Publicidade

Posts com a Tag Aboubakar

terça-feira, 10 de junho de 2014 Copa do Mundo | 19:22

Estrangeiros do futebol francês na Copa 2014

Compartilhe: Twitter
Antes mesmo de Falcao ser oficialmente cortado, os colombianos já tinham bolado a substituição perfeita, com um atacante cuja seleção não se classificou pra Copa...

Antes mesmo de Falcao ser oficialmente cortado, os colombianos já tinham bolado a substituição perfeita, com um atacante que também atua na França e cuja seleção não se classificou pra Copa…

Copa do Mundo não é torneio pra gente falar só de seleção francesa neste espaço, mas também de lembrar ao planeta bola os jogadores do Mundial que atuam no nosso querido futebol francês.

Lembrando que, dos 23 franceses convocados por Deschampsapenas 8 jogam atualmente no país. Quase o mesmo número de atletas que representam as seleções africanas de Camarões (7) e Costa do Marfim (6)!

Uma curiosidade: nos maiores campeões mundiais, Brasil e Itália, apenas o PSG cedeu destaques, três em cada. E o hoje bicampeão francês é o maior cessor de atletas para todas as 32 seleções, entre todos os clubes do país: 11, bem à frente do Monaco, o segundo nessa relação, com 4.

Bora lá (me baseei nesse link do bom site espanhol Futbol desde Francia, cruzando depois com os 23 confirmados da página da Fifa sobre a Copa):

Argélia: Carl Medjani (defensor do Valenciennes), Mehdi Mostefa (defensor do Ajaccio) e Aissa Mandi (defensor do Reims). Ryan Boudebouz (meia do Bastia) e Foued Kadir (meia do Stade Rennais) foram pré-selecionados, mas cortados.

ArgentinaSergio Romero (goleiro reserva do Monaco) e Ezequiel Lavezzi (atacante do Paris Saint Germain).

Bélgica: Divock Origi (lateral/ala do Lille).

Brasil: Thiago Silva (zagueiro capitão), David Luiz (zagueiro vindo agora do Chelsea) e Maxwell (lateral-esquerdo), todos do Paris Saint Germain.

Camarões: Nicolas Nkoulou (lateral do Olympique de Marseille), Henri Bedimo (lateral-esquerdo do Lyon); Jean Illes Makoun (volante do Rennes); Landry Nguemo (volante do Bordeaux); Edgar Salli (meia do Lens, recém-promovido da Ligue 2); Benjamin Moukandjo (meia-atacante do Nancy, da Ligue 2) e Vincent Aboubakar (atacante do Lorient). Guy Ndy Assembe, goleiro do Guingamp, e Jean-Armel Kana-Biyik, zagueiro do Rennes, ficaram fora.

Aboubakar foi um principais goleadores do último Campeonato Francês, empatado na vice-liderança do ranking geral com o também convocado Cavani, do Uruguai, ambos atrás do sueco Zlatan Ibrahimovic, lamentavelmente fora desta Copa.

Colômbia: David Ospina (goleiro do Nice); Ábel Aguilar (volante do Toulouse); James Rodríguez (meia do Monaco).

O goleador monegasco Radamel Falcao García foi pré-relacionado entre os 30, mas não se recuperou da cirurgia no joelho como torcíamos. Porém, o país conta com a habilidade de Rodríguez, maior assistente da última Ligue 1.

Costa do Marfim: Serge Aurier (lateral-direito do Toulouse); Benjamin Angoua (zagueiro do Valenciennes); Jean Daniel Akpa-Akpro (ala do Toulouse); Ismäel Diomande (meia do Saint Étienne); Salomon Kalou (meia do Lille) e Max-Alain Gradel (atacante do Saint Étienne). O lateral-direito Brice Dja Djedje, do Olympique de Marseille, e o volante Romaric (Bastia) não ficaram entre os 23.

Tem o único técnico francês de nascimento entre uma seleção estrangeira do Mundial: Sabri Lamouche, 42 anos, naturalizado tunisiano.

Croácia: Danijel Subasic (goleiro titular do Monaco).

Estados Unidos: Alejandro Bedoya (meia do Nantes).

Gana: Jonathan Mensah (zagueiro do Évian Thonon Gaillard); John Boye (zagueiro do Stade Rennais); Andre Ayew (atacante do Olympique de Marseille); Jordan Ayew (atacante do Sochaux) e Abdul Majeed Waris (atacante do Valenciennes) – que fez uma segunda metade de temporada muito boa na Ligue 1.

Andre é irmão mais velho de Jordan Ayew, ambos filhos do ex-atacante Abedi Pelé, que é o maior artilheiro da história da seleção mas, ironicamente, nunca disputou uma Copa do Mundo.

Itália: Salvatore Sirigu (goleiro titular); Thiago Motta (volante/meia); Marco Verratti (volante/meia), todos do Paris Saint Germain, e acima da média, principalmente os dois de linha.

México: Guillermo Ochoa (goleiro que disputou a última temporada pelo Ajaccio e está sem clube) – costuma pegar muito quando acossado;

Nigéria: Vincent Enyeama (goleiro titular do Lille). O meia Sunday Mba (CA Bastia, Ligue 2) foi pré-relacionado, mas acabou fora.

Enyeama fez uma excelente Ligue 1 2013/14 pelo LOSC, sendo um dos arqueiros menos vazados do campeonato francês.

Portugal: João Moutinho (volante/meia do Monaco).

Uruguai: Edinson Cavani (atacante do Paris Saint Germain) – craque!

-> Link para todos os convocados para a Copa 2014 do site do O Globo

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 20 de maio de 2014 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 19:04

Recordes do PSG (e o bolão do feice) marcaram Campeonato Francês 2013/2014

Compartilhe: Twitter
A seleção da temporada segundo o site do jornal L'Equipe

A seleção da temporada segundo o site do jornal L’Equipe

A avassaladora campanha que tornou o Paris Saint-Germain o primeiro bicampeão consecutivo desde o Lyon naquela sequência incrível de sete títulos entre 2002 e 2008 foi marcada por recordes.

Líder da 10ª à 38ª rodada, foi o campeão com maior número de vitórias (27) e pontos ganhos (89) da história da Ligue 1. O maior pontuador era o Lyon de 2006, com 84. O quarto título da liga faz o PSG superar os três do Lille e se igualar ao Nice no ranking dos campeões do torneio. Uma equipe não marcava tantos gols em uma temporada (84 gols do time de Laurent Blanc) desde 78/79!, quando o Nantes fez 85.

-> Veja a classificação final da L1 no post que fiz após a última rodada

A supremacia parisiense sobre os outros 19 foi tamanha que seu SALDO DE GOLS (61) só perde para o ATAQUE do vice-campeão Monaco (63). Apenas em termos defensivos alguém lhe fez frente: a defesa do goleiro Sirigu sofreu 23 gols, tendo o Lille, terceiro colocado, levado 26 gols nas 38 rodadas.

Justamente o duelo das melhores defesas que produziu quatro gols teve o melhor público do torneio: 48.960 pessoas para Lille 1 x 3 PSG. As piores defesas foram dos três rebaixados (Ajaccio, Valenciennes e Sochaux), mas o pior ataque foi o do imediatamente acima deles: o Nice, 17º.

-> Leia uma análise da temporada pelo site espanhol Futbol desde Francia

Outras curiosidades (via OptaJean):

– O PSG ganhou, pela segunda vez consecutiva, o título, a melhor defesa e o melhor ataque. Isso não acontecia desde o Lyon em 2003/04 e 04/05.

– O St Étienne não ficava na frente do Lyon em uma Ligue 1 desde 92/93, quando ficaram em 7º e o OL, rival, em 14º

– O Lyon não terminava a temporada fora do TOP4 desde a temporada 97/98, quando ficou em 6º

– O Montpellier somou 18 empates na temporada. Mais do que qualquer time da França, Alemanha, Espanha, Inglaterra e Itália.

– Em 20 anos, somente o Arles-Avignon, em 10/11 conseguiu somar menos vitórias que o Ajaccio. O Arles ganhou 3 jogos, o Ajaccio, 4.

Destaques individuais
A tábua da artilharia, como diriam em Portugal, voltou a ser dominada por Zlatan Ibrahimovic. Em 2012/13, foram 30 gols, com o segundo fazendo 19 (o gabonês Aubameyang, então no Saint-Etienne). Desta vez 26, como ele caiu de rendimento! rs.

Confira abaixo quem o sucedeu nessa lista:

L1 final

Uma relação dos melhores da temporada de prestígio no país é a da L’Equipe, imagem que encabeça essa postagem. Não por coincidência, os três melhores assistentes estão lá: James Rodríguez (Monaco, 12), Ibra e Lucas (ambos PSG, ambos 11 passes a gol).

Eu não poria o meia brasileiro entre os 11 tops, pois ele não foi constante, ao longo dos dois turnos, como outros nomes tais quais Lacazette, do Lyon, e Kalou, do Lille, por exemplo. Até Cabella, do Montpellier, poderia ocupar seu posto, pelo que representou ao limitado elenco do seu clube. Além de Lucas, o brasileiro Alex e o meio brasileiro mezzo italiano Thiago Motta, também do PSG, figuram na seleção.

Bolão da Ligue 1 Brasil no Facebook
O final do campeonato revela os resultados finais do nosso bolão lá na comunidade do feice. Mais de 30 participantes começaram, só que 13 bravos persistentes foram até o fim de modo constante.

Contando apenas os pontos das rodadas da L1, acabei num medíocre 8º lugar. Maaas, adicionando-se os pontos extras, de palpites como artilheiro, classificados para ligas europeias, rebaixados e promovidos da L2, tive a maior ascensão da tabela:

1º Victor Barbosa, 769 Pontos – liderou quase de ponta a ponta, parabéns!
2º Vinícius Ramos, 723
3º Filipe Frossard Papini, 712
4º Eduardo Ramos de Medeiros, 700
5º Bruno Pessa, 679 – apenas bom, mas tá bom!
6º Willian Kressin, 678
7º Eduardo Madeira Júnior, 672
8º Joab Júnior, 672
9º Vitor Emanuel, 637
10º Vitória Capuano, 634
11º Sérgio Ayres, 600
12º Flávio Botelho, 598
13º Oemerson Moreira, 592

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 23 de abril de 2014 Francês da 1ª divisão | 17:52

4 x 4, 2 x 6, 5 x 1: Que rodada essa 34ª do Francês!

Compartilhe: Twitter
Bautheac e Pied lamentam chance desperdiçada do Nice contra o Monaco (europafootball.wordpress.com)

Bautheac e Pied lamentam chance desperdiçada do Nice contra o Monaco (europafootball.wordpress.com)

Novamente o Monaco conseguiu adiar a festa antecipada do PSG pelo título nacional. O vice-líder fez o placar mínimo contra o Nice, gol do atacante búlgaro Berbatov. Aliás, a grande queda de rendimento da Tia Nice, da última temporada pra cá, foi oportunamente abordada no blog amigo Futebol Europeu Online.

PSG e Lyon só jogaram três dias depois, por conta da final da Copa da Liga Francesa, no sábado. O primeiro bateu o Evian pela contagem mínima também, gol de Matuidi com assistência de Lucas, e ficou a uma vitória de assegurar o bicampeonato (é algo grande, mas de tão previsto já perdeu a graça…). Toulouse versus Lyon não produziu gols, lamentavelmente.

Em confronto de clubes que podem alcançar ligas europeias na próxima temporada, nada de gols e melhor pro Lille, que segue terceiro colocado. O Olympique de Marseille perdeu chance de se aproximar do Lyon, quinto colocado, posição que hoje conduziria o ocupante para a Liga Europa, junto com o quarto, por conta do triunfo do PSG na CdL.

E como o quarto Saint-Etienne também não venceu (empate zerado com o Rennes no abre da rodada, sexta), outro ponto positivo para o Lille.

Placares inusitados
A rodada 34 da Ligue 1 chamou a atenção por alguns placares pouco comuns: Lorient 4 x 4 Montpellier, Valenciennes 2 x 6 Nantes e Bordeaux 5 x 1 Guingamp.

O empate de 8 gols teve 5 deles nos últimos 15 minutos da partida! O camaronês Aboubakar, para o Lorient, e Cabella, para o MHSC, foram os artilheiros com dois gols cada. Aliás, Vincent Aboubakar subiu para a vice-artilharia geral da liga, ultrapassando Cavani. Tem 16 gols, sendo o primeiro dos normais atrás de Ibrahimovic, com 25 (e sem jogar ultimamente).

O togolês Gakpé comandou o rol de goleadores do Nantes pra cima do VAFC, que segue na zona de rebaixamento. Curioso que o argelino Medjani, do Valenciennes, marcou um gol a favor e um contra… Aliás, o clima no clube anda pesado, com torcedores indo protestar diante dos jogadores, como aconteceu com Bahebeck, que bateu boca com alguns deles.

E finalmente, na goleada girondina sobre o En Avant Guingamp, o atacante malinês Cheick TIDIANE Diabaté foi à rede 3 vezes. O meia brasileiro Jussiê também fez o seu.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013 Francês da 1ª divisão | 18:40

Sobre o turno da L1: seleções dos melhores e podcast de balanço

Compartilhe: Twitter

O último Le Podcast du Foot do ano desfia as tônicas do primeiro turno da Ligue 1, encerrada no fds passado. Eduardo Madeira apresentou, Flavio Botelho e Eduardo de Medeiros comentaram na edição 45, disponível no player abaixo:

Le Podcast du Foot #45 by Eduardomtjunior on Mixcloud

A equipe de “podecasteiros”, do qual participo orgulhosamente, elegeu seu time-base com os melhores do campeonato até aqui, por meio de votação. Os elencados são:

selecao-do-turno-equipe-podcast

Quem quiser (e puder!) que poste a sua seleção de quem mais se destacou em cada posição nessa metade de Francês 2013/2014.

A minha seria:

Goleiro: Enyeama (Lille)

Defesa:
Mariano (Bordeaux)
Perrin (Saint-Etienne)
Thiago Silva (Paris Saint-Germain)
Maxwell (Paris Saint-Germain)

Meio de campo:
Mavuba (Lille)
Matuidi (PSG)
James Rodriguez (Monaco)

Ataque:
Cavani (PSG)
Falcao (Monaco)
Ibrahimovic (PSG)

Técnico: René Girard (Lille)

A do jornal L’Equipe, com base nas melhores notas dadas pela publicação rodada a rodada, seria:

selecao-lequipe-turno-13

(pelo Facebook, é possível visualizá-la aqui tb)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013 Francês da 1ª divisão | 11:30

Evian destrona PSG na 16ª rodada e o que vai rolar na 17ª da Ligue 1

Compartilhe: Twitter
Dessa vez não deu, Narigudo! (Photo: Reuters)

Dessa vez não deu, Narigudo! (Photo: Reuters)

Mais coladas ainda a 16a e 17a, do que foram a 15a e a 16a. A primeira acabou ontem de noite, quinta, com OL x TFC, e a segunda já começa hoje de tarde, grudadinha, com OM X NFC.

*16ª journée – resultados*

Evian TG 2 x 0 Paris Saint-Germain
FIM DA LONGA INVENCIBILIDADE do líder do campeonato, contra um time de modestíssima campanha! Curiosamente, o mesmo cenário e desfecho visto na última Copa da França, quando o lado mais fraco eliminou o mais forte, naquela vez nas penalidades máximas.

Lille 1 x 0 Marseille
MAIS UMA VEZ O GOLEIRÃO ENYEAMA fechou com pregos o gol do LOSC, e o vice ganhou do quarto colocado, num confronto direto. O arqueiro nigeriano superou a invencibilidade do colega italiano Sirigu, do PSG, na temporada passada, e se aproxima do recorde histórico na liga.

Nice 0 x 3 Monaco
Rodríguez, Rivière e Ocampos marcaram para o bicolor do Principado

Nantes 2 x 1 Valenciennes

Rennes 3 x 1 St Etienne

Guingamp 0 x 1 Bordeaux

Ajaccio 1 x 1 Bastia

Sochaux 0 x 2 Reims

Lyon 1 x 1 Toulouse

Montpellier 0 x 2 Lorient
Sete jogos seguidos sem vitórias custaram o emprego do técnico do MHSC, Jean Fernandez, ex-Auxerre e uma pá de clubes anteriores.

O atacante camaronês Vincent Aboubakar fez o segundo gol, foi a 9 no campeonato e já o terceiro na artilharia geral, ao lado da estrela Radamel Falcao, do Monaco, e logo atrás dos também estrelados Ibrahimovic (11) e Cavani (10), do Paris.

*17ª – prognósticos do Dr. Pessa*

SEXTA, 6/12
17h30 – O. Marseille x Nantes – Palpite 2 x 0

SÁBADO, 7/12
14h – PSG x Sochaux – Palpite 3 x 0
17h – Lorient x Rennes – Palpite 0 x 1
17h – Reims x Nice – Palpite 2 x 0
17h – Saint-Étienne x Évian – Palpite 1 x 1
17h – Valenciennes x Guingamp – Palpite 0 x 0

DOMINGO, 8/12
11h – Bordeaux x Lille – Palpite 1 x 0
14h – Bastia x Lyon – Palpite 1 x 2
14h – Toulouse x Montpellier – Palpite 2 x 1
18h – Monaco x Ajaccio – Palpite 5 x 1

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 10:34

Resultados da 17ª rodada

Compartilhe: Twitter

1,4 gol por jogo. Média baixa, mas quase 30% dos gols foram brasileiros.

Arles-Avignon 0 x 1 Lille (Túlio de Melo) – Aït Ben Idir-ARL foi expulso
Valenciennes 1 x 2 Paris Saint-Germain (Aboubakar; Nenê 2)  
Bordeaux 0 x 0 Rennes
Auxerre 1 x 1 O. Marselha (Birsa de pênalti; Rémy) – Mbia-OLY foi expulso
Lyon 2 x 0 Toulouse (Lisandro López e Bafetimbi Gomis) – Mais de 32 mil pessoas no Gerland
Brest 0 x 0 Montpellier  
Nancy 1 x 0 Sochaux (André Luiz
Monaco 0 x 2 Saint-Etienne (Batlles e Sako) 
Lorient 3 x 0 Lens (Amalfitano, Kitambala e Mvuemba) 
Caen 0 x 0 Nice 

>> Classificação: Lille lidera com 31 pontos, seguido por PSG, 30, Lyon, 29, Rennes, 28, Marselha, 27 e Brest, 26. Confira tabela completa

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 26 de outubro de 2010 Copas francesas | 21:08

Copa da Liga tem os classificados esperados

Compartilhe: Twitter

Os quatro primeiros classificados para as quartas de finais da Copa da Liga Francesa foram os esperados. O Saint-Etienne, em ótima fase no Campeonato Francês, passou pelo Bordeaux. O Valenciennes goleou o Boulogne, o Montpellier derrotou o Ajaccio e o Monaco, malzão na Ligue 1, suou para superar o Lorient, depois de 120 minutos e cobrança de pênaltis.

Guirane_Ndaw_saint_etienne_bordeaux_afp

Não era vergonha por um vexame nem choro por um título. Era a emoção de Ndaw por um gol nas oitavas da Copa da Liga (AFP)

Embora seja o maior vencedor de títulos nacionais, com 10 Francesões na sala de troféus, o ASSE ainda corre atrás de sua primeira Coupe de la Ligue. Contra um Bordeaux escalado com alguns reservas, segue na disputa graças ao solitário gol do meia senegalês Guirane Ndaw (que demonstrou habilidade na hora da conclusão e muita emoção na comemoração) e dos bons préstimos do goleiro Janot, que segurou a barra no segundo tempo especialmente.

No VAFC, brilhou a estrela do atacante camaronês Vincent Aboubakar, que marcou nada menos do que três dos quatro gols sobre o Boulogne-sur-Mer, da Ligue 2. Outra equipe da segundona não resistiu: o Ajaccio caiu frente ao Montpellier, com gols de Kabza e Koita.

Com um dos piores desempenhos no início da Ligue 1, o Monaco só conseguiu se livrar do Lorient nas penalidades, mesmo jogando no Louis II. Depois de zerrô-zerrô nos 90 minutos, o defensor sueco Peter Hansson finalmente achou o caminho do gol, aos 9 minutos do tempo extra. Porém-entretanto-contudo-todavia, o atacante Sigamary Diarra tratou de aumentar a emoção do prélio, empatando a dois minutos do fim. Mas nos pênaltis, o goleirão Ruffier pegaria o chute do veterano Arnaud Le Lan, o time do Principado acertaria todos os arremates e seguiria em frente.

Vincent_Aboubakar_Guillaume_Ducatel_valenciennes_boulogne

Ninguém esteve mais em alta do que Vincent Aboubakar no estádio Nungesser, no norte francês (AFP)

Veja resultados da terça e partidas da quarta:

Terça, 26 de outubro
Monaco 1 (5) x 1 (3) Lorient   
Montpellier 2 x 0 Ajaccio (2ª)  
Valenciennes 4 x 0 Boulogne (2ª)  
Saint-Etienne 1 x 0 Bordeaux  

Quarta, 27 de outubro
13h – Guingamp (3ª) x Olympique de Marselha  
14h45 – Lille x Caen  
16h – Auxerre x Bastia (3ª)  
16h45 – Lyon x Paris Saint-Germain

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,