Publicidade

Arquivo da Categoria Brasileiros na França

quinta-feira, 13 de agosto de 2015 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 13:52

Autor do primeiro gol do campeonato volta à seleção brasileira

Compartilhe: Twitter
Lucas deixa o goleiro Enyeama para trás antes de marcar o gol inaugural da L1

Lucas deixa o goleiro Enyeama para trás antes de marcar o gol inaugural da L1

Lucas começou muito bem o Campeonato Francês 2015/16, marcando o gol da vitória do Paris Saint-Germain sobre o Lille, sexta passada, na abertura da rodada inicial. O meia-atacante já vinha de uma temporada anterior boa, porém não teve chances com Dunga na seleção brasileira que se preparou e disputou a Copa América, em julho.

Hoje o ex-São Paulo foi convocado pelo técnico, assim como os colegas de PSG David Luiz e Marquinhos, zagueiros. Ausência sentida foi a de Thiago Silva, capitão do esquadrão parisiense, que não foi bem no jogo que acabou eliminando o Brasil no Chile. Fabinho, brasileiro do Monaco, esteve na Copa América porém não foi chamado nesta quinta-feira.

A primeira rodada da Ligue 1, no fim de semana passado, foi bem equilibrada, com apenas uma vitória por mais de um gol de diferença. Para ver os resultados, classificação, tabela de jogos, notícias e vídeos com os gols, acesse o site oficial da LFP.

Infelizmente estou sem tempo para postar aqui antes e após cada rodada, e no ritmo dos torneios, contratações e demais novidades, como em outras épocas, por isso peço desculpas. :(

Pelo Twitter, compartilho e publico infos do foot com mais frequência do que aqui: https://twitter.com/obrunopessa

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

terça-feira, 26 de maio de 2015 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 18:52

Os brasileiros mais atuantes na temporada

Compartilhe: Twitter
Vitorino Hilton está no Montpellier desde 2011, depois de ter passado por Bastia, Lens e Olympique de Marseille

Vitorino Hilton está no Montpellier desde 2011, depois de ter passado por Bastia, Lens e Olympique de Marseille

Hilton, zagueiro do Montpellier, e Fabinho, lateral e volante do Monaco, estão entre os brasileiros que mais atuaram tanto no Campeonato Francês como nas 5 principais ligas europeias em 2014/2015, conforme levantamento da Folha de S. Paulo, disponível neste link.

Entre os goleadores da última Ligue 1, nenhum brasuca apareceu no top ten. Carlos Eduardo, do Nice, foi o 13º com 10 gols, sendo que metade deles foram marcados em uma partida só, os 7 a 2 diante do Guingamp. Lucas, meia-atacante do PSG, fez apenas 7, na 41ª colocação geral.

Autor: Tags: , , , , , , ,

terça-feira, 19 de maio de 2015 Brasileiros na França, Extracampo, Francês da 1ª divisão, Francês de divisões menores | 14:58

Lembrados e esquecidos entre os melhores da temporada

Compartilhe: Twitter
Fabinho, um dos melhores brasileiros em ação na França ultimamente

Fabinho, um dos melhores brasileiros em ação na França ultimamente

Mais um ciclo de futebol francês se findando, o 2014/15, e saem as eleições dos destaques da temporada.

Uma das principais é a da UNFP (Union Nationale des Footballeurs Professionnels), o maior sindicato dos futebolistas do país, que premiou, entre os participantes da Ligue 1 e da Ligue 2, os seguintes nomes:

– Melhor Jogador da Ligue 1: Alexandre Lacazette (Lyon);
– Jogador Revelação da L1: Nabil Fekir (Lyon);
– Melhor Goleiro da L1: Steve Mandanda (Marseille);
– Melhor Treinador da L1: Laurent Blanc (PSG);

Seleção do torneio
G: Steve Mandanda (Marseille)
LD: Christophe Jallet (Lyon)
Z: Thiago Silva (PSG)
Z: David Luiz (PSG)
LE: Maxwell (PSG)
V: Marco Verratti (PSG)
M: Javier Pastore (PSG)
M: Dimitri Payet (Marseille)
A: Nabil Fekir (Lyon)
A: Zlatan Ibrahimovic (PSG)
A: Alexandre Lacazette (Lyon)

– Melhor Atacante da Ligue 2: Jonathan Kodjia (Angers);
– Melhor Goleiro da L2: Denis Petric (Troyes);
– Melhor Treinador da L2: Jean-Marc Furlan (Troyes);

Seleção
G: Denis Petric (Troyes)
LD: Jonathan Martins Pereira (Troyes)
Z: Rincon (Troyes)
Z: Ismael Traoré (Brest)
LE: Lionel Carole (Troyes)
V: Cheikh N’Doye (Créteil)
V: Mouhamadou Diaw (Niort)
M: Benjamin Nivet (Troyes)
A: Karl Toko Ekambi (Sochaux)
A: Jonathan Kodjia (Angers)
A: Mickael Le Bihan (Le Havre)

-> Gol Mais Bonito da Ligue1: Julian Palmieri (Bastia) – assista no YouTube;
– Melhor Jogadora do Futebol Feminino: Eugénie Le Sommer (Lyon);
– Melhor árbitro da Ligue1: Ruddy Buquet;
– Troféu de Honra: Eric Abidal;
– Troféu Philippe Seguin da Fundação de Futebol: Karim Benzema (Real Madrid), pelo projeto social Partage 9.

E os alternativos?
A partir dos selecionados das “categorias básicas” (que podem ser questionáveis, como a escolha de Blanc como melhor técnico…), o site do jornal francês L’Equipe publicou seus eleitos em quesitos alternativos, como o mais subestimado (o brasileiro Fabinho, do Monaco), o mais instável (Sagnol, técnico do Bordeaux), o mais bem preparado fisicamente (N’Jie, do Lyon), entre outros. Leia a curiosa matéria neste link 😉

Autor: Tags: , , ,

segunda-feira, 18 de maio de 2015 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 14:51

Paris Saint-Germain confirma tri com vitória em Montpellier

Compartilhe: Twitter
A festa dos jogadores com os torcedores ainda dentro de campo (AP)

A festa dos jogadores com os torcedores ainda dentro de campo (AP)

Coube ao Montpellier, justamente o último campeão francês antes do atual domínio parisiense, o inglório papel de receber o “jogo do título” do PSG nesta temporada.

Pela penúltima rodada da Ligue 1, toda disputada no sábado, os visitantes ganharam por 2 a 1, gols de Matuidi e Lavezzi. Entre os brasileiros do elenco vencedor, Thiago Silva, David Luiz e Maxwell foram titulares, enquanto que Lucas e Marquinhos participaram da partida no segundo tempo.

É o quinto título da L1 do clube da capital, que segue subindo no ranking dos maiores vencedores da liga nacional.

-> Baixe o pôster do campeão no site da revista Placar

O segundo colocado Lyon empatou com o Bordeaux e, oito pontos atrás do Paris, não pode mais alcançá-lo na rodada restante, nesse sábado, dia 23. Em compensação, se garantiu na fase de grupos da próxima Liga dos Campeões, da qual ficou fora nas últimas duas temporadas.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

sexta-feira, 15 de maio de 2015 Brasileiros na França, Extracampo | 14:53

Marquinhos pode emendar aniversário com título

Compartilhe: Twitter

marquin by carol cabrinoO brasileiro com a bela noiva Carol Cabrino, de quem ganhou um post de parabéns no Instagram (foto: https://instagram.com/carolcabrino/)

Ontem o zagueiro brasileiro Marquinhos completou 21 anos, mas espera mais do que parabéns pelo aniversário neste final de semana.

“O título da Ligue 1 certamente será meu melhor presente de aniversário”, disse o beque, que ganhou espaço no Paris Saint-Germain com as frequentes contusões dos compatriotas Thiago Silva e David Luiz, chegando inclusive a figurar em várias convocações pela seleção brasileira, como a para a próxima Copa América.

Vamos ver então neste sábado, após o jogo contra o Montpellier, se a festa vai rolar mesmo!

Autor: Tags: ,

domingo, 10 de maio de 2015 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 18:48

Só uma catástrofe tira o tricampeonato do Paris Saint-Germain

Compartilhe: Twitter
É assim que todos os adversários têm visto o PSG na tabela de classificação, e parece que vai ser assim que acabará...

É assim que todos os adversários têm visto o PSG na tabela de classificação, e parece que vai ser assim que acabará…

Já tava fácil antes de começar a antepenúltima rodada do Campeonato Francês. Ainda mais depois que o PSG ganhou e, principalmente, o Lyon perdeu, agora tá praticamente acabado.

Na sexta, a abertura da 36a rodada da Ligue 1 viu o baile parisiense pra cima do pobre do Guingamp: 6 a 0. Três gols de Cavani e dois de Ibrahimovic, que nos últimos jogos pela liga têm passeado diante das defesas adversárias.

E ontem, o OL colaborou não somando nenhum ponto contra o Caen, fora de casa. Levou de 3 a 0, não conseguindo marcar no gol de Vercoutre, seu ex-goleiro por algumas temporadas.

Faltando apenas duas rodadas pro final do Francesão, restam 6 pontos a disputar por todos. Que é justamente a diferença entre o primeiro e o segundo colocados. O Olympique Lyonnais precisa ganhar do Bordeaux e do Rennes e contar que o Paris perca do Montpellier e do Reims, que o saldo de gols lhe seria favorável no primeiro critério de desempate em pontos. Não vai acontecer, né?

Já a luta pela terceira colocação, que leva pras fases preliminares da próxima Liga dos Campeões da Europa, segue aberta. O Olympique de Marseille derrotou o Monaco, oponente direto, e está a dois pontos do clube do Principado, em quarto, igualado em pontos com o Saint-Etienne, que atropelou o Nice por 5 a 0 hoje.

Em mais uma goleada do fds, o Metz tomou de quatro do Lorient e teve seu rebaixamento confirmado, ao lado do já caído Lens. O último relegado à Ligue 2 não está definido, mas o Evian é o mais ameaçado, podendo cair no próximo finde.

Uma curiosidade: o Bastia bateu o Rennes por 1 a 0 e só não levou o gol no lance deste vídeo porque Peybernes teve muita garra, veja! (dica dada pelo amigo blogueiro Eduardo Madeira)

Por enquanto, todas as partidas da journée 37 tão marcadas pras 16h de Brasília.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 23 de abril de 2015 Brasileiros na França, Torneios europeus | 14:05

Monaco passa em branco de novo e também cai na Champions

Compartilhe: Twitter
O brasileiro Fabinho divide com o francês Evra ontem no estádio Louis II

O brasileiro Fabinho divide com o francês Evra ontem no estádio Louis II

Fazer gols não foi uma característica monegasca nesta Liga dos Campeões da Europa, nem quando mais precisava. Então, o zero a zero ontem no Principado eliminou o último clube francês vivo na competição, classificando a Juventus.

Houve quem protestasse contra a arbitragem, que já tinha prejudicado a ASM na partida da Itália. Sinceramente, mesmo não tendo visto o jogo, prefiro deixar quieto, pois esse time de Leonardo Jardim não merece estar numa semi de UCL, não tendo futebol nem empolgação pra isso.

No final das contas, os quatro grandes favoritos seguiram adiante na busca pela final em Berlim (e Ibrahimovic ficou novamente pelo caminho…). E só nos resta torcer pelos destaques franceses destas potências, como tem sido Raphael Varane, jovem zagueiro do Real Madrid.

O veterano lateral-esquerdo Patrice Evra, hoje na Juve, estava no Monacô na última vez em que a agremiação chegou entre os quatro melhores, em 2004. Agora, tenta o bicampeonato pessoal, pois vencera com o Manchester United em 2008. Seu colega e compatriota Paul Pogba segue em recuperação de contusão, com previsão de retorno entre o primeiro e o segundo jogo das semis. Tomara que consiga ajudar a Vecchia Signora, é um baita jogadorrr! (NETO, Craque).

Autor: Tags: , , , , , , , ,

terça-feira, 21 de abril de 2015 Brasileiros contra a França, Brasileiros na França, Torneios europeus | 23:00

Carrasco Neymar enterra mais um projeto europeu do PSG

Compartilhe: Twitter
Njr sobe livre, leve (como sempre foi) e solto entre Marquinhos e Van der Wiel pra fechar o placar na Catalunha

Njr sobe livre, leve (como sempre foi) e solto entre Marquinhos e Van der Wiel pra fechar o placar na Catalunha

O Paris Saint-Germain tinha quase o que poderia escalar de melhor (exceções feitas aos Thiagos lesionados, Silva e Motta), confiava no retorno de seu principal homem gol, mas nem com Ibrahimovic foi capaz de evitar uma nova derrota e a consequente eliminação (mais uma, assim como na Champions 2012/13) pelo Barcelona na Liga dos Campeões da Europa.

Ainda no primeiro tempo, Neymar fez os dois gols que decretaram o placar no Camp Nou, decidindo as quartas de finais entre o clube catalão e o bicampeão francês. O primeiro após exuberante jogada de Iniesta, que veio fazendo fila desde o campo de defesa e serviu com afeto para o brasileiro driblar Sirigu, e o segundo depois de cruzamento na medida do ~parça~ Daniel Alves, que cabeceou sem chance de defesa para o goleiro italiano.

O atacante ex-Santos marcou 5 vezes no PSG nesta Uefa Champions League, se tornando o maior carrasco do clube em sua história na competição. Que pelo terceiro ano seguido viu o projeto de grandeza continental ruir na caminhada entre os mata-matas. Aliás, hoje, em Barcelona, não teve o que fazer diante da superioridade adversária, como analisaram o blogueiro Marcelo Bechler, com foco no Barça, e o amigo Vinicius Ramos, seguidor do Parri, mesmo dessa vez ninguém cometendo erros individuais graves, como fizera David Luiz na semana passada.

Como eu disse na quarta passada, o que resta para o Paris, que são a Ligue 1 e a Copa da França, não empolgam muito – afinal, cadê a novidade e o gostinho diferente dessas conquistas? Porém, se faturar ambos, se tornará o primeiro francês desde sempre a copar geral, com a tríplice coroa, já que venceu a Copa da Liga Francesa no início deste mês.

Voltando à UCL, ainda temos o Monaco pra torcer contra os prognósticos amanhã diante da Juventus, vamos ver se rola uma disputa intensa pelo menos!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

sábado, 11 de abril de 2015 Brasileiros na França, Copas francesas | 20:53

Paris Saint-Germain goleia Bastia e atinge meta 1 de 4

Compartilhe: Twitter

psgcdl15

O PSG chegou ao Stade de France hoje com uma possibilidade única para um clube francês na temporada, e saiu da final da Copa da Liga Francesa (que novamente foi ignorada pela detentora da transmissão na TV brasileira…) mantendo a expectativa de sucesso total: ganhar os 4 torneios que disputa.

Cumpriu com excelência 25% de seu objetivo, ao aplicar 4 a 0 no Bastia, fragilizado demais pela expulsão que sofreu ainda no primeiro tempo, com poucos minutos de jogo em Saint-Denis. Squillaci de fato obstruiu o caminho de Lavezzi rumo ao gol, fazendo o pênalti, mas o cartão amarelo parecia mais justo, afinal o experiente zagueiro não era o último homem entre o atacante argentino e a baliza. O favoritismo então se converteu em certeza para o lado mais poderoso.

Prejuízo enorme para o azul e branco da Córsega, com um a menos tanto no placar, depois de Ibrahimovic superar Areola, como dentro de campo, com apenas 22 minutos de partida. Com o uniforme vermelho roseado que costuma usar fora de casa, o Paris dominou a maior parte das ações, como se estivesse no Parc des Princes, tanto que no segundo tempo sua torcida cantava “On est chez nous, On est chez nous” (Estamos em casa, Estamos em casa) – e até que estavam mesmo, pois Saint-Denis é vizinha de Paris e fica a mais de 1200 km de Furiani, na ilha córsega…

Ibra fez o segundo arrematando forte e rasteiro, ainda na primeira etapa, e na segunda os ânimos que restavam no Sporting Club Bastia arrefeceram mais, com os dois gols de Cavani, primeiro de cabeça e depois aproveitando enfiada de Zlatan Ibrahimovic. O sueco está a cinco gols de se igualar ao português Pedro Pauleta, maior artilheiro da história do clube da capital, e mesmo com os quatro jogos de suspensão que pegou nesta semana deve superar a marca já nesta reta final de temporada. Glória para os brasileiros Thiago Silva, que levantou a taça, Marquinhos, Maxwell e Lucas (de volta após lesão. David Luiz está machucado), impotência para Brandão, que entrou no segundo tempo depois de meses sem jogar (foi suspenso depois de agredir Thiago Motta, que não reencontrou hoje porque o ítalo-brasileiro está machucado) e não teve chance de fazer nada de concreto para ajudar o 14º colocado da Ligue 1.

Campeão de sua quinta Copa da Liga (a segunda consecutiva), o PSG também devolveu a derrota imposta ao Bastia há 20 anos, na primeira edição da competição. Agora, tem que cuidar de suas três outras responsabilidades em disputa: Liga dos Campeões da Europa (quarta que vem, diante do Barcelona, a mais difícil), Campeonato Francês (próximo sábado e nas 5 rodadas restantes), e Copa da França (decisão contra o Auxerre em 30 de maio). É complicado, porém não falta qualidade ao elenco de Laurent Blanc, em que pesem as ausências forçadas, como será a do suspenso Ibra.

A CdL propicia ao campeão uma vaga na próxima Liga Europa, mas como o PSG deve se classificar para a Liga dos Campeões que vem por estar entre os três primeiros do Francês, essa vaga na UEL provavelmente irá para o 5º colocado na L1. No caso da CdF, mesmo que o PSG vença, o Auxerre, por ser vice, herdará a vaga na Uefa Europa League, se o clube da capital confirmar a posição na Champions League via Campeonato Francês.

-> Saiba mais sobre a partida na matéria do L’Equipe

PSG: Douchez; Aurier, Marquinhos, T. Silva e Maxwell; Verratti, Matuidi e Rabiot (Cabaye, aos 32 do 2º); Lavezzi (Cavani, aos 19 do 2º), Pastore (Lucas, aos 27 do 2º) e Ibrahimovic. Técnico: Laurent Blanc.

Bastia: Areola; Cioni, Squillaci, Modesto e Marange; Cahuzac (cap.), Gillet, Danic (Peybernes, 22 do 1º), Palmieri (Ayité, 23 do 2º) e Boudebouz; Sio (Brandão, aos 36º). T: Ghislain Printant.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 30 de março de 2015 Brasileiros na França, Ex-jogadores, Torneios europeus | 14:55

Nos 90′, PSG eliminou Barça e Juve o Monaco pela Champions

Compartilhe: Twitter
Valdo com a bola contra o Barça em 1995: o meia brasileiro era outro destaque aquele PSG

Valdo com a bola contra o Barça em 1995: o meia brasileiro era outro destaque aquele PSG

Após sorteio no último dia 20, ficou decidido que PSG e Barcelona vão se enfrentar nas quartas de final da Champions League 2014/2015. Em 1995, as equipes duelaram por uma vaga nas semifinais do torneio europeu. Relembre, conforme relato do site da ESPN:

O jogo de ida das quartas de final do duelo foi no Camp Nou, na Espanha. O Barcelona abriu o placar com Igor Korneev, aos 47min, após frango de Bernard Lama. O empate veio com George Weah, aos 54min. O 1 a 1 foi ótimo para os franceses.

No Parc des Princes, na França, o PSG martelou, martelou e martelou… mas só acertava a trave. Até que José Mari Bakero, no início do segundo tempo, abriu o placar para o Barcelona, que, com o 1 a 0, iria à semi. No entanto, o time francês reagiu e, com gols de Raí e Vincent Guérin, virou o jogo e garantiu a vaga na próxima fase da Champions.

*O PSG enfrentou o Milan na semifinal daquela temporada e acabou eliminado ao perder na ida e na volta: 3 a 0 no agregado.

-> Assista aos gols do duelo de 1995 no vídeo deste link

Juventus x Monaco, outro duelo das quartas da atual Liga dos Campeões, também aconteceu nos anos 1990. Em 1998, as equipes duelaram nas semifinais do torneio europeu e o site da ESPN novamente relembra:

O moleque Henry tenta superar marcação da Juve em 1998: prevaleceu o time italiano, que tinha Zidane e Del Piero em ótimas fases

O moleque Henry tenta superar marcação da Juve em 1998: prevaleceu o time italiano, que tinha Zidane e Del Piero em ótimas fases

Alessandro Del Piero infernizou a vida do Monaco na temporada 1997/1998 da Champions League. Isso porque foi o italiano que decidiu a classificação da Juventus para a final da competição daquele ano.

Na vitória da por 4 a 1 da Vecchia Signora no jogo de ida, no Delle Alpi, foram três gols de Del Piero e um de Zidane. Costinha descontou para o Rouge et Blanc.

Com um pé na final, a Juve foi tranquila para o joga da volta e relaxou: derrota por 3 a 2 para os franceses, no Stade Louis II, mas classificação assegurada para a decisão. Philippe Léonard, Thierry Henry e Robert Spehar marcaram os gols do triunfo do Monaco. Nicola Amoruso e Del Piero fizeram para os italianos. Relembre os confrontos!

*Na grande decisão em Amsterdam, na Holanda, a Juventus acabou derrotada pelo Real Madrid por 1 a 0 – Mijatovic marcou o gol dos Merengues.

-> Assista aos gols do duelo de 1995 no vídeo deste link

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. 10
  8. Última