Publicidade

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014 Torneios europeus | 23:28

Ibra comanda “classificação antecipada” do PSG em Leverkusen

Compartilhe: Twitter

Enriquecido em 19/02

E quem mais deveria estar em primeiro plano, que não o sueco? (Photo: AP)

E quem mais deveria estar em primeiro plano, que não o sueco? (Photo: AP)

No final das contas na Bay Arena, não é exagero dizer que o Paris Saint-Germain foi passear na Alemanha. Volta pra França com um categórico 4 a 0, selando em 99% seu passaporte para as quartas de finais da Liga dos Campeões da Europa.

Para o jogo de ida contra o Bayer Leverkusen, Laurent Blanc mandou a campo Sirigu, van der Wiel, Thiago Silva, Alex e Maxwell; Thiago Motta, Matuidi, Verratti e Lucas; Lavezzi e Ibrahimovic. E com poucos minutos (mais precisamente 3) seu time praticamente inverteu a condição de visitante, dando as cartas desde que o versátil volante Matuidi foi ao ataque pela direita, trocou passes com Ibra e Verratti e apareceu na cara do goleiro Leno, colocando no canto como se fosse um habitué da grande área: 1 a 0.

Logo depois Ibrahimovic desperdiçou uma boa chance, dentro da área, mas o gol não fugiu do sueco quando Spahic se enroscou com Lavezzi dentro da área, após cruzamento de Maxwell, e foi marcado o penal. Sem tomar distância, Zlatan fez o básico, chutando firme e bem no canto: 2 a 0, aos 39 minutos.

Antes do intervalo ainda, a marca do craque matador: bola rolada pra trás próxima à grande área, rasteira, e Ibrahimovic mandou o petardo cruzado, alto, lá na junção da rede, no fundo do gol literalmente: 3 a 0 aos 42 (Zlatan passou Cristiano Ronaldo na artilharia da UCL, 10 gols em 7 jogos). A segunda etapa viu o Paris mais moroso, só que o Bayer colaborou com a expulsão do imprudente Spahic (que já apareceu por aqui quando defendeu o Montpellier, em 2009 e 2010), depois de atingir Lucas, aos 15 minutos.

E o placar se fechou aos 43, quando Lucas tocou com açúcar para Cabaye, vindo do banco, bater de chapa fora do alcance de Leno, marcando seu primeiro gol pelo PSG e colaborando para que o Leverkusen contine sendo “Neverkusen”, como o amigo Mario Monteiro, do Blog do Alemão, volta e meia profere diante dos sucessivos fracassos do clube.

Paciência agora porque a partida de volta só acontece dia 12 de março, e dará tranquilamente para Blanc poupar alguns atletas e fazer testes, visando a sequência da Champions e a disputa pelo bicampeonato da Ligue 1.

Assista aos melhores momentos da goleada segundo o site da ESPN

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.