Publicidade

segunda-feira, 27 de setembro de 2010 Brasileiros na França, Francês da 1ª divisão, Torneios europeus | 17:30

E continua o bololô. Ótimo!

Compartilhe: Twitter

A tabela de classificação do Campeonato Francês segue empolgante, todo mundo coladinho e quatro primeiros que pouca gente esperava que fossem os quatro primeiros: após sete rodadas, Saint Etienne (16 pontos), Rennes (15), Toulouse (14) e Caen (12). Até quando vai o fôlego dessa galera, que torce pros representantes franceses nas ligas europeias (Lyon, Marselha, Auxerre, PSG e Lille) se desgastarem ao máximo em âmbito continental? Confira tabela completa da Ligue 1

O Saint Etienne (ASSE) teve sua força posta à prova no clássico contra o Lyon, fora de casa, e se saiu bem: 1 a 0, gol do artilheiro Dimitri Payet, que mantém a ótima média de um por jogo (7 em 7). Escreve o BrasiLyonnais que o OL chutou quase seis vezes mais a gol que o rival (28 a 5), mas futebol é assim mesmo. Sem competência e sorte para marcar, você perde mesmo sendo aparentemente melhor na maior parte do jogo.

Logo atrás de Payet na tábua de goleadores aparecem Youssef El-Arabi (Caen) e Nenê, com quatro gols. O brasileiro voltou a deixar sua marca, na vitória do Paris Saint-Germain, em ascensão, contra o Lens, mesmo com o apoio da torcida do time nortista, que sempre aparece em ótimo número no Felix-Bollaert (2 a 0).

Nenê e a torcida do PSG, em lua de mel: bela noite em Lens!

Nenê e a torcida do PSG, em lua de mel: bela noite em Lens!

*Uma terça como poucas!*
Amanhã e quarta acontece a segunda rodada da Liga dos Campeões da Europa. Nesta terça, teremos “apenas” Chelsea x Olympique de Marselha e Auxerre x Real Madrid, amigo! Um dia depois, o Lyon vai a Israel para enfrentar o Hapoel Tel-Aviv. Todos às 15h45 de Brasília.

No Stamford Bridge, a ausência do suspenso Didier Drogba, ex-jogador do Olympique, é ótima para o time marselhês. Mas os franceses Nicolas Anelka e Florent Malouda, que têm se mostrado eficientes ofensivamente, estarão do lado oposto à equipe de Didier Deschamps, que fala em atacar mas não esconde que um empate em Londres seria um bom resultado.

Falta de efetividade no ataque, especialmente contra adversários mais fracos, é uma crítica que o Real Madrid tem recebido. Motivo para o Auxerre se animar? Mais ou menos, porque a qualidade do AJA é limitada. Maaas, como não é todo dia que a pequena Auxerre (40 mil habitantes na cidade, 80 mil na região) recebe um Real da vida, motivação não deve faltar aos franceses, que têm todos os motivos para comer grama em busca de uma “não-derrota” no L’Abbé-Deschamps (21 mil lugares).

Logo mais tem mais

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

3 comentários | Comentar

  1. 23 トリーバーチ ブーツ 04/11/2013 6:49

    トリーバーチ 店舗
    トリーバーチ ブーツ
    [url=http://www.yijialimu.com/レディース財布-8yexbbd-5.html/]トリーバーチ ブーツ[/url]

  2. 22 Filipe Frossard Papini 27/09/2010 19:53

    Obrigado pela citação, Pessa.
    Informação de scout do L’Equipe 😉

  3. 21 Eduardo Junior 27/09/2010 17:52

    Ainda sobre o “jogo das siglas” (OL x ASSE), ví somente uma vez o replay da falta que originou o gol do Payet. Tive a nítida impressão de que o Kim Källstron deu um carrinho na bola, mas o cartão foi pro Lovren, por isso não sei se o lance reprisado foi o correto ou se o cartão foi por reclamação

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.