Publicidade

terça-feira, 12 de abril de 2011 Extracampo, Franceses no mundo, Torneios europeus | 18:35

Domenech sorri e cumprimenta brasileiro. Já o Anelka…

Compartilhe: Twitter
Raymond Domenech com Leonardo Vitorino no Catar (Divulgação/ASE)

Raymond Domenech com Leonardo Vitorino no Catar (Divulgação/ASE)

anelka_substituicao_afp

Nicolas Anelka deixa o gramado do Old Trafford ao ser substituído no início do 2º tempo (AFP)

Dias atrás, Raymond Domenech (que brigou com Nicolas Anelka na fatídica Copa 2010) ministrou palestra voltada aos treinadores do Al Gharafa (para onde Juninho Pernambucano foi depois do Lyon) na sede do clube, em Doha, capital do Catar. O técnico francês falou sobre a experiência com as seleções sub 21 e principal dos Bleus e conheceu de perto o trabalho de formação de atletas na base do clube catariano, que tem o brasileiro Leonardo Vitorino como um dos treinadores.

Ao contrário do que aconteceu com Carlos Alberto Parreira na despedida francesa do Mundial sul-africano, com derrota para os donos da casa, Domenech sorriu e não recusou estender a mão para Vitorino…

Minutos atrás, Nicolas Anelka (que xingou seu então técnico na África do Sul) entrou em campo como titular do Chelsea contra o Manchester United, ao lado do compatriota Florent Malouda. Mas o atacante não marcou, foi substituído e acabou eliminado nas quartas de finais da Liga dos Campeões da Europa pelo time vermelho, do também compatriota Patrice Evra

Será que Nicolas xingou seu atual treinador Carlo Ancelotti em algum momento do dia de hoje?

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , ,

2 comentários | Comentar

  1. 22 Filipe Frossard Papini 12/04/2011 21:53

    Esse Domenech é um dos seres mais estranhos que já vi. Olha essa foto. Fique vendo ela por 30 segundos e tente não imaginar que ele é um palhaço macabro que vira um assassino sórdido nas noites de sábado… impossível!

  2. 21 Luís Doménich 12/04/2011 20:15

    Eu aidna duvido que o Anelka tenha realmente xingado Domenech, e se xingou, por mais deselegante e errado que seja, foi merecido.
    Sobre Anelka, vi a partida, achei que Anelka e Malouda se destacaram, jogaram muito, problema é que não era dia do Chelsea, até porque o Carlo Ancelotti colocou tudo a perder ao entrar com Torres no lugar de Drogba, com a facilidade que o Chelsea chegava ao gol dos Red Devils no primeiro tempo, e com o desempenho do Drogba no segundo, estou convicto que o resultado poderia ter sido outro.

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.