Publicidade

Arquivo da Categoria Copa do Mundo

quarta-feira, 11 de maio de 2016 Copa do Mundo, Ex-jogadores, Seleção francesa | 13:42

Planeta Bola: Os brasileiros chamados Zidane

Compartilhe: Twitter

Publiquei hoje no blog Planeta Bola, também do iG, sobre a curiosa aderência do nome Zidane a brasileiros nascidos depois que o craque francês foi um dos principais responsáveis pela eliminação da seleção nacional em duas Copas do Mundo.

Para ler o post, CLIQUE AQUI.

(lembrando que, desde outubro de 2015, como postei aqui, passei a abastecer o Planeta Bola, deixando este blog sem posts originais)

Autor: Tags: , , , ,

segunda-feira, 14 de julho de 2014 Copa do Mundo | 14:56

Pogba leva o prêmio de revelação da Copa 2014

Compartilhe: Twitter
Em 5 partidas no Brasil, o hirsuto camisa 19 fez 1 gol, deu 1 assistência e cometeu 6 faltas apenas

Em 5 partidas no Brasil, o hirsuto camisa 19 fez 1 gol, deu 1 assistência e cometeu 6 faltas apenas

O meio-campista Paul Pogba foi o representante da França entre os premiados individualmente pela Fifa ontem, no encerramento da Copa do Mundo.

Faturou o Prêmio de Jogador Jovem, patrocinado pela Hyundai e concedido ao melhor debutante do Mundial nascido após 31/12/1992 (que tenha 21 anos ou menos). Lembrando, novamente, que ele foi eleito o craque do Mundial sub 20 em 2013, vencido por Les Espoirs!

Não foi das piores decisões da Fifa ontem (como ter dado o de melhor do torneio para Messi…), mas também não foi unânime, pois creio que entre as três primeiras seleções da competição houve nomes que o merecessem também. De qualquer forma, a revelação francesa da Juventus, da Itália, está de parabéns!

Aliás, pra quem quiser acompanhar o que rola no futebol alemão, atualmente o melhor do mundo, recomendo o site Alemanha FC, do parça Mario “Alemão” Monteiro.

Autor: Tags: , , , , ,

sexta-feira, 4 de julho de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 21:06

Alemanha erra menos e elimina França da Copa 2014

Compartilhe: Twitter

fra-ale-fff

Fim da aventura francesa no Brasil, nas quartas de finais. Hummels ganhou de Varane numa bola alta, venceu Lloris no início do primeiro tempo e, como Benzema e seus colegas não conseguiram superar o seguro Neuer, é a Alemanha quem avança pra semifinal.

Assim podemos resumir o que vimos no Maracanã hoje no início da tarde, não? Claro que o sol e o calor são os mesmos para os dois lados, mas provavelmente se a partida fosse às 17h, e não às 13h, veríamos os franceses correndo mais. Não acho que fizeram corpo mole, entendo que ficaram um pouco nervosos a maior parte do tempo, já atrás no placar e precisando de um gol a qualquer custo para tentar evitar a eliminação. Aí erraram muitos passes, desperdiçando demais a bola.

Deschamps até que tentou mudar o time no segundo tempo, e não poupou em termos de opções ofensivas: os Bleus terminaram o jogo com seus quatro atacantes disponíveis. Entretanto, as oportunidades de gols permitidas pelos alemães eram escassas, e nas que os franceses conseguiram criar, a defesa adversária foi melhor. Faltou inspiração, aquele quê a mais que faz a diferença, inclusive para Benzema, principal finalizador dos azuis.

No geral, foi uma boa campanha, com a equipe chegando entre os 8 melhores e se despedindo de forma digna. Nada para chorar. Muitos jogadores terão idade para a Copa de 2018, então que amadureçam bem não somente no desempenho técnico, mas também na experiência emocional para lidar bem com pressões e situações adversas. Valeu!

-> Leia as últimas notícias francesas na Copa na página do iG Esporte

Ficha técnica – FRANÇA 0 x 1 ALEMANHA

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro

Árbitro: Nestor Pitana (Argentina)

Gol: Hummels aos 12 minutos do 1o tempo.

FRA – Lloris (c); Debuchy, Varane, Sakho (Koscielny) e Evra; Cabaye (Rémy), Matuidi, Pogba e Valbuena (Giroud); Benzema e Griezmann. Técnico: Didier Deschamps.

ALE – Neuer; Boateng, Howedes, Hummels e Lahm (c); Khedira, Kroos ( Kramer), Schweinsteiger e Ozil (Gotze); Muller e Klose (Schurrle). Técnico: Joachim Low.

No twitter @obrunopessa, com a hashtag #leblogdufoot, tem mais informações e comentários meus sobre a França e a Copa ;)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 2 de julho de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 18:53

Retrospecto contra Alemanha é favorável aos Bleus

Compartilhe: Twitter

Se contarmos todas as vezes em que as seleções alemãs e francesas se enfrentaram, chegaremos a 25 duelos com 11 vitórias dos Bleus, 8 germânicas e 6 empates. :) A Nationalelf, no entanto, marcou um gol a mais: 42 a 41… :(

O último confronto foi em 6 de fevereiro do ano passado, relatado neste blog por este link: vitória visitante em amistoso no Stade de France, 2 a 1. Aliás, veja pela escalação anfitriã que o time de Deschamps era bem parecido com o que deve alinhar nesta sexta, às 13 horas de Brasília, pelas quartas de finais da Copa 2014.

Antes, eles se encontraram em 29 de fevereiro de 2012, com placar e mando inversos: 2 a 1 para a França na Alemanha! Mais do que o desempenho do time do então técnico Blanc, chamou a atenção da geral naquele jogo o beijão que Giroud tascou em Débuchy na comemoração de um dos gols… #argh!

-> Leia as últimas notícias da França na Copa na página do iG Esporte

Entretanto, por Copas do Mundo a vantagem é alemã em três encontros de alto nível. Em 1958, a decisão do terceiro lugar do Mundial na Suécia foi favorável aos franceses numa chuva de gols: 6 a 3, com quatro de Just Fontaine, maior artilheiro em uma única edição do torneio com 13 tentos! Mas em 1982 e 1986, época de Platini dando as cartas nos Bleus, foram duas semifinais com final feliz alemão. Na Copa da Espanha, um jogaço memorável acabou 5 a 4 nos pênaltis depois de 3 a 3 no tempo regulamentar + prorrogação! No México, foi 2 a 0. Curiosamente, em ambas as Copas os alemães acabaram voltando para casa como vice-campeões.

Pogba foi eleito o melhor em campo contra a Nigéria e é uma das armas de Deschamps nesta Copa

Pogba foi eleito o melhor em campo contra a Nigéria e é uma das armas de Deschamps nesta Copa

Desta vez, vamos torcer para que a dupla de zaga titular, Sakho e Varane, esteja recuperada e possa jogar depois de amanhã. Koscielny não passa a mesma confiança, e Mangala ainda não sentiu o que é jogar numa Copa. E que a repercussão da entrada dura de Matuidi sobre Onazi, que contundiu seriamente o nigeriano, não interfira nos nervos franceses nem no julgamento do árbitro argentino Nestor Pitana, escalado hoje.

A Argélia ficou perto de evitar esse duelo de campeões mundiais no Rio de Janeiro pelas 4as de finais, pelo que apresentou diante dos alemães. Se a Alemanha desperta mais temor, um confronto contra a seleção africana teria um tempero especial extracampo, pois os argelinos formam a maior comunidade estrangeira na França e têm influências nos Bleus de ontem e hoje (os pais de Zidane e Benzema são de lá, por exemplo) -> sobre isso, veja essa videorreportagem de João Castelo Branco, correspondente da ESPN, em Paris na última segunda-feira.

No twitter @obrunopessa, com a hashtag #leblogdufoot, tem mais informações e comentários meus sobre a França e a Copa ;)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 1 de julho de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 11:06

Entrevistado pela Rádio Gaúcha sobre a seleção francesa!

Compartilhe: Twitter

Tive uma ótima notícia ontem quando o colega de iG Esporte Mário Monteiro, colunista de futebol alemão, pediu meu número de celular para passar a um produtor da Rádio Gaúcha. O veículo de Porto Alegre o entrevistara, sobre o desempenho germânico nesta Copa 2014, e agora queriam falar comigo principalmente sobre a seleção francesa!

E assim aconteceu por volta das 22h, quando entrei ao vivo no programa Show dos Esportes para conversar com a dupla de apresentadores. Falamos de França 2 x 0 Nigéria, França x Alemanha nesta sexta, os desempenhos de Pogba e James Rodriguez, meia colombiano do Monaco, a disputa entre Giroud e Griezmann ao lado de Benzema, entre outros assuntos :)

O áudio do programa foi publicado na íntegra no site da rádio, neste link. Mas vocês podem ouvir abaixo também, clicando no player. O programa é longo, então se quiserem ir direto para a parte em que falo, está entre o minuto 53 e 30 segundos e o 62 e 30 segundos, aproximadamente:

Para me preparar para a entrevista, fiz uma colinha com várias informações e dados numéricos, também vou compartilhar porque gosto dos bastidores da notícia:

cola

-> Futebol e música: confira uma playlist com sucessos franceses históricos
-> Futebol e bebida: já conhece a cerveja que homenageia a seleção da França?
-> Futebol nas redes sociais: os perfis dos jogadores bleus pra vc seguir e curtir!

Autor: Tags: , , , , ,

segunda-feira, 30 de junho de 2014 Copa do Mundo | 16:35

França despacha Nigéria no segundo tempo e vai às quartas!

Compartilhe: Twitter

Quinta classificada para as quartas de finais da Copa 2014, a seleção francesa bateu a nigeriana por 2 a 0 hoje  em Brasília, gols de Pogba e Yobo contra. Encara agora a Alemanha, que suou mais pra bater a Argélia. Não foi brilhante, mas obviamente está valendo pelo resultado!

Uma das saídas do goleiro francês no primeiro tempo, preferindo encaixar a bola do que socar (Reuters)

Uma das saídas do goleiro francês no primeiro tempo, preferindo encaixar a bola do que socar (Reuters)

O segundo jogo na história entre as duas seleções (o primeiro foi um amistoso em 2009, em Saint-Etienne, vencido pelos nigerianos por 1 a 0) começou com 27 graus e 33 por cento de umidade relativa do ar em Brasília, tempo seco e quente, um fator prejudicial ao desempenho dos jogadores, no primeiro compromisso francês nesta Copa iniciando no exigente horário das 13h.

-> Gosta de música? Veja esse post com playlists francesas de sucesso

A partida começou movimentada, lá e cá, mas com predomínio da Nigéria, que parecia mais leve, já que a responsabilidade maior estava do outro lado. Aos 18 minutos, os africanos até foram às redes com Emenike, porém o bandeira assinalou corretamente o (ufa!) impedimento.

A resposta francesa veio rapidamente, aos 21, com Pogba puxando contra-ataque, acionando Valbuena e recebendo dentro da área. A conclusão de primeira requereu grande defesa de Enyeama, nosso conhecido grande goleiro do Lille.

-> Instagram, Facebook e Twitter: siga os Bleus nas principais redes sociais!

O equilíbrio persistia, com os verdes criando perigo nas bolas paradas e aéreas (inclusive Evra abusou da sorte, segurando o adversário acintosamente numa cobrança), dando trabalho a Lloris, e os brancos explorando bem a chegada perto da área com passes rápidos. Aos 39, Debuchy se apresentou para chutar dentro da área, mas o arremate saiu à direita do gol de um vencido Enyeama.

Nada de modificações no intervalo, apesar de Giroud ter merecido sair para a entrada de Griezmann. Tanto que Deschamps ouviu nosso clamor e fez essa substituição aos 16 minutos da etapa complementar. Com 24, a grande chance bleu: Benzema tabelou com seu novo colega de ataque, passou pelo arqueiro mas o chute saiu fraco e Moses salvou em cima da linha!

-> Curioso pra saber como é um treino francês nesta Copa? Veja este relato e muitas fotos do treino da última sexta!

Aos 31, novo grito de quaaase: após cobrança de escanteio, Benzema chutou cruzado, bateu Enyeama só que Ambrose afastou. Na sobra, Cabaye carimbou a trave! (é a segunda vez que fez isso, depois daquele rebote de pênalti contra a Suíça…). O terceiro “uuuh” veio com 33 minutos, em defesaça do goleiro do Lille na cabeçada de Benzema, só que um minuto depois tivemos a redenção!

Valbuena cobrou escanteio, Enyeama (finalmente) saiu mal e direcionou a bola na cabeça de Pogba, que não falhou e balançou a rede!! Recompensa para quem criou mais oportunidades de gol, e seguiu criando mesmo depois de abrir o placar. Tanto que, aos 46, Valbuena cruzou rasteira para Griezmann, Yobo tentou atrapalhar a conclusão e acabou desviando contra o patrimônio, fim de papo e vamos para as quartas nessa próxima sexta-feira, dia 4, às 13h, no Rio de Janeiro!

Vem, Brazuca, vem que eu te espero no primeiro gol francês no Mané Garrincha! (Reuters)

Vem, Brazuca, vem que eu te espero no primeiro gol francês no Mané Garrincha! (Reuters)

Ficha técnica francesa: Lloris (capitão); Debuchy, Varane, Koscielny e Evra; Cabaye, Matuidi, Pogba e Valbuena (Sissoko); Giroud (Griezmann) e Benzema. Técnico: Didier Deschamps

No twitter @obrunopessa , com a hashtag #leblogdufoot, tem mais informações e comentários meus sobre a França e a Copa ;)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

domingo, 29 de junho de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 14:34

Por dentro de um treino da França em Ribeirão Preto

Compartilhe: Twitter

Eu gostaria de poder estar acompanhando a seleção francesa em sua base nesta Copa 2014, afinal a cidade do interior de São Paulo escolhida pela Federação Francesa de Futebol é onde meus pais têm residência, fora alguns grandes amigos. Mas meus compromissos e responsabilidades atualmente estão em São Paulo capital, então vamos seguindo as notícias que vêm de lá.

Meu amigão Alex Rezende foi sorteado para assistir ao treino francês ao vivo, no estádio Santa Cruz, antes de ontem, sexta. Nos treinos abertos, a Prefeitura de Ribeirão distribui ingressos a quem demonstra interesse e se cadastra em seu site. Ele tinha se candidatado para ver o primeiro treinamento aberto na cidade, dia 10, não conseguiu e já nem esperava conseguir ir a outro, até que foi contemplado com uma grata surpresa.

Sendo assim, pedi que ele me contasse como foi e me enviasse fotos da sessão, para compartilhar aqui, então seguem:

“O treino de ontem foi algo bastante diferente pra mim. Nunca tinha ido num treino antes. Bem interessante, viu? Teve aquecimento, corrida, treino de tabelas e jogo com campo reduzido. Infelizmente não consegui me aproximar da comissão francesa. Os espectadores ficaram na parte do sol (e tava calor pra caramba, era perto do meio-dia), enquanto a mídia ficou na cadeira cativa. Quando o treino terminou, eles foram atender o pessoal do lado da mídia, sendo que boa parte destas pessoas conseguiram pegar camisas e outros acessórios do jogadores. Mesmo assim, os jogadores foram muito simpáticos com o público e atenderam alguns chamados da galera, principalmente o Benzema é claro, rs. Mas o mais engraçado ficou com o o garoto que pulou o fosso e entrou no campo. Este vc deve ter ficado sabendo, né? Tá até no YouTube, hahaha. Eu estava atrás deste garoto quando ele pulou. Que moleque louco! Mas foi engraçado!”

A invasão do menino que virou o momento pastelão da atividade foi relatada neste link pelo repórter Cléber Akamine, meu conhecido também, que durante a estada francesa virou setorista bleu em RP!

Algumas imagens que ele fez da arquibancada, clique nelas para ampliá-las:

 

Ontem os Bleus seguiram para Brasília, onde amanhã enfrentam a Nigéria pelas oitavas de finais, às 13h. Antes da viagem, o zagueiro Sakho treinou em separado, com uma proteção na coxa, o que nos faz concluir que talvez não possa jogar. Para ver as últimas notícias da seleção, acesse a página da França no iG Esporte clicando aqui.

No twitter @obrunopessa , com a hashtag #leblogdufoot, tem mais informações e comentários meus sobre a França e a Copa ;)

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 25 de junho de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 20:02

França e Equador ficam no zero: classificação em primeiro!

Compartilhe: Twitter
Terceira combinação de uniforme diferente da França: hoje toda de branco, contra Suíça de branco-azul-branco, e contra Honduras de azul-azul e vermelho, de cima para baixo (Le Monde)

Terceira combinação de uniforme diferente da França: hoje toda de branco, contra Suíça de branco-azul-branco, e contra Honduras de azul-azul-vermelho, de cima para baixo (Le Monde)

Não deu para repetir a façanha da Copa de 1998, com 100% de aproveitamento na fase de grupos, mas a invencibilidade foi mantida hoje no Rio de Janeiro e, o que é mais importante, o posto de líder do Grupo E para o próximo desafio nesta Copa 2014. Pelas oitavas de finais, o adversário a ser batido é a Nigéria, segunda colocada do Grupo F, na segunda-feira, dia 30, às 13h, em Brasília. À Suíça, que se classificou atrás dos Bleus, cabe a tarefa inglória de encarar a Argentina, na terça-feira, 13h, em São Paulo.

-> Principal jogador francês na Copa, Karim Benzema não canta o hino nacional em protesto contra a xenofobia

Benzema, que havia marcado 9 vezes nas últimas 8 partidas pela França, passou em branco pela primeira vez no torneio, mantendo-se com 24 gols com a camisa francesa – é o 9º maior artilheiro bleu, dois gols atrás de Wiltord, que atuou de 1999 a 2006 e foi vice-campeão mundial na última Copa disputada na Alemanha. O duelo do 10 gaulês contra Enner Valencia, goleador equatoriano, prometia ser bom, porém não estavam calibrados nesta quarta-feira – tanto que o melhor em campo, segundo o Man of The Match, foi o arqueiro Domínguez…

O jogo
Com Cabaye suspenso e a classificação 99% assegurada antes do apito inicial, Deschamps optou por poupar alguns titulares, como Debuchy, Varane, Evra e Valbuena. O primeiro tempo foi mais pegado do que bem jogado, com poucas chances claras de gols, algumas trombadas e até uma cotovelada de Sakho, que ainda bem que o árbitro não viu…

Os jogadores deixaram o gramado para o intervalo sob vaias dos brasileiros no Maracanã, que teve mais de 73 mil pessoas de público! Os franceses estavam tranquilos, e os equatorianos apreensivos, pois com o empate e a vitória da Suíça por 2 a 0 sobre Honduras, era preciso vencer para seguir no Mundial.

-> Em família: belas esposas e namoradas dos atletas franceses posam para foto no Maraca

O segundo tempo começou muito bom para os Bleus. Logo no primeiro minuto, Sagna apareceu bem, perto da linha de fundo, cruzou rasteira e Griezmann desviou rumo ao gol. Domínguez defendeu no reflexo e a bola tocou a trave! Dois minutos depois, Digne tentou desarmar Antonio Valencia no carrinho, e o meia-atacante sul-americano deixou as travas da chuteira na perna do lateral do PSG: vermelho pra ele!

A partida ganhava em emoção, pois o Equador não esmorecia, mesmo com um a menos, pela necessidade premente do gol, consequentemente dando mais espaço para a França contra-atacar com perigo. Com 15 minutos, Deschamps colocou Varane, para poupar Sakho, com dor na coxa esquerda, e dar ritmo de jogo ao zagueiro do Real Madrid.

-> A ESPN do Brasil deslocou o competente comentarista Leonardo Bertozzi para acompanhar a França na Copa. Para acompanhá-lo, seu Twitter é @lbertozzi

Outro que teve mais uma chance foi Giroud, aos 21, substituindo o motor do time, Matuidi – fez muito bem Didier em dar uma descansada nele! O Equador foi cansando, se arriscando e dando mais posse de bola aos franceses, enquanto a Suíça ampliava pra 3 a 0 sua vitória… Aos 28, Sissoko levantou na medida para Pogba, mas o cabeceio do volante da Juventus saiu torto, que chance desperdiçada!

Cinco minutos depois, a última troca de DD, permitindo a Rémy estrear na Copa com a saída de Griezmann. Valente, o adversário não desistia de atacar e preocupar, ao passo que Les Bleus também não abdicavam do jogo, apesar de errar e se lamentar muito na frente – Pogba era um dos que mereciam o gol. E assim foi até o final, na segunda vez em que as seleções se enfrentaram – na primeira, houve vitória francesa por 2 a 0 em amistoso disputado em 2008.

Que venham os nigerianos! Lembrando que, todas as vezes em que foi além da primeira fase, nossa seleção chegou pelo menos às semifinais (58, 82, 86, 98 e 06)!!

Ficha técnica francesa: Lloris; Sagna, Koscielny, Sakho (Varane), Digne; Pogba, Matuidi (Giroud), Sissoko e Schneiderlin; Griezmann (Rémy) e Benzema. Técnico: Deschamps

No twitter @obrunopessa, com a hashtag #leblogdufoot, tem mais informações e comentários meus sobre a França e a Copa ;)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 24 de junho de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 14:24

Seleção francesa pode ter zaga reserva contra Equador

Compartilhe: Twitter

Alguns jogadores da França não escondem a alegria pela ótima campanha na Copa 2014, postando fotos da viagem e do sol do Rio de Janeiro, onde enfrentam os equatorianos amanhã, às 17h de Brasília, no Maracanã.

-> Ochoa, Aurier, Origi e outros destaques desta Copa jogaram a última temporada no futebol francês. Conheça todos eles neste post

Mas o técnico Didier Deschamps persiste com a tática do mistério em relação aos titulares às vésperas de mais um compromisso pelo Mundial. O volante Cabaye, suspenso pelo segundo cartão amarelo, é ausência certa. A dupla de zaga titular, Sakho (com uma distensão muscular) e Varane (com problema gástrico), esteve no departamento médico nos últimos dias e pode ser substituída por Koscielny e Mangala.

Em outras posições, indefinições também. Pogba e Sissoko disputam vaga no meio, enquanto Giroud e Griezmann brigam para formar dupla de ataque com o artilheiro Benzema.

-> Quer saber o que os jogadores franceses postam nas redes sociais? Veja neste post todos os perfis ativos!

Vitória ou empate no segundo jogo francês contra a seleção sul-americana na história deixa os Bleus (+ 6 gols de saldo) classificados para as oitavas de finais em primeiro lugar do Grupo E. Mesmo uma derrota pode manter esse privilégio, se o Equador (0 de saldo) e a Suíça (-2) não superarem a líder da chave no saldo de gols. Ou seja, só uma tragédia tira a França da liderança e uma hecatombe para privá-la da segunda fase da Copa.

No twitter @obrunopessa, com a hashtag #leblogdufoot, tem mais informações e comentários meus sobre a França e a Copa 😉

Autor: Tags: , ,

segunda-feira, 23 de junho de 2014 Copa do Mundo, Seleção francesa | 12:20

Benzema, 3 gols e 2 Man of The Match na Copa 2014

Compartilhe: Twitter
Karim e o troféu pelo melhor desempenho em França 5 x 2 Suíça, imagem que compartilhou em seu Instagram

Karim e o troféu pelo melhor desempenho em França 5 x 2 Suíça, imagem que compartilhou em seu Instagram

Além de três gols oficiais + um não contabilizado no final do jogo contra os suíços e + um festejado mas creditado ao goleiro de Honduras contra, o principal atacante da seleção francesa conquistou dois troféus nas duas primeiras partidas bleus neste Mundial.

-> Quer seguir Benzema e outros franceses nas redes sociais? Veja neste post todos os perfis ativos

Karim Benzema foi eleito, pela Budweiser, o Man of The Match dos dois jogos. A marca cervejeira, patrocinadora oficial da Copa, oferece o prêmio ao melhor jogador de cada partida segundo os votos recebidos via Internet (veja nesse link como e por onde votar).

Contra o Equador, depois de amanhã, ele leva o tri-Man?

– Compartilho mais notícias e comentários da França (e da Copa, e do mundo, e da vida…) no Twitter do que aqui, por questões de disponibilidade, agilidade e adequação. Meu perfil lá é @obrunopessa e a hashtag do blog é #leblogdufoot ;)

Autor: Tags: , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. Última