Publicidade

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014 Copas francesas | 13:39

Copa da França viu Montpellier desbancar PSG, a dor de Falcao e a ironia com Giuly

Compartilhe: Twitter
Radamel deixando o gramado do Gerland e, ao que tudo indica, o projeto Copa 2014 (AFP/Telegraph)

Radamel deixando o gramado do Gerland e, ao que tudo indica, o projeto Copa 2014 (AFP/Telegraph)

Mais agitada que o normal essa rodada de Coupe de France, tirando-a do secundarismo que tradicionalmente marca as copas francesas em relação à Ligue 1.

Inicialmente, por PSG 1 x 2 Montpellier, quem diria. Se bem que o Paris vem decepcionando em torneios eliminatórios desde a temporada passada, embora sobre nos pontos corridos há mais de um ano. Congré abriu o placar, Cavani empatou pouco depois, só que o colombiano Montano deu números finais ao marcador na segunda etapa. Blanc deixou titulares no banco, colocou alguns durante o jogo, como Ibrahimovic, mas não teve jeito!, e o campeão francês de 2012 bateu o de 2013.

Mont d’or Azergues (ou MDA Chasselay, 4a divisão) x Monaco teve dois personagens. O primeiro, curioso. Ludovic Giuly, veterano atacante de 37 anos, que começou justamente no MDA, rodou por potências europeias, teve um grande momento justamente no Monaco (vice-campeão europeu em 2003/2004), e agora, de volta ao time de Chasselay, se viu em lado oposto ao clube do Principado.

O jogo foi no Gerland, estádio do Lyon, próximo a Chasselay, onde o campo do MDA leva o nome de … Ludovic Giuly! Foi o jogador que marcou o gol da classificação da equipe da divisão CFA para essa fase de 1/16 avos, pela primeira vez na sua história. Porém, na hora do vamos ver, ele nao pode evitar a derrota por 3 a 0.

O segundo protagonismo foi dramático. Radamel Falcao Garcia abriu o placar, porém teve de deixar o jogo na maca, e seu substituto Rivière fez os outros dois gols monegascos. O lance da contusão foi uma travada do zagueiro Soner Ertek quando o colombiano vinha com a bola dominada, dentro da área. O camisa 9 rompeu o ligamento anterior cruzado do joelho esquerdo e, segundo o médico que o examinou, precisará de 6 meses de recuperação, ficando de fora da Copa do Mundo.

Até os adversários ficaram abalados com a gravidade da lesão. Ertek, que é professor de geografia e jogador do MDA nas horas vagas (assim é o amadorismo das divisões menores, em qualquer continente…), era só desânimo: “Estou decepcionado. Odiarei a minha vida se a temporada de Falcao terminar”, declarou após a partida. :(

DEMAIS PARTIDAS

Olympique de Marselha 4 x 5 Nice foi um jogaço, como o placar já indica (fazia mais de 34 anos que o OM não levava cinco caçapas no seu Vélodrome!). Feitaço da Tia Nice, que vai ter outra pedreira na fase de oitavas de finais – veja confrontos na imagem abaixo.

O Iris Club de Croix recebeu o (veja simpático post sobre o pequenino da 5a divisão no blog Futebol Europeu Online) Lille, em dérbi inédito no norte francês, mas não conseguiu bancar o Davi contra o Golias: 3 a 0 pro LOSC em sua antiga casa.

O Guingamp penou para bater o modesto Concarneau, da 5a divisao, por 3 a 2. Mas dou um desconto ao EAG, que jogou todas as suas 17 últimas partidas pela Coupe fora de casa.

Nada de surpresa nas bandas lionesas, com o Lyon despachando o Yzeure (a primeira surpresa do torneio) por 3 a 1, embora tenha saído atrás do marcador aos 30 minutos do segundo tempo.

Vexame, entretanto, pros lados girondinos, com o Bordeaux sendo eliminado, nos pênaltis, por um oponente da quinta divisão, o FAIRM (Football Île Rousse Monticello)

Confira os confrontos da próxima etapa da CdF (sorteio realizado antes do Cannes bater o Plabennec por 1 a 0), inicialmente agendada para 11 de fevereiro:

cdf

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.