Publicidade

terça-feira, 1 de abril de 2014 Franceses no mundo | 14:56

Trezeguet ainda brilhando e Henry quase parando

Compartilhe: Twitter
Henry pelos Red Bulls

Henry pelos Red Bulls

Trezeguet pelo Newell's

Trezeguet pelo Newell’s

Dois dos três maiores artilheiros da história da seleção francesa* vivem momentos distintos. Enquanto que David Trezeguet ainda se destaca, mesmo fora do eixo europeu, Thierry Henry caminha, ao que tudo indica, para os últimos momentos da carreira.

O primeiro, aos 36 anos, tem ajudado o Newell’s Old Boys tanto no Campeonato Argentino quanto na Copa Libertadores da América. Filho de argentinos, Trezeguet retornou ao país onde foi criado e começou no futebol, pelo Platense, antes de defender Monaco, Juventus, Hercules (ESP), Bani Yas (EAU) e River Plate.

Na liga nacional, onde o time está em 9º entre 20 participantes, soma 19 partidas e 7 gols. Na Liberta, em que o próprio David já demonstrou estar bem empolgado, colaborou para a importante vitória fora de casa contra o Nacional, no Uruguai, que colocou a equipe na liderança do Grupo 6, que também conta com o brasileiro Grêmio e o colombiano Nacional de Medellín.

Já o segundo, embora também tenha 36 anos, parece próximo de terminar sua fase no New York Red Bulls, dos Estados Unidos, onde chegou em 2010 após ter defendido Monaco, Juventus, Arsenal (onde se tornou o maior artilheiro de sempre e voltou a jogar por empréstimo em 2012) e Barcelona. A temporada da liga norte-americana está só no início (4 rodadas até aqui), mas a imprensa francesa já especula que o amistoso da equipe com o Arsenal, no dia 26 de julho, pode ser o último da carreira de Henry (por ser contra o clube do qual foi e ainda é ídolo, até que teria cara de despedida mesmo…). No início do ano passado, quando soube publicamente que o clube inglês não o aceitaria por mais um período de empréstimo em função de sua limitação física, ele já havia declarado que “se dava mais dois anos jogando como profissional”.

*Thierry Henry tem 51 gols, seguido por Michel Platini, com 41, e David Trezeguet, com 34.

Autor: Tags: , , , , , ,

1 comentário | Comentar

  1. 21 Filipe Frossard Papini 01/04/2014 22:59

    Com os dois pés amarrados, o Henry é melhor que o Briand. Aceito fácil no Lyon! hehehe 😛

    • Bruno Pessa 02/04/2014 15:37

      Tá ouvindo aí, Aulas?? Valeu novamente por comentar aqui, amigo!

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.