Publicidade

terça-feira, 20 de maio de 2014 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão | 19:04

Recordes do PSG (e o bolão do feice) marcaram Campeonato Francês 2013/2014

Compartilhe: Twitter
A seleção da temporada segundo o site do jornal L'Equipe

A seleção da temporada segundo o site do jornal L’Equipe

A avassaladora campanha que tornou o Paris Saint-Germain o primeiro bicampeão consecutivo desde o Lyon naquela sequência incrível de sete títulos entre 2002 e 2008 foi marcada por recordes.

Líder da 10ª à 38ª rodada, foi o campeão com maior número de vitórias (27) e pontos ganhos (89) da história da Ligue 1. O maior pontuador era o Lyon de 2006, com 84. O quarto título da liga faz o PSG superar os três do Lille e se igualar ao Nice no ranking dos campeões do torneio. Uma equipe não marcava tantos gols em uma temporada (84 gols do time de Laurent Blanc) desde 78/79!, quando o Nantes fez 85.

-> Veja a classificação final da L1 no post que fiz após a última rodada

A supremacia parisiense sobre os outros 19 foi tamanha que seu SALDO DE GOLS (61) só perde para o ATAQUE do vice-campeão Monaco (63). Apenas em termos defensivos alguém lhe fez frente: a defesa do goleiro Sirigu sofreu 23 gols, tendo o Lille, terceiro colocado, levado 26 gols nas 38 rodadas.

Justamente o duelo das melhores defesas que produziu quatro gols teve o melhor público do torneio: 48.960 pessoas para Lille 1 x 3 PSG. As piores defesas foram dos três rebaixados (Ajaccio, Valenciennes e Sochaux), mas o pior ataque foi o do imediatamente acima deles: o Nice, 17º.

-> Leia uma análise da temporada pelo site espanhol Futbol desde Francia

Outras curiosidades (via OptaJean):

– O PSG ganhou, pela segunda vez consecutiva, o título, a melhor defesa e o melhor ataque. Isso não acontecia desde o Lyon em 2003/04 e 04/05.

– O St Étienne não ficava na frente do Lyon em uma Ligue 1 desde 92/93, quando ficaram em 7º e o OL, rival, em 14º

– O Lyon não terminava a temporada fora do TOP4 desde a temporada 97/98, quando ficou em 6º

– O Montpellier somou 18 empates na temporada. Mais do que qualquer time da França, Alemanha, Espanha, Inglaterra e Itália.

– Em 20 anos, somente o Arles-Avignon, em 10/11 conseguiu somar menos vitórias que o Ajaccio. O Arles ganhou 3 jogos, o Ajaccio, 4.

Destaques individuais
A tábua da artilharia, como diriam em Portugal, voltou a ser dominada por Zlatan Ibrahimovic. Em 2012/13, foram 30 gols, com o segundo fazendo 19 (o gabonês Aubameyang, então no Saint-Etienne). Desta vez 26, como ele caiu de rendimento! rs.

Confira abaixo quem o sucedeu nessa lista:

L1 final

Uma relação dos melhores da temporada de prestígio no país é a da L’Equipe, imagem que encabeça essa postagem. Não por coincidência, os três melhores assistentes estão lá: James Rodríguez (Monaco, 12), Ibra e Lucas (ambos PSG, ambos 11 passes a gol).

Eu não poria o meia brasileiro entre os 11 tops, pois ele não foi constante, ao longo dos dois turnos, como outros nomes tais quais Lacazette, do Lyon, e Kalou, do Lille, por exemplo. Até Cabella, do Montpellier, poderia ocupar seu posto, pelo que representou ao limitado elenco do seu clube. Além de Lucas, o brasileiro Alex e o meio brasileiro mezzo italiano Thiago Motta, também do PSG, figuram na seleção.

Bolão da Ligue 1 Brasil no Facebook
O final do campeonato revela os resultados finais do nosso bolão lá na comunidade do feice. Mais de 30 participantes começaram, só que 13 bravos persistentes foram até o fim de modo constante.

Contando apenas os pontos das rodadas da L1, acabei num medíocre 8º lugar. Maaas, adicionando-se os pontos extras, de palpites como artilheiro, classificados para ligas europeias, rebaixados e promovidos da L2, tive a maior ascensão da tabela:

1º Victor Barbosa, 769 Pontos – liderou quase de ponta a ponta, parabéns!
2º Vinícius Ramos, 723
3º Filipe Frossard Papini, 712
4º Eduardo Ramos de Medeiros, 700
5º Bruno Pessa, 679 – apenas bom, mas tá bom!
6º Willian Kressin, 678
7º Eduardo Madeira Júnior, 672
8º Joab Júnior, 672
9º Vitor Emanuel, 637
10º Vitória Capuano, 634
11º Sérgio Ayres, 600
12º Flávio Botelho, 598
13º Oemerson Moreira, 592

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

1 comentário | Comentar

  1. 21 Filipe Frossard Papini 20/05/2014 22:21

    Esqueceu de citar que o ganhador do Bolão será agraciado com uma camisa da França padronizada da maneira que ele escolher, num oferecimento de BrasiLyonnais! hehehehe

    • Bruno Pessa 21/05/2014 12:43

      Verdade! Quando a gente sabe, na rodada 20, que não vai ganhar a competição lá no final da 38, apaga da memória que tem prêmio pro vencedor…rs

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.