Publicidade

Posts com a Tag Auxerre

terça-feira, 23 de março de 2010 Copas francesas | 13:50

Copa da França, quartas-de-finais

Compartilhe: Twitter

As quatro partidas acontecem nesta terça e quarta-feiras. São sete times da primeira divisão e apenas uma zebrinha, o Quevilly, da quarta. Será que ele chega às semifinais?

Tirando o Auxerre, os outros clubes da elite francesa não fazem uma boa Ligue 1 e, portanto, podem usar o segundo torneio mais importante do país para ter uma lembrança inesquecível (positivamente) da atual temporada. A conferir, os seguintes confrontos, nos horários de Brasília:

Terça, 23/03
14h – Quevilly x Boulogne-sur-Mer  
16h45 – Auxerre x Paris Saint-Germain  

Quarta, 24/03

13h – Monaco x Sochaux  
16h45 – Lens x Saint-Etienne

Autor: Tags: , , , , , , , ,

segunda-feira, 22 de março de 2010 Francês da 1ª divisão, Francês de divisões menores | 21:28

Não há folga no Francês

Compartilhe: Twitter

Faltam apenas 9 rodadas para o fim do Campeonato Francês 2009/2010!

Por mais que o Bordeaux resista ao acossamento (existe isso?) dos rivais e não largue a liderança da Ligue 1, não há nenhuma facilidade na luta girondina pelo bicampeonato. Mais uma vez, Montpellier e Auxerre também venceram na rodada e não desgrudaram do topo da tabela e do sonho de alcançar a taça.

A vantagem do Bordeaux para o Montpellier, que tem o mesmo número de pontos (56), é possuir um jogo a mais por disputar. Na cola de ambos, um ponto atrás, está o Auxerre (55). Com 53 e também uma partida ainda por jogar, o Olympique de Marselha segue vivíssimo no páreo. Já Lille e Lyon, com 51, estão um pouco mais distantes e teriam que torcer contra muitos times para levantar o troféu – mesmo a luta por vagas nas copas europeias não será fácil, pois eles estão em quinto e sexto na classificação, e só os cinco primeiros jogarão algum torneio continental a partir do segundo semestre.

Destaque brasileiro na rodada, Jussiê celebra perto do craque Gourcuff (à direita) e do chefe Blanc (à esquerda)

Lá em baixo, onde a situação parecia definida no primeiro turno, os últimos colocados começaram a colecionar pontos e animar a briga contra o rebaixamento para a segunda divisão. Inclusive tivemos uma troca de posição após a 29ª journée: o Boulogne-sur-Mer passou o Le Mans (23 pontos a 21), relegando-o à vice lanterna, seis pontos à frente do derradeiro Grenoble (15 pontos). Se o campeonato acabasse hoje, esses três cairiam. Mas pelo menos Boulogne e Mans ainda podem alcançar Nice (32) e Saint-Etienne (29), que devem ficar bem espertos para não serem degolados quando maio chegar.

Repetindo o post de ontem, coloco os resultados e goleadores da rodada abaixo. O meia Jussiê foi o único brasileiro a balançar as redes, e o ganense Asamoah Gyan o único a marcar mais de uma vez, para o Stade Rennais, se juntando na luta pela artilharia geral, que (também) anda bastante agitada nesta reta final de competição – nesta rodada, nomes como Loïc Rémy, Ireneusz Jelen e Victor Hugo Montano entraram no páreo.

Bordeaux 3 x 1 Lille (Ciani, Jussiê de pênalti e Gourcuff; Hazard) – Ricardo Costa-LIL foi expulso; mais de 32 mil pessoas no Chaban-Delmas 
Montpellier 2 x 1 Valenciennes (Joris Marveaux e Montano; Ben Khalfallah) 
Auxerre 2 x 1 Le Mans (Jelen e Pedretti; Helstad) 
O. Marselha 2 x 1 Lyon (Kaboré e Taiwo; Gomis) – mais de 52 mil pessoas no Vélodrome
Boulogne 2 x 0 Lorient (Marcq e Koscielny contra) 
Rennes 4 x 1 Toulouse (Hansson, Gyan 2 e Kembo-Ekoko; Braaten) 
Grenoble 0 x 0 Monaco – Viviani-GRE foi expulso
Nice 1 x 0 Paris-SG (Rémy) – portões fechados no Stade du Ray
Saint-Etienne 0 x 0 Nancy
Lens 0 x 0 Sochaux – mais de 33 mil pessoas no Félix-Bollaert

Asamoah Gyan não será esquecido tão cedo pelos adversários do Toulouse

Ligue 2
Curiosamente, nenhum dos sete primeiros colocados venceu na 29ª rodada da segundona francesa. A tabela de classificação mostra Caen (56 pontos) e Brest (52) como fortíssimos candidatos a ascender para a Ligue 1 2010/2011. Com alguma chance de acabar com a alegria do Metz (46), terceiro e último a pegar o elevador se tudo acabasse hoje, Angers, Arles-Avignon e Nîmes somam 42 pontos e ainda têm o direito de sonhar. Acompanhemos também!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 10 de março de 2010 Francês da 1ª divisão | 17:17

Auxerre vira em Bordeaux e incendeia o Francês

Compartilhe: Twitter

2 a 1 para os visitantes no Chaban-Delmas!

Os donos da casa saíram na frente com um cruzamento errado do lateral-esquerdo Trémoulinas, que acabou encobrindo Sorin logo aos 6 minutos. O atual campeão francês ainda acertou o travessão do adversário em chute de Sertic.

Mas no segundo tempo, aos 18, o capitão Pedretti deu belo lançamento para o romeno Niculae, que cruzou na medida para Jelen igualar o placar. E aos 40, em rápido contra-ataque, de novo o polonês Jelen (na foto abaixo, à esquerda de Sertic) foi para as redes: recebeu em posição de impedimento, bateu no travessão e completou de cabeça no rebote, chegando ao seu nono gol na Ligue 1.

Estacionado nos 52 pontos, o Bordeaux ainda é co-líder com o Montpellier, que tem uma partida realizada a mais. Um ponto atrás já aparece o Auxerre, que passou Lyon (50), Olympique de Marselha (49) e Lille (48). Que disputa, mon ami!

Sertic, à direita, tenta parar Jelen, que decidiu a contenda para o AJA (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , ,

Francês da 1ª divisão | 10:25

Bordeaux começa a tirar o atraso

Compartilhe: Twitter

Com duas partidas a menos do que a maioria dos adversários no Campeonato Francês, o líder Bordeaux aproveita a semana livre para “pagar” um desses jogos: nesta tarde de quarta, a partir das 15h de Brasília, encara o sexto colocado Auxerre, que não deve facilitar a parada válida pela 25a rodada no Chaban-Delmas. O SporTV 2 anuncia que vai transmitir ao vivo.

As equipes prováveis para o duelo de logo mais são:

Bordeaux: Carrasso; Chalmé, Sané (Henrique), Planus e Trémoulinas; A. Diarra, Plasil, Gourcuff e Wendel; Cavenaghi e Chamakh.
Auxerre: Sorin; Hengbart, Coulibaly, Mignot e Grichting; Oliech (Birsa), Pedretti, Ndianga e Contout (A. Capoue); Jelen e Niculae.

Autor: Tags: ,

segunda-feira, 8 de março de 2010 Francês da 1ª divisão | 17:31

A rodada "se poupou"

Compartilhe: Twitter

Rodada xoxa essa vigésima sétima do Francês: seis empates por 1 a 1 e três vitórias por 1 a 0 em dez partidas. Deve ser porque os principais times da França tem preocupações mais importantes a partir desta semana: o Lyon joga na quarta pela Liga dos Campeões, Olympique e Lille na quinta pela Liga Europa, e o Bordeaux inicia um mês em que terá Liga dos Campeões e final da Copa da Liga paralelamente à Ligue 1. Com outras prioridades, é natural que esses times tenham se poupado no fim de semana, efeito que acabou contaminando toute la journée.

O pega entre os líderes teve muitas variações mas poucos gols, e o empate até que não foi mau resultado para o Bordeaux, que mesmo em casa esteve muito perto da derrota para o Montpellier, definitivamente capaz de encarar qualquer time da elite francesa.

Aos 32 do 1º tempo, o selecionável Ciani cometeu pênalti em Montano e foi expulso, mas Carrasso defenderia o pênalti cobrado por Costa (vide foto no fim do texto). Pouco tempo depois, aos 40, Chalmé colocou a mão na área e nova penalidade adotada para os visitantes, mas desta vez seria Montano o “desperdiçador”: o colombiano marcaria na primeira cobrança, invalidada por causa de invasão na área, mas o goleirão Carrasso pegaria a segunda, que foi a que valeu! No segundo tempo, Chamakh finalmente abriria para valer o placar no Chaban-Delmas. Quando a vitória girondina parecia certa, a pressão do MHSC mostrou resultado lá nos 49 minutos, quando Costa chutou e Carrasso acabou falhando.

O Lyon se juntaria de vez aos ponteiros da classificação se tivesse conseguido furar a retranca do Boulogne, vice-lanterna, fora de casa. Mas nada de gols no Stade de la Libération. Olympique de Marselha e Lille também falharam na busca pelos três pontos, somando apenas um contra adversários mais elaborados, como Saint-Etienne (fora) e Lorient (dentro). No caso do OM, valeu mais para Mamadou Niang, que meteu gol e ampliou sua vantagem na artilharia.

Auxerre, Rennes e Sochaux fizeram a lição de casa básica contra Valenciennes, Monaco e Toulouse. Consequentemente, o AJA colou no Lille, quinto colocado, e se descolou consideráveis seis pontos do Monaco, sétimo. Na batalha pela suada 14ª posição, o Paris Saint-Germain conseguiu se igualar ao Lens “na bacia das almas” da partida da segurança extra, e as equipes permanecem juntas naquela rebarba da tabela equidistante dos primeiros e dos últimos. Pobres dessas duas torcidas apaixonadas, pois mereciam espetáculos e resultados melhores!

>> Tabela de classificação: Bordeaux (52 pontos em 25 jogos) e Montpellier (52 pontos em 27 jogos) lideram, seguidos pelo Lyon (50 pontos em 27 jogos). Clique AQUI

>> Artilharia: Niang (Olympique) tem 15 gols, Nenê (Monaco) soma 13 e Gervinho (Lille) e Lisandro (Lyon), 11. Clique AQUI

A defesa do carrasco-Carrasso no penal-batido-mal por Costa (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 1 de março de 2010 Francês da 1ª divisão | 22:23

Placares magros e cadê o líder?

Compartilhe: Twitter

Vamos ao que dá pra falar da rodada no pouco de dia que me sobra, depois de muito ralar no iG Esporte hoje, segundona braba. Primeiro, tivemos quatro 1 a 0 em nove partidas, ou seja, um bocado de vitórias magrinhas. Segundo, não pudemos novamente assistir ao líder e atual campeão Bordeaux em ação, desta vez por causa do mau tempo na região de Le Mans. O Campeonato Francês já foi prejudicado por gripe suína, depois neve e agora tempestade. Que mais falta, heim? (bate na madeira!)

Sem os Girondinos, a 26ª journée permitiu que o Montpellier colasse na ponta, depois de fazer a sua parte, em casa, contra o Stade Rennais. Muita gente não ousava apostar que o MHSC estaria tão bem na tabela de classificação, assim como o Auxerre, sexto colocado que sempre ronda o top cinq, por exemplo. O duelo Montpellier x Rennes, aliás, opôs os xarás Joris Steve Marveaux, zagueiro anfitrião, e Sylvain Marveaux, meia visitante. O segundo tinha sete gols na competição, contra um do primeiro. Mas quem marcou duas vezes e “acabou” com o jogo? Oui, le premier!

A destacar ainda, Lyon 2 x 0 NiceParis Saint-Germain 0 x 3 Olympique de Marselha. Na vitória lionesa, o becão Cris foi eleito o melhor do confronto pela France Football, merecendo nota 8, e o argentino Lisandro chegou de vez na briga pelo topo da artilharia geral, com 11 gols, três atrás do líder Niang. E na derrota parisiense – mais do que esperada, até por seus desafortunados torcedores, que mesmo assim não esvaziam o Parc des Princes! -, a festa foi toda dos recém-convocados para a seleção francesa, Ben Arfa e Benoit Cheyrou, com a companhia de outro argentino, o cada vez mais decisivo Lucho.

Como na quarta-feira teremos “apenas” França x Espanha, dos Bleus falaremos nesta terça.

>> Tabela de classificação: Bordeaux (51 pontos em 24 jogos) e Montpellier (51 pontos em 26 jogos) lideram, seguidos pelo Lyon (49 pontos em 26 jogos). Clique AQUI

>> Artilharia: Niang (Olympique) tem 14 gols, Nenê (Monaco) soma 13 e Gervinho (Lille) e Lisandro (Lyon), 11. Clique AQUI

Torcedor do PSG é retirado por policiais do Parc des Princes: que fase! (AFP)

Torcedor do PSG é retirado por policiais do Parc des Princes: que fase! (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010 Copa do Mundo, Seleção francesa | 16:40

Convocados para França x Espanha

Compartilhe: Twitter

A pouco mais de 100 dias para a Copa do Mundo, Raymond Domenech anunciou nesta quinta-feira os 24 jogadores chamados para o amistoso da França contra a Espanha, na próxima quarta-feira (03/03), no Stade de France. São eles:

Goleiros: Hugo Lloris (Lyon), Steve Mandanda (Olympique de Marselha), Cédric Carrasso (Bordeaux)

Defensores: Jean-Alain Boumsong (Lyon), Mickaël Ciani (Bordeaux), Julien Escudé (Sevilla, ESP), Aly Cissokho (Lyon), Patrice Evra (Manchester United, ING), Bacary Sagna (Arsenal, ING), Rod Fanni (Rennes), Adil Rami (Lille)

Meio-campistas: Lassana Diarra (Real Madrid, ESP), Yoann Gourcuff (Bordeaux), Moussa Sissoko (Toulouse), Jérémy Toulalan (Lyon), Benoît Cheyrou (Olympique de Marselha), Florent Malouda (Chelsea, ING).

Atacantes: Nicolas Anelka (Chelsea, ING), Hatem Ben Arfa (Olympique de Marselha), Franck Ribéry (Bayern de Munique, ALE), Thierry Henry (Barcelona, ESP), Sidney Govou (Lyon), Loïc Rémy (Nice), Louis Saha (Everton, ING).

Domenech já tinha dito que é a partir desta partida que o clima de Copa começa a valer para os franceses. De fato, enfrentar a atual campeã europeia a três meses do Mundial é mais do que propício para este sentimento. Ainda restam outros três amistosos* antes da estreia na África do Sul, mas já é possível considerar que esses 24 de hoje estão perto de estarem entre os 23 de maio, quando sai a lista da Copa. Veja bem: eu disse “perto” e não “muito perto”, porque esta lista teve de excluir nomes que, se não estivessem machucados, fatalmente seriam chamados: Gallas, Abidal, Squillaci, Alou Diarra, Diaby, Benzema e Gignac, par exemple.  

As grandes novidades da relação são o retorno do zagueiro Ciani, que marcou o gol da vitória do Bordeaux contra o Olympiacos na terça-feira, e a primeira chance dada ao volante Cheyrou, do Olympique – na minha opinião, duas justas oportunidades. Elogiado pelo técnico da seleção recentemente, o meia Ben Arfa voltou a jogar bem no Marselha e foi novamente relacionado. O mesmo não aconteceu com o atacante Djibril Cissé, apesar de ter decidido as duas partidas da Liga Europa, contra a Roma, a favor do Panathinaikos – desafortunadamente, Djibra acabou preterido por Louis Saha, do Everton, cujos gols no Campeonato Inglês devem valer muito mais do que os do compatriota no Campeonato Grego…

Uma breve passada pelas posições: no gol, Lloris-Mandanda-Carrasso deve ser mesmo o trio da Copa (Frey, da Fiorentina, mereceria ser visto, penso eu). Na defesa, Ciani e Rami devem aproveitar a chance, pois ela só veio com as lesões de Gallas, Abidal e Squilacci. Méxès e Clichy ficaram de fora, estando mais longe da África. No meio, Vieira ainda não veio, mas se obtiver uma sequência de jogos pelo Manchester City pode ser incluído por Domenech em maio. Sissoko e Cheyrou se aproveitaram das ausências dos lesionados Alou Diarra e Diaby, avançando em relação a nomes como Flamini e Nasri (gosto desses dois) na luta por vagas no setor. E no ataque, sem Benzema e Gignac, fora de combate, Rémy se pôs à frente de Gomis (faz sentido) e Saha deixou Cissé “ainda com raiva”, como mencionei.

E você, o que achou dos convocados? Algum esquecido?

*A França vai encarar Costa Rica (26 de maio), Tuinísia (30 de maio) e China (4 ou 5 de junho). A estreia na Copa é no dia 11 de junho, contra o Uruguai.

Ciani e Cheyrou foram colegas no Auxerre em 2004. Mas seriam rivais no PS2? (France Football) Ciani e Cheyrou foram colegas no Auxerre em 2004. Mas seriam rivais no PS2? (France Football)
Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010 Copas francesas | 00:22

Zebras com lado positivo

Compartilhe: Twitter

Conforme prometido, os comentários sobre a rodada de meio-de-semana da Copa da França (em vermelho ou azul, os classificados):

Terça, 09/02 – Oitavas

Boulogne-sur-Mer (1ª) 1 x 0 Guingamp (2ª)  
Embora a campanha do Boulogne na Ligue 1 seja digna de Ligue 2, prevaleceu em casa sobre o rival de divisão inferior, que defendia o título da Copa da França de 2009. Até porque o EAG faz campanha digna de terceira divisão na segundona…

Beauvais (3ª) 1 x 4 Sochaux (1ª)  
Aqui deu o óbvio. O meia Marvin Martin fez dois, Belay marcou de pênalti e Mikari complementou para o FCSM.

Quevilly (4ª) 1 x 0 Rennes (1ª)   
Zebraça essa! Não que o Stade Rennais seja mil maravilhas, mas é um time da elite contra um praticamente amador!! E o Rennes vinha de vitória sobre o Bordeaux pelo Campeonato Francês… Se servir de consolo, o rubro-negro está em ascensão na Ligue 1 e, ocupando a nona colocação, ainda tem chance de beliscar uma vaga na Liga Europa no final das contas.

Vesoul (4ª) 0 x 1 Paris-SG (1ª)
Ainda bem, né Parri? Quem sabe acaba a zica da Ligue 1. Ludovic Giuly marcou o gol solitário da partida. Mas quando a fase é péssima,
nem vitória é bem vinda: torcedores esperaram a delegação do PSG às 5 da manhã de quarta no aeroporto para tentar “acertar as contas na porrada”. Se a polícia não interviesse, a coisa ia piorar…

Quarta, 10/02 – Oitavas

Auxerre (1ª) 4 x 0 Plabennec (2ª) 
Depois de apanhar feio do Grenoble no fim de semana, por 5 a 0, o AJA levantou a cabeça, para azar do adversário da Ligue 2. O grande destaque da goleada auxerroise, sob neve e com bola laranja, foi o artilheiro Ireneusz Jelen – foram três gols na conta do polonês, “un sublime triplé”, como descreveu a France Football.

Saint-Etienne (1ª) 2 x 0 Vannes OC (2ª)  
Parece que a maré do ASSE está voltando a trazer sorrisos. Payet e Riviére foram os goleadores de mais uma vitória, providencial se você tem que enfrentar um Bordeaux mordido no fim de semana…

Bordeaux (1ª) 0 x 2 Monaco (1ª)
Mordido porque os girondinos perderam a segunda seguida, e deram adeus ao sonho de conquistar tudo nesta temporada. Também com neve e bola laranja (eita friaca!), o campeão francês comprovou que não está bem mesmo, sendo eliminado com gols do coreano Park e do nigerense Maazou. São apenas duas semanas para as oitavas-de-finais da Liga dos Campeões. Portanto, tá na hora da galera do tio Blanc acordar. E descansar um pouco, com uma competição a menos para se preocupar, até que fará bem.

A festa no rinque de patin... ops, no gramado gelado, foi monegasca (AFP)

A festa no rinque de patin... ops, no gramado gelado, foi monegasca (AFP)

 


Quarta, 10/02 – 1/16

Toulouse (1ª) 0 x 2 Brest (2ª)  
Outra zebra grande. O que acontece com o TFC em casa? Perdeu para o Olympique de Marselha na Copa da Liga, não conseguiu vencer o Lyon pelo Francês, e agora cai para um rival da segundona… Cuidado para não naufragar na Ligue 1!

Lens (1ª) 3 x 1 Olympique de Marselha (1ª)
A última zebra, não tãão grande, mas vale lembrar que o Lens subiu da segunda divisão no ano passado. Nesta quarta, os goleadores foram o tunisiano Issam Jemaa, duas vezes, e seu compenheiro Toifilou (!?) Maoulida; Cheyrou descontou. Mas como eu já disse, nem toda a zebra é maléfica: restam nada menos que três torneios para o OM disputar com chances de título (Francês, Liga Europa e Copa da Liga, já na final), o que tá mais do que suficiente para fazer valer a temporada, d’accord?

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 23:19

Te cuida, Bordeaux!

Compartilhe: Twitter

Rodada animada esta 23ª do Francesão (ui!). Bordeaux tropeçou de novo (e feio), Montpellier ganhou novamente, e a diferença entre líder e vice caiu na margem de uma simples rodada: três pontos. Se você considerar placares como 3 a 0 e 4 a 2 como goleadas, vimos cinco nos dez jogos deste fim de semana! (apêndice: pessoalmente, considero goleada uma vitória por no mínimo 3 gols de diferença; e você?). A média de gols ficou em 3,2, muito boa.

Rennes 4 x 2 Bordeaux (Marveaux, Briand pênalti, Bangoura e Gyan; Gouffran e Wendell)
Após empatar com o fraco Boulogne em casa, o campeão francês sofre uma sonora derrota para um time do meio da tabela. Quando uma defesa até então sólida leva quatro gols, é motivo para o ex-zagueiro e técnico Laurent Blanc intervir… Convém lembrar que as oitavas-de-finais da Liga dos Campeões vêm aí, e uma perda de liderança numa altura dessas seria um baque duro de contornar. No Stade Rennais, o ganês Gyan foi a nove gols e segue os artilheiros de perto.

Seria o cansaço a causa da queda de produção girondina, com o elenco se desdobrando em quatro competições simultâneas? Com dor de cabeça por causa do calendário apertado, Blanc ameaçou escalar um time B na Copa da Liga Francesa, contra o Lorient, no dia 17. Não seria errado se o fizesse…

Boulogne 0 x 2 Montpellier (Camara e Montano)
Devo dar o braço a torcer (ai!) sobre o MHSC: depois de encostar no líder Bordeaux, esse time sem estrelas provou que não é fogo de palha não. O colombiano Montano foi a oito gols no torneio.

Nice 1 x 1 Lille (Ben Saada; Túlio de Melo)
O atacante brasileiro marcou presença na casa da tia Nice. O LOSC tá bem vivo na parada pelo título, em terceiro, a quatro pontos do Montpellier e a sete do Bordeaux.

Toulouse 0 x 0 LyonMakoun-LYO foi expulso
O OL é outro time que deve abrir o olho, pois não vem sendo consistente faz tempo. Só não saiu com a derrota porque o TFC falhou várias vezes na hora H, de finalizar a gol, sobretudo o artilheiro Gignac e o brasileiro Luan. Makoun deixou os laranjas lioneses (com o terceiro uniforme de cor berrante) em desvantagem numérica por 25 minutos; então, o empate pode ser visto com sabor de vitória para o quarto colocado na Ligue 1. 

Luan deu muito trabalho para lioneses como Cris e Reveillere (AFP)

Luan deu muito trabalho para lioneses como Cris e Reveillere (AFP)

Marseille 5 x 1 Valenciennes (Lucho González, Brandão, Cheyrou, Valbuena e Niang; Sanchez) – mais de 46 mil pessoas no Vélodrome
O OM sim é um time em lua-de-mel com sua torcida. No embalo da heróica classificação para a final da Copa da Liga Francesa, na última quarta-feira, meteu um chocolate pra cima do VAFC para um excelente público em casa, a maioria feliz da vida. Brandão, o maior herói contra o TFC, marcou de novo; Niang chegou ao terceiro posto isolado na artilharia do campeonato. Hoje em 5º, o Olympique tem um jogo a menos a disputar, contra o Sochaux, e por isso pode encostar ainda mais nos ponteiros.

Saint-Etienne 3 x 0 Monaco (Matuidi, Bergessio e Rivière)
Os monegascos perderam uma bela chance de chegar ao top five da classificação. O ASSE deu uma pequena respirada na parte debaixo da tabela.

Grenoble 5 x 0 Auxerre (Ljuboja, Akrour 2 e Matsui 2) 
Incrível a goleada do lanterninha, broxando ainda mais o AJA…

Paris-SG 0 x 3 Lorient (Vahirua, Gameiro e Amalfitano) 
Falando em broxar, o time do presidente Nicolas Sarkozy. Pobre Sarkô, um dos mais de 30 mil torcedores do PSG no Parc des Princes. Que desgosto. Vaias para os jogadores e o técnico Kombouaré. Os visitantes, que não têm nada com isso, deram um baile de futebol, com belos gols. Os eficientes Gameiro (9 gols) e Vahirua (8) estão no topo da artilharia geral.

Sochaux 1 x 1 Nancy (Dalmat; Dia)
Nada de empolgante aqui né? 

Lens 2 x 1 Le Mans (Monnet-Paquet e Eduardo Santos; Maïga) 
32 mil pessoas para assistir a um time que luta para se afastar da zona de rebaixamento de uma equipe que abre a zona de degola é mesmo louvável! O Lens abriu 14 pontos para o Le Mans, ameaçadíssimo ao lado de Boulogne e Grenoble.

>> Tabela de classificação: Clique AQUI

>> Artilharia: Nenê (Monaco) tem 13 gols, Gervinho (Lille) soma 11 e Niang (Olympique), 10. Clique AQUI

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 22:52

Pinceladas da journée

Compartilhe: Twitter

Caríssimos, é mais do que chato eu, volta e meia, me desculpar por demorar a escrever aqui ou não me alongar como deveria. Mas na redação a regra é clara: primeiro o noticiário do dia, depois, no tempo que sobra (quando sobra), blog.  Hoje, segunda, foi dureza o trampo, então vamos apenas de pinceladas sobre a 22ª rodada do Campeonato Francês (quem quiser trazer mais informações, é muito bem vindo):

Bordeaux 0 x 0 Boulogne-sur-Mer
O líder disparado não consegue vencer o vice-lanterna: péssimo pros Girondinos, excelente para o caçulinha da Ligue 1 e ótimo pro campeonato. Agora, caiu pra seis pontos a vantagem do Bordeaux para o vice Montpellier. A diferença ainda é confortável, mas cada vez menos imbatível.

Lille 1 x 0 Lens (Hazard) 
O promissor meia belga resolveu e manteve o LOSC, terceiro na tabela, dos primeiros na tabela. Desponta no Lille a mesma qualidade do Bordeaux: a não-dependência de apenas um goleador, com vários jogadores capazes de decidirem placares com assistências e gols. Qualidade que, em longo torneio de pontos corridos, faz total diferença.

Monaco 3 x 2 Nice (Park 2 e Nenê; Ben Saada e Digard) – Civelli-NIC foi expulso 
Boa presença da dupla de ataque monegasca, formada pelo brasileiro e pelo sul-coreano responsáveis pelos gols dos anfitriões. Nenê, que no fim da janela europeia ficou mesmo no Principado, ampliou a distância na artilharia para Gervinho (13 gols). Park, com oito, entrou no Top Ten.

Nancy 1 x 0 Lorient (Hadji) 
Melhor jogador do ASNL, o marroquino Youssouf Hadji chegou ao seu oitavo gol, entrando no rol dos dez maiores goleadores da competição. Como uma seleção que tem bons valores ofensivos como Hadji (29 anos) e Marouane Chamakh (26 anos), artilheiro do Bordeaux, não consegue se classificar nem para a Copa Africana de Nações? Me espanta…

Rennes 4 x 0 Grenoble (Danzé, Marveaux 2 e Bangoura) 
Contra o lanterninha, tinha que dar Stade Rennais mesmo.

Camara e Montano comemoram gol do Montpellier, 2º melhor time do Francês (AFP)

Camara e Montano comemoram gol do Montpellier, 2º melhor time do Francês (AFP)

Le Mans 1 x 3 Toulouse (Ouali; Machado, Gignac e Kazim-Richards) 
Boa demonstração de força do TFC. Melhor ainda é ver André-Pierre Gignac, artilheiro da Ligue 1 2008/2009, em paz com as redes – foi seu sexto gol no atual certame.

Montpellier 2 x 0 Olympique (Aït-Fana e Cheyrou contra) 
O MHSC também mostra que não é figurante no Francês. Diminuiu a distância para o Bordeaux, como eu já disse, em cima do tradicionalíssimo Marselha.

Auxerre 1 x 0 Saint-Etienne (Mignot) 
Vitória com a cara do AJA: magrinha, magrinha. O ASSE está a quatro pontos da zona de rebaixamento, mantendo a perigosa sina.

Valenciennes 1 x 1 Sochaux (Audel e Perquis)
Os dois estão no miolo da classificação, separados por dois pontos. Então podemos dizer que o resultado foi justo até contestação em contrário. 

Lyon 2 x 1 Paris Saint-Germain (Gomis e Cris; Erding) – Sakho-PSG foi expulso
Como oportunamente frisaram os leitores Eduardo e Filipe no post de domingo, a expulsão do zagueiro parisiense foi determinante para a derrota do PSG, que vencia e jogava melhor quando a parada estava no 11 contra 11. Mas não crucifiquemos um defensor de 19 anos, que enfrentava nada menos que o OL em Gerland, né mesmo?

A se frisar, que o turco Mevlut (nome estiloso!) Erding foi a nove gols, colou nos artilheiros e provou que vem ofuscando Guillaume Hoarau na linha de frente do Paris. Que Bafétimbi (inigualável!) Gomis foi recompensado com um gol, pois chutou duas na trave de Edel. E Cris, foi recompensado em dia fraco do companheiro Boumsong…

(nesta terça, se tudo sair como previsto, falo do fim da janela europeia de transferências)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 8
  3. 9
  4. 10
  5. 11
  6. 12
  7. Última