Publicidade

Posts com a Tag André Luiz

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 Brasileiros na França, Extracampo, Francês da 1ª divisão, Franceses no mundo | 18:06

Principais transferências desta janela de início de 2013

Compartilhe: Twitter

Desculpe a demora, mas só agora consegui relacionar todos os principais negócios envolvendo clubes e jogadores franceses de dezembro de 2012 até 31 de janeiro último (o deadline day, que registrou várias confirmações de últimas horas). Se esqueci ou errei alguém, favor me lembrar nos comentários:

PSG
Chegaram: Beckham (meia inglês, do Los Angeles Galaxy-EUA), Lucas (meia brasileiro, do São Paulo-BRA).
Saíram: Nenê (meia brasileiro, para o Al Gharafa-Catar), Lugano (zagueiro uruguaio, para o Málaga-ESP), Hoarau (atacante francês, para o Dalian Aerbin-China), Luyindula (meia franco-congolês, para o Red Bulls-EUA), Rabiot (volante francês, para o Toulouse), Mohamed Sissoko (volante francês, para a Fiorentina-ITA), Bodmer (volante francês, para o Saint-Etienne).

Lyon
Saíram: Michel Bastos (meia brasileiro, Schalke-ALE), Monzón (lateral-esquerdo argentino, para o Fluminense-BRA).

Olympique de Marseille
Chegaram: Kadir (meia franco-argelino, do Valenciennes), Romao (volante togolês, do Lorient).
Saíram: Rémy (atacante francês, para o Queen’s Park Rangers-ING), Raspentino (meia francês, para o Brest).

Bordeaux
Chegaram: Rolan (meia uruguaio, Defensor Sporting-URU).
Saíram: Chalmé (zagueiro francês, para o Ajaccio), Gouffran (atacante francês, para o Newcastle-ING), Jussiê (meia brasileiro, para o Al-Wasl-EAU).

Saint-Etienne
Chegaram: Bodmer (volante francês, do PSG) e Mollo (meia francês, do Nancy).

Rennes
Chegaram: Alou Diarra (volante francês, do West Ham-ING) e Mensah (zagueiro ganês).
Saíram: M’vila (volante francês, para o Rubin Kazan-RUS) e Doumbia (meia malinês, para o Wolverhampton).

Lille
Saíram: Debuchy (lateral direito francês, para o Newcastle-ING), Landreau (goleiro francês, do Lille).

Nenhum reforço pra Ligue 1 da última janela se comparou a David Beckham (com o manager Leonardo e o presidente Al-Khelaifi) em termos de holofotes. Que não seja apenas marketing o que ele trará ao PSG!

Montpellier
Saíram: Yanga-Mbiwa (zagueiro francês, para o Newcastle-ING), Tinhan (volante francês, para o Arles).

Toulouse
Chegaram: Rabiot (volante francês, do PSG), Ben Basat
Saíram: Moussa Sissoko (volante francês, para o Newcastle-ING).

Valenciennes
Saíram: Gil (zagueiro brasileiro, para o Corinthians-BRA), Kadir (meia franco-argelino, para o Marseille).

Lorient
Saíram: Romao (volante togolês, para o Marseille).

Bastia
Chegaram: Inkoom (lateral-direito ganês, Dnipro-UCR), Landreau (goleiro, Lille)

Brest
Chegaram: Raspentino (meia francês, do Marseille).

Evian
Chegaram: Betão (zagueiro brasileiro, do Dínamo de Kiev-UCR), Ninkovic (meia sérvio, do Dínamo de Kiev-UCR).

Ajaccio
Chegaram: Oliech (atacante queniano, do Auxerre).

Nancy
Saíram: Helder (zagueiro brasileiro, para o Internacional-BRA), André Luiz (zagueiro brasileiro, sem clube), Haidara (zagueiro francês, para o Newcastle-ING).

*Franceses em outras praças*
Nicolas Anelka deixou o Shanghai Shenhua, da China, rumo novamente a um grande centro e clube do futebol mundial: contrato de 6 meses com a Juventus, da Itália, com opção de renovação por um ano de acordo com seu rendimento. Tem bola pra render ainda, aos 33 anos?

E aí, o que vc destacaria entre o que rolou nessa janela?? Comente à vontade!

– Quer ver todos os negócios fechados entre os 20 clubes da Ligue 1? Acesse a seção Transferts do site da LFP;
– Quer receber notícias e opiniões sobre futebol francês no seu Twitter, interagindo comigo? Me segue lá!
– Quer ficar por dentro do futebol francês e debater com outros antenados e interessados no Facebook? Peça para entrar na comunidade Ligue 1 Brasil (São mais de 90 membros!)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 18 de abril de 2011 Francês da 1ª divisão | 12:41

Lille e Marselha colados: Francês é o mais emocionante da Europa

Compartilhe: Twitter

O Campeonato Português 2010/2011 está decidido. O Espanhol, o Alemão e o Italiano, quase. O Inglês dificilmente escapará do Manchester United. E o Francês, alguém pode apostar no campeão sem medo de perder dinheiro? Não! Eis o nacional mais emocionante entre os mais importantes do continente.

Porque, com o empate do Lille em casa contra o Bordeaux e a vitória do Olympique fora sobre o Montpellier, a diferença entre primeiro e segundo é de apenas um pontinho. Derrotado pelo PSG no clássico da rodada, o Lyon se descolou do Marselha (cinco pontos) e vai ter que fazer muita catiça pra roubar o caneco dos dois primeiros.

taiwo_afp

"E a diferença ficou assim, ó", diz o lateral-esquerdo nigeriano do OM depois de cobrar o pênalti que decretou a importantíssima vitória de virada do mais que candidato ao bi (AFP)

Veja os resultados da 31ª rodada, faltando agora 7 para o final da Ligue 1 (21 pontos em disputa):

> Lille 1 x 1 Bordeaux (Sow; Savic) – Moussa Sow continua comandando a artilharia, com 21 gols 

> Montpellier 1 x 2 O. Marseille (Giroud; Gignac e Taiwo de pênalti) – Um expulso para cada lado, El-Kauotari e Rémy 

> Paris-SG 1 x 0 Lyon (Zoumane Camara, aos 32 do 2º) – Zagueiro marcou de joelho após bate-rebate em escanteio

> Rennes 1 x 2 Lorient (Dalmat; Gameiro e Coquelin) – Mais de 28 mil pessoas no Stade de la Route de Lorient. Mas o Stade Rennais teve dois expulsos, um em cada tempo. Gameiro foi a 17 gols e segue vice-artilheiro geral

> Saint-Etienne 2 x 1 Nancy (Payet 2; André Luiz) – O atacante do ASSE foi a 12 gols

> Sochaux 3 x 2 Caen (Dramé e Maiga 2; El-Arabi e Hamouma) – Logo atrás de Gameiro, o marroquino Younes El-Arabi foi a 16 gols. Maiga soma 13

> Toulouse 0 x 1 Auxerre (Dudka aos 47 do 2º) – Mais de 35 mil pessoas no Municipal de Toulouse

> Lens 1 x 1 Brest (Hermatch; Ayité)

> Nice 3 x 2 Monaco (Mounier, Civelli e Mouloungui; Gosso e Park de pênalti) – O sul-coreano do ASM foi a 12 gols

> Arles-Avignon 0 x 1 Valenciennes (Pujol) – Agora nem a matemática evita a queda do ACA. O atacante do VAFC atingiu 14 gols 

*Classificação: Lille lidera com 59 pontos, seguido por Olympique de Marselha, com 58, Lyon, com 53, PSG, com 52, e Rennes, com 51. Veja tabela completa

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 21 de março de 2011 Francês da 1ª divisão | 17:07

Lille se distancia pra cima e PSG pra baixo no top 5

Compartilhe: Twitter
lyon_rennes_reu

O gol de Theóphile que definiu o 1 a 1 em Gerland: quem ganhou foi o Lille... (Reuters)

Estava desenhada a chance do Lille abrir vantagem no Campeonato Francês, pelos confrontos da rodada do final de semana. Como o líder venceu e o segundo (Rennes) e o terceiro (Lyon) ficaram no empate, agora o LOSC tem quatro pontos a mais que o novo vice, o Olympique de Marselha, que afastou ainda mais o PSG da corrida pelo título no clássico do povo. 

Contando com a eficiência e inspiração de seus dois principais artilheiros na Ligue 1, os africanos Moussa Sow e Gervinho, o Lille virou sobre o Brest – foi a terceira derrota do Stade Brestois em 14 partidas em casa – e confirmou o favoritismo de maior favorito ao título. Sow se isolou ainda mais na lista de goleadores do torneio, com 19 gols, enquanto que Gervinho agora é o quinto, ao lado de Lisandro López, com 12. El-Arabi marcou mais um pelo Caen, na vitória contra o lanterníssimo Arles, foi a 14 e se descolou de Nenê, ainda com 13.

Tentando juntar os cacos decorrentes da eliminação na Liga dos Campeões para o Real Madrid, o Lyon conseguiu “achar” o primeiro gol do jogo contra o Rennes, em duelo direto: Lisandro chutou, a bola desviou em Gomis e enganou o goleiro Douchez – vale lembrar que a dupla de atacantes é responsável por mais da metade dos gols lioneses na competição. Do banco de reservas, Cris viu sua equipe sofrer o castigo do empate mesmo com um a menos (o colombiano Montaño foi pro chuveiro merecidamente no 2º tempo, após agredir Lovren, porque seu pisão em Toulalan no 1º passou incólume), quando, perto do fim, o defensor Kévin Théophile-Catherine testou para a rede de Lloris, depois de cobrança de M’vila. Resultado injusto, mas futebol é isso aí…  

Sem Brandão de vez, depois de negociá-lo para o Cruzeiro, o OM não sentiu falta dos gols, que vieram em precisa cobrança de falta de Gabriel Heinze, argentino ex-PSG (entre 2001/02 e 2003/04), e graças a cabeceio do ganês André Ayew, aproveitando cruzamento de André-Pierre Gignac. O gol parisiense saiu depois que Chantôme complementou rebote de chute de Nenê que acertou a trave. Decepcionado e realista, o presidente do Paris, Robin Leproux, já coloca como meta para o clube ficar entre os cinco primeiros no final das contas…

om_psg_gol_heinze_reu

O lance em que Heinze venceu Grégory Coupet e a bola acabou na rede (Reuters)

Veja os resultados da 28ª journée:

Brest 1 x 2 Lille (Lesoimier; Gervinho e Sow)
Lyon 1 x 1 Rennes (Gomis; Théophile-Catherine aos 43 do 2º) – Montaño-REN foi expulso
O. Marseille 2 x 1 Paris-SG (Heinze e André Ayew; Chantôme) – Quase 53 mil pessoas no Vélodrome
Montpellier 1 x 4 Lens (Bocaly; Akalé, Joris Marveaux contra, Roudet e Jemaa) 
Lorient 0 x 0 Saint-Etienne – O goleiro Janot-ASSE foi o melhor em campo
Valenciennes 2 x 2 Bordeaux (Danic 2; Jussiê aos 35 e Ciani aos 39 do 2º) – 4º gol do meia brasileiro, em 24 jogos
Toulouse 1 x 1 Nice (Santander; Cetto contra aos 48 do 2º) 
Auxerre 2 x 0 Sochaux (Jelen 2
Caen 2 x 0 Arles-Avignon (Mollo e El-Arabi)
Monaco 0 x 1 Nancy (André Luiz) – Quarto gol do zagueiro brasileiro, que soma 25 jogos no campeonato

*Classificação: Lille lidera com 55 pontos, seguido por Olympique de Marselha, com 51, Rennes, com 50, Lyon, com 49, e PSG, com 45. Veja tabela completa

brest_lille_afp

Gervinho é festejado pelos colegas. Ninguém late mais alto que os Dogues até aqui (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 18:13

Lille tem vantagem ampliada

Compartilhe: Twitter

Nada como ter um segundo tempo para poder fazer o que não se conseguiu no primeiro. Foi isso que aconteceu com o Lille nesta quarta-feira, contra o Nancy, em jogo atrasado do Campeonato Francês. A obrigação de ganhar em casa só se confirmou, para o líder, quando os times voltaram do intervalo. Com quatro minutos de partida na segunda etapa, estava 2 a 0. Doze minutos depois, o LOSC fez 3 a 0 e confortou a torcida do cada vez mais líder da Ligue 1, invicto há oito rodadas.

Choveu muito e o frio tava pegando em Villeneuve D’Ascq, mas mesmo assim os times se movimentaram bastante, embora o primeiro tempo tenha pecado em chances claras de gols. As poucas não se concretizaram, como o pênalti cobrado por Cabaye, depois que Berenger derrubou Balmont, que Grégorini defendeu aos 41 minutos.

lille_nancy_torcida_afp

Les lillois comemoram um dos gols de Gervinho pertinho dos jogadores (AFP)

No segundo tempo, porém, o goleiro do Nancy não pôde evitar os gols de Gervinho, Hazard e novamente Gervinhô, que foi a 10 e tem cinco a menos que o colega Sow, artilheiro da competição. Para complicar as pretensões visitantes, o zagueiro André Luiz, único brasileiro titular no confronto, cometeu dura falta no meia belga e foi expulso diretamente, pouco depois que Túlio de Melo entrou, vindo do banco, em substituição ao marfinense goleador da noite.

Com 38 pontos, o LOSC abre quatro de distância para PSG, Rennes e Lyon e, como todos agora portam o mesmo número de partidas disputadas, pode gozar com mais tranquilidade a liderança e a manutenção do sonho de voltar a ser campeão depois de 57 anos!

*Auxerre e Olympique de Marselha duelam, desde as 17h45, pela segunda semifinal da Copa da Liga Francesa. Tô acompanhando nesse link: http://pt-br.justin.tv/xavi113#/w/777370288 . Logo mais coloco aqui o resultado

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 10:34

Resultados da 17ª rodada

Compartilhe: Twitter

1,4 gol por jogo. Média baixa, mas quase 30% dos gols foram brasileiros.

Arles-Avignon 0 x 1 Lille (Túlio de Melo) – Aït Ben Idir-ARL foi expulso
Valenciennes 1 x 2 Paris Saint-Germain (Aboubakar; Nenê 2)  
Bordeaux 0 x 0 Rennes
Auxerre 1 x 1 O. Marselha (Birsa de pênalti; Rémy) – Mbia-OLY foi expulso
Lyon 2 x 0 Toulouse (Lisandro López e Bafetimbi Gomis) – Mais de 32 mil pessoas no Gerland
Brest 0 x 0 Montpellier  
Nancy 1 x 0 Sochaux (André Luiz
Monaco 0 x 2 Saint-Etienne (Batlles e Sako) 
Lorient 3 x 0 Lens (Amalfitano, Kitambala e Mvuemba) 
Caen 0 x 0 Nice 

>> Classificação: Lille lidera com 31 pontos, seguido por PSG, 30, Lyon, 29, Rennes, 28, Marselha, 27 e Brest, 26. Confira tabela completa

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

domingo, 21 de novembro de 2010 Francês da 1ª divisão | 22:43

Resultados da 14ª rodada

Compartilhe: Twitter

2,7 gols por jogo, ótima média

Rennes 2 x 1 Brest (Kembo-Ekoko e Leroy; Grougi)
Nice 0 x 1 Montpellier (Giroud)
Lille 2 x 1 Monaco (Frau e Obraniak; Adriano)
Paris Saint-Germain 2 x 1 Caen (Hoarau e Erding; El-Arabi)
Toulouse 0 x 1 Olympique de Marselha (André Ayew) – Mais de 30 mil pessoas no Estádio Municipal
Arles-Avignon 2 x 4 Bordeaux (Meriem e Bouazza; Modeste 3 e Gouffran) – Laurenti-ARL foi expulso
Lens 1 x 3 Lyon (Akalé; Gomis 2 e Lisandro López)
Saint-Etienne 1 x 1 Auxerre (Perrin e Mignot)
Sochaux 2 x 0 Lorient (Maïga e Brown)
Nancy 2 x 0 Valenciennes (André Luiz e Vahirua)

>> Classificação: Lille e Montpellier lideram com 24 pontos, seguidos por PSG e Rennes, com 23. Confira tabela completa

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

domingo, 3 de outubro de 2010 Francês da 1ª divisão | 18:14

Resultados da 8ª rodada

Compartilhe: Twitter

2,7 gols por jogo. Com apoio da torcida, Rennes chegou à liderança

Saint-Etienne 1 x 1 Olympique de Marselha (Batlles; Gignac)
Rennes 3 x 1 Toulouse (Danzé, Mangane e Marveaux de pênalti; Sissoko)
Nancy 2 x 3 Lyon (André Luiz e Féret; Lisandro López e Briand 2)
Paris Saint-Germain 0 x 0 Nice  
Lille 3 x 1 Montpellier (Sow 2 e Gervinho; Giroud de pênalti)
Arles-Avignon 0 x 4 Auxerre (Traoré, Pedretti, Contout e Birsa) 
Valenciennes 2 x 1 Caen (Pujol e Samassa; El-Arabi) 
Monaco 0 x 1 Brest (Grougi) 
Sochaux 3 x 0 Lens (Maïga, Brown e Perquis) 
Bordeaux 1 x 0 Lorient (Ciani) 

É assim que Didier Deschamps (OM) vê Christophe Galtier (ASSE) na tabela: uns passos à frente (AFP)

É assim que Didier Deschamps (OM) vê Christophe Galtier (ASSE) na tabela: uns passos à frente (AFP)

 
>> Classificação da Ligue 1: Rennes assumiu a liderança, com 18 pontos, ultrapassando o Saint-Etienne, que tem  17. O Lille subiu para terceiro, com 14, ao lado de Toulouse e Brest (!). Confira tabela completa

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 3 de maio de 2010 Francês da 1ª divisão | 21:16

Briga quente pela Champions

Compartilhe: Twitter

No complemento da 35ª rodada do Campeonato Francês, sete partidas aconteceram no domingo, depois que os líderes Olympique de Marselha e Auxerre duelaram na sexta-feira (veja post “Tudo igual é melhor pro Olympique”). As vitórias de Lille, Lyon e Bordeaux esquentaram a briga pelo terceiro lugar da Ligue 1, posição que vale vaga na qualificação para a Liga dos Campeões da Europa que vem. Outro aspecto interessante nesta reta final é a luta pela artilharia: 10 goleadores estão separados por apenas dois gols (veja o item “Artilharia”, ao fim deste texto). Faltando três rodadas para o fim da competição, em quem você aposta?

Vamos aos resultados e significados par Bruno Pessa, com os louváveis préstimos da France Football:

Lille 3 x 1 Nancy (Cabaye, Gervinho e Frau; Malonga)
O marfinense Gervinho e o francês Frau voltam a se posicionar bem na briga entre os melhores buteurs (artilheiros). Mas o que mais importa para o LOSC é a terceira colocação na tabela, que atualmente o colocaria na Champions – são três pontos atrás do Auxerre e dois à frente do Lyon. Ainda há uma chancezinha matemática do Lille ser campeão, porém é improvável que o Marselha perca os três últimos jogos de uma campanha que caminha para o título. O zagueiro brasileiro Andre Luiz foi mal pelos lados do Nancy, que é o 12º.

Montpellier 0 x 1 Lyon (Michel Bastos)
Em partida fraca dos atacantes de ambos os lados, o lateral-esquerdo/meia brasileiro e o goleirão Hugo Lloris resolveram a parada. O Olympique Lyonnais é o quarto, dois pontos atrás do Lille e dois à frente de Bordeaux e Montpellier. Voltar à Liga perdida é o objetivo do OL para o que resta da temporada – e o fato de ter uma partida a mais por disputar, contra o Monaco, ajuda bastante. Ao MHSC, isto também é matematicamente possível, mas a Liga Europa (prêmio para 4º e 5º colocados) parece mais viável.

Bordeaux 1 x 0 Toulouse (Ciani)
Com o tcheco Plasil bem e o brasileiro Jussiê mal, o atual campeão conseguiu vencer com gol de zagueiro. Não importa, pois o importante é se garantir em algum torneio europeu no segundo semestre, de preferência na Champions. O TFC é só o 13º.

Valenciennes 0 x 0 Lorient
Os experientes goleiros Nicolas Penneteau (29 anos) e Fabien Audard (32) pegaram muito, o que ajuda a explicar a carência de gols. Se for competente e der sorte no restante da Ligue 1, o Lorient, sétimo, pode beliscar uma Liga Europa. O VAFC é o décimo.

Rennes 1 x 2 Sochaux (Marveaux, de pênalti; Briand contra e Gavanon)
Zebra, pois o Stade Rennais é o oitavo colocado e o Sochaux apenas o décimo sexto na pontuação.

Saint-Etienne 1 x 4 Lens (Diakhaté; Akalé, Jemaa e Maoulida 2) – mais de 32 mil pessoas no Geoffroy-Guichard
Destaques: o atacante Toifilou (!) Maoulida e o meia Sébastien Roudet, do décimo quarto na classificação. Decepção para a torcida do ASSE, cujo décimo sétimo lugar, a sete pontos do Boulogne, ainda representa um riscozinho de rebaixamento.

Boulogne-sur-Mer 3 x 3 Nice (Blayac, Kapo e Cuvillier; Rémy 2 e Hellebuyck)
Incrível: o anfitrião levou 3 a 0 do visitante (dois deles do ótimo Loic Rémy) e, entre os 36 e os 47 minutos do segundo tempo, conseguiu o empate! Apesar do heroísmo e da capacidade de recuperação, a igualdade não foi o suficiente para dar maiores alentos ao Boulogne, que dificilmente escapará da Ligue 2 na próxima temporada. Tia Nice é a 15ª.

Michel Bastos não sai da mídia, pelos gols que vem marcando, e assim segue perto da Copa (AFP)

*Faltam apenas 3 rodadas para o fim do Campeonato Francês 2009/2010*

>> Tabela de classificação: Olympique de Marselha lidera (72 pontos em 35 jogos), seguido pelo Auxerre (67 pontos em 35 jogos), à frente do Lille (64 pontos em 35 jogos). Clique AQUI

>> Artilharia: Niang (Olympique) e Gameiro (Lorient) têm 15 gols; Nenê (Monaco) soma 14; Gyan (Rennes), Jelen (Auxerre), Erding (PSG), Rémy (Nice), Lisandro (Lyon), Gervinho (Lille) e Frau (Lille), 13. Clique AQUI

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 17:26

Resultados e um plus da 25ª journée

Compartilhe: Twitter

Saint-Etienne 1 x 0 Montpellier (Rivière) 
Os visitantes perderam uma rara oportunidade de se igualar ao líder Bordeaux na tabela, até porque os Girondinos não jogariam mesmo. Mas com a derrota, viram o Lille encostar e podem perder o Bordeaux de vista quando este realizar o jogo que lhe falta, contra o Auxerre. Pros donos da casa, foi excelente na luta contra o rebaixamento.

Rennes 1 x 2 Lille (Leroy; Frau e Aubameyang)
Pulo do gato do LOSC, vivíssimo na luta pelo título. Os Lilleanos têm o melhor ataque disparado do Campeonato Francês, com 48 gols em 25 partidas. Pierre Alain-Frau chegou ao décimo gol na Ligue 1, aproximando-se de Gervinho, estacionado nos 11. Com campanha mediana, o Stade Rennais é o nono na classificação.

Sochaux 0 x 4 Lyon (Michel Bastos 3 e Lisandro López) 
Um show à parte do meia-atacante lionês e lateral-esquerdo da seleção brasileira, ainda nos planos de Dunga para a Copa do Mundo próxima. Se a versatilidade for um critério na escolha do treinador brasileiro, Bastos Fernandes, como é conhecido pelos franceses, está pertinho da África do Sul. E não esqueçamos do tento de Lisandro, pois o argentino já soma dez em vinte jogos na Ligue 1, incomodando os principais goleadores.

Embalado pela vitória sobre o Real Madrid na terça-feira, o OL segue na quarta colocação, mas pertinho de Lille (um ponto) e Montpellier (dois). O Sochaux, do ex-corintiano Carlão, é apenas o décimo quinto.

Olympique 3 x 1 Nancy (Mamadou Niang 3; André Luiz) – quase 48 mil pessoas no Vélodrome
É justamente por causa de Mamadou que não podemos afirmar que Michel Bastos foi “o dono” da rodada do fim de semana, afinal o atacante senegalês também deixou o seu triplete em Marselha. No caso de Niang, o feito teve o sabor de subir à artilharia isolada do torneio, superando, com uma só tacada, os estacionários Gervinho e Nenê – sua média de gols é de excelentes 0,7 por partida.

Pena que o zagueiro brasileiro André Luiz tenha balançado as redes numa jornada infeliz para o Nancy, 14º na tabela. O OM mantém sua bela fase permanecendo apenas um pontinho atrás do OL, em quinto.

Lens 3 x 0 Monaco (Jemaa, Roudet e Bedimo, de pênalti) – mais de 33 mil espectadores no Félix Bollaert
Com Nenê e Eduardo Costa em dia decepcionante, o ASM perdeu os ponteiros de vista e só conseguiu acumular cartões amarelos no norte francês. Melhor para o Lens de Eduardo Santos, que subiu para 13ª diante de ótimo público em casa.

Grenoble 0 x 1 Valenciennes (Sanchez)
O VAFC já provou que não é bobo, se aproveitando do lanterna para vencer mesmo longe de seus domínios.

Nice 1 x 0 Lorient (Rémy, de pênalti)
O que seria da tia Nice sem o aplicado sobrinho Loic Rémy, que está entre os oito maiores artilheiros do campeonato? Estaria com certeza muito mais perto da degola – atualmente, são seis pontos para o 18º, o Le Mans. 

Paris-SG 1 x 0 Toulouse (Hoarau, de pênalti) – Ebondo-TOU foi expulso aos 21 minutos do 1º tempo
O lance capital do duelo no Parc des Princes foi esse: Luyindula partiu pra cima da defesa do TFC e foi derrubado por Ebondo dentro da área. O zagueiro foi expulso, Hoarau converteu a penalidade máxima e o PSG ganhou a primeira no ano, enfin! Sem o lesionado Gignac, o Toulouse nada pôde fazer. As duas equipes estão separadas por um ponto, nas 11ª e 12ª colocações.

Boulogne 1 x 3 Le Mans (Yatabaré; Dossevi, Cerdan e Maïga) 
O time da casa tinha a chance de mostrar que não é o segundo pior do Francês. Mas como de fato é, os visitantes venceram e se mantiveram como os terceiros piores… Quanta honra!

*Bordeaux x Auxerre foi adiado por causa de Olympiacos x Bordeaux, no dia 23 (Liga dos Campeões)

>> Tabela de classificação: Bordeaux lidera (51 pontos), seguido por Montpellier (48) e Lille (47). Clique AQUI

>> Artilharia: Niang (Olympique) tem 14 gols, Nenê (Monaco) soma 13 e Gervinho (Lille), 11. Clique AQUI

O time de Carlão (de amarelo) foi a maior vítima da história de Michel em um só jogo (AFP)

O time de Carlão (de amarelo) foi a maior vítima da história de Michel em um só jogo (AFP)

Bracigliano, de verde, sentiu na pele o poder de fogo do maior demolidor de goleiros até aqui, Mamadou Niang (AFP)

Bracigliano, de verde, sentiu na pele o poder de fogo do maior demolidor de goleiros até aqui, Mamadou Niang (AFP)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 22:41

Bordeaux é o diferenciado

Compartilhe: Twitter
O elenco girondino está tão sussa que o técnico entra no bobinho também (AFP)

O elenco girondino está tão sussa que o técnico entra no bobinho também (AFP)

Não é à toa que o Bordeaux é o francês com situação mais confortável na Liga dos Campeões, invicto e classificado em primeiro com uma rodada de antecedência. Após 16 rodadas, o atual campeão é líder do Francês com quatro pontos de vantagem para o vice, um surpreendente Montpellier – trata-se da maior distância entre dois times em toda a tabela da Ligue 1. A 16ª foi uma journée animada,  com gols acima da média (2,8), expulsões acima da média (0,4) e três gols de um mesmo atacante numa partida (o lionês Lisandro) em que, curiosamente, seu time perdeu…

Para empolgados torcedores no Chaban-Delmas – que registrou um bom público de 33 mil pessoas -, o Bordeaux acabou com a animação do Paris Saint-Germain, que vinha de duas vitórias consecutivas. Mesmo sem a espinha dorsal formada por Fernando e Wendell, os Girondinos, com Gourcuff nos 90 minutos e Jussiê entrando na segunda etapa, ganharam por 1 a 0, gol do eficiente meia tcheco Jaroslav Plasil.

Explicar a ascensão do Montpellier, outrora quinto colocado, à vice-liderança, por mais improvável que parecesse, não é difícil: some derrotas dos três times que estavam à frente dele, acrescente um triunfo do MHSC sobre o Le Mans em casa, por 2 a 1, e terá a resposta. Lembrando que o Montpellier tem um jogo a menos (contra o OM) do que os outros cinco rivais que compõem o rol dos seis melhores do campeonato. Très interessant…

Em mais um jogo emocionante com muitos gols em que o Lyon esteve envolvido – primeiro, 5 a 5 contra o OM, e agora, 3 a 4 para o Lille – , desta vez o OL saiu derrotado nos acréscimos. O pior foi que os lioneses fizeram 2 a 0, foram para o intervalo com 3 a 1 de vantagem, mas deixaram a vitória escapar ao levar três gols do LOSC nos últimos 45 minutos, sendo o da derrota nos acréscimos! Lisandro López, três vezes, foi o goleador do Lyon (e empatou com Gyan como vice-artilheiro do torneio), mas Frau, Cabaye e Gervinho, duas vezes, deram a vitória ao Lille, tendo o marfinense sido o responsável por fechar o caixão lionês.

Triste também foi o Auxerre, até pouco tempo atrás o líder da Ligue 1: derrota em casa para o Nancy, 16º, por 3 a 1! O gol que abriu o marcador veio de pés brasileiros, do zagueiro André Luiz; o que encerrou, foi do meia marroquino Youssouf Hadji, artilheiro do ASNL no certame, com sete gols. Como lembrou a France Football, o AJA não é o mesmo sem os destaques Jelen (artilheiro, machucado) e Pedretti (capitão, suspenso).

O Lorient, que era o quarto, perdeu fora de casa para o Rennes, por 1 a 0, e caiu para sexto. Atrás dele agora figura o Olympique de Marselha, que fez na casa da tia Nice o que precisa repetir contra o Real Madrid, amanhã, para se classificar na Liga dos Campeões: três gols (Niang, Lucho González e Koné). Só não podia ter levado um. Por fim, o Monaco tomou uma sapecada de outra grata surpresa da tabela, o Valenciennes, agora terceiro. Os 3 a 1 fora de casa só serviram ao ASM para Nenê ampliar seu escore no topo da artilharia para 10 gols.

>> LIGA DOS CAMPEÕES DECISIVA!
Amanhã, a partir das 17h45, enquanto o superlíder Bordeaux cumpre tabela contra o lanterna Maccabi Haifa, em Israel, o Olympique precisa “apenas” bater o Real Madrid por três gols de diferença (para não depender de ninguém), ou por uma margem menor desde que o Milan não vença o Zurique na Suíça. Kaká não joga, mas Cristiano Ronaldo vem com tudo… Droit au but, Marseille!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última