Publicidade

quinta-feira, 17 de junho de 2010 Copa do Mundo, Seleção francesa | 17:30

França 0 x 2 México: azedou!

Compartilhe: Twitter

frança méxico copa 2010

Malouda no lugar de Gourcuff foi a única substituição nos titulares. O jogo começou corrido, agradável de se ver, com as duas seleções chegando à frente.

No primeiro tempo, Gallas e Sagna tiveram muita dificuldade para segurar o lado esquerdo mexicano e Lloris trabalhou bastante.

Antes do apito final, Toulalan fez o que lhe é típico: parou o contra-ataque rival com anti-jogo e foi advertido com o amarelo – como também tinha levado contra o Uruguai, é desfalque contra a África do Sul.

A França voltou para o intervalo com Gignac no lugar de Anelka – nada de Henry, de gorro e cobertor no banco de reservas, mas pelo menos Domenech pôs sangue novo no jogo. Mas nada de pontaria também, de ambos os lados aliás.

No lance do primeiro gol mexicano, não há o que reclamar da arbitragem, pois Abidal estava na mesma linha de Hernandez, o autor do tento. Valbuena veio para o lugar de Govou, provando que Henry não é tão levado a sério assim pelo teimoso técnico francês. Estaria ele tão fora de forma a ponto de não ser a primeira opção em caso de extrema necessidade? Duvido!

Não era mesmo o dia do Abidal, que foi imprudente e deu um carrinho em Barreira dentro da área, que valorizou e conseguiu o pênalti. Acabou 2 a 0, merecido para o México, que pela primeira vez na história derrota os Bleus!

Agora, é preciso golear a África do Sul, também “desesperada” – para quem não teve a capacidade de balançar as redes em duas partidas, não dá para acreditar que será fácil – , e torcer para Uruguai x México não acabar em empate ou, se a França não golear, vitória magra de um dos dois lados. Espero pelo menos que os franceses não repitam o vexame de 2002, quando deixaram a Copa sem marcar um único golzinho sequer.

O engraçado é como a França desperta a rejeição dos brasileiros, muito provavelmente pelo que vimos em 1986, 1998 e 2006: o contador de torcedores do Placar iG para o jogo registrou 110 a favor dos mexicanos, contra 27 pró-Bleus (mais de quatro vezes mais!)

>> Leia o relato completo de França 0 x 2 México

>> Veja galeria de fotos da partida em Polokwane

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , ,

5 comentários | Comentar

  1. 25 Filipe Frossard Papini 17/06/2010 21:30

    Alguém esperava algo diferente?

  2. 24 Eduardo Junior 17/06/2010 21:11

    Pra França agora um abraço, acabou.

    No primeiro tempo a França não foi tão mal. Ribéry, Anelka e Malouda se movimentavam bem e trocavam de posição constantemente, mas o Domenech fez o favor de tirar o Anelka e botar o pesadão Gignac, matou o time, deixou o Henry no banco, morreu com uma alteração a fazer e viu Abidal errar nos dois gols, no primeiro dando condição pro Hernandez e no segundo fazendo o penalti

  3. 23 José Afonso Camargo Jr 17/06/2010 20:52

    Triste. Esperava mais, estava de camisa e cachecol da França, na torcida. O time é catatônico. Comentei ontem no blog que a segunda rodada trouxe melhores atuações dos grandes, menti. A França jogou pior que contra o Uruguai. Au revoir France.

  4. 22 claudio 100% inglaterra 17/06/2010 20:39

    bom …o q faltou foi atitude da federaçao francesa em mandar o domenec embora desde a copa de 2002 o cara foi um fiasco total em tudo q disputou….e deveria ter feito q nem a inglaterra e apostado em tec de fora ja q tec no pais esta dificil…
    pois um time q tem..

    Llorys, sagna, evra, henry, anelka entre outros…e ainda deixar de fora…
    um vieira, benzema e bem arfa…..
    é falta de competencia somente isso…

  5. 21 Marco 17/06/2010 20:14

    É inaceitável entrar tão defensivamente para jogar com o México. Deu no que deu.
    Agora é torcer para acabar a vergonha logo na próxima terça e respirar aliviado, esperando por Blanc.
    A França (o país) agora, deveria proibir o Domenech até de ir em estádios assistir jogos da seleção.
    Creio que com Blanc dias melhores virão. Na próxima Euro e na Copa no Brasil, os bleus estarão muito fortes, pois tem jogadores para fazer um grande time.
    Abraços

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.