campeonatos europeus reiniciarem (e alguns já reiniciaram!), o mercado da bola deve seguir aquecido até o fim de janeiro… Por ora, sabe-se (ou ventila-se) por aí o seguinte:

BORDEAUX – O Genoa deu como certa a transferência do volante Fernando antes do ano acabar, mas a imprensa francesa diz que o brasileiro por enquanto apenas conversa com os italianos. A perda de Menegazzo seria considerável!

O técnico Arséne Wenger disse que o Arsenal desistiu de levar o atacante Chamakh, já que o marroquino, em ótimo momento, não teria motivo para deixar os Girondinos agora. Realmente ele declarou que pretende manter seu contrato até o fim da temporada. Aí sim, que fique Marouane!

BOULOGNE-SUR-MER – O atacante chileno Juan Gonzalo Lorca é esperado nesta semana na França para assinar com o caçula da Ligue 1. Já chamado para a seleção, pode aparecer na Copa. Mal das pernas no Francês, o Boulougne precisa de reforços!

CANNES (3ª divisão) – Trouxe o atacante Jan Koller, 36 anos e 2,02 metros de altura, maior goleador da história da seleção tcheca. Rumo à Ligue 2!

FLORENT SINAMA-PONGOLLE – O atacante francês deixa o Atlético de Madri, onde decepcionou, e está confirmado no Sporting, de Portugal. Que seja mais feliz!

OLYMPIQUE DE MARSELHA – Fora dos planos de José Mourinho na Inter de Milão, o meia Mancini pode aparecer no OM, que por sua vez pode perder Ben Arfa ou Valbuena – o primeiro não vem tendo muito espaço com Didier Deschamps, que pretende segurar o segundo. Seria muito bom se o brazuca viesse!

PATRICK VIEIRA – Mourinho disse que as chances do volante francês de permanecer na Inter são mínimas. Barcelona e Manchester City manifestaram interesse pelo jogador de 33 anos; o Lyon um pouco menos, deu uma hesitada, afinal ele não poderia jogar a Liga dos Campeões. Esse cara ainda tem faísca pra queimar!

SOCHAUX – O clube pode trazer de volta aos campos franceses o atacante nigeriano John Utaka, ex-Rennes e hoje no banco de reservas do Portsmouth. Estão em negociação. Que não seja só um africano a mais na Ligue 1!

VALENCIENNES – Cobiçado por Monaco, Paris Saint-Germain e futebol inglês, o atacante Johan Audel disse que não pretende deixar o VAFC nesta janela de mercado. É, ASM e PSG não estão em alta!

Se você souber de mais algum buxixo, quentinha ou bomba, escrevaí nos comentários!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

domingo, 27 de dezembro de 2009 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 16:23

E acabou o ano assim

Compartilhe: Twitter

Metade do Campeonato Francês 2008/2009 concluída. Não exatamente, pois gripe suína e neve impediram que todos os 20 times disputassem as 19 partidas programadas até aqui. São eles: Montpellier, Olympique de Marselha, Monaco e Boulogne, que jogaram 18 vezes, e o Sochaux, coitado, 17. Mas não vamos perder a época do ano pródiga em retrospectivas (até porque pouca coisa nova e relevante acontece…) para fazer a nossa, a partir do que os números e algumas observações nos mostram:

Campanhas
Os melhores – Bordeaux (43 pontos), Lille (34), Montpellier (33), Marselha e Auxerre (32)
Os piores – Grenoble (7), Boulogne-sur-Mer (13), Saint-Etienne e Le Mans (16)

O que mais desponta é a enorme vantagem do atual campeão na liderança, reflexo claro de que o Bordeaux é nitidamente superior aos demais e que a emoção da Ligue 1 corre risco se essa relação de forças permanecer. Surpresas positivas são Lille, Montpellier e Auxerre entre os ponteiros. Marselha, Lyon e Monaco têm times para estar mais em cima, mas bobearam sobremaneira nas últimas rodadas (seus técnicos têm culpa nisso, pelo menos Didier Deschamps e Claude Puel, creio).

Lorient, Rennes e Valenciennes têm um momento ou outro de inspiração, como o PSG, mas quem oscila não sai do meio da tabela. Lá em baixo, é grande a diferença dos quatro últimos (citados acima) para o quinto último (o Nice soma 22 pontos). Como caem três para a Ligue 2, os lanternas parecem condenados a muitas rodadas de sofrimento. Incluindo o tradicional Saint-Etienne, maior detentor de títulos nacionais (10), que pelo segundo ano consecutivo se arrasta na tabela. E especialmente o caçula Boulogne e o letárgico Grenoble, que só foi pontuar na 12ª journée.

Blanc, Gourcuff e Chamakh, tripé de sucesso nos Girondinos de Bordeaux

Blanc, Gourcuff e Chamakh, tripé de sucesso nos Girondinos de Bordeaux

Ataques
Os melhores – Lille (37 gols marcados), Bordeaux (32), Lyon e Paris Saint-Germain (31), Olympique de Marselha e Valenciennes (30)
Os piores – Grenoble (10), Saint-Etienne (11), Boulogne-sur-Mer (15), Le Mans e Sochaux (17)

Defesas
As melhores – Bordeaux (12 gols sofridos), Auxerre (15), Toulouse (16), Rennes e Paris Saint-Germain (18)
As piores – Boulogne-sur-Mer (35 gols sofridos), Grenoble (33), Nice (32), Nancy (29) e Le Mans (28)

Artilheiros
1. Gervinho (Lille), 11 gols em 18 jogos – média de 0,61
2. Nenê (Monaco)10 gols em 16 jogos – média de 0,63
3. Pierre-Alain Frau (Lille), 9 gols em 15 jogos – média de 0,60
4. Kevin Gameiro (Lorient), 8 gols em 18 jogos – média de 0,44
     Lisandro López (Lyon), 8 gols em 14 jogos – média de 0,57
    Asamoah Gyan (Rennes), 8 gols em 17 jogos – média de 0,47
7. Marama Vahirua (Lorient), 7 gols em  18 jogos – média de 0,39
     Mamadou Niang (Marselha), 7 gols em 14 jogos – média de 0,50
     Youssouf Hadji (Nancy), 7 gols em 14 jogos – média de 0,50
     Loïc Rémy (Nice), 7 gols em 18 jogos – média de 0,39
     Mevlut Erding (PSG), 7 gols em 14 jogos – média de 0,50

Com 23 gols nos últimos seis jogos, o LOSC se consolidou como melhor ataque do turno, superando o Bordeaux. Reflexo dessa artilharia eficiente é a presença dos “lilleanos” Gervinho e Frau entre os três maiores goleadores – o marfinense superou Nenê na reta final, com a estagnada do brasileiro do Monaco. Engraçado que o artilheiro do Bordeaux é apenas o 12º da lista (Chamakh, com seis gols), o que mostra que são vários os goleadores do time, uma versatilidade importantíssima num torneio longo e de pontos corridos, independendo de um ou dois jogadores apenas. Curioso que o Auxerre defende bem mas ataca mal – fez apenas 19 gols em 19 partidas.

Assistentes
1. Yoann Gourcuff (Bordeaux) – 6 assistências para gol  
    Marama Vahirua (Lorient) – 6  
    Christophe Jallet (PSG) – 6  
    Fahid Ben Khalfallah (Valenciennes) – 6  
5. Benoît Trémoulinas (Bordeaux) – 5  
    Kevin Gameiro (Lorient) – 5  
    Fabrice Abriel (Marseille) – 5  
    Francis Chris Malonga (Nancy) – 5 

Gervinho, artilheiro de visual inconfundível (France Football)

Gervinho, artilheiro de visual inconfundível (France Football)

Uma das qualidades de Gourcuff, o diferenciado do Bordeaux, está neste quesito; o ala esquerdo Trémoulinas também se destaca. Gameiro e Vahirua se mostram muito importantes para o Lorient: marcando ou assistindo, participaram diretamente de 13 dos 29 gols do time.

Fair-play
1. Lorient – 28 cartões amarelos e 0 vermelhos
2. Bordeaux – 29 cartões amarelos e 0 vermelhos
3. Marseille – 30 cartões amarelos e 0 vermelhos
4. Lyon – 40 cartões amarelos e 0 vermelhos

Esse ranking prova, não por acaso, que os que fazem menos faltas violentas estão entre os primeiros na tabela de pontos, e vice-versa. Não é preciso apelar ao anti-jogo para se dar bem ao longo do turno. Ainda bem!

A seleção
O jornal Le Figaro elegeu seus 11 melhores do turno: Janot (Saint-Etienne); Debuchy (Lille), Koscielny (Lorient), Spahic (Montpellier) e Trémoulinas (Bordeaux); Diarra (Bordeaux), Alberto Costa (Montpellier) e Gourcuff (Bordeaux); Gervinho (Lille), Lisandro López (Lyon) e Nenê (Monaco).

Minha seleção é um pouco diferente – até porque não consegui ver tantos jogos quanto a imprensa francesa, e além disso a gente acaba acompanhando bem mais os times do topo da tabela. Eu escalaria: Mandanda (Marselha), Hengbart (Auxerre), Planus (Bordeaux), Spahic e Trémoulinas; Diarra, Wendell (Bordeaux) e Gourcuff; Gervinho, López e Nenê. Se você quiser escalar a sua, coloque aí no campo de comentários.

Na quarta-feira, dia 30, volto com o último post do ano!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 16:55

Ho-ho-resultados da 19ª rodada!

Compartilhe: Twitter

(alguém achou a mínima graça nesse trocadilho infame do título? pra começar, alguém percebeu??) 

Natal, natal da internet! Nós jornalistas-plantonistas em época de festas sempre nos perguntamos se alguém tem tempo, disponibilidade ou vontade de ficar navegando na rede nesses dias… (alguém por favor diga que sim!). Mas como nosso dever é estar aqui, online e produzindo para quem estiver online, chega de churumelas. Hoje começo com os resultados da última rodada do 1º turno do Campeonato Francês, realizada terça (22) e quarta (23/12):

Lens 1 x 0 Saint-Etienne (Eduardo Santos) – esse foi na terça
Marseille 0 x 2 Auxerre (Oliech 2)
Nancy 0 x 4 Lille (Hazard, Frau e Gervinho 2) – Sami-NAN foi expulso
Lyon 1 x 2 Montpellier (Gomis; Montaño e Marveaux)
Sochaux 2 x 0 Rennes (Dalmat e Butin) – Gyan-REN foi expulso
Lorient 3 x 2 Valenciennes (Audel, Danic e Sosa; Amalfitano 2
Paris-SG 4 x 0 Grenoble (Luyindula, Armand, Erding e Jallet) – 32.548 pessoas no Parc des Princes
Le Mans 1 x 1 Monaco (Le Tallec; Park) 
Nice 2 x 2 Boulogne (Poté 2; Perrinelle e Blayac)
Toulouse 1 x 2 Bordeaux (Paulo Machado; Chamakh e Wendell) – M’Bengué-TOU foi expulso 

Continua o filme já anunciado na Ligue 1: Bordeaux ganhou (mesmo fora de casa) + os rivais próximos tropeçaram (o vice Olympique e o quarto colocado Lyon) = Bordeaux ampliou vantagem na liderança, agora para NOVE PONTOS. Ou seja, comemora o réveillon com motivo para várias taças de vinho da região… E olha que dessa vez o Toulouse abriu o placar logo de cara, aos 4 minutos de jogo. Mas ao 8 já estava tudo igual. E a habilidade do ataque girondino, sobretudo nos pés de Gourcuff, provocou faltas da parte do TFC. Numa delas, M’Bengué foi expulso, Wendell cobrou, a sorte campeã fez a bola desviar em Sissoko e a parada estava decidida.

Menos mal para a emoção do campeonato que o então terceiro colocado venceu, e agora subiu para vice. E vem numa arrancada de vitórias e goleadas que dá gosto de se apreciar. A última vítima da metralhadora de gols do Lille foi o Nancy, mesmo em seus domínios. Resultado: 4 a 0 e Gervinho e Frau garantidos entre líder e terceiro colocado na artilharia até o raiar de 2010. Tomara que esse embalo do LOSC seja um alento para o fim do passeio prá lá de tranquilo do Bordeaux.

Os olympiques de Marselha e Lyon decepcionaram com tropeços em casa. O OM não soube concluir as chances de gols criadas e perdeu para o Auxerre no Vélodrome (o inusitado do jogo foi o fair play de Birsa, do AJA – leia mais aqui). No Gerland, o OL teve muita dificuldade diante de um Montpellier bem postado e perigoso quando atacava – vale lembrar que as campanhas dos dois eram idênticas em número de pontos. Com o técnico Claude Puel falhando no arranjo de suas peças e nas entradas dos reservas – como o leitor Filipe Papini me ajudou a perceber enquanto víamos o jogo e falávamos via MSN -, o Lyonnais falhou feio na marcação e sucumbiu ao melhor aproveitamento ofensivo do MHSC.

Destaque ainda para o PSG, que dessa vez recompensou sua fiel torcida e goleou na capital: 4 a 0 no Grenoble – nada como enfrentar o lanterna… Amanhã ou domingo volto com um balanço da metade do campeonato, que só retorna no dia 16 de janeiro, conforme o tempo que me sobre e eu leve para apresentar uns dados e números expressivos.

Apesar da fria França de fim de ano, não falta calor e agitação na torcida do Bordeaux (AFP)

Apesar da fria França de fim de ano, não falta calor e agitação na torcida do Bordeaux (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 22 de dezembro de 2009 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 17:24

Segunda que virou terça

Compartilhe: Twitter

Se alguém passou aqui esperando encontrar um post de segunda, ontem, sobre a rodada do fim de semana do Campeonato Francês, minhas sinceras desculpas. A equipe do iG Esporte está reduzida nesta semana natalina, e ontem tivemos dois prêmios “atolando” meu dia de trabalho: melhor do mundo da Fifa, de tarde, e Brasil Olímpico, de noite. 

Então vou transformar a terça em segunda e falar um pouco sobre a 18ª rodada da Ligue 1. Mas pouco, porque hoje e amanhã já ocorre a 19ª e última do 1º turno, antecipada por causa do Natal, que acontece na sexta. Depois, só em 2010, mais precisamente em 16 de janeiro, porque nos dias 9 e 10 começa a Copa da França “pra valer”, com a entrada dos times da primeira divisão, na fase 1/32-de-finais (antes, as equipes de divisões menores participam de fases qualificatórias).

O filme das últimas rodadas vem sendo esse: Bordeaux ganha (apertado ou folgado, mas ganha) + rivais tropeçam = Bordeaux aumenta vantagem rumo ao bicampeonato. Desta vez os Girondinos contaram com boa presença do atacante David Bellion, que fez dois dos quatro sobre o Lorient, e o fim da uruca do argentino Fernando Cavenaghi, um artilheiro que ficou um tempão sem balançar as redes. O único ponto negativo dos Marine et Blanc foi a perda da invencibilidade defensiva: foram quase sete jogos sem a sólida defesa do time levar um gol sequer.

A grande bobeada da journée foi do Olympique de Marselha, em Saint-Etienne. Diante de um rival em fase crítica, às voltas com a zona de rebaixamento, o OM ficou com um a mais no fim do 1º tempo mas não conseguiu furar o gol de Janot, que junto com os colegas vibrou com a torcida no fim do jogo no Geoffroy-Guichard – que fase, heim, ASSE! O Montpellier, até então 3º, também se esforçou no quesito “derrapagem para adversário pior posicionado”, caindo em casa contra o Nancy. E no clássico de Monaco, os donos da casa não conseguiram superar o Lyon, que saiu na frente com uma bela cobrança de falta de Michel Bastos mas cedeu o empate quando Park marcou. E o Bordeaux rindo… 

Dois times vêm crescendo e provando que podem brigar por vagas nas ligas europeias: Lille, ainda vivo na Liga Europa 2009/2010, e Rennes. Quietinho, o Stade Rennais foi mais um a bater o PSG e agora é o sexto. Com alta média de gols, o Lille vem aproveitando o bom aproveitamento de suas peças ofensivas – Gervinho, Frau, Hazard e agora Túlio de Melo – para ascender na competição, já ocupando a terceira colocação na tabela de classificação. Olho neles!

Agora veja quem pega quem na última rodada do ano na França, sempre pelo horário de Brasília:

Terça, 22/12
18h – Lens (14º) x Saint-Etienne (17º) 

Quarta, 23/12
16h – Marseille (2º) x Auxerre (7º) 
 Nancy (11º) x Lille (3º) 
 Lyon (4º) x Montpellier (5º) 
 Sochaux (15º) x Rennes (6º) 
 Lorient (10º) x Valenciennes (8º) 
 Paris-SG (9º) x Grenoble (20º) 
 Le Mans (18º) x Monaco (12º) 
 Nice (16º) x Boulogne (19º) 
18h – Toulouse (13º) x Bordeaux (1º)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009 Torneios europeus | 21:15

Qualidades e defeitos

Compartilhe: Twitter

Para os franceses, os sorteios dos mata-matas das Ligas dos Campeões (oitavas-de-finais) e Europa (1/16-de-finais) deram motivos para comemorar e lamentar, dependendo de cada caso. 

Na Champions, o Bordeaux vai encarar o grego Olympiacos, dirigido por Zico. Decide a parada em casa e me parece favorito. Já o Lyon terá o indigesto Real Madrid pela frente, primeiro na França e depois na Espanha. Tá bom que não perdeu para os espanhóis em quatro confrontos no torneio, mas por mais francófonos que sejamos, não consigo não considerar os merengues favoritos. Com Kaká e Cristiano Ronaldo, com Kaká e sem Cristiano Ronaldo ou sem Kaká e com Cristiano Ronaldo. Sem os dois, creio que aí sim a coisa mude…

Na Europe, acho que o Olympique de Marselha tem bem mais time que o Copenhague, da capital dinamarquesa – não me peçam pra escrever Kobenhavn, é muito-não-português! Mas o Lille vai sofrer bastante diante do Fenerbahce, equipe turca com gosto brasileiro. Se os marselheses avançarem, pegarão Hertha Berlim-ALE ou Benfica (os portugas são osso duro de roer). Se o LOSC se classificar, encara Liverpool ou Unirea Urziceni-ROM – nem preciso dizer o que seria menos pior, né?

Concorda ou discorda dos meus palpites, caro leitor? (se quiser ver tudo que os sorteios definiram, CLIQUEZ ICI)

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009 Francês da 1ª divisão, Franceses no mundo, Torneios europeus | 23:05

Bordeaux dispara após complemento da rodada

Compartilhe: Twitter
 

 

Os líderes jogando em Montpellier e o Domenech vendo PSG x Lens. Só ele mesmo...

Os líderes jogando em Montpellier e o Domenech vendo PSG x Lens. Só ele mesmo...

 


Nos sete jogos restantes da atrasadíssima 11ª rodada do Campeonato Francês, adivinhe quem cantou de galo no confronto entre os líderes? Os Girondinos, claro. Não importa se o jogo é dentro ou fora; o Bordeaux enche o papo de 1 a 0 em 1 a 0. Agora, com 37 pontos ganhos, abriu seis de vantagem para o vice, que passou a ser o Olympique de Marselha – o OM teve estrela e foi buscar a virada contra o Lorient, fora de casa, já nos acréscimos.

Dos outro cinco times que jogaram em casa, quatro venceram: Lyon (ufa), Monaco (ufa parte 2), Nancy e Le Mans. Só o PSG tropeçou, empatando com o Lens –  mas isso não foi novidade, porque o Parrí não engrena mesmo. Foi assim:

Montpellier 0 x 1 Bordeaux (Jussiê)
Lorient 1 x 2 Olympique de Marseille (Vahirua de pênalti; Ayew e Diawara)
Lyon 2 x 0 Boulogne (Pjanic e Delgado)
Monaco 1 x 0 Rennes (Park)
Nancy 2 x 0 Nice (Féret e Malonga)
Le Mans 1 x 0 Grenoble (Helstad)
Paris Saint-Germain 1 x 1 Lens (Makélélé; Maoulida)


>>TOULOUSE FORA DA LIGA EUROPA

Com -1 grau de temperatura na Bélgica, o Toulouse entrou em campo precisando da vitória contra o Club Brugge para se classificar na Liga Europa. Teve um primeiro tempo bom, chegando bastante ao ataque, mas caiu de produção no segundo, abusou das bolas aéreas sem sucesso e acabou castigado no finzinho, levando o gol dos anfitriões, classificados no grupo J ao lado do outrora garantido Shakhtar Donetsk.

Agora, é torcer para o Lille se juntar ao Olympique de Marselha – que vem como terceiro da sua chave na Liga dos Campeões – como os franceses da fase de mata-matas do torneio. Túlio de Melo e Gervinho, pra cima do Slavia Praga!

O francês de maior destaque dos jogos de hoje da Europa League foi Djibril Cissé: o do cabelo estiloso fez dois dos três do grego Panathinaikos no confronto direto contra o romeno Dínamo Bucareste. Tá vendo, Djibra, é só não aprontar que você acaba se destacando positivamente…

Não, não é um maluco das arquibancadas. É o Djibra! (AFP)

Não, não é um maluco das arquibancadas. É o Djibra! (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 10
  3. 18
  4. 19
  5. 20
  6. 21
  7. 22
  8. Última